A Bíblia é uma “ARMA” Poderosa.



ENCONTREI ESTA FOTO

NA PAGINA DE UM “ATEU”



Foto original em: http://www.toxel.com/inspiration



Com a seguinte observação:

[…] Cuidado! Éstá carregada…..   Com ignorância antiga e intolerância.    Manter fora do alcance de crianças. […]



Veja a que ponto chega a ação do inimigo!


Escrevi “ATEU” entre aspas porque ateísmo significaria apenas não acreditar em Deus, mas quando alguém divulga, ensina e prega mensagens contra um DEUS no qual ele diz não acreditar torna-se uma mentira, pois, se alguém não acredita que Deus exista então porque se preocupar com algo que não existe?

Assim torna-se evidente que esta pessoa acredita em Deus, mas na verdade prefere combater este Deus que é Luz porque prefere permanecer nas trevas do pecado.

Quem pratica o mal não se achega para a luz e ainda pretende arrastar aqueles que estão sendo iluminados pela luz de Cristo.

É o que diz o evangelho de (São João 3, 16 a 21) :

Com efeito, de tal modo Deus amou o mundo, que lhe deu seu Filho único, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus não enviou o Filho ao mundo para condená-lo, mas para que o mundo seja salvo por Ele. Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado; por que não crê no nome do Filho único de Deus. Ora, este é o julgamento: a luz veio ao mundo, mas os homens amaram mais as trevas do que a luz, pois as suas obras eram más.  Porquanto todo aquele que faz o mal odeia a luz e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas aquele que pratica a verdade, vem para a luz. Torna-se assim claro que as suas obras são feitas em Deus.

Sendo assim, a ação da pregação anti-evangelística caracteriza mais uma ação anti-cristã do que ateísta.

Muitos podem estar em trevas, uns porque são cegos e não podem ver a luz, outros porque nasceram nas trevas de um quarto fechado e nunca viram a luz, outros porque habitam as profundezas de uma caverna e não encontraram o caminho da superfície “O Mito da Caverna de Platão”, outros porque se afastaram da luz devido a uma queda e outros ainda porque preferem se manter bem longe da luz por opção própria.

Quando Jesus curou o Cego de Jericó tornou-se bem claro para todos que os piores cegos não eram os cegos de nascença ou aqueles que por alguma infelicidade se tornaram cegos, e sim aqueles que preferiam não ver as coisas como elas realmente são mesmo que elas estivessem paupáveis e visíveis bem na frente de seus olhos.   O detalhe que mais chama a atenção para isso neste testemunho é que mesmo quando muitas pessoas testemunharam a verdade e até mesmo os pais do cego que testificou que seu filho era cego desde o nascimento e todos aqueles que o conheciam quando pedia esmola nas praças da cidade também sabiam que ele era realmente cego, mas aqueles homens não queriam acreditar que o rapaz apesar de ter nascido cego agora estava totalmente curado por apenas uma palavra dita por Jesus, isto porque o seu preconceito lhes cegava ao ponto de não reconhecerem que Deus pode realizar coisas que para os homens é impossível.

Assim Jesus conclui seu ensinamento:

“Os piores cegos são aqueles que não querem ver…” esta foi exatamente a pergunta que Ele fez ao cego ao encontrá-lo, “Que queres que te faça? Rabôni, respondeu-lhe o cego, que eu veja!

(São Marcos 10,51)

Assim se manifestou o cego, Eu quero ver enquanto que os que veem claramente preferem agir de forma contrária dizendo que nada perceberam e nada viram.

Alguns dos fariseus, que estavam com ele, ouviram-no e perguntaram-lhe: Também nós somos, acaso, cegos?… (São João 9,40)

A resposta de Jesus foi afirmativa dizendo:

“Vós mesmos assim afirmais…”

já que eles mesmos concordavam com esta verdade…

A nossa conclusão então sobre este assunto é que:

“CADA UM VÊ AQUILO QUE QUER VER…”


A SOMBRA NEM SEMPRE REFLETE AQUILO QUE PARECE.

A SOMBRA NEM SEMPRE REFLETE AQUILO QUE PARECE.

ESPERO QUE VOCÊ ESCOLHA A VERDADE E NÃO UMA SOMBRA OFUSCADA REFLETIDA NA PAREDE.


Passando adiante…



A Bíblia fala de si mesma desta forma:

Porque a palavra de Deus é viva, eficaz, mais penetrante do que uma espada de dois gumes e atinge até a divisão da alma e do corpo, das juntas e medulas, e discerne os pensamentos e intenções do coração. (Hebreus 4,12)

Isto significa que na visão da época a Palavra de Deus era comparada com uma “ARMA” um objeto usado em combate corpo a corpo e em matéria de “Arma mortal” ela é comparada como bem superior à melhor espada conhecida na época o que equivaleria dizer que em comparação com as “Armas Bélicas de hoje” poderíamos comparar a palavra de Deus com uma arma bem superior à uma simples “pistolinha de brinquedo”, porque na verdade ela continua sendo ainda mais penetrante do que qualquer “ARMA MORTAL” inventada ou construída pelo homem que podem no máximo tirar a vida do corpo CARNAL, mas jamais poderia tocar na alma de alguém ou provocar uma morte espiritual.

A palavra de Deus, no entanto, mesmo tendo todo este poder, de penetrar todas as coisas, até mesmo a couraça de um tanque de guerra ou atingir o mais profundo abismo ela jamais será usada para tirar a vida de alguém e sim para dar uma vida nova o que equevaleria sim a dizer que “MORREU” o homem velho e eis que tudo se fez novo ou como diria São Paulo “Já não sou eu quem vivo é Cristo que vive em mim…”.   Jesus também já havia dito a seus Discípulos anteriormente “Aquele que quiser preservar a sua própria vida, irá perdê-la, mas aquele que doar a sua vida por mim, irá encontra-la…”, O que é morrer para Jesus e o que é Viver para Jesus, Morrer para o mundo, principalmente para aquele que não crê em Deus é o fim “The End”, nada mais existirá, nem céu e nem inferno, nem frio e nem calor, nem luz e nem trevas, simplesmente seremos um flash que piscou no escuro, mas na visão de Jesus e daquele que acredita em sua palavra a vida não terá fim pois, ela é eterna.

A morte não é o fim e sim apenas uma porta que se abre para um novo ambiente, uma barreira que foi ultrapassada que não se poderá mais retornar, é sim a verdadeira vida pois nesta que vivemos hoje só teremos uma certeza, é que ela um dia irá terminar em morte.  A Nova vida que Jesus nos oferece temos a certeza que ela jamais terminará, sendo assim podemos até comparar a nossa vida eterna com aquele flash que piscou, a sua luz pode até ter se perdido em um milésimo de segundo, mas aquele brilho foi refletido e capturado pelas lentes de uma câmera que irá eternizar aquele exato instante em que o flash piscou e que poderemos relembrar e observar e estar durante a eternidade.

Não faça de sua vida um momento que se desfaz e desaparece como um flash e sim realize algo que permaneça para sempre e por toda a eternidade como esta fotografia.

Morreu o Homem Velho desfigurado pelo pecado e renasceu o Homem Novo segundo a verdadeira imagem daquele que nos criou, aquela arma tem o poder de nos libertar das coisas que nos escravizam, uma delas é a cegueira que nos impede de conhecer este mundo espiritual do qual já fazemos parte e permaneceremos nele eternamente, só que aqueles que nele não acreditaram e brincaram ou debocharam da palavra de Deus, terão o desprazer de não participarem do Reino de Deus.

