Dinâmica – Como Permanecer Cheio do Espírito Santo.



“Não sejais imprudentes, mas procurai compreender qual seja a vontade de Deus.  Não vos embriagueis com vinho, que é uma fonte de devassidão, mas ENCHEI-VOS do Espírito.”
Efésios, 5,17-18 – Bíblia Católica Online





Espírito Santo – Dinâmica


Então Jesus SOPROU sobre eles e disse:

“Recebei o Espírito Santo.” (São João 20,22)”


De repente, veio do céu um ruído, como se soprasse um vento impetuoso, e ENCHEU toda a casa onde estavam sentados. Ficaram todos CHEIOS do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem.”
Atos dos Apóstolos, 2,1-5


“Mal acabaram de rezar, tremeu o lugar onde estavam reunidos. E todos ficaram CHEIOS do Espírito Santo e anunciaram com intrepidez a Palavra de Deus.”
Atos dos Apóstolos, 4,31


Objetivo:

“Permanecer Cheio do Espírito Santo.”


Participantes: Numero indefinido.
Tempo Estimado: 15 minutos.
Material:
balão (vermelho)

(utilizamos da cor vermelha por ser a cor litúrgica da Festa de Pentecostes, mas poderá ser usado qualquer cor)

Desenvolvimento:

Para falar do Espírito Santo vamos usar um balão porque na leitura acima Jesus se utilizou de um sopro para simbolizar o recebimento do Espírito Santo pelos Apóstolos.

Para que serve um balão? (brincar, enfeitar os aniversários, jogar etc.)

O balão vazio serve para fazer estas coisas que acabamos de falar?  (não)

O que devemos fazer? (devemos encher o balão)

O cristão nasceu para amar, para servir, perdoar etc. e não para ficar vazio jogado num canto qualquer.

Um balão vazio não serve para nada e assim também um cristão vazio não consegue servir para nada.

O que enche este balão e o faz  ficar pronto para ser usado? (o ar)

E o cristão quem o enche e o faz ficar pronto para amar e servir? (É o Espírito Santo)

O que mais se tem nas lojas e supermercados são balões vazios sem utilidade e assim também no mundo o que mais temos são pessoas vazias e sem objetivo de vida porque estão vazias do Espírito Santo.

Para encher o balão precisamos soprar, mas para ficarmos cheios do Espírito Santo quem sopra é Jesus – (S. João 20,22)

22Depois dessas palavras, soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo.

(neste momento  o catequista deve encher o balão e mandar que os outros encham também)

catequese+038[1]

Nesta versão iremos distribuir balões de cores variadas (ou não) para os participantes, porém previamente iremos furar alguns balões com um furo de agulha, dois ou mais.

Esta informação não deve ser repassada para os participantes que devem encher os balões normalmente todos ao mesmo tempo.

O resultado é lógico: Alguns balões irão se encher normalmente, outros irão se encher mas irão se esvaziar rapidamente ou lentamente de acordo com quantidade de furos e por fim alguns poderão até estourar,  porém isto será um resultado totalmente inesperado para todos e será neste ponto a nossa reflexão.

– O meu balão está se esvaziando alguém poderá dizer.

– Mandar repetir a operação:

– Depois pergunte o resultado?

– O resultado se repetirá e alguém já poderá dizer que seu balão está furado.

– Se não…  Analisar as causas e motivos do esvaziamento… Encontrar a causa…

– Conclusão: Furos no Balão…

– Fazer uma comparação entre as causas do esvaziamento do balão e as causas do esvaziamento do Cristão.

– Quais são as causas que não permitem que o Cristão permaneça cheio do Espírito Santo?

– Pedir sugestões para a platéia…

– Debater sobre as soluções que Deus nos oferece através da Igreja para que possamos reparar esses furos e parar de se esvaziar.



O vento sopra onde quer; ouves-lhe o ruído, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai. Assim acontece com aquele que nasceu do Espírito.” 

(São João 3,8)



Sede cheios do Espírito Santo

“Não vos embriagueis com vinho, que é uma fonte de devassidão, mas enchei-vos do Espírito.”
Efésios, 5,18 – Bíblia Católica Online

A palavra de Deus nos convida a buscamos um crescimento espiritual continuo e um aumento do seu poder sobrenatural em nossas vidas diariamente.

A vida de quem serve à Deus deve ser uma novidade no Espírito Santo (Romanos 12,2).

“Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso espírito, para que possais discernir qual é a vontade de Deus, o que é bom, o que lhe agrada e o que é perfeito.”
Romanos, 12,2 – Bíblia Católica Online

Deus não dorme ou fica estaguinado na sua ação.   É por isso que deve partir de nós, essa busca por recebermos cada vez mais de Deus, algo mais profundo, mais forte, mais presente e perene!

Porém, é necessário frisar que a incredulidade, o pecado e o apego às coisas mundanas acabam por nos esvaziar nos impedindo de permanecer cheios do Espírito Santo.

Estes exemplos acima, são como os furos do balão. Por mais que sejam cheios de ar, logo se esvaziarão por estarem com buracos que deixam o ar escapar e da mesma forma o PECADO nos esvazia da graça de Deus.

