Dinâmica: Sal da Terra




〈 SAL DA TERRA E LUZ DO MUNDO 〉




colher-de-sal-sem-sabor


Vós sois o sal da terra. Se o sal perde o sabor, com que lhe será restituído o sabor? Para nada mais serve senão para ser lançado fora e calcado pelos homens.” (S. Mateus 5, 13″





Objetivo: Promover reflexão sobre o comportamento do cristão como “sal da terra”.

Material: 03 copos transparentes com água, 02 saquinhos com sal, 01 colher de chá, 01 colher de sopa de sal.




Metodologia: Explique que o sal representa o cristão e o copo com água está representando o mundo.

– Solicite atenção dos participantes para o que você vai realizar.



– Arrume os 03 copos com água sobre uma mesa.
– Coloque:
01 saquinho de sal dentro de 01 copo – não retire a embalagem(situação 01);
01 saquinho de sal ao lado de outro copo( situação 02);
01 colher de sal no último copo e misture( situação 03).
– Pergunte: Qual situação melhor representa a conduta do cristão no mundo?
– Aguarde as respostas. É comum haver votação para as três situações, com maioria para a situação 01. Mas, como você já deve ter percebido, a situação correta é a representada na situação 03.
– Questione:
Para as situações 01 e 02: Como o cristão pode estar influenciado o meio, como sal da terra, se estar isolado do mundo?
Para a situação 03: Está correto o crente está misturado com o mundo? Nós somos deste mundo?
– Após os questionamentos, leia:

“Vois sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora e ser pisado pelos homens”. (S. Mt 5,13)

“Bom é o sal; mas se o sal degenerar, com que se adubará?” (S. Lc 14,34)

“E dizia-lhes: Vós sois de baixo, eu sou de cima; vós deste mundo, eu não sou deste mundo”. (S. Jo 8,23)

“Não ameis o mundo, nem o que no mundo há”.(I Jo 2,1)

Espera-se que, após os questionamentos e a leitura das citações bíblicas, os alunos tenham compreendido que a situação 03 representa a conduta do cristão como sal da terra.



1 – Dinâmicas Equivalente com Sonrisal:


Dinâmica do Sonrisal

“A Fé sem obras é Morta.”

Se misturar na comunidade



experiencia_dinamica_copo_agua_pecado_purificacao Tres_garrafas_2
Pecado_involuntario Sal_da_terra Pipoca_sem_sal



O casal Cristão no Mundo de Hoje – Testemunho.


Casal_cristão_Igreja_mundo_hoje


Por ironia do destino ou não (é o poder de Deus mesmo) me deparo com aquelas recordações do Facebook em que exatamente no dia 30 de setembro de 2013 eu contava como foi trabalhar no Encontro de Casais com Cristo pela primeira vez:

“Ainda estamos anestesiados com as “doses cavalares” que recebemos do Senhor em três dias maravilhosos.

Não há cansaço ou enjoo (estava grávida de três meses) que atrapalhe tamanha benção recebida.

E sinceramente, faria tudo de novo! 

Agora mais do que nunca, temos a obrigação de deixar rastros de Deus por onde passarmos, por isso quero deixar o meu testemunho de como foi essa experiência na minha vida.

Um casal jovem, com pouco tempo de casados dando uma palestra para 20 casais de até 50 anos de união.


O_casal_Cristão_no_mundo_de_hoje

Tema : Palestra

O Casal Cristão no Mundo de Hoje.



Que responsabilidade! que nervosismo! que tremedeira….. a primeira vez a gente nunca esquece!

Pessoas desconhecidas, depositando toda expectativa em nós. Com sede de serem tocados de alguma forma.

Do meu digníssimo marido a maior surpresa. Arrancou gargalhadas de todos na primeira frase dita. Estou encantada (embora tenha o atrapalhado falar mais). Mas ele foi incrível, não parecia em nada o cara tímido que sempre conheci…. Me apaixonei ainda mais por este novo jeito Diego de ser.

Teve tremenda facilidade em interagir com os outros maridos presentes, que faziam perguntas e queriam ouvir mais. Se alegraram ao ouvirem do papai de primeira viagem que o herdeiro (a) está a caminho. E como foi aplaudido!

Estou boquiaberta até agora… meu marido disse tudo isso! Quem diria não? Ficarei nas nuvens o resto da semana…. se bobear para sempre com o gostinho de quero mais.