“Ali haverá choro e ranger de dentes, quando virdes Abraão, Isaac, Jacó e todos os profetas no Reino de Deus, e vós serdes lançados para fora. (São Lucas 13,28)”



Parte II – Lutai pela vossa Salvação… Tomai, enfim, o capacete da salvação e a espada do Espírito, isto é, a palavra de Deus.

(Efésios 6,17)


EF-6-Armadura-espada-fogo Provação e proteção Revesti-vos da Armadura de Deus

Presente Pra Você está também no Facebook.



9 Respostas

  1. Você mente, como todo bom cristão. Vocês querem enfiar essa mentira de biblia e deLs goela abaixo, mas não querem que tenhamos o mesmo direito de nois defender dessa mentira nociva. Eu sou ateu, e falo o que posso contra essa mitologia perniciosa à humanidade.

    Curtir

    • ateu no céu

      Caro Davi

      Conheço muitos Cristãos que na prática são ateus, pois nunca se lembram que existe um Deus na terra ou no céu, não cumprem leis, roubam, matam, vivem uma vida de devaneios, não respeitam o próximo, mas quando são consultados a respeito de religião, disfarçam e dizem acreditar em Deus, não porque acreditam de verdade, mas para justificar o peso da sua consciência.

      Por outro lado também conheço muitos ateus de verdade que vivem uma vida digna e honesta, sem perturbar ninguém, fazendo o bem e até fazendo caridade com o necessitado, em nenhum momento sofrem dor ou peso na consciência por não acreditar em Deus, já que este Deus não lhe acrescenta nada na vida ou lhe seria uma ameaça de alguma forma e assim não falam nem bem e nem mal de Deus e se tornam pontos neutros nesta discussão.

      Existem aqueles que são ateus por profissão, há quem afirme que é mesmo uma “RELIGIÃO” com organização, regras e preceitos a seguir como qualquer religião cristã ou não cristã. Eles se ocupam o dia todo para divulgar a sua doutrina, espalhar a sua crença na não existência de deus, entre esses se destacam alguns muito famosos, Como Freud, Nietzsch e por ultimo agora um tal de Richard Dawkins que escreveu um livro com um monte de teorias que praticamente é um evangelho ao avesso, se ocupa em deturpar aquilo que a Igreja sempre ensinou sem se preocupar com lógica alguma.

      Para mim o verdadeiro ateu é aquele em que para ele não existe DEUS e nem deus em sua vida, a presença ou ausência de Deus não faz a mínima diferença e por este motivo não precisaria defender ou atacar uma pessoa que não existe, pois isto na concepção lógica de um verdadeiro ateu seria uma grande perca de tempo, já que falar de algo que não existe é um absurdo.

      Não vou entrar no assunto sobre aqueles que mudaram de opinião e no fim conheceram a verdade, mas gostaria de dizer que já ouvi muitas justificativas complexas sobre a não existência de Deus neste mundo e até justificativas sobre a lei do acaso que dizem ter sido criada por Charles Darwim, mas o mesmo não admite ter partido dele esta desculpa para justificar a não existência de um Deus Criador, afinal nada do que Darwin disse ou descreveu em seus estudos bate contra o que a Igreja ensina, a Igreja apenas ensinou coisas complicadas de maneira simples como se ensina crianças numa sala de aula que não conhecem números quânticos, teoria molecular, biogenética, átomos, cosmos etc. porque o homem quando nasceu era apenas uma criança e por muitos anos era impossível acumular conhecimento e replicá-lo ensinando a outros, afinal a prática do passado era exatamente o oposto, pois se destruía o conhecimento e as tradições do povo conquistado e assim zerava todo o aprendizado conquistado.

      Não se fala em linguagem catedrática com crianças que estão aprendendo o B+A = SE, ou o 1+1=3, pois neste caso, primeiro é preciso aprender a ler e a fazer contas para depois se certificar de que a conta esta realmente correta e “SE” é mesmo verdade.

      O Maior problema das pessoas que se declaram “ateus” hoje e partem para o ataque ao DEUS invisível, porém que nem mesmo Richard Dawkins teve coragem de afirmar que não existe, pois declara apenas que “Talvez não exista um DEUS” é que na verdade no fundo, bem no fundo guardam uma grande mágoa de Deus como Pai, da religião com falsidade que participaram, porque um dia não tiveram uma oração atendida, porque perderam um parente muito amado, porque sofreram demasiadamente e etc. Este grupo são os que mais atacam a Deus, não porque não crêem, mas porque CREEM mas estão magoadas em seu coração e o atacam como um adolescente rebelde que foge de casa como filho pródigo.

      Espero que não seja este o seu caso, até lhe peço desculpas e perdão, mas lhe faço a seguinte pergunta; Por que motivo alguém se preocuparia com aquele que não faz a mínima diferença em sua vida? Com aquele que não lhe acrescenta nada? Por que se preocupar com as ameaças ou pregações dos religiosos? Suas ofensas não lhe afetam em nada e nem a sociedade já que não passam de mera auto sugestão psicológica. A fonte proclamada como autora de tudo é uma mera ilusão, uma criação da mente humana, uma doutrina que os dominadores deste mundo inventaram para subjugar os escravos ignorantes da verdade, uma fantasia que os homens sem conhecimento científico criaram para justificar respostas não encontradas e que certamente um dia passarão quando todas as perguntas humanas tiverem suas respostas e explicações?

      Eu poderia dizer como São Tomé, “EU SÓ ACREDITO NAQUILO QUE VEJO” e é bem verdade, sendo assim eu não poderia acreditar em nenhum DEUS, pois eu jamais o vi, jamais o toquei como a mesma bíblia afirma que ninguém jamais viu a Deus.

      Como poderiam então ter criado esta religião? Inventado histórias e fatos para ludibriar os outros e principalmente porque na terra onde Jesus nasceu, onde Ele andou, cresceu e fez os seus grandes milagres é exatamente a terra daqueles que o mataram e não acreditaram em nada do que Ele teria realizado, ou seja, inventaram um deus para os outros que antes era de sua exclusividade, criaram leis e regras e ao mesmo tempo não seguiram nada.

      A civilização que hoje conhecemos, mesmo com seus defeitos gravíssimos só existe porque foi alicerçada nos princípios ensinados por Jesus sendo Ele DEUS ou não, tendo Ele Ressuscitado ou não o que vale lembrar é apenas que as leis e a ordem hoje estabelecidas se fundamentam nos princípios de Jesus. A desordem, o caos, o mal só existe porque a grande maioria das pessoas não vivem de acordo com o que Jesus pregou e ensinou, incluo aí é claro, principalmente os grandes pregadores do evangelho que o usam apenas como uma capa de super heróis intocáveis, pois se vivessem de acordo com o que ensinam, mesmo DEUS não existindo de verdade, neste mundo não existiria morte, nem assassinato, nem roubo, nem drogas, não seria preciso polícia nas ruas e nem existiria governos corruptos que massacram o povo sendo eles de direita ou de esquerda.

      O Importante não é o Deus intocável lá no céu cheio de regras que nos cobra cada tropeço que damos e sim o Jesus que ama e perdoa todos os seus amigos e inimigos, o importante é o Deus vivo que está em cada coração que de tão bem disfarçado que está não é nem reconhecido e nem o precisaria ser, pois basta apenas que sigam o mandamento de Cristo HOMEM, “AMAI O PRÓXIMO COMO A SI MESMO”.