O mesmo ocorre conosco. Se há furos (brechas), a unção que Deus derrama para nos renovar e nos encher com mais do Seu Espírito, não permanece muito tempo!

Quando conseguimos a vitória contra o pecado em nossas vidas, ou seja, quando aquilo que recebemos permanece para nosso crescimento, outras coisas também ocorrem conosco.

Criamos mais resistência contra o pecado;

Recebemos poder para operar coisas no sobrenatural;

Recebemos uma palavra de poder que gera mudança de vida nos outros ao nosso redor;

Deus se revela num conhecimento bem mais profundo e amoroso.

Para concluir, quando estamos CHEIOS de Deus, do Seu Santo Espírito, haverá transformação de vidas, tanto a de quem está cheio como de quem está próximo.

É bom lembrarmo-nos do texto de São Lucas 5,36-39, ou seja, para ser cheio com algo novo, com uma novidade de Deus, não podemos ficar presos em que vamos receber algo semelhante que um dia recebemos. É um vinho novo, é uma nova unção, é elevar-se no Reino de Deus. Mais autoridade, novos sonhos, projetos, mais conquistas para nosso Deus.

Nunca esteja satisfeito com o que já recebestes de Deus, fique é claro agradecido, mas sempre busque mais Dele que podes ter certeza, Ele tem prazer em nos encher com mais e mais do seu Santo Espírito, nos preparando para combatermos as obras do mal.

Que cada dia mais estejais cheios da graça de Deus que é o seu Espírito.

Amem!


Luz_do_espirito_santo

A LUZ DO ESPÍRITO SANTO

Sentindo o calor da presença do E. S. e sufocando a chama até que ela se apague. 


Conhecendo os sete dons do Espírito

Dinâmica com letras e montagem de quebra-cabeça.


Semeando a cultura de Pentecostes

Fruto_do_Espirito Oração_ao_espirito_santo
Efusão_no_Espirito_1



 

15.000.000 de acessos em Presentepravoce.



Atingimos 15.000.000 de Acessos.

+ 36.000 curtidas no Facebook em baixa

Mais de 6.000.000 no Slidshare.

1500 Seguidores no Pinterest Em alta

Youtube, Tumblr e Twitter


SIGA NOSSOS CANAIS



                    Neste dia 18/08/2019 atingimos a marca de Quinze Milhões de acessos em nosso Blog do WordPress mais uma vez próximo à data de nosso aniversário pessoal.  Assim consideramos esta marca como um grande presente para todos nós, eu mesmo, nossos amigos e companheiros de caminhada e a todos vocês que nos visitam frequentemente.

É uma marca importante, um numero simbólico, desejamos nesta data fazer um pequeno bolo e reunir alguns amigos em comemoração e desejando a todos muitas alegrias, paz e principalmente que recebam hoje esta grande graça do Espírito Santo que é o melhor presente que o Pai nos doou com seu imenso amor.




A caminhada pode ser longa, mas com a ajuda de todos já percorremos uma boa parte do caminho. 

Vamos em frente, pois nosso objetivo é o céu.

“Nas corridas de um estádio, todos correm, mas bem sabeis que um só recebe o prêmio. Correi, pois, de tal maneira que o consigais.” I Coríntios, 9″

“O Céu é para quem sonha grande, pensa grande, ama grande e tem a coragem de viver pequeno”.

Padre Léo


Relembrando uma frase de nosso saudoso Pe. Leo, inclusive a frase que lhe inspirou o nome de um de seus melhores livros “Buscai as Coisas do Alto”, queremos exatamente mostrar que é este mesmo o nosso caminho e nosso objetivo, afinal, foi este o caminho proposto por Jesus e o caminho que todos nós um dia decidimos seguir. 

Sabemos que o pecado e as distrações deste mundo nos propõe exatamente o oposto e tentam nos dissuadir de nosso propósito, é por isso que muitos companheiros cristãos se perdem na caminhada, traem seus objetivos e afastando-se do caminho se perdem nas trevas e por fim acabam perdendo a própria Salvação.   Todos nós estamos sujeitos a estes mesmos desvios e obstáculos que tentam nos impedir de seguir rumo ao céu, porém também temos diversos meios de nos reencontrarmos e reascender a chama revigorando nossas forças para que possamos vencer este desafio.  Nossa proposta aqui é justamente esta, dar um subsídio a todos aqueles que estão conosco nesta caminhada, tanto num sentido pessoal como no sentido de auxílio àqueles que também juntamente conosco foram chamados a serem “Pescadores de Homens”.   

É verdade sim que corremos nesta corrida como em busca de um prêmio, porem apesar de ser um bom prêmio pessoal, quem ganha este premio não é aquele que chega sozinho no céu e sim aquele que consegue chegar lá com o maior numero de irmãos ao seu lado, neste caso eu corro sim, pretendo chegar e ganhar este premio, mas nunca quis ganha-lo somente para mim, por isso além de meus irmãos, amigos, filhos, pessoas próximas a mim desejo ganhar também irmãos que moram bem longe daqui e estão em lugares onde jamais sonhei, porque sei que lá nos confins da terra, alguém que nem fala a minha língua pode estar precisando de uma mãozinha, de um empurrãozinho para vencer os obstáculos e seguir em frente.   Sei também que como qualquer homem desta terra também posso cair e me perder no caminho e é por isso que conto com cada um de vocês para me empurrarem quando for preciso, para me puxarem quando eu estiver caído e assim sei que não chegarei ao céu sozinho porque todos nós chegaremos juntos com Jesus. 