Os SINCEROS votos de felicidade, agradecimento e bênçãos valem mais do que qualquer moeda deste mundo.

E o principal: Deus fez de nós verdadeiros porta vozes. Tudo que dissemos, com certeza veio do “Cara lá de cima”….ELE ia soprando em nossos ouvidos cada palavra a ser dita, cada brincadeira a ser feita. E em um tom descontraído conseguimos passar a SUA MENSAGEM.



Missão cumprida! 

Com muito orgulho e sem nenhuma vergonha, somos um Casal em Cristo!

Agradeço a Deus, pelo privilegio da oportunidade. Se fomos escolhidos, não foi por acaso, e queremos continuar sempre nesta jornada…..Amém!”

Nossa!

Hoje, 30 de setembro de 2015 aqui estou escrevendo sobre o mesmo assunto novamente. A diferença, é que em 2013 compartilhei esta experiência apenas com os meus amigos da rede social. Hoje, tenho um blog e meu testemunho vai para quase 600 famílias que não conheço pessoalmente.

O que mudou de lá para cá?

Continuamos anestesiados com a mesma emoção de ter trabalhado para o Senhor e em prol de outras famílias mais uma vez.

Fomos convidados a dar a mesma palestra: “O Casal Cristão no Mundo de Hoje”.

Fora isso, ainda tínhamos a missão de convidar outros casais a participarem do encontro.

Que responsabilidade!

Como disse, não posso entrar em detalhes. Afinal, se eu contar tudo não despertaremos a curiosidade de outras famílias para participarem do encontro.

Mas a moral da história se resume em:

“O mundo não lê a Bíblia, eles leem a nossa vida. Se você quiser mostrar a Bíblia para eles, mostre através da sua vida”.

Não somos um casal perfeito e uma coisa posso contar: não sei se vocês perceberam mas há um gap referente ao ano de 2014. Não participamos? Pelo contrário, trabalhamos da mesma forma mas recusamos a palestra.

Explico tal como expliquei para os 23 casais que nos ouviram na tarde deste último domingo:

Não estávamos bem ao ponto de dar uma palestra. Sim! Enfrentávamos a nossa primeira grande crise no relacionamento. Iasmin estava com apenas cinco meses, eu tinha acabado de voltar da licença maternidade, o estresse em “deixar” a minha filha ainda tão pequena me consumia. Trata-se de um momento muito difícil na vida de uma mulher e muitas vezes com motivo ou sem motivo (foram várias tentações na época), acabava descontando a minha fúria em meu companheiro.

Superamos, graças a Deus! O que nos possibilitou dar este relato na palestra deste ano.

O casal cristão é aquele que justamente consegue enfrentar as tentações pregadas pelo mundo lá fora, que ora junto e sabe o poder do perdão. Enquanto houver amor e fé, haverá o perdão. Ensinamos mais uma vez aos casais que nos ouvia, uma forma simples de se perdoarem (risos).



E foi bom a gente ter passado por esta crise no ano passado para conseguirmos dar a mesma palestra com um olhar muito mais maduro desta vez.

Iasmin, trabalha desde quando estava dentro da minha barriga e ficamos felizes com isso. Sentimos que estamos fazendo a nossa parte para que a nossa filha cresça e aprenda aquilo que julgamos certo.

Não estou aqui para falar de religião, estou aqui para falar de fé. Da importância de crermos em algo para dar um norte em nossas vidas.

A recompensa disso?

Não é dinheiro nem nenhum outro tipo de moeda de troca. E sim o simples fato de poder fazer bem ao próximo. Famílias desconhecidas que agora se tornaram nossas amigas depois de três dias de convivência.

Há um pós encontro, e foi de arrepiar ver os seus testemunhos ontem. Dizendo o quanto aprenderam conosco. Maridos e pais de família encantados, afirmando que mudarão suas posturas daqui para frente. Que valorizarão muito mais suas esposas e filhos.

Que seus amigos questionavam onde eles estavam escondidos no último final de semana e eles respondiam que estavam fazendo uma viagem para um outro planeta.

Lagrimas de emoção!

E nos questionaram: a alegria deste grupo é sempre assim?

Respondemos sem sombra de dúvidas: Sempre!

Pois, vivemos em Cristo! Com todos os nossos defeitos e pecados, mas, o simples fato de termos Deus como alicerce de nossas famílias faz com que tenhamos forças de superar qualquer obstáculo.