      Não existe nada neste mundo que possa desmerecer os ensinamentos de JESUS Cristo, o fato d’Ele ser Deus ou não ser deus, não vem ao caso, por isso é bom saber se estamos combatendo a existência de Deus ou SE estamos derrubando os princípios que mantém a ordem social SADIA, pois a partir do momento que se retira o DEUS da história e se apaga tudo que Ele ensinou, suas regras e leis que a sociedade só segue pois temia a Deus, não existindo mais um Deus para se obedecer quem obedeceria o HOMEM COMUM? seja ele Napoleão, Cézar, Che Quevara, Obama ou Lula?

      Quem é o homem que manteria a ordem no mundo? Sendo que é este mesmo homem que provoca o caos para se beneficiar dele e se manter no poder! Na verdade existem profecias que dizem que existirá um homem capaz de tentar tal proeza e até conseguirá por um curto espaço de tempo, talvez não possamos dar crédito a palavras vindas do além, mas não podemos desprezar os acontecimentos terrenos atuais, a tecnologia que hoje existe, a ciência que evoluiu, as manipulações de poder, a intensa luta contra os valores cristãos, as tentativas de apagar o nome de Cristo da história, a desvalorização da família e da dignidade individual de cada um induzindo o homem a ser aquilo que não é fugindo da sua essência natural, pois queira ou não, com Deus ou sem deus, o homem não passa de um programa que se desenrola num curto espaço de tempo na história da eternidade e que como um flash desaparecerá na escuridão e no esquecimento se a sua vida se limitar àquilo que se vê e se pode tocar, mas certamente quem não acredita em Deus realmente é somente isso que se pode esperar de sua existência na terra.

      Gosto de fazer uma pequena comparação, pois sei que a grande maioria das pessoas não sabem e nem entendem como funciona um computador, mas basta perguntar a qualquer um daqueles que o conhecem por dentro para obter uma resposta, não como funcionam fisicamente, mas como funcionam “VIRTUALMENTE” com seus programas que não passam de impulsos elétricos, mas que porém tiveram um programador ou diriam alguns, um “CRIADOR”. Podemos afirmar que a memória da CPU onde os programas atuam é comparável ao nosso mundo, ao nosso ambiente, ao nosso ecossistema onde todas as coisas acontecem e coexistem ao acaso e estariam perfeitamente equilibradas sem a manutenção de nenhum ser externo, se bem que dentro da esfera da CPU, nada acontece por acaso sem um comando externo pré programado.

      Perguntemos então a este gênio da Informática!

      Temos um computador novo, sem nenhum programa instalado em sua CPU, porém todo o ambiente está pronto e preparado para o funcionamento, quantos milhões de anos esperaremos até que o acaso crie os programas necessários para que o computador funcione de fato como o conhecemos?

      Certamente qualquer um deles em 100 % dos casos lhe dará uma única resposta:

      – NUNCA!

      E estarão totalmente corretos sem nenhuma margem para discórdia!

      Não sei por que as pessoas que não conhecem nada de computador afirmam que “basta esperar um pouquinho que eles aparecerão por si mesmos!”, bom, na prática seria esta a resposta que o ateu dá quando diz que tudo surgiu por acaso e que o ser humano, um programa tão complexo cheio de funções e segredos que o próprio homem comum desconhece e que aquele que estuda a genética descobre a cada dia que algo assim tão complexo nunca poderia surgir por si só do acaso, tanto porque eles mesmos agora já utilizam esta descoberta para criarem os seus próprios Frankstein’s que podem ser bons ou maus de acordo com a vontade de seu criador “MANIPULADOR humano”. E ainda existe quem discorde que o homem físico seja apenas uma máquina, um programa provisório que na verdade tem o seu objetivo eterno justificado fora do ambiente e ecossistema em que vivemos, logo, esta resposta estaria fora de nosso alcance visível ou tátil.

      É nessa esfera externa em que podemos encontrar com aquele que tudo criou e sabe todas as respostas sobre o sistema em que vivemos, os religiosos o chamam de Deus, outros preferem chamar apenas como “O Cara lá de cima”. Foi assim que São Paulo se dirigiu aos atenienses que criaram diversos deuses para cada situação da vida, tinham tantos deuses que lá em Atenas existia um altar dedicado ao “deus DESCONHECIDO”, pois bem, este Deus que todos desconhecem foi exatamente o Deus que Jesus nos apresentou, um Deus que ama o seu povo e que foi capaz de morrer por seus pecados não para condená-los ao inferno, mas sim, para salvá-los de si mesmos.

      Não se esqueça, Jesus te ama.

      Sizenando / presentepravoce
      ateu

      Curtir

  2. Isso mesmo vejá que nadapode se comparar a ela mais preciosa de tudo que se posa desejar

    Curtir

  3. a imagen mostrava a biblia como uma arma e é isso que é para escravizar seus seguidores pois a biblia foi escritas por homens.
    naum estou dizendo que naum existe um ser superior mas sim que oq esta na biblia quase tu se contradiz e naum é verdade só serve para um monte de mentes confusas acreditarem na igreja desde muito tempo atraz, devemos tirar o poder da igreja e devolve-lo ao verdadeiro dono como vcs quizerem : deus, jesus, jeova….entre outros dependendo de sua crença.

    Resposta:

    Caro amigo Ricardo.

    Em primeiro Lugar eu lhe convidaria a ler a Bíblia, não o antigo testamento, mas o evangelho de São João, principalmente o capitulo 14, 15, 16 e 17 depois dá uma lidinha em Hebreus cap 8, retorne ao capítulo II Coríntios 3.

    E veja se deu para aprender o que significa o versículo que diz?

    “CONHECEREIS A VERDADE E A VERDADE VOS LIBERTARÁ”, porque este monte de letras que você deixou escrito aqui acima nada mais é que uma repetição quase que xerocopiada que todos os céticos deixam escrito por aqui, não existe nenhuma novidade.

    Se você é mesmo livre de qualquefluência de escritores mundanos, nem da Bíblia e nem de escritores Ateus, tenha a sua propria experi~encia e sua propria opnião.

    Não se pode amar aquilo que não se conhece, dizer que a Bíblia é um monte de contradição é uma mentira, você poderia até afirmar que você não compreendeu um certo texto, o que serjustificativas que uma pessoa que não leu a Bíblia poderia afirmar, pois assim apenas declara que é um Maria vai com as outras, principalmente no que tange ao pecado e à perdição, quem sou eu para lhe indicar o caminho certo, uma coisa eu posso garantir, o caminho em que você está anão é o melhor deles, pois não te respeita nem nos seus valores mais insignificantes, pelo menos o Deus que eu Conheço me dá todo o direito de poder escolher se devo ou não devo segui-lo, que é exatamente a prova contrária do que você afirma, se assim não fosse você não teria liberdade para afirmar tal coisa.

    Que Deus te Abençoe.

    presentepravoce / Sizenando

    Curtir

  4. Vamos lá

    “Ser servo é ser escravo, servir significa fazer a vontade de seu Senhor e não a sua própria vontade. Existem muitas formas de escravidão, a maioria delas são instrumentos deste mundo para que um ser humano seja servo do outro, algumas delas foram abolidas, mas não completamente e outras subsistem de maneira camuflada, outras ainda fazem do homem dependente e escravo, como os vícios e que na verdade as drogas se tornam um Senhor que mata aos poucos mesmo quando é servido integralmente, quanto ao Senhorio executado por Deus sobre os Homens é bem diferente, pois este serviço não é uma escravidão, pois os maiores beneficiados serão aqueles que estão a serviço,”

    Me explica uma coisa então. Uma pessoa que não acredita em Deus e não o aceita, no entanto segue uma vida plena, ajuda as pessoas, é honesto procurando sempre dar o melhor de si para o mundo vai pro inferno ao término de sua vida? Pois é isso que sua preciosa bíblia prega, pois aquele que nega Deus tem um destino ruim, independente de sua conduta, ou seja, a bíblia usa de um assédio moral para colocar medo nas pessoas e as obrigar a seguir aquilo que ele deseja. Querendo ou não isso é uma forma de escravidão, ser escravo da vontade de um ser superior que vai puni-lo se você não obedecer fielmente suas vontades. É a típica lógica do assalto, “se não obedecer o que eu mando você morre” (vai pro inferno no caso do deus cristão), no entanto ainda sim você tem a liberdade para desobedecer e arcar com as consequências. Ou seja, essa liberdade que você tanto prega é ilusória.