15.000.000 de views não são nada se comparado aos bilhões de pessoas neste mundo que até hoje no século XXI ainda nem sequer ouviram falar que existe um Deus Criador, Um Cristo Salvador que morreu por nossos pecados foi sepultado e ressurgiu no terceiro dia, tudo isto só para ter uma ideia do quanto ainda temos a trabalhar e a quantidade de irmãos que precisamos reunir para de braços dados chegarmos ao nosso alvo final.

Paz para todos, que Deus nos abençoe.

Sizenando




Que Deus nos abençoe sempre


VEJA A NOSSA APRESENTAÇÃO DO BLOG.


Presente_Apresentação


Comemorações de Aniversário Anteriores:


Bolo_sete_anos_presentepravoce Presentepravoce_bolo_oito_anos_10000000

Outras marcações e Comemorações Anteriores:


250000-lk Primeiro_milhao Presentepravoce_6000000
Presentepravoce_9000000_capa_1 10000000_goodyear

12000000


É um prazer estar com todos vocês!


OS QUE MAIS SE DESTACARAM

NOS ÚLTIMOS 1000.000 de acesos



OS MAIS VISITADOS

ATÉ O DIA DE HOJE



Dados Atualizados em 19/08/2019 – 00:00 hs – 15.006.500



Oração_ao_espirito_santo palestras_para_encontro_de_casais_ecc
O-papagaio_marrom_padre_leo
Wallpapers_maria_mae_de_jesus
sao-miguel-1024x768-300x225[1] Pascoa_vida_nova_em_Cristo Imagens_arvores_de_Natal
Tende_Misericordia_Senhor cartoes-virtuais-lk
Dinâmica Canticos para o advento
apocalypto_film_mel_gibson JESUS é o mesmo
Moldura_sonho_de_valsa_te_amo
Dinamica_do_sonrisal
Pascoa_vida_nova_em_Cristo
O_Sentido_da_Vida Repouso_no_espirito_santo
Jesus é o Mesmo
a_paixao_de_cristo_mel_gibson

Em Todo o Tempo decorrido Os 50 Post’s mais Visitados.


RELAÇÃO DOS POST’S MAIS VISITADOS DESDE SEMPRE
3530 TITULO – DATA  20/08/2019
TOTAL DE VISITAS NO BLOG NESTA DATA

15.006.500

N Página inicial / Arquivos 1.565.681
1 Orações ao Espírito Santo. 707.385
2 Novas Imagens Para Mensagens de Natal. 418.450
3 Temas para palestras de Encontro para Casais. 262.292
4 Frases para mensagens em Lembrancinhas de Encontro para Casais. 248.960
5 Mensagens de Natal. 233.663
6 Padre Leo Conta a estória do Papagaio Marrom. 202.669
7 Molduras para fotos e Cartões com temas Natalinos. 202.614
8 Dinâmica da Pipoca sem Sal. 199.434
9 WALLPAPER’S DE MARIA SANTÍSSIMA, PARA SUA COLEÇÃO. 199.298
10 Oração de São Miguel Arcanjo. 189.668
11 Foto Mensagem da Páscoa. 187.027
12 Imagens para usar em cartões e mensagens de Natal. 183.042
13 ORAÇÃO PEDINDO A MISERICÓRDIA DE DEUS!!! 180.215
14 Cartões de Natal para montagens personalizadas. 178.273
15 Reflexões, Parábolas e Mensagens. 171.479
16 Dinâmica para Meditação. 167.425
17 O Casal Cristão no Mundo de Hoje. 160.303
18 Cantos para o Advento. 159.320
19 Apocalipto, Filme de Mel Gibson Retrata Civilização Maya e Asteca. 132.717
20 Mensagens Cristãs em Power Point. 131.195
21 Wallpapers – Mensagens de Jesus. 131.052
22 A Família Segundo a Bíblia. 130.052
23 Molduras para montagens de Cartões e Fotos. 126.256
24 Dinâmica – O Espírito Santo sopra onde quer. 124.077
25 Jesus Misericordioso. 119.401
26 Dinâmica do Sonrisal. 118.764
27 O Plano de Deus. 116.767
28 Temas relacionados à Família 107.360
29 Oração de Natal. 104.440
30 Imagens de Presépios Natalinos. 97.726
31 Dinâmica – A Oração. 93.879
32 Dia Das Mães. 91.435
33 Feliz Páscoa. 89.422
34 O Sentido da Vida. 86.189
35 O que é Repouso no Espírito ? 84.799
36 Semana Nacional da Família. 83.847
37 Poema a Nossa Senhora Aparecida. 83.376
38 Com Deus não se Brinca. 81.005
39 Esclarecimento sobre a Polêmica ocorrida na Missa de Paulo Goulart. 75.006
40 Harmonia Conjugal. 73.445
41 Terceira Idade, Ser Idoso ou ser apenas um Velho ? 72.672
42 Sentindo a Presença de Deus! 72.351
43 Diálogo Com os Filhos. 71.671
44 Dinâmica e Apresentação em homenagem ao dia dos Pais. 67.084
45 Jesus é o mesmo ontem hoje e sempre, inconfudível e Imutável. 65.801
46 Um Milagre Eucarístico que ficou oculto 12 anos! 63.975
47 Deus Criou uma Mãe Com Coração de Mãe. 62.087
48 PEGADAS NA AREIA. 60.900
49 Vinho, muito vinho, O primeiro Milagre de Jesus foi totalmente dedicado ao Matrimônio. 60.863
50 A Paixão de Cristo, o filme mais polêmico de Mel Gibson. 58.446