Valeu a pena?

Ver a Iasmin batendo palma ontem ao final de cada testemunho mesmo sem entender ao certo o que estava acontecendo, nos prova que sim.

Prova que nossa família pelo menos busca o caminho certo.

Não sabemos o dia de amanhã e pode ser sim que alguma hora fraquejamos. Afinal, quantas familiais não se desfazem hoje em dia?

Mas, não quero pensar nisso agora e enquanto tivermos Deus em nossos corações, teremos forças para defender a nossa família.

Encerro com o trecho de uma música que foi cantada no evento de ontem, que por coincidência foi uma das músicas do meu casamento e que mexeu muito comigo:


Celina Borges – Nas Asas do Senhor

“Eu posso ir muito além de onde estou 

Vou nas asas do Senhor 

O Teu amor é o que me conduz

Posso voar e subir sem me cansar

Ir pra frente sem me fatigar

Vou com asas, como águia

Pois confio no Senhor!”


(Nas asas do Senhor – Celina Borges)




Nossa participação no ECC

Há todo um  sigilo que devo manter porém, ao mesmo tempo é uma experiência tão única que me sinto na obrigação de repassar.


Dez bons motivos para se ler a Bíblia Católica.



A_Bíblia_eh_um_tesouro_100_2619


Muitas pessoas não tem o costume de ler a Bíblia, outros tem preguiça mesmo, tem os que preferem ler outras coisas até mesmo com muitas paginas a mais, isto só porque não sabem o que estão perdendo, pois depois que experimentam um pouquinho lamentam o tempo que foi perdido, por isso não perca mais tempo em sua vida, comece a ler a Bíblia agora mesmo, estou passando aqui apenas 10 razões para que você faça isso, porém existem muito mais a encontrar dentro deste tesouro.



1 – Para ter alegria.

Sem a Palavra de Deus, é impossível viver livre da ansiedade e inquietação:

“Vós me ensinareis o caminho da vida, há abundância de alegria junto de vós, e delícias eternas à vossa direita.” (Salmo 15,11).

“Neemias disse-lhes: Ide para as vossas casas, fazei um bom jantar, tomai bebidas doces, e reparti com aqueles que nada têm pronto; porque este dia é um dia de festa consagrado ao nosso Senhor; não haja tristeza, porque a alegria do Senhor será a vossa força. (Neemias 8,10)


2 – Para ter paz.

O Senhor lhe concederá a paz que o mundo não lhe pode dar. Primeiro, porém, você precisa encontra-la na Palavra de Deus:

Grande paz têm aqueles que amam vossa lei: não há para eles nada que os perturbe. (Salmo 118,165).


 3 – Para receber cura & libertação.

Você precisa estudar a Palavra de Deus para descobrir em que áreas necessita de libertação

“Enviou a sua palavra para os curar, para os arrancar da morte.” (Salmo 106,20) 

E Jesus dizia aos judeus que nele creram: Se permanecerdes na minha palavra, sereis meus verdadeiros discípulos; conhecereis a verdade e a verdade vos livrará(João 8,31-32).  


 4 – Para ter sabedoria.

O conhecimento da Palavra de Deus é o ponto de partida para você desenvolver sabedoria

“A lei do Senhor é perfeita, reconforta a alma; a ordem do Senhor é segura, instrui o simples.” (Salmo 18,8)

“Porque meu povo se perde por falta de conhecimento; por teres rejeitado a instrução, excluir-te-ei de meu sacerdócio; já que esqueceste a lei de teu Deus, também eu me esquecerei dos teus filhos.” (Oséias 4,6)


 5 – Para saber aonde você está indo.



Você não tem como prever o futuro nem como saber exatamente para onde está rumando, mas a Palavra de Deus a guiará

“Vossa palavra é um facho que ilumina meus passos, uma luz em meu caminho.” (Salmo 118,105).  

“Eis o que diz o Senhor, teu Redentor, o Santo de Israel: eu sou o Senhor teu Deus, que te dá lições salutares, que te conduz pelo caminho que deves seguir.” (Isaías 58,17)


 6 – Para ter sucesso.

Quando você vive de acordo com os ensinamentos da Bíblia, seus caminhos prosperaram e você é bem-sucedido

“Traze sempre na boca (as palavras) deste livro da lei; medita-o dia e noite, cuidando de fazer tudo o que nele está escrito; assim prosperarás em teus caminhos e serás bem-sucedido.” (Josué 1,8).