    Podemos cair em outro caso também, como o fato do deus cristão ser oniciente. Ou seja, ele sabe de tudo o que vai acontecer, se você vai tossir, se vai pensar em 8 ou 80. No entanto, somos livres para escolher, mas se somos livres para escolher, podemos escolher qualquer coisa que quisermos, e assim sendo deus não teria como saber o que ainda vai acontecer não sendo assim oniciente. Ou seja, a bíblia entra em contradição, pois o livre arbítrio não convive com a oniciência…

    “Quando você me questionou sobre a existência ou não de Deus, simplesmente você culpou a credibilidade do ser humano e não a certeza da onipotência Divina e neste caso você acaba concordando com o que eu disse, pois no final das contas o erro é HUMANO e não DIVINO. Porque eu Daria mais Crédito a um ser humano chamado Richard Dawkins que nada viu e nem participou do sacrifício de Cristo na cruz e não daria valor a uma testemunha ocular deste assassinato que foi São João?”

    É simples, como a história pode muito bem mostrar, os vencedores é que contam a história, e a contam da maneira que lhe é mais conveniente, e com a bíblia não é diferente, assim como pode se contestar inúmeros fatos como o de Abraão no Egito onde os fatos históricos contradizem praticamente tudo o que é dito na Bíblia, inclusive contestando versão de que os Egípcios escravizaram o povo de Abraão. Não concordo com tudo o que Richard Dawkins prega, pois tenho minhas próprias ideias sobre religiosidade e afins, no entanto ele está pregando suas ideias e não fantasiando sobre fatos “pseudo-históricos” como a bíblia faz.

    Acreditar na Bíblia é o mesmo que daqui a 2.000 anos vierem historiadores e pegarem os livros de Harry Potter dizendo que existia uma sociedade secreta em nossa época que praticava a magia.

    “…uma história do porque agora vigora uma aliança totalmente diferente daquela anterior, portanto em referência àqueles que hoje se Dizem Cristãos não se poderia vincula-los ao passado, porque a grande maioria dos Cristãos de hoje nem sequer faziam parte da primeira aliança e aqueles que faziam parte da primeira aliança na verdade não aderiram à nova e não se converteram até ao dia de hoje, logo o Cristianismo que é a Nova Aliança realizada por Deus no sangue de Jesus derramado na Cruz a favor de todos os homens da terra não é a mesma firmada com Abraão baseada em sacrifícios de animais e que foi firmada exclusivamente com o povo Judeu.”

    Aqui você quer dizer que a “Aliança” dos cristãos é com o novo testamento, então aqui você está me dizendo que tudo o que aconteceu no antigo deus estava de folga e/ou se enganou? Maaaaas, o deus cristão é perfeito, então porque fez tudo o que fez, estava querendo se divertir as custas da humanidade? Pois é o que esta parecendo pelo que você está dizendo.

    “Eu tenho as minhas próprias experiências com Deus e são coisas particulares que provam para mim mesmo que o meu Deus existe e que habita dentro de meu coração, portanto eu não refiro ao que Ele fez para os outros e sim baseio a minha fé naquilo que Ele tem feito por mim e para mim.”

    Então eu vou dar uma explicação que te derruba. Primeiro, vamos fazer uma comparação entre a evolução de um homem e de um chimpanzé. Isso sem entrar no mérito da teoria evolucionista, vamos deixar isso de lado por enquanto. Certo, o ser humano biologicamente é cerca de pouco mais de 1% mais evoluído que um chimpanzé. O ser humano tem uma compreensão absurdamente maior sobre o seu ambiente, consegue entender complexidades acadêmicas que o animal jamais sonharia, consegue entender coisas sobre certo e errado, ter entendimentos sobre seus sentimentos e controlar seus instintos, coisa que o animal não faz. Agora pela lógica cristã, seu deus é um ser que goza de perfeição, sendo infinitamente superior e mais evoluido aos meros mortais, desta forma como você pode me dizer que o ser humano compreende a vontade superior? Seria o mesmo que perguntar a uma formiga o que ela acha da atual alíquota do dólar. Dessa forma suas experiências e a bíblia são entendimentos mortais e fálicos de algo que é imortal e perfeito, assim sendo, não existe maneira de compreender qual a real vontade do deus que os cristãos dizem seguir.

    “Você está colocando palavras na Bíblia que não existem, em nenhuma parte da Bíblia Cristã consta que Deus tenha mandado sacrificar alguém, aliás é bem verdade se você leu a História de Abraão e parou no capítulo em que Deus manda Abraão sacrificar Isaac seu filho amado no Monte Moriá e não tenha lido o final da História, pois Deus não permitiu que Abraão chegasse a finalizar este sacrifício e o ensinamento que se aprende deste fato é exatamente que Deus não quer e não permite que isto aconteça, seja na Igreja ou fora dela e hoje o que se vê no mundo são pais e mães matando seus filhos ainda dentro do ventre, outros são abandonados pelas ruas isto porque os princípios Cristãos se apagam dos corações graças os inimigos do bem, eu só gostaria de saber a quem beneficiaria este sacrifício de vidas humanas, pois as mães que praticam tais atrocidades ficam profundamente feridas para todo o resto de suas vidas.”

    Eu li essa história e ela fala que o deus cristão apenas queria testar Abraão, no entanto, se deus é oniciente, ele já sabia que Abraão o serviria como ordenasse, então porque o fez? Ele queria “brincar” com Abraão?

    “E é por isso mesmo que Deus declara finalizada a primeira aliança com os Judeus e que agora vigora uma Aliança firmada com toda a humanidade baseada somente no amor que Ele colocou em cada coração, inclusive no seu, se é que você foi batizado um dia, caso não tenha sido assim se justifica a sua falta de Fé.”

    Fui batizado na igreja católica e não acredito em uma única palavra da bíblia. Tenho fé na vontade humana, no esforço, no trabalho duro e na confiança em si mesmo. Agora dizer que algum tipo de virtude depende de batismo é fálico, pois por exemplo, fazendo um comparativo temos um Buda que foi uma pessoa com uma enorme evolução espiritual mas jamais seguiu o deus cristão ou seus ensinamentos, ou mesmo foi batizado. Você pode negar a existência de Buda, mas ai cai no mesmo esquema do deus cristão, pois Buda pode ser tão real quanto ele.

    “A resposta não seria exatamente esta e sim que o homem já estando acostumado a cometer tamanhas atrocidades precisou de um tempo para ir moldando as suas atitudes e, portanto nesta caminhada em busca da posse de territórios cometia violência da mesma forma que comete hoje em suas guerras que na sua grande maioria nada tem a ver com Deus e sim apenas com a ganância dos seres humanos, principalmente daqueles que em nada crêem.”