Quanto vale um amigo?



Quanto vale a vida de um amigo?



O que é um verdadeiro amigo:

 


Disse um soldado ao seu comandante:
-“O meu amigo não voltou do campo de batalha.

– Meu comandante, solicito autorização para ir lá buscá-lo.”
Respondeu o oficial:
-“Autorização negada!”

– “Não quero que você arrisque a sua vida por um homem que, provavelmente, já está morto!”

O soldado ignorando a proibição retornou ao campo de batalha para encontrar seu amigo.

Uma hora mais tarde voltou mortalmente ferido, carregando o cadáver do seu amigo.

O oficial ficou furioso:
-“Eu não lhe disse que ele estava morto?!”
-“Diga – me, valeu a pena ir até lá para trazer um cadáver?”

E o soldado, moribundo, respondeu:
-“Claro que sim, meu comandante!
Quando o encontrei, ele ainda estava vivo e disse-me:
        

– Eu tinha a certeza que voltarias por mim!”


Autor: desconhecido



“Um amigo é aquele que chega quando todos já se foram.



Jesus_e_seus_melhores_amigos Amigos_como_a_rocha
Amigo Fiel Quem sou faz a diferença Tende_Misericordia_Senhor

BAIXE O SLAID EM POWER POINT PARA VISUALIZAR OS EFEITOS



Um soldado sobrevivente pintou o retrato do herói que o salvou e entregou a seu pai como uma homenagem. Apesar de ser uma simples obra de um pintor amador desconhecido era a obra de maior valor de uma coleção preciosíssima.



O Elefante Amarrado.




Um enorme e forte elefante ficava acorrentado no picadeiro de um circo em uma estaca tão pequena que até uma criança poderia arrancar, no entanto ele não se soltava.  E o pior de tudo é que mesmo sendo ameaçado por terceiros ele mal se movia e jamais tentava arrancar a pequena estaca para fugir.

Para quem ouve esta afirmativa pela primeira vez e imagina a cena no local fica com uma grande interrogação!


.

? 


??? Por que o enorme elefante não arranca a estaca e foge?



Quando eu era mais jovem me lembro que de vez em quando meu Pai viajava para São Paulo para fazer cursos e voltava cheio de estorias novas, isto ele devia ouvir dos expositores dos cursos e dos companheiros de outros estados que também lá se reuniam.  Esta foi uma das estórias que ele nos contava, o problema é que ele fazia um grande mistério e demorava muito a elucidar o final da estória e assim a curiosidade acabava por gravar a moral da história mais profundamente no coração.

Também não irei lhes desvendar o segredo agora, mas vou lhes contar a estoria original na integra.





O Elefante acorrentado.


Uma Parábola De Jorge Bucay Para Refletir


Quando eu era pequeno, adorava circos, e o que mais gostava nos circos eram animais.

Fiquei especialmente impressionado com o elefante que, como aprendi mais tarde, também era o animal preferido de outras crianças.

Durante o espetáculo no picadeiro, o enorme animal ostentava um peso, um tamanho e uma enorme força… mas depois de sua performance até pouco antes de retornar para o fora, o elefante sempre permanecia amarrado no chão com uma corrente aprisionando suas pernas.

No entanto, a estaca era apenas um pequeno pedaço de madeira mal enterrado alguns centímetros no chão. E, embora a corrente fosse grossa e poderosa, me pareceu óbvio que um animal capaz de arrancar uma árvore com a sua força poderia facilmente se libertar da estaca e fugir.

O mistério ainda parece óbvio para mim. O que impede o elefante de fugir então?

Quando eu tinha cinco ou seis anos, ainda confiava na sabedoria dos anciãos. Então perguntei a um professor, a um pai e a um tio sobre o mistério do elefante. Alguns deles me explicaram que o elefante não escapou porque foi treinado.

Então fiz a pergunta óbvia: “Se ele é treinado, por que está acorrentado?

Não me lembro de ter recebido uma resposta coerente!

Com o tempo, esqueci o mistério do elefante e da estaca, e só me lembrei disso quando conheci outras pessoas que também se fizeram essa pergunta uma vez.

Há alguns anos, descobri que, felizmente para mim, alguém foi sensato o suficiente para encontrar a resposta:


O elefante de circo não escapa porque foi amarrado a uma estaca semelhante, desde que era muito pequeno.