“Já sei que o Senhor reservou a vitória para seu ungido, e o ouviu do alto de seu santuário pelo poder de seu braço vencedor.” (Salmo 19,7). 


 7 – Para viver em pureza.

A fim de desfrutar mais da presença de Deus, você precisa viver em santidade e pureza. Para isso, precisa ser purificado por meio da Palavra de Deus

“Como um jovem manterá pura a sua vida? Sendo fiel às vossas palavras.” (Salmo 118,9).

“Lavai-me totalmente de minha falta, e purificai-me de meu pecado. …  Aspergi-me com um ramo de hissope e ficarei puro. Lavai-me e me tornarei mais branco do que a neve. (Salmo 50, 4-9)


 8 – Para obedecer a Deus.

Se você não entender as leis de Deus, não terá como obedecer-Lhe

“Mostrai-me, Senhor, o caminho de vossas leis, para que eu nele permaneça com fidelidade. Ensinai-me a observar a vossa lei e a guardá-la de todo o coração. Conduzi-me pelas sendas de vossas leis, porque nelas estão minhas delícias. Inclinai-me o coração às vossas ordens e não para a avareza. (Salmo 118,33-35).


 9 – Para crescer na fé.

Não é possível crescer na fé sem ler e ouvir a Palavra de Deus

“Logo, a fé provém da pregação e a pregação se exerce em razão da palavra de Cristo.” (Romanos 10,17).

Antes crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. (II Pedro 3,18)


 10 – Para discernir entre o bem e o mal.

Nos tempos de relativismo em que vivemos, precisamos ainda mais da Palavra de Deus para fazer distinção entre o certo e o errado.

“O homem espiritual, ao contrário, julga todas as coisas e não é julgado por ninguém.” (II Coríntios 2,15)

Ora, quem se alimenta de leite não é capaz de compreender uma doutrina profunda, porque é ainda criança. Mas o alimento sólido é para os adultos, para aqueles que a experiência já exercitou na distinção do bem e do mal. (Hebreus 5,13-14)

E temos ainda outras milhares de razões…



Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto” (Isaías 55,6)


“Virão dias – oráculo do Senhor Javé – em que enviarei fome sobre a terra, não uma fome de pão, nem uma sede de água, mas (fome e sede) de ouvir a palavra do Senhor. 12. Andarão errantes de um mar a outro, vaguearão do norte ao oriente; correrão por toda parte buscando a palavra do Senhor, e não a encontrarão. (Amós 8)


ainda+d%25C3%25A1+tempo%2521[1]


“Tu, porém, permanece firme naquilo que aprendeste e creste. Sabes de quem aprendeste.  E desde a infância conheces as Sagradas Escrituras e sabes que elas têm o condão de te proporcionar a sabedoria que conduz à salvação, pela fé em Jesus Cristo.  Toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça.  Por ela, o homem de Deus se torna perfeito, capacitado para toda boa obra.” (II Timóteo, 3, 14-17)


Familia_tesouro


MINHA FAMÍLIA, MEU MAIOR TESOURO.

VALORIZE OS TESOUROS DE SUA FAMÍLIA.


O Vaso Rachado


TEMOS UM TESOURO EM VASOS DE BARRO.

O VASO RACHADO.



Biblia_catolica_on_line mes_biblia[1]
Biblia_chave_carro Quem sou faz a diferença Tende_Misericordia_Senhor

BAIXE O SLAID EM POWER POINT PARA VISUALIZAR OS EFEITOS



 Dinâmica do baú do tesouro escondido.

http://coisinhasdajack-coisinhasdajack.blogspot.com.br/2011_12_23_archive.html?view=classic


As tempestades da vida.



As tempestades da vida, como os milagres, podem apresentar desafios terríveis, bem como oportunidades para crescermos. Mas faz grande diferença o tipo de tempestade em que estamos.

Jesus_acalma_tempestade_2

“O texto é baseado no Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 14, 22-33


 Algumas tempestades, embora enviadas pelo diabo podem provar-nos e convidar-nos a usar a revelação, que já temos. Há milagres esperando para acontecer, como nesta passagem de (S. Marcos 4,35-41).