    Isso não responde o porque do deus cristão cometer suas atrocidades. Quer uma atrocidade maior que o suposto dilúvio? Um deus imaginário fez o mundo ser coberto de água, matando bilhões de animais e extinguindo toda a humanidade, salvando apenas um homem que ele dizia ser virtuoso e alguns animais que couberam na arca. No entanto quantas outras pessoas boas não morreram também, ou o mundo inteiro somente existiam pessoas malignas, inclusive as incontáveis crianças que foram afogadas em sua fúria contra a humanidade?

    “Vejo que até você mesmo se dobra e admite que alguma coisa da lei de Deus tem o seu valor e é claro que este fundamento se deve a um pouco de Deus que você tenha recebido em seu passado e sua formação, veja que se você tivesse nascido em um lar mulçumano radicalista, você pensaria outra coisa e seria capaz de queimar um ser humano ainda em vida, seria também capaz de derrubar as torres gêmeas com milhares de pessoas dentro, veja que este princípio não é totalmente humano e sim é um ensinamento adquirido através da tradição de seus pais que o adquiriram da vivência Cristã no passado e é por isso que estes frágeis princípios estão ameaçados de desaparecer, pois quando se tira a PEDRA “JESUS” que sustenta o edifício ele desaba, esta é a comparação que Jesus faz com o magnífico templo Judeus erguido por Salomão, obra tão magnífica que jamais foi executada outra nesta terra semelhante e mesmo assim foi destruída pedra por pedra e não restou nem sinal de sua existência a não ser a pedra angular que se tornou hoje o muro das lamentações, apenas uma vaga memória e até mesmo esta vaga memória os anticristos deste mundo pretendem tirar das mentes e dos corações dos homens e se isto acontecer pode se preparar para grandes genocídios em todo o planeta.”

    Eu não me dobro a isso, esses são preceitos básicos para que exista uma sociedade e nada tem haver com o deus cristão. Esses princípios vêm de antes de Moises, pois são necessários para a manutenção de uma sociedade civilizada. Em outras religiões existiam ensinamentos semelhantes antes mesmo dos dez mandamentos.

    Quer um exemplo melhor então? Na Suécia 85% da população é composta de ateus e esse país é considerado o 6º mais pacífico do mundo. Sem falar que é uma país onde as pessoas são extremamente educadas, um país onde o povo tem uma forte economia.

    Quanto aos Muçulmanos, eles fazem as coisas em nome do fanatismo religioso, assim como a Santa Inquisição o fez, matando milhões em nome do deus cristão, o que me diz disso? É correto? Há sim, você vai dizer que os cristão também foram perseguidos e que a culpa é das pessoas e não da religião (uma desculpa que também pode ser usada pelos mulçumanos) e vai fugir da pergunta.

    “Novamente você cita o velho testamento e conta uma historia que se passou, mas jamais menciona aquilo que está em vigor e nem mesmo o sacrifício de um homem chamado Jesus na cruz, este homem era Deus feito carne e Ele se abdicou de seu poder Divino e foi capaz de morrer por nós para nos libertar de todas as conseqüências das atrocidades anteriores.”

    Puts, essa é fácil. Em lugar NENHUM da bíblia Jesus afirma ser deus, então ele não era deus por mais que os cristão que não sabem interpretar o próprio texto fálico digam, e tem outra, se Jesus era deus, porque orava para si mesmo? Melhor ainda, porque se referia a si mesmo dizendo “meu pai prega tal coisa”? Ou Jesus/deus era idiota ou o entendimento cristão é incorreto.

    E onde que o sacrifício dele nos libertou de alguma coisa? Isso jamais aconteceu e jamais acontecerá. Seria algo como “olhem mortais, já que meu filho morreu na crus estou zerando a conta de pecados feitos pela humanidade, podem começar do zero a pecar a vontade” tenha dó.

    “Meu amigo, você mostra conhecer muito pouco de história e mostra saber menos ainda de cronologia, quem se justifica pelas mortes possivelmente acontecidas na Santa Inquisição são os Ateus e os anticristos comunas nem sequer se referem a estas mortes em seu massacre, pois a sua carnificina nada tem a ver com vingança contra a Igreja em si ou por seus atos cometidos na Europa e sim com a tentativa de apagar o cristianismo da história de seu País, fato que não aconteceu e ainda fortaleceu o cristianismo, pois a verdade será sempre esta, cada Cristão que morre como Mártir ele gera milhares de outras vocações, pois somente aquele que AMA é capaz de morrer pelo bem dos outros e aquele que não ama é que é capaz de matar seu semelhante para o bem de si mesmo, se você for capaz de amar assim, pode crer, que mesmo falando contra Cristo você o terá com certeza em seu coração, mas a verdade é que, quem ama de verdade, jamais se manifesta contra aquele que nos amou até a morte de cruz.”

    Conheço história muito bem, leio sempre que posso sobre o assunto. Vamos aos pontos.

    Em primeiro lugar eu falei sobre a Santa Inquisição, e você simplesmente tenta justificar essas mortes com as mortes de cristão nas mãos de ateus, anticristãos e comunistas (Stalinismos, China comunista e Cuba comunista não seguem o real comunismo, mas isso já é outras história), dizendo que a inquisição matou menos então está tudo bem.

    Eu tenho minhas próprias convicções sobre certo e errado e as defendo, não sigo o deus cristão ou sua religião, procurando seguir um instinto de dignidade e honestidade do ser humano que é pregado por vários filósofos como Platão e Aristóteles que não seguiam o cristianismo e não o conheciam, e que foram ditos por religiões que vieram muito antes, tais quais como a religião do Egito antigo que pregavam a integridade moral do ser humano.

    Resposta abaixo:

    Curtir

  5. Obrigada Senhor! Eu estava precisando dessas palavras.Martha.

    Curtir

  6. Quanta besteira um crente pode escrever sozinho? Muita, é só dar uma olhada nesse post.

    Primeiramente quem “ataca Deus” não o faz por acreditar e renegar a luz. Muitos o fazem por ter conhecimento dos ensinamentos da bíblia e se colocar contra os inúmeros “banhos de sangue” que nela aparecem tais como as Ursas de Elizeu que trucidam crianças, Davi que contribui para com o extermínio dos amalequitas, Elias que mandou matar os sacerdotes de Bhaal em uma amostra bizarra de intolerância religiosa.

    Você usa o mito da caverna de Platão, mas sem se lembrar que Platão não acreditava no deus cristão, no entanto isso levanta uma outra questão.

    Como você sabe que o deus da bíblia é mais correto que os deuses de outras religiões que tem seus próprios livros?

    Acertou em cheio quando disse que a Bíblia é uma arma mais perigosa do que uma pistola, pois na nossa história ela propagou incontáveis crimes, onde milhões morreram em nome de Deus. A inquisição é uma grande prova disso…

    E só pra terminar, pois acho que você precisa dessas palavras. Uma pessoa para ser boa, ela não precisa ter Deus no coração, pois a bondade e honestidade são características totalmente desligadas da religião e sim virtudes que o homem deve seguir em sua vida independente de sua fé…

    Resposta:

    Vou começar pelo final, pois seu texto total multiplicaria muito as minhas palavras.

    Vê-se claramente que você conhece uma história ensinada por não Cristãos e sim por pessoas que por motivos não revelados preferem manter as pessoas “LIVRES DE UM DEUS SUPREMO QUE TUDO CONTROLA” para que assim possam se tornar escravas de ideologias humanas e sendo facilmente manipuladas pela opinião dos opressores e ditadores deste mundo material.

    Quando o homem acredita em um Deus superior fora dos limites deste planetinha ele não se dobra facilmente aos opressores deste mundo e muitas vezes perdem a vida defendendo princípios que você disse não pertencer a DEUS e sim ao proprio homem.

