Qual é o Tamanho de Deus?


O Avião e a distância de Deus



Por Padre Agnaldo José


Deixei o carro no estacionamento do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. Caminhei até o saguão, fiz o check-in e despachei a mala. Meu destino? A cidade de Pesqueira, no agreste pernambucano. Participaria da abertura das festividades da Imaculada Conceição, no convento dos frades franciscanos.

Estava feliz e ansioso por realizar mais uma missão. Olhei no relógio: 9h. O embarque seria às 10h. Então, subi pela escada rolante até o local onde há uma vista panorâmica de pousos e decolagens. Vários aviões estavam na pista. Minha memória me fez voltar no tempo: lembrei-me de uma história que meu avô, Joaquim, contou a mim quando eu era criança.


Um pai e seu filho pequeno caminhavam por uma estrada. Conversavam. Brincavam. Corriam.

Cultivavam laços afetivos.

O filho então lhe fez uma pergunta:

-“Qual é o tamanho de Deus?”.

Depois de uns minutos pensando, o homem olhou para o alto e viu um avião, cortando as nuvens.



-“Você está Vendo aquele avião?”, perguntou. O menino fixou o olhar no céu: “Sim. Está deixando um rastro de fumaça para trás”. “Qual é o tamanho dele?”.

O menino respondeu rápido:

“Bem pequeno. Quase não dá pra gente ver”.

Os dias se passaram e o homem foi levar um amigo seu ao aeroporto. Chamou o menino para ir junto. Ele acompanhou cada passo do seu pai até que chegaram ao local da vista panorâmica da pista e dos aviões. Ali, abraçado ao filho, ele repetiu a mesma pergunta que fizera antes, naquele dia, pelo caminho, apontando para um avião de cor azul estacionado bem em frente a janela:

Qual é o tamanho deste avião?”.

O menino estava entusiasmado e respondeu de imediato:

Enorme…  grande… muito grande mesmo!

Que lindo! Olha as asas! Pareço uma formiguinha perto dele”.

O pai, com carinho acariciou os cabelos do menino: “Sabe, filho, Deus é como este avião. O seu tamanho depende da distância que estamos dele. Este avião é do mesmo tamanho daquele que estava bem alto naquele dia, por isso se estivermos longe dele, ele parecerá muito pequeno para nós, quase não o enxergamos. Mas, se estamos perto dele, será enorme, grande, infinitamente maior que nós dois juntos.

Que você fique sempre perto de Deus, para que ele seja grande na sua vida”.

Que saudades do vô Joaquim, de seu carinho e de suas histórias. Ali, naquele local especial do aeroporto, fiquei pensando em Deus.



Proteção Divina & Proteção & Provação.


Quantas vezes me afastei de sua presença. Não permaneci debaixo de suas asas. Ainda bem que voltei para perto de seu coração e ele me acolheu. Hoje, posso dizer que ele é grande para mim.  Imenso. Infinito amor.

O Catecismo da Igreja Católica ensina que crer em Deus, o Único, e ama-lo com todo o seu ser, tem consequências imensas para toda a vida. Significa conhecer a sua grandeza e majestade. Viver em ação de graças. Usar, corretamente, das coisas criadas. Confiar nele em qualquer circunstância, mesmo na adversidade (CIC 222-227).


São Nicolau, padroeiro da Suíça, ensina a oração para todos os dias:



“Meu Senhor e meu Deus, tirai-me tudo o que me afasta de vós. Meu Senhor e meu Deus, dai-me tudo o que me aproxima de Vós”.


E para você?

Qual é o tamanho do avião que você observa neste momento em sua vida?

Qual a distância que existe entre sua vida e Jesus Cristo?




» Padre Agnaldo José

– Sacerdote, jornalista e mestre em Comunicação.
» Fonte – Revista Ave Maria /Março/2014″



PARÁBOLAS E MENSAGENS EM POWER POINT PARA REFLEXÃO



DEUS AMA O PECADOR

MAS ODEIA O PECADO


Selados pelo Espírito Santo de Deus.


selo de Deus apocalipse


“Nele também vós, depois de terdes ouvido a palavra da verdade, o Evangelho de vossa salvação no qual tendes crido, fostes SELADOS com o Espírito Santo que fora prometido, 

(Efésios 1,13)


Podemos destacar no versículo acima duas palavras que por si só fazem uma grande diferença.


PROMETIDO


Não seria um grande esforço para perceber que tal palavra se trata de um VERBO e um verbo no tempo “PASSADO”, significando que seja lá do que se trate seria algo que já aconteceu e não algo que ainda DEVERÁ ser esperado no FUTURO.

“O Espírito Santo da Promessa”.

É assim que São Paulo se refere ao Grande Presente que o Pai nos DEU e não ao Presente que ainda está para ser entregue a todo aquele que ama a Deus!

“É como está escrito: Coisas que os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram, nem o coração humano imaginou (Is 64,4), tais são os bens que Deus tem preparado para aqueles que o amam.”

(I Coríntios 2, 9)

O céu e a vida eterna com Deus é o prêmio e objetivo final de nossa caminhada aqui na terra, porém “O Espírito Santo que fora prometido” não é para o futuro como se fosse um prêmio merecido por nossa vitória aqui na terra e sim Ele se trata do “Paráclito”, o nosso advogado e ajudador, ou seja, Ele é o nosso guia, aquele que nos anima e dá força na caminhada, sem Ele certamente seria impossível alcançarmos a Vitória.