À tarde daquele dia, disse-lhes: Passemos para o outro lado. Deixando o povo, levaram-no consigo na barca, assim como ele estava. Outras embarcações o escoltavam. Nisto surgiu uma grande tormenta e lançava as ondas dentro da barca, de modo que ela já se enchia de água. Jesus achava-se na popa, dormindo sobre um travesseiro. Eles acordaram-no e disseram-lhe: Mestre, não te importa que pereçamos? E ele, despertando, repreendeu o vento e disse ao mar: Silêncio!

Cala-te! E cessou o vento e seguiu-se grande bonança. Ele disse-lhes: Como sois medrosos! Ainda não tendes fé? Eles ficaram penetrados de grande temor e cochichavam entre si: Quem é este, a quem até o vento e o mar obedecem?

Mas há outros tipos de tempestades que Deus envia para mostrar–nos que estamos indo na direção errada, como esta, que conhecemos: O Senhor porém, fez vir sobre o mar um vento impetuoso, e Levantou no mar uma tempestade  tão grande que a embarcação ameaçava espedaçar-se. Aterrorizados, os marinheiros puseram-se a invocar cada qual o seu deus, e atiraram no mar a carga do navio para aliviarem-no. Entretanto, Jonas tinha descido ao porão do navio e, deitando-se a1i, dormia profundamente. Veio o capitão e o despertou: Dorminhoco! Que estás fazendo aqui? Levanta-te, e invoca o teu Deus, para ver se ele se lembra talvez de nós e nos livra da morte. (Jn1, 4-6).

Vemos nestas passagens, duas tempestades, e diferentes objetivos para cada uma. Uma foi enviada por Deus, a outra pelo diabo. Cada situação envolvia um homem dormindo na embarcação. Uma, pela depressão e como fuga para escapar de sua desagradável realidade, e a outra, porque ele estava vivendo a partir do Reino para a terra, e no Reino não há tempestade.

A pergunta é: qual a tempestade em que você está? E você está lidando com ela do modo como Deus quer que você faça? Você deixou os milagres que já presenciou levá-lo a uma posição de fé adequada para seu desafio de agora?

A tempestade dos discípulos foi enviada pelo diabo, para separá-los da vontade de Deus. Algumas pessoas foram enviadas por Deus, para fazê-lo voltar à Sua vontade. Algumas pessoas enfrentam tempestades porque foram para a esquerda quando Deus foi para direita. Em sua misericórdia, Deus traz uma tempestade para levá-los de volta. Outros enfrentam tempestades porque estão no meio da vontade de Deus. Ele não gosta da tempestade, mas quer treiná-los a usar os instrumentos que já lhes deu para acalmar a tempestade.

A maioria de nós encontra-se numa tempestade e logo conclui que o que tem a fazer é clamar a Deus para intervir e mudar as nossas circunstâncias. Mas este não é o propósito da tempestade; se somente gritamos, estamos abdicando de nosso papel num milagre. Deus nunca permite uma tempestade sem primeiro prover os instrumentos para acalmá-la. Ele quer que usemos esses instrumentos para trazer um resultado miraculoso. Pensem no seu maior conflito ou maior crise do ano passado. Eu lhes garanto que, se bem examinarem, poderão identificar os instrumentos que estarão na barca conosco, mas o inimigo soprará ventos de medo para fazer-nos esquecer onde eles estão.

Muitos veem a tempestade, e rezam o que os discípulos rezaram quando viram Jesus dormindo na barca:Não te importas se estamos perecendo? Jesus levantou-se e respondeu à sua oração. Muitos de nós ficamos contentes quando Deus responde a nossas orações. Podemos até aplaudir os discípulos por fazerem a coisa certa naquelas circunstâncias. Mas Jesus voltou-se para eles e disse: Como, ainda não tendes fé? Um momento, podem eles ter pensado, eu tenho bastante fé para vir falar contigo. E fizeste o que pedi! Eu pensei que eu tinha que pedir e tu tinhas que fazer! Não, não é assim. É de nossa responsabilidade ordenar que aquele obstáculo desapareça. A maior parte do ministério de muitos envolve tentar fazer com que Deus resolva problemas na terra, quando nós é que deveríamos estar ordenando às tempestades que se acalmassem. Deveríamos ver as situações da perspectiva do céu e declarar a palavra do Senhor e observar o céu invadir a terra!

Dom Cipriano Chagas  Data: 11/05/2015

http://www.santateresinhago.com.br/


È_O_Senhor_2

É o Senhor



Link’s para outras Mensagens:


O_barco_de_Jesus_na_tempestade_crise Tocar_o_Senhor jesus_rei_senhor
Sou_tua_ovelha_Senhor Salva_me_Senhor Tende_Misericordia_Senhor

NO MEIO DA CRISE DA IGREJA CATÓLICA.