    Quando você diz que muitas atrocidades foram cometidas em nome de Deus você esquece de dizer que o homem é violento por natureza e este proprio Deus morreu vítima dos homens que diziam estar obedecendo a Deus, se assim fosse verdade, Deus não teria morrido porque não teria dado ordem para matar a si mesmo.

    Guerras e atrocidades sempre aconteceram neste mundo, o homem não tinha limites para sua violência e jamais respeitou o seu vizinho, pois prefere roubar e destruir o que ele produzia do que conviver harmoniosamente sem matar seu irmão.

    Isto era o que imperava neste mundo até que Deus deu aos homens seus dez mandamentos os quais chamamos de príncipos e alicerces da lei que todos os homens seguem hoje, pois tudo que é certo ou errado se deve ao que a lei declara e se a partir de amanhã criarem uma lei que diz que matar seu vizinho não é errado e que deus nehum pode dizer o que é certo ou errado para nós, você simplesmente seguirá esta lei e então matará seu vizinho sem que a sua conciência te condene e agora eu lhe pergunto “ONDE ESTÁ OS PRINCÍPIOS HUMANOS, ONDE OS ADVOGADOS DA LEI SEGUEM O QUE ESTÁ ESCRITO E NÃO O QUE REALMENTE É CORRETO?”.

    QUEM TERÁ CORAGEM DE DIZER QUE O GOVERNO ESTÁ ERRADO AO EXPLORAR O POVO QUANDO A LEI DO GOVERNO FOR A UNICA LEI QUE SE DEVE SEGUIR, isto acontece em um País chamado Coreia do norte, onde o DITADOR é um deus humano e que deve ser adorado, ele decide quem deve viver e quem deve morrer e agora que ele morreu provando que não era um deus verdadeiro e nem mesmo eterno, mesmo assim um monte de pessoas cegas das quais a verdade lhes foi escondida, acham que ele era um homem bom e cheio de amor e por isso derrama lágrimas para quem não merece nem um tiro de misericórdia.

    O Deus verdadeiro não nos oprime e não nos condena, a pregação de Jesus jamais inclui a morte de alguém, é uma oferta de vida plena e livre, não condena nem mesmo o pecador, antes oferece o perdão e a outra face. Se alguém matou alguém em nome deste Deus ou em nome desta missão dada por Cristo, este alguém cometeu um pecado contra Deus e um erro grave contra a humanidade, porque mesmo que fosse em defesa do evangelho não deveria ter feito tal coisa, Eu defendo exatamente o que Jesus defendia, Jesus jamais obrigou alguém a segui-lo e sim apenas convidava pessoas para segui-lo, conhecemos hoje o nome dos doze homens que o seguiram e até morreram por Ele, no entanto você não sabe o nome daquele que simplesmente é identificado como “UM JOVEM RICO”, porque este mesmo se declarando um homem bom e seguidor da lei, ele não quis seguir Jesus e Jesus não o obrigou a issso. da mesma forma o evangelho é para ser pregado e anunciado como um CONVITE, onde cada pessoa acata o convite ou troca a oportunidade por outra coisa que julga mais importante, portanto eu lhe digo, ninguém seria obrigado a seguir a Deus ou acreditar naquilo que ensinamos, no entanto, também seguindo este mesmo princípio ninguém deveria proibir o Cristão de pregar ou manifestar a sua Religião onde quer que fosse.

    Todos nós sabemos que não é em toda parte do mundo que o Cristianismo pode ser anunciado, contrariando assim a lei do princípio da liberdade plena, que todo homem deveria ter ao se decidir qual caminho deveria seguir, se Deus não pode me influenciar dizendo qual caminho eu deveria seguir ou o que eu deveria ou não deveria fazer, também eu não aceitaria que um governo humano ou grupo de ‘MANIPULDORES COMERCIAÍS” sem princípio algum de bondade em suas atidudes decidissem qual caminho e o que eu deveria fazer na minha vida.

    Sendo assim, eu lhe declaro meu amigo, mesmo que DEUS não existisse de verdade eu mesmo assim seguiria o caminho ensinado por Jesus, pois independentemente das mortes do antigo testamento que eram na verdade inimigos do estado de Israel e não propriamente inimigos de Deus, vejamos que Deus simplesmente ajudava os Israelitas a vencer os seus proprios inimigos, incluíndo entre eles os seus proprios medos e contardições, existem varios testemunhos em que apenas 1 homem venceu um exército, outro que era apenas um pastor de ovelhas enfrentou o maior e melhor soldado inimigo sem nunca ter empunhado uma espada, agora eu lhe perguntaria, qual homem nesta terra diria que Davi não agiu em legítima defesa, pois é bem verdade que os inimigos de Israel, os matava e explorava todos os dias.

    Só para terminar falando de história, você citou as mortes provocadas pela defesa do evangelho, eu gostaria que você soubessem quantas pessoas morreraram injustamente apenas por defender o evangelho e quantos Cristãos foram mortos pelos COMUNISTAS ATEUS E ANTICRISTÃOS que dissemiram mentiras em todo o mundo contra CRISTO E SUA IGREJA e o pior de tudo é que você acredita, mas não sabe que os comunistas mataram mais de tres milhões de pessoas em apenas tres anos na Russia enquanto a Inquisição Espanhola para sr mais exato matou apenas 600 pessoas em 300 anos de sua história.

    CONHEÇA A HISTÓRIA ANTES DE FALAR SOBRE ELA E NÃO APENAS REPITA COMO UMA GRAVAÇÃO AQUILO QUE MENTIROSOS LHE CONTARAM.

    EU LHE DESAFIO A CONHECER ESTA VERDADE VENDO OS VIDEOS QUE VOU POSTAR AQUI LOGO ABAIXO.

    Curtir

    • Responda e leia apenas se tiver coragem de ver suas crenças caírem por terra…

      Vamos por partes…

      “Vê-se claramente que você conhece uma história ensinada por não Cristãos e sim por pessoas que por motivos não revelados preferem manter as pessoas “LIVRES DE UM DEUS SUPREMO QUE TUDO CONTROLA” para que assim possam se tornar escravas de ideologias humanas e sendo facilmente manipuladas pela opinião dos opressores e ditadores deste mundo material.”

      Veja bem, você aqui acaba de dizer que o problema são as ideologias humanas que torna as pessoas escravas. Pois bem, no entanto, a bíblia foi escrita por mãos humanas, não veio uma mão gigante do céu e a escreveu. Sua bíblia, seu livro sagrado que conta os “grandes” feitos do deus cristão foram escritos pelo ser humano como intermediário, e assim sendo, mesmo que seu deus exista, quem garante que as pessoas que escreveram o livro o fizeram da maneira correta já que são pessoas passíveis de erros? Afinal de contas você mesmo coloca que a opinião das pessoas deste mundo material são manipuladas, então quem garante que você não está sendo manipulado?.

      “Quando o homem acredita em um Deus superior fora dos limites deste planetinha ele não se dobra facilmente aos opressores deste mundo e muitas vezes perdem a vida defendendo princípios que você disse não pertencer a DEUS e sim ao proprio homem.”

      Não pertencem ao deus cristão? espera um pouco, e as carnificinas perpetradas pelo próprio Deus no antigo testamento? ELE fez esse tipo de coisa, ELE ordenava sacrifício HUMANOS em seu nome, então não me venha com essa historinha.

      “Guerras e atrocidades sempre aconteceram neste mundo, o homem não tinha limites para sua violência e jamais respeitou o seu vizinho, pois prefere roubar e destruir o que ele produzia do que conviver harmoniosamente sem matar seu irmão.”