Fechei os olhos e imaginei o indefeso elefantinho preso à estaca.

Tenho certeza de que, naquele momento, o pequeno elefante empurrou, puxou e suou tentando se soltar. E, apesar de seus esforços, ele não teve sucesso, porque era muito difícil para ele.

Imaginei que ele adormeceu exausto e no dia seguinte eu tentou novamente, e no dia seguinte, e no outro… Até que, um dia, um dia terrível para a sua história, o animal aceitou sua impotência e seu destino e deixou de tentar se libertar.

Aquele enorme e poderoso elefante que vemos no circo não escapa porque ele acha que não pode.

Tem a memória da impotência que ele sentiu logo após o nascimento. E o pior é que ele nunca questionou seriamente essa memória novamente.

Nunca, ele nunca tentou colocar sua força para o teste novamente…



Somos todos um pouco como o elefante do circo: andamos pelo mundo atados a centenas de estacas que nos privam da liberdade.

Vivemos pensando que “não podemos” fazer muitas coisas, simplesmente porque uma vez, algum tempo atrás, quando éramos pequenos, tentamos e não conseguimos.

Nós então fizemos o mesmo que o elefante, e registramos em nossa memória esta mensagem: Eu não posso, eu não posso e eu nunca poderei.

Nós crescemos carregando essa mensagem que impusemos a nós mesmos e é por isso que nunca tentamos nos libertar da estaca novamente.

Quando sentimos as algemas e sacudimos as correntes, olhamos com desconfiança para a estaca e pensamos: Eu não posso e eu nunca posso.

Jorge Bucay


 Prado Flores exemplifica em seu Livro, “Ide e evangelizai os Batizados” que um passarinho não alçará voo se estiver amarrado pelo pé, mesmo que seja um delgado fio de seda, pois ao perceber que foi acorrentado não irá tentar o impulso de voar.

É assim que os domesticadores de aves de rapina agem, amarram seus falcões e águias em suas luvas de couro para que eles voem só quando estiverem livres, ou quando receberem o comando de voz para voar que claramente neste momento estarão desamarrados e livres.



A intensão desta afirmação é a nossa observação em relação às correntes e amarras que nos prendem nas coisas materiais deste mundo, por mais que o homem diga que é livre, sempre descobrirá que está amarrado em algum vício ou pecado, pois as amarras que nos prendem espiritualmente não são cordas ou correntes enormes visíveis aos olhos e sim delgados fios de seda invisíveis aos olhos que nos oprimem e convencem que jamais seremos capazes de voar ou nos libertar desta estaca de madeira.

Mas hoje podemos identificar a voz do Senhor nos dando a ordem de voar, significando que não existem mais correntes, amarras, âncoras, estacas de madeira, fios de aço ou de seda que nos amarram e prendem, seja materialmente ou espiritualmente já que Jesus morreu por nossos pecados e nos libertou. Creia nesta verdade e não se prenda mais por achar que você é incapaz ou porque não é digno de receber a graça de Deus.

A palavra de Deus afirma que Jesus morreu por todos aqueles que o aceitarem de coração e não apenas por aqueles 12 discípulos que o seguiam e que até obras maiores do que as que Ele fez seriamos capazes de realizar.

O que nos impediria então de realizar estas grandes obras?

O que nos impediria de arrancar esta mísera estaca de madeira e nos libertar?

Você não é uma pessoa qualquer…

Você é filho do Deus todo poderoso…

Você é herdeiro do Pai de todas as graças e poderes… Você está LIVRE, não existem mais amarras inquebráveis, não existem mais muros que nos dividem, não existem mais abismos  que nos separam, porque Cristo é a nossa Paz e a nossa reconciliação.


“Lembrai-vos de que naquele tempo estáveis sem Cristo, sem direito da cidadania em Israel, alheios às alianças, sem esperança da promessa e sem Deus, neste mundo. Agora, porém, graças a Jesus Cristo, vós que antes estáveis longe, vos tornastes presentes, pelo sangue de Cristo. Porque é ele a nossa paz, ele que de dois povos fez um só, destruindo o muro de inimizade que os separava,* abolindo na própria carne a Lei, os preceitos e as prescrições. Desse modo, ele queria fazer em si mesmo dos dois povos uma única humanidade nova pelo restabelecimento da paz,* e reconciliá-los ambos com Deus, reunidos num só corpo pela virtude da cruz, aniquilando nela a inimizade.”  Efésios, 2, 12-16


“A Renovação da Águia”

Uma metáfora que nos ajuda a se libertar de velhos costumes decadentes e receber uma roupagem nova e revigorada.





media 6 – até 27/08/19

 

Cada um deve carregar a sua Cruz.


Para compreendermos melhor este texto vamos acompanhar uma pequena metáfora que conta a estória de um matuto chamado Zé, creio até que você já conhece a figura ou alguém parecido.



A historia do Zé.

O Zé era uma dessas pessoas que vive fugindo das dificuldades. Procurava sempre o caminho mais cômodo. Era mestre em encontrar atalhos. Nem sempre suas soluções eram as melhores.