Sendo assim, precisamos d’Ele, precisamos tê-Lo em nossas vidas e em nossos corações, para que isso aconteça é necessário primeiro que deixemos de esperar algo que já aconteceu e que deixemos de pensar que aquilo que aconteceu em Pentecostes só aconteceu na vida daquelas pessoas que lá estavam presentes no Cenáculo.


O Selo do Espirito santo


SELADO


“Vós mesmos sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens.

Não há dúvida de que vós sois uma carta de Cristo, redigida por nosso ministério e escrita, não com tinta, mas com o Espírito de Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, em vossos corações.”                              (II Cor. 3,2-3)

Hoje conhecemos diversos meios de comunicação; temos o rádio, a TV, o jornal, revistas e agora mais recentemente apareceram também a internet com seus e_mail’s que se desdobraram em redes sociais e por ultimo apareceu também um tal de “What’s Up” que praticamente roubou a cena, tanto dos meios de comunicação mais robustos e conhecidos que tiveram seu auge na história como até mesmo roubou o diálogo entre as pessoas, pois chegam ao cúmulo de duas pessoas sentadas em uma mesma mesa de bar se comunicarem com a pessoa do seu lado através do famoso aplicativo ao invés de lhe dirigir a palavra verbalmente.

Isso nos leva a pensar o seguinte;

“O que estaria acontecendo com a nossa comunicação hoje?”

Este foi o mesmo questionamento levantado por São Paulo quando escreveu esta carta aos Coríntios. Naquela época o único meio de comunicação conhecido à distância era tão somente uma carta, mas pelo jeito todos sabiam claramente como se deveria conhecer o conteúdo de uma carta que alguém lhe houvesse enviado, sendo assim, Paulo censura aqueles que ainda permanecem com suas cartas lacradas e não abertas revelando o seu conteúdo.

Um detalhe comum numa carta enviada no passado e nas cartas de hoje ainda é o lacre e o selo, antes porém nem toda carta era selada e nem lacrada, somente as mais importantes que traziam mensagens importantes, o selo também não apenas servia de lacre para fechar uma carta como também era a marca daquele que havia lhe enviado, ou seja, um tipo de autenticação e comprovação de originalidade e autoria, hoje estes dois sentidos se perderam completamente já que o selo se tornou apenas uma figurinha na lateral que comprova apenas o pagamento do envio postal, o que antes era marca de autenticidade se tornou apenas prova de pagamento de tarifa e se desvalorizou a tal ponto de agora ser apenas uma chancela realizada numa maquina.

No Caso anterior citado por São Paulo “Selado” se tornaria como a comprovação e a autenticação daquela carta que foi enviada por Deus ao mundo com uma mensagem muito importante que deveria ser conhecida por todos, mas que por um descuido nosso esta carta tão importante ainda continua lacrada e muitas vezes perdida no fundo da gaveta.

“O que estaria acontecendo com a nossa comunicação ?”

No passado a mensagem contida em nosso coração foi comparada à uma “CARTA LACRADA E FECHADA” que equivaleria ao silêncio de um Cristão omisso, mas como bem nos exortou o Apóstolo Paulo, a nossa missão é evangelizar e fazer com que a mensagem Divina seja espalhada e conhecida em toda terra, mas hoje podemos dizer que DEUS também evoluiu e que Ele já não envia apenas uma cartinha ao mundo, mas envia ao mundo muitas mensagens na rede social e principalmente através do What’s Up, se por acaso os seus amigos e companheiros de mesa de bar ainda não conhecem a força e o poder da mensagem do evangelho é porque o INIGUO JUIZ BLOQUEOU O SEU WHAT’S UP.

Nossa! que transtorno causou apenas 24 horas de bloqueio no tal aplicativo aqui no Brasil, mas imagine só a falta que faz para ao mundo e principalmente para aqueles que perdem a Salvação a falta do conhecimento da mensagem de Deus que foi escrita em seu coração para que você transmita aos seus, curta  e compartilhe com todos os seus amigos, irmãos e conhecidos.

Se naquela época de cartas lacradas a mensagem do evangelho fazia tanta falta ao mundo, imagine hoje com todos os meios de comunicação disponíveis totalmente bloqueados por causa do nosso pecado, nosso orgulho e nossa inadimplência?

Os meios de comunicação evoluíram, se multiplicaram e aumentaram seu alcance, mas se o nosso coração permanecer fechado, o mundo jamais conhecerá o verdadeiro AMOR DE DEUS.



ÉFATA  –  ABRA-TE!



     Agora que você conhece  a verdade, sabe quem é o Espírito Santo e que você é esta carta Divina para o mundo, O que você esta esperando para contar esta novidade ao seu próximo ?


   Desejo a todos um feliz DIA de Pentecostes e que Deus multiplique as graças derramadas em cada coração e em cada Família daqueles que permanecem conosco e daqueles que hoje nos visitam pela primeira vez, espero que continuemos juntos nesta caminhada e compartilhar a vida eterna ao lado de Cristo Jesus.


Fruto_Espírito Efusão_no_Espirito_2 Batismo_Espírito
Chamados_Comunicar Sete_dons