      Vejamos, isso quer dizer que… Já que o homem é imperfeito e comete atrocidades, o deus cristão que deveria ser perfeito também pode cometer atrocidades mesmo sendo ele em teoria “perfeito”???

      “Isto era o que imperava neste mundo até que Deus deu aos homens seus dez mandamentos os quais chamamos de príncipos e alicerces da lei que todos os homens seguem hoje,”

      Os Dez mandamentos do deus cristão são uma farsa, vamos lá:

      1º. – Claramente vemos aqui uma imposição de exclusividade criada pelos cristão que deu ensejo a muitos genocídios. Se as pessoas tem livre arbítrio, porque impedir que tenham a crença que quiserem?

      2º – A maior bobagem que já vi na minha vida, segue o que já foi dito no primeiro já que é um mandamento para atacar outras religiões.

      3º- O nome do senhor, tenha dó. Aqui querem colocar o nome do deus cristão como algo sagrado, para angariar respeito a religião, inútil

      4º- Dia do sábado é? Talvez seu deus não tenha se lembrado que tem gente que precisa ralar duro para colocar o pão na mesa e não pode se dar a esse luxo. Alem do mais temos serviços como polícia, hospitais e bombeiros que jamais podem parar por um ordenamento vindo de um deus imaginário que não sabe gerir uma cidade.

      5º- O pai e a mãe apenas devem ser repeitados se merecerem, afinal temos no mundo muitos pais relapsos e ruins. Respeito é uma coisa que se adquire com merecimento.

      6º- Aqui finalmente temos uma coisa útil, no entanto isso é meio que algo endêmico ao ser humano. O ato de não matar é o da auto-preservação. No entanto a bíblia tem história de cristãos matando outros homens que seguiam outro deu imaginário que não fosse o seu.

      7º- Não trair também é aceitável, e também algo que segue um raciocínio lógico e sem necessidade de ler um livro velho e mentiroso.

      8º- O ato de não roubar é uma coisa interessante, no entanto temos uma conduta em dois mandamentos, não trair e não roubar, ambas são relacionadas a se honesto então poderíamos apenas dizer “Serás uma pessoa honesta”.

      9º- Sem mentiras? Bom isso é um pouco de exagero mas ainda se enquadra no anterior “Serás uma pessoa honesta”.

      10º- O fato de vivermos em um mundo onde gostamos de adquirir bens nos faz cobiçar as coisas do próximo, e é exatamente isso que movimenta a economia e isso nada tem haver com ser desonesto ou roubar. Ter vontade de ter um bem que outra pessoa possui é comum, e é por isso que muitas pessoas trabalham e guardam dinheiro.

      Resumindo, seus dez mandamentos em maioria são inúteis e o que se aproveita se resume a duas coisas, não matar e ser honesto

      “O Deus verdadeiro não nos oprime e não nos condena,”

      Novamente volte e dê uma olhadinha no velho testamento que vai ver um deus opressor que condena quem não o segue e ordena sacrifícios em seu nome.

      “Todos nós sabemos que não é em toda parte do mundo que o Cristianismo pode ser anunciado, contrariando assim a lei do princípio da liberdade plena,”

      Já ouviu falar da Sanda Inquisição? Recomendo dar uma estudada.

      “Só para terminar falando de história, você citou as mortes provocadas pela defesa do evangelho, eu gostaria que você soubessem quantas pessoas morreraram injustamente apenas por defender o evangelho e quantos Cristãos foram mortos pelos COMUNISTAS ATEUS E ANTICRISTÃOS que dissemiram mentiras em todo o mundo contra CRISTO E SUA IGREJA e o pior de tudo é que você acredita, mas não sabe que os comunistas mataram mais de tres milhões de pessoas em apenas tres anos na Russia enquanto a Inquisição Espanhola para sr mais exato matou apenas 600 pessoas em 300 anos de sua história.”

      Deixa ver se eu entendi. Em primeiro lugar você está me dizendo que pelo fato de cristãos terem morrido nas mãos de Ateus, Anticristos e Comunistas isso da o direito do deus cristão ficar brincando com as pessoas como um garoto de cinco anos queimando formigas com uma lente de aumento? Quer dizer que uma coisa justifica a outra? Então você acha certo a igreja ter matado esse número de pessoas na Espanha para compensar as outra mortes? Só me responda uma coisa então, onde está o seu deus cheio de amor que perdoa e ama o próximo? Pois pelo que você fala o deus cristão é um ser vingativo…

      VEJA A RESPOSTA ABAIXO:

      Curtir

      • SE PREFERIR BAIXE A RESPOSTA EM .DOC NO LINK ABAIXO POIS OS lINK’S EXPLICATIVOS NÃO PERMANECEM NA CÓPIA DESTE COMENTÁRIO.

        RESPOSTA A ALONZO:

        Leia e Responda apenas se tiver coragem de ver suas crenças caírem por terra…

        ESCLARECIMENTO E RESPOSTA:

        Caro amigo você me fez um desafio e lhe confesso que seu desafio não foi assim tão difícil, mesmo que você não concorde com minhas palavras.

        Já respondi perguntas bem mais difíceis que estas e digo-lhe que quem mais abalou a minha fé não foi um “NÃO CRENTE” e sim um daqueles que se dizem jogar no mesmo time que eu, mas que só consegue marcar gol contra e seria graças a este maus jogadores que hoje precisamos receber tantas pancadas do time adversário, sendo assim, eu que já debati com este tipo de gente posso entender muito bem o seu dilema e o seu ateísmo declarado me parece mais com um trauma e não aceitação do pecado de algum “crente” hipócrita que finge ser Cristão mas não passa de um fariseu como Nicodemus.

        Eu não lhe faço nenhum desafio, apenas espero que você mate a sua curiosidade em saber que tipo de baboseira eu andei falando aqui abaixo, não pretendo mudar o seu pensamento e nem mesmo a sua Fé, seja ela qual for, apenas li o seu texto do qual não discordo completamente, apenas acho que toda moeda tem dois lados e para saber o valor de uma moeda que esta de cara pra cima será preciso ver o outro lado antes que se comesse supor valores irreais. A verdade sempre virá à tona, desde que, se olhe COM CUIDADO por todos os ângulos e analise todos os fatos, pois quem olha a moeda somente do lado da cara não pode afirmar o seu verdadeiro valor se não somente supor alguma coisa e suposição não é VERDADE.

        Se quiser saber algo mais, siga os Link’s marcados em Azul, mas não diga depois que não expliquei cada detalhe para a melhor compreensão de minhas posições sólidas.