Mas sempre estavam de acordo com seus próprios interesses. Sofrimento era uma palavra que simplesmente não existia no dicionário do Zé. Tudo o que pudesse provocar algum tipo de desconforto era imediatamente descartado e ficava em segundo plano. Coisas como: solidariedade, amor desinteressado, humildade e perdão… Hummm!!! nem pensar…

Um dia…  Zé morreu inesperadamente.

Apesar de tudo, o Zé não era um homem mal e seguiu o bom caminho, ao morrer, seguiu para o céu e encontrou São Pedro em frente à grande porta celestial com uma imensa cruz de mais ou menos cinco metros de altura.

Saudou o Santo com a intimidade de um velho conhecido, do jeito que costumava fazer com os amigos nos “bares da vida”, quando queria pedir algum favor.

Depois lhe perguntou discretamente:

Qual o caminho mais curto para chegar lá… no céu?

São Pedro respondeu:

– Seja bem vindo, Zé! A entrada é por aqui mesmo. Entre!

O Zé entrou e viu uma longa estrada, bastante estreita, ingrime, cheia de ondulações e pedregosa.

Perguntou imediatamente, como fazia nos velhos tempos:

– Não tem aí… um atalhinho mais fácil… e mais curto?

São Pedro respondeu com ternura e autoridade:

– Não Zé! O Único caminho é esse mesmo!

Todos os que vão para o céu passam por aqui.

E tem mais. Você deverá levar esta cruz até lá.

São apenas cinco quilômetros de caminhada.

O Zé olhou para a cruz e pensou com seus botões: “vou dar um jeitinho”. Agradeceu o Santo e seguiu com sua cruz em direção ao paraíso celestial.   Caminhou um quilometro sem a menor dificuldade. Foi então que viu ali no chão um serrote esquecido.



Olhou ao redor. Não viu ninguém espiando. Não resistiu a tentação e… Cortou um pedacinho da cruz.

Continuou o seu caminho e levou junto o serrote é claro. Andou mais um quilometro e lá se foi menos um metro da Cruz.   Mais um Km de caminhada e outro metro foi subtraído.

Quando faltavam apenas cem metros para chegar ao seu destino só restava um metro de cruz. E lá ia o Zé carregando seu pedaço de cruz sem a menor dificuldade, como fez durante toda a sua vida.

Aconteceu então o inesperado. O Zé deu de cara com um imenso precipício de uns 5 metros de largura, Para chegar ao outro lado, seria necessário atravessá-lo. Como?  O Zé podia ver apenas lá no fundo do precipício um lago de fogo que borbulhava. Faltou lhe coragem. Ele não seria capaz de saltar tão longe assim.

Desanimado, então sentou-se no pedaço de cruz que ainda lhe restava. Lembrou então a oração do Anjo da Guarda que aprendera com sua avó. Começou a rezar.

Seu anjo da guarda lhe apareceu e perguntou:

– Ei, Zé…   O que você esta esperando? A festa no céu esta um maravilha. Você não esta escutando a musica e as danças?

Por que você ainda esta aí sentado?

O Zé respondeu:

– Cheguei até aqui, mais tenho medo de pular este precipício.

O anjo, então, exclamou:

– Ora, Zé, use a ponte!

Que ponte? – perguntou o Zé…

– Aquela que São Pedro lhe deu lá na entrada! Onde está a sua ponte, Zé?

Ele compreendendo o seu grande erro respondeu:

– Eu cortei!



Moral da história


Nada nesta vida é por acaso ! Muitas vezes queremos nos livrar da “cruz”  que nos é dada.  Mas para tudo tem um ‘para quê‘ e um ‘por quê‘… Deus nunca nos manda algo que não possamos suportar… E se formos abreviar estes caminhos, certamente teremos problemas !

Ser cidadão do céu é uma conquista individual com identidade coletiva.


Alguém deixou um comentário em uma postagem anterior questionando o final da estória, no que diz respeito à solução da travessia do abismo dizendo que os outros poderiam ter lhe emprestado a cruz, ou que pudesse ter retornado até a entrada e buscado outra cruz inteira e etc.

Certamente existem diversas opções de solução para nosso candidato ao céu, mas para qualquer outra opção, primeiro é preciso constatar o pecado, “ERRO“, ou o fracasso para se buscar outra chance. “conversão sincera” 

Você pode perceber que a metáfora não termina com um final e sim é interrompida para possibilitar que você crie em sua mente uma opção que solucione o impasse de nosso amigão Zé.  Enquanto estamos a caminho do céu precisamos analisar bem essas opções porque afinal de contas também nós estamos nesta caminhada e não queremos nos atrasar para a grande festa como o irmão do filho pródigo, portanto é preciso ter cuidado com os atalhos e os desvios para que não escorreguemos caindo naquele precipício.




Cada um renuncie a si mesmo, pegue a sua Cruz e siga-me.



PARÁBOLAS E MENSAGENS EM POWER POINT PARA REFLEXÃO



DEUS AMA O PECADOR

MAS ODEIA O PECADO

Não arrancar o joio do meio do Trigo!