A crise não é o fim da fé cristã. É a purificação que necessitamos para nos libertarmos de interesses mundanos.

Por José Antonio Pagola*

Instituto Humanitas Unisinos, 08-08-2014.

Leia o texto:


O_barco_de_Jesus_na_tempestade_crise

“O texto é baseado no Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 14, 22-33


Não é difícil ver na barca dos discípulos de Jesus, sacudida pelas ondas e sobrecarregada pelo forte vento contrário, a figura da Igreja atual, ameaçada de fora por todo o tipo de forças adversas e tentada de dentro pelo medo e pela pouca fé. Como ler este relato evangélico a partir da crise em que a Igreja parece hoje naufragar?

Segundo o evangelista, “Jesus aproxima-se da barca caminhando sobre a água”. Os discípulos não são capazes de reconhecê-Lo no meio da tormenta e da escuridão da noite. Parece-lhes um “fantasma”. O medo aterroriza-os. A única realidade é aquela forte tempestade.

Este é o nosso primeiro problema. Estamos vivendo a crise da Igreja contagiando-nos uns aos outros desalento, medo e falta de fé. Não somos capazes de ver que Jesus está se aproximando de nós precisamente a partir desta forte crise. Sentimo-nos mais sós e indefesos do que nunca.

Jesus diz-lhes três palavras: “Ânimo. Sou Eu. Não temais”. Só Jesus lhes pode falar assim. Mas os seus ouvidos só ouvem o estrondo das ondas e a força do vento. Este é também o nosso erro. Se não escutamos o convite de Jesus para colocar Nele a nossa confiança incondicional, a quem acudiremos?

Pedro sente um impulso interior e sustentado da chamada de Jesus, salta da barca e “dirige-se para Jesus andando sobre as águas”. Assim temos de aprender hoje a caminhar para Jesus no meio da crise: apoiando-nos, não no poder, no prestígio e nas seguranças do passado, mas no desejo de encontrar-nos com Jesus no meio da escuridão e das incertezas destes tempos.


Jesus_salva_Pedro_no_mar


Não é fácil. Também nós podemos vacilar e afundar-nos como Pedro. Mas como Ele, podemos experimentar que Jesus estende a Sua mão e nos salva enquanto nos diz: “Homens de pouca fé, por que duvidais?”.

Por que duvidamos tanto? Por que não estamos aprendendo nada de novo da crise? Por que continuamos a procurar falsas seguranças para “sobreviver” dentro das nossas comunidades, sem aprender a caminhar com fé renovada até Jesus no interior mesmo da sociedade secularizada dos nossos dias?

Essa crise não é o fim da fé cristã. É a purificação que necessitamos para nos libertarmos de interesses mundanos, triunfalismos enganadores e deformações que nos vêm afastando de Jesus ao longo dos séculos. Ele está atuando nesta crise. Ele está nos conduzindo para uma Igreja mais evangélica. Reavivemos a nossa confiança em Jesus. Não tenhamos medo.


Sizenando – 19 de julho de 2016


È_O_Senhor_2

É o Senhor



Link’s para outras Mensagens:


Dom_da_Sabedoria Fe_demais_atrapalha Saberes_diferentes
Tocar_o_Senhor Salva_me_Senhor Tende_Misericordia_Senhor

Selados pelo Espírito Santo de Deus.


selo de Deus apocalipse


“Nele também vós, depois de terdes ouvido a palavra da verdade, o Evangelho de vossa salvação no qual tendes crido, fostes SELADOS com o Espírito Santo que fora prometido, 

(Efésios 1,13)


Podemos destacar no versículo acima duas palavras que por si só fazem uma grande diferença.


PROMETIDO


Não seria um grande esforço para perceber que tal palavra se trata de um VERBO e um verbo no tempo “PASSADO”, significando que seja lá do que se trate seria algo que já aconteceu e não algo que ainda DEVERÁ ser esperado no FUTURO.

“O Espírito Santo da Promessa”.

É assim que São Paulo se refere ao Grande Presente que o Pai nos DEU e não ao Presente que ainda está para ser entregue a todo aquele que ama a Deus!