O Reino dos Céus é semelhante a um homem que tinha semeado boa semente em seu campo. Na hora, porém, em que os homens repousavam, veio o seu inimigo, semeou joio no meio do trigo e partiu.   O trigo cresceu e deu fruto, mas apareceu também o joio. Os servidores do pai de família vieram e disseram-lhe: ‘Senhor, não semeaste bom trigo em teu campo? Donde vem, pois, o joio?’. Disse-lhes ele: ‘Foi um inimigo que fez isto!’. Replicaram-lhe: ‘Queres que vamos e o arranquemos?’. ‘Não’ – disse ele –; arrancando o joio, arriscais tirar também o trigo. Deixai-os crescer juntos até a colheita. No tempo da colheita, direi aos ceifadores: arrancai primeiro o joio e atai-o em feixes para o queimar. Recolhei depois o trigo no meu celeiro’.”” 
São Mateus, 13 – Bíblia Católica Online

27 de julho de 2019.



O evangelho para a liturgia deste domingo nos leva a meditar sobre a parábola do joio e do trigo. Tanto na sociedade como na comunidade e na vida de todos nós, existe tudo misturado: qualidades boas e incoerências, limites e falhas. Nas nossas comunidades, reúnem-se pessoas que vêm dos vários cantos do Brasil, cada uma com a sua história, com a sua vivência, a sua opinião, os seus anseios, as suas diferenças. Existem pessoas que não sabem conviver com as diferenças. Querem ser juízes dos outros. Acham que só elas estão certas, e os outros errados. A parábola do joio e do trigo ajuda a não cair na tentação de querer excluir da comunidade os que não pensam como nós.

Os empregados que aparecem na parábola representam certos membros da comunidade. O dono da terra representa Deus. Prestemos atenção nas atitudes dos empregados e na reação do dono da terra.

A parábola no Sermão das Parábolas

O capítulo 13 traz o Sermão das Parábolas. Seguindo o texto de Marcos (Mc 4,1-34), Mateus omitiu a parábola da semente que germina sozinha (Mc 4,26-29), ampliou a discussão sobre o porquê das parábolas (Mt 13,10-17) e acrescentou as parábolas do joio e do trigo (Mt 13,24-30), do fermento (Mt 13,33), do tesouro (Mt 13,44), da pérola (Mt 13,45-46) e da rede (Mt 13,47-50). Com as do semeador (Mt 13,4-11) e do grão de mostarda (Mt 13,31-32), são ao todo sete parábolas. Estamos aqui no centro do Evangelho de Mateus. O coração deste centro é a parábola do joio e do trigo. É nela que aparece a recomendação mais importante para as comunidades da época.



Durante séculos, por causa da observância das leis de pureza, os judeus tinham vivido separados das outras nações. Este isolamento marcou a vida deles. Mesmo depois de convertidos, alguns continuavam nesta mesma observância que os separava dos outros. Eles queriam a pureza total. Qualquer sinal de impureza devia ser extirpado em nome de Deus. “Não pode haver tolerância com o pecado”, diziam eles. Mas outros, como Paulo, ensinavam que a Nova Lei de Deus, trazida por Jesus, pedia o contrário. Eles diziam: “Não pode haver tolerância com o pecado, mas deve haver tolerância com o pecador!” A comunidade deve vencer a tentação de querer excluir os que pensam de modo diferente. Este é o pano de fundo da parábola do joio e do trigo.

1. Mt 13,24-26:

A situação: joio e trigo crescem juntos

A palavra de Deus que faz nascer a comunidade é semente boa, mas nas comunidades sempre aparecem coisas que são contrárias à palavra de Deus. De onde vêm? Essa era a discussão.

2. Mt 13,27-28a:

A causa da mistura que existe na vida

Um inimigo fez isso. Quem é este inimigo? O inimigo, o adversário, Satanás ou diabo (Mt 13,39), é aquele que divide, que desvia. A tendência de divisão existe dentro de cada um de nós. O desejo de dominar, de se aproveitar da comunidade para subir e tantos outros desejos interesseiros são divisionistas, são do inimigo que dorme dentro de cada um de nós.

3. Mt 13,28b-30:

A reação diferente diante da ambiguidade

Diante dessa mistura do bem e do mal, alguns queriam arrancar o joio. Pensavam: “Se deixarmos todo o mundo na comunidade, perdemos nossa razão de ser! Perdemos a identidade!” Queriam expulsar os que pensavam de modo diferente. Mas esta não é a decisão do Dono da terra. Ele diz: “Deixa-os crescerem juntos até a colheita!” O que vai decidir não é o que cada um fala e diz, e sim o que cada um vive e faz. É pelo fruto produzido que Deus nos julgará. A força e o dinamismo do Reino se manifestam na comunidade. Mesmo sendo pequena e cheia de contradições, ela é um sinal do Reino. Mas ela não é dona do Reino, nem pode considerar-se justa. A parábola do joio e do trigo explica a maneira como a força do Reino age na história. É preciso ter paciência e aprender a conviver com as contradições e as diferenças, mesmo tendo uma opção clara pela justiça do Reino.