“É como está escrito: Coisas que os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram, nem o coração humano imaginou (Is 64,4), tais são os bens que Deus tem preparado para aqueles que o amam.”

(I Coríntios 2, 9)

O céu e a vida eterna com Deus é o prêmio e objetivo final de nossa caminhada aqui na terra, porém “O Espírito Santo que fora prometido” não é para o futuro como se fosse um prêmio merecido por nossa vitória aqui na terra e sim Ele se trata do “Paráclito”, o nosso advogado e ajudador, ou seja, Ele é o nosso guia, aquele que nos anima e dá força na caminhada, sem Ele certamente seria impossível alcançarmos a Vitória.

Sendo assim, precisamos d’Ele, precisamos tê-Lo em nossas vidas e em nossos corações, para que isso aconteça é necessário primeiro que deixemos de esperar algo que já aconteceu e que deixemos de pensar que aquilo que aconteceu em Pentecostes só aconteceu na vida daquelas pessoas que lá estavam presentes no Cenáculo.


O Selo do Espirito santo


SELADO


“Vós mesmos sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens.

Não há dúvida de que vós sois uma carta de Cristo, redigida por nosso ministério e escrita, não com tinta, mas com o Espírito de Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, em vossos corações.”                              (II Cor. 3,2-3)

Hoje conhecemos diversos meios de comunicação; temos o rádio, a TV, o jornal, revistas e agora mais recentemente apareceram também a internet com seus e_mail’s que se desdobraram em redes sociais e por ultimo apareceu também um tal de “What’s Up” que praticamente roubou a cena, tanto dos meios de comunicação mais robustos e conhecidos que tiveram seu auge na história como até mesmo roubou o diálogo entre as pessoas, pois chegam ao cúmulo de duas pessoas sentadas em uma mesma mesa de bar se comunicarem com a pessoa do seu lado através do famoso aplicativo ao invés de lhe dirigir a palavra verbalmente.

Isso nos leva a pensar o seguinte;

“O que estaria acontecendo com a nossa comunicação hoje?”

Este foi o mesmo questionamento levantado por São Paulo quando escreveu esta carta aos Coríntios. Naquela época o único meio de comunicação conhecido à distância era tão somente uma carta, mas pelo jeito todos sabiam claramente como se deveria conhecer o conteúdo de uma carta que alguém lhe houvesse enviado, sendo assim, Paulo censura aqueles que ainda permanecem com suas cartas lacradas e não abertas revelando o seu conteúdo.

Um detalhe comum numa carta enviada no passado e nas cartas de hoje ainda é o lacre e o selo, antes porém nem toda carta era selada e nem lacrada, somente as mais importantes que traziam mensagens importantes, o selo também não apenas servia de lacre para fechar uma carta como também era a marca daquele que havia lhe enviado, ou seja, um tipo de autenticação e comprovação de originalidade e autoria, hoje estes dois sentidos se perderam completamente já que o selo se tornou apenas uma figurinha na lateral que comprova apenas o pagamento do envio postal, o que antes era marca de autenticidade se tornou apenas prova de pagamento de tarifa e se desvalorizou a tal ponto de agora ser apenas uma chancela realizada numa maquina.

No Caso anterior citado por São Paulo “Selado” se tornaria como a comprovação e a autenticação daquela carta que foi enviada por Deus ao mundo com uma mensagem muito importante que deveria ser conhecida por todos, mas que por um descuido nosso esta carta tão importante ainda continua lacrada e muitas vezes perdida no fundo da gaveta.

“O que estaria acontecendo com a nossa comunicação ?”

No passado a mensagem contida em nosso coração foi comparada à uma “CARTA LACRADA E FECHADA” que equivaleria ao silêncio de um Cristão omisso, mas como bem nos exortou o Apóstolo Paulo, a nossa missão é evangelizar e fazer com que a mensagem Divina seja espalhada e conhecida em toda terra, mas hoje podemos dizer que DEUS também evoluiu e que Ele já não envia apenas uma cartinha ao mundo, mas envia ao mundo muitas mensagens na rede social e principalmente através do What’s Up, se por acaso os seus amigos e companheiros de mesa de bar ainda não conhecem a força e o poder da mensagem do evangelho é porque o INIGUO JUIZ BLOQUEOU O SEU WHAT’S UP.

Nossa! que transtorno causou apenas 24 horas de bloqueio no tal aplicativo aqui no Brasil, mas imagine só a falta que faz para ao mundo e principalmente para aqueles que perdem a Salvação a falta do conhecimento da mensagem de Deus que foi escrita em seu coração para que você transmita aos seus, curta  e compartilhe com todos os seus amigos, irmãos e conhecidos.

Se naquela época de cartas lacradas a mensagem do evangelho fazia tanta falta ao mundo, imagine hoje com todos os meios de comunicação disponíveis totalmente bloqueados por causa do nosso pecado, nosso orgulho e nossa inadimplência?

Os meios de comunicação evoluíram, se multiplicaram e aumentaram seu alcance, mas se o nosso coração permanecer fechado, o mundo jamais conhecerá o verdadeiro AMOR DE DEUS.



ÉFATA  –  ABRA-TE!



     Agora que você conhece  a verdade, sabe quem é o Espírito Santo e que você é esta carta Divina para o mundo, O que você esta esperando para contar esta novidade ao seu próximo ?


   Desejo a todos um feliz DIA de Pentecostes e que Deus multiplique as graças derramadas em cada coração e em cada Família daqueles que permanecem conosco e daqueles que hoje nos visitam pela primeira vez, espero que continuemos juntos nesta caminhada e compartilhar a vida eterna ao lado de Cristo Jesus.


Fruto_Espírito Efusão_no_Espirito_2 Batismo_Espírito
Chamados_Comunicar Sete_dons

Sacramento do Batismo – Palestra e Power Point.



Batismo


Tema preparado para apresentação em curso de Pais e Padrinhos na preparação para a recepção do Sacramento do Batismo.


papafrancisco_batiza_criancas



curso_pais_e_padrinhos_catolico



Pelo Batismo somos libertados do pecado e regenerados como filhos de Deus, tornamo-nos membros de Cristo, e somos incorporados à Igreja e feitos participantes de sua missão […].

Para que a graça batismal possa desenvolver-se, é importante a ajuda dos pais. Este é também o papel do padrinho ou da madrinha, que devem ser cristãos firmes, capazes e prontos a ajudar o novo batizado, criança ou adulto, na sua caminhada na vida cristã. […] A comunidade eclesial inteira tem uma parcela de responsabilidade no desenvolvimento e na conservação da graça recebida no Batismo.

(Catecismo da Igreja Católica, 1213.1246.1255)

O Batismo

Nossos pais nos deram a vida natural do corpo, mas Deus nos dá a alma e nos destina, além disso, a uma vida sobrenatural; nascemos privados dela pelo pecado original, herdado de Adão.

O batismo apaga o pecado original, nos dá a fé e a vida divina, e nos torna filhos de Deus. A Santíssima Trindade toma posse da alma e começa a nos santificar.

Segundo o plano de amor do Senhor, o batismo é necessário para a salvação.

O que é o batismo?

É o sacramento pelo qual nascemos para a vida e nos tornamos filhos de Deus.

Por que o batismo é o primeiro dos sacramentos?

É o primeiro dos sacramentos porque é a porta que dá acesso aos demais sacramentos, e sem ele não se pode receber nenhum outro.

Que efeitos produz o batismo?

Os efeitos que o batismo produz são: perdoa o pecado original, e qualquer outro pecado, com as penas devidas por eles. Nos dá as três divinas pessoas junto com a graça santificante. Infunde a graça santificante, as virtudes sobrenaturais e os dons do Espírito Santo. Imprime na alma o caráter sacramental que nos faz cristãos para sempre e somos incorporados à Igreja.

O Batismo é necessário para a salvação?

Segundo o plano do Senhor o batismo é necessário para a salvação, assim como a própria Igreja, à qual o batismo introduz.

Quem pode batizar?

Ordinariamente podem batizar o bispo, o sacerdote e o Diácono, mas em caso de necessidade qualquer pessoa que tenha intenção de fazer o que a Igreja faz.

Como se batiza?

O batizado se realiza derramando água sobre a cabeça e dizendo: “Eu te Batizo em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”.

O que é o Catecumenato?

É a preparação que devem receber aqueles que serão batizados tendo alcançado o uso da razão.



Seminário de Vida no Espirito Criança_cadeia Batismo Sacramento

Batismo_Espírito http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/frutos-do-espirito.jpg?w=130&h=120


Os Sacramentos de Iniciação Cristã Batismo – Crisma e Eucaristia


O Batismo de Jesus (Post).

O Batismo de Jesus (PPTx)