Ensino em parábolas



A parábola é um instrumento pedagógico que usa o quotidiano para mostrar como a vida nos fala de Deus. Torna a realidade transparente e faz o olhar da gente ficar contemplativo. Uma parábola aponta para as coisas da vida e, por isso mesmo, é um ensinamento aberto, pois das coisas da vida todo o mundo tem alguma experiência. O ensinamento por parábolas faz a pessoa partir da experiência que tem: semente, sal, luz, ovelha, flor, passarinho, mulher, criança, pai, rede, peixe, etc. Assim, ele torna a vida quotidiana transparente, reveladora da presença e da ação de Deus. Jesus não costumava explicar as parábolas. Geralmente, terminava com esta frase: “Quem tem ouvidos, ouça!” (Mt 11,15; 13,9.43). Ou seja: “É isso! Vocês ouviram! Agora tratem de entender!” Jesus deixava o sentido da parábola em aberto e não o determinava. Sinal de que acreditava na capacidade do povo de descobrir o sentido da parábola, baseado na sua experiência de vida.

De vez em quando, a pedido dos discípulos, ele explicava o sentido (Mt 13,10.3). Por exemplo, os versículos 36-43 trazem a explicação da parábola do joio e do trigo. Ela mostra como se fazia catequese naquele tempo. As comunidades se reuniam e discutiam as parábolas de Jesus, procurando saber o que ele queria dizer. Assim, pouco a pouco, o ensinamento aberto de Jesus começava a ser afunilado na catequese da comunidade que aceitava apenas uma explicação da parábola. Ela não tinha a mesma confiança de Jesus na capacidade do povo de entender as coisas do Reino.

(Mateus 13,24-30) [Mesters, Lopes e Orofino]

 27 de julho de 2019.


 

PARÁBOLAS E MENSAGENS EM POWER POINT PARA REFLEXÃO

Peso_da_oração_0
Rezar o Terço


DEUS AMA O PECADOR

MAS ODEIA O PECADO

Frases de Padre Fábio de Melo.



20 FRASES DO PADRE FABIO DE MELO



Pura sabedoria e amor!!

Veja:




1. Palavras erradas costumam machucar para o resto da vida, já o silêncio certo pode ser a resposta de muitas perguntas…

2. Eu só posso estar na vida do outro para fazer o bem, para acrescentar, caso contrário, eu sou perfeitamente dispensável.


4. Abra os olhos. Há encantos escondidos por toda parte. Presta atenção. São miúdos, mas constantes.


6. Você é quem decide o que vai ser eterno em você, no seu coração. Deus nos dá o dom de eternizar em nós o que vale a pena, e esquecer definitivamente aquilo que não vale…

7. O que as pessoas pensam a meu respeito, só diz respeito à elas!



8. Só dê ouvidos a quem te ama. Não te preocupes tanto com o que acham de ti. O que te salva não é o que os outros andam achando, mas é o que Deus sabe a teu respeito.

9. Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura.

10. Toda forma de saber nasce de um não saber.



11. Erros nos preparam para a vida…

12. Por que nós estamos tão sequestrados por essa ideia de que a gente só tem que prestar atenção no que perdemos? Quem presta atenção demais naquilo que perdeu, corre o risco de não ver o que está ganhando hoje!

13. Tem dia que põe virgula, tem dia que põe reticências, tem dia que põe ponto final e tem dia que tem a necessidade de virar a página.

14. Não diga as coisas com pressa. Mais vale um silêncio certo que uma palavra errada!

15. Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que lançamos sobre o canteiro que somos. Um dia, tudo o que agora silenciosamente plantamos, ou deixamos plantar em nós,será plantação que poderá ser vista de longe…



16. Você sabe que alguém te ama não pelo que ele fala, mas pelo o que faz. O amor não sobrevive de teorias.

17. Não entendo a tristeza como ausência de felicidade. Acho que elas coexistem. Somos felizes e tristes. Felizes porque tentamos entender a nossa missão. Tristes porque assim tem de ser. A tristeza nos empresta respeito ao outro e percepção mais aguçada da dor. Talvez tristeza seja ausência de alegria, de riso fácil, não de felicidade.

18. A beleza da vida se multiplica cada vez
Que a gente partilha com alguém que a gente ama.
Se você quiser multiplicar a vida
Você precisa dividi-la.

19. Demore na dúvida… E descubra a sabedoria que insiste em se esconder na ausência de palavras.

20. Realidades comuns nos nossos dias, em que as pessoas se tornam incapazes de romper com as forças que as destroem. Perdem o amor próprio, deixam de olhar o que amam; desamparam-se aos poucos até perder o senso de direção.





VIDA


.



Mensagem de Feliz Natal:

♡♡ Que nesse natal a riqueza não seja material. Mas que seja de significado, na alegria de nós termos as pessoas que amamos ao nosso lado e podermos dar a elas não o que a gente tem, mas o que somos. ♡ ♡

Padre Fábio de Melo





Quanto maior a armadura… 
Mais frágil é o ser que a habita…



Quem me julga pelas aparências corre o risco de nunca ver verdadeiramente o meu coração.



O dia que você quiser que o outro seja perfeito, você já esqueceu todas as regras do amor… Porque o amor nasce das imperfeições!



.




O_Perdao_traz_alegria perdoe O_Perdao_eh_a-faxina_da_alma

Link’s para outras mensagens