        Vamos por partes…

        [Cit…] “Vê-se claramente que você conhece uma história ensinada por não Cristãos e sim por pessoas que por motivos não revelados preferem manter as pessoas “LIVRES DE UM DEUS SUPREMO QUE TUDO CONTROLA” para que assim possam se tornar escravas de ideologias humanas e sendo facilmente manipuladas pela opinião dos opressores e ditadores deste mundo material.”[…]

        Idéia central a ser ponderada,
        Nenhum servo pode servir a dois senhores: ou há de odiar a um e amar o outro, ou há de aderir a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e ao dinheiro. (São Lucas 16,13)

        Ser servo é ser escravo, servir significa fazer a vontade de seu Senhor e não a sua própria vontade. Existem muitas formas de escravidão, a maioria delas são instrumentos deste mundo para que um ser humano seja servo do outro, algumas delas foram abolidas, mas não completamente e outras subsistem de maneira camuflada, outras ainda fazem do homem dependente e escravo, como os vícios e que na verdade as drogas se tornam um Senhor que mata aos poucos mesmo quando é servido integralmente, quanto ao Senhorio executado por Deus sobre os Homens é bem diferente, pois este serviço não é uma escravidão, pois os maiores beneficiados serão aqueles que estão a serviço,

        O Próprio Jesus disse para seus Discípulos que:

        Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz seu senhor. Mas chamei-vos amigos, pois vos dei a conhecer tudo quanto ouvi de meu Pai. (São João 15,15)

        O Homem não presta serviço a Deus quando o ama ou o segue e sim é servido dia após dia,

        Assim como o Filho do Homem veio, não para ser servido, mas para servir e dar sua vida em resgate por uma multidão. (São Mateus 20,28)

        Estas palavras não são apenas letras escritas em um livro e sim são testemunhos daqueles que o seguiram, porque Jesus não era servido por ninguém e muito pelo contrário, curava as pessoas sem pedir nada em troca, libertava de diversos problemas psicológicos sem cobrar nenhum centavo, perdoava pecados em troca apenas de um compromisso de que não repetisse o erro, lavava os pés de seus Discípulos que era a incumbência dos escravos do Senhor da casa e assim por diante, e agora quem estava servindo quem? Por que alguém poderia afirmar que esse Jesus que nos demonstra tanto amor seria um carrasco e escravagista capaz de matar e usurpar a liberdade de alguém?

        Mas lamentavelmente não poderíamos fazer a mesma comparação com as grandes corporações financeiras deste mundo que emprestam com usura com o objetivo de extorquir o suado salário do trabalhador, ou até mesmo de um País inteiro sem contar as grandes multinacionais que inventam produtos descartáveis que poluem o planeta em que vivemos e obrigam os consumidores a comprarem e comprarem até ficarem sem emprego, pois a cada dia que passa o sistema de produção não se utiliza de trabalhadores e logo ninguém terá emprego ou salário para comprar tudo que se inventa para vender, vender e vender…

        Veja bem, você aqui acaba de dizer que o problema são as ideologias humanas que torna as pessoas escravas.
        Pois bem, no entanto, a bíblia foi escrita por mãos humanas,
        não veio uma mão gigante do céu e a escreveu.
        Sua bíblia, seu livro sagrado que conta os “grandes” feitos do deus cristão foram escritos pelo ser humano como intermediário, e assim sendo, mesmo que seu deus exista, quem garante que as pessoas que escreveram o livro o fizeram da maneira correta já que são pessoas passíveis de erros?
        Quando você me questionou sobre a existência ou não de Deus, simplesmente você culpou a credibilidade do ser humano e não a certeza da onipotência Divina e neste caso você acaba concordando com o que eu disse, pois no final das contas o erro é HUMANO e não DIVINO.
        Porque eu Daria mais Crédito a um ser humano chamado Richard Dawkins que nada viu e nem participou do sacrifício de Cristo na cruz e não daria valor a uma testemunha ocular deste assassinato que foi São João ?
        Neste caso a minha questão de FÉ se resume em uma escolha em quem eu deveria dar mais crédito ou em quem não dar crédito nenhum, já que a FÉ sempre existirá neste caso, pois quem fala de Deus bem ou mal, é porque de certa forma acredita que Ele exista, se não existir fisicamente, existirá de uma forma psicológica que da mesma forma será REAL para aquele que assim acredita, mas o que tira toda a duvida daquele que crê realmente é a ação inesperada, não programada, as vezes antecipada de um Deus que se faz presente até mesmo na vida daquele que não crê, já que os maiores testemunhos são exatamente de pessoas que não acreditavam em Deus e quando deparam com a verdade se convertem e passam a divulgar o que lhes aconteceu, como por exemplo o Sr. Francis S. Collins que era um cientista ateu, mas ao estudar o Genoma Humano mudou sua FÉ, pois não conseguiu acreditar que tal complexidade de um programa genético pudesse ter surgido apenas ao acaso e nem mesmo com milhões de anos de mutações ou desuso poderiam chegar ao estado atual, sem dizer que neste mesmo programa existem órgãos e funções no corpo humano que jamais foram usados pelo homem é como se fosse um programa perdido e desconhecido em seu CPU que jamais foi utilizado e que você não tem a menor idéia para o que ele sirva.
        Nem mesmo Richard Dawkins o mais famoso ateu da terra tem coragem de afirmar com certeza que Deus não exista e sim prefere dizer apenas que provavelmente Ele não exista. Pra mim isto é uma grande manifestação de dúvida e quem duvida e afirma o que não Crê é porque tem outras intenções por traz de suas afirmações.
        Uma coisa deve ficar bem claro aqui e agora, a história deste Deus verdadeiro se divide em duas partes:

        Digo isto porque você se refere ao meu Deus Cristão, Pai de Jesus Cristo, aquele que morreu numa cruz à vista de uma multidão de pessoas, as quais testemunharam em um só instante o céu se escurecer, um grande terremoto, pedras enormes racharem sem nenhum motivo aparente, mortos saírem de seus túmulos e caminharem normalmente pela cidade além do véu do santuário Judeu se rasgar e revelar o início de uma nova aliança de Deus com os homens. E o confunde com o Deus Judeu, pois apesar de serem a mesma pessoa, devemos separar nitidamente estas duas partes da história, pois se não houvesse uma separação, certamente não existiria este Deus Cristão e tão somente o Deus Judeu e cada um de nós não Judeus ainda estaríamos adorando os deuses do Monte Olimpo ou quem sabe o deus Tupã ou o Saci Pereré e certamente a civilização não seria esta que existe hoje que se ergue nitidamente em cima dos ensinamentos de Cristo que sendo Deus ou sendo apenas um homem, mesmo assim seus ensinamentos foram capazes de dividir a história e construir uma nova civilização que ainda não se completou devido aos desvios cometidos pelo homem no passado, que foram aqui tão bem citados por você e que não resta duvida que os seguidores de Cristo cometeram erros, Mas estes erros não podem ser atribuídos a Cristo ou a Deus, pois estão claramente contrários aos seus ensinamentos e mandamentos.

        O DEUS JUDEU
        A primeira parte desta história se trata de uma promessa exclusiva para um certo povo “JUDEU” que formariam uma certa religião “JUDAISMO E NÃO CRISTIANISMO”, receberiam uma terra prometida em troca de servir somente ao Deus doador e deveriam ser um exemplo de fidelidade e perfeição, que deveriam se multiplicar e encher toda a terra. Nesta parte não se leva em consideração a dignidade daqueles que viviam na idolatria de outros deuses embora não tivessem conhecimento desta verdade e mesmo tendo contato diretamente com este Deus e experimentando seu poder não existia nenhuma possibilidade de que eles se integrassem ao povo de Deus, no entanto este povo ESCOLHIDO foi pecador, foi infiel e não cumpriu sua parte no trato. Deus então mudou seus planos, há quem diga que não seja bem assim, uma mudança de plano e sim que tudo era um só plano, mas a palavra utilizada na profecia foi “SUBSTITUIÇÃO” a primeira aliança foi finalizada e se iniciou uma nova aliança totalmente diferente, logo o que está no velho testamento é apenas uma SOMBRA DO NOVO, uma história do porque agora vigora uma aliança totalmente diferente daquela anterior, portanto em referência àqueles que hoje se Dizem Cristãos não se poderia vincula-los ao passado, porque a grande maioria dos Cristãos de hoje nem sequer faziam parte da primeira aliança e aqueles que faziam parte da primeira aliança na verdade não aderiram à nova e não se converteram até ao dia de hoje, logo o Cristianismo que é a Nova Aliança realizada por Deus no sangue de Jesus derramado na Cruz a favor de todos os homens da terra não é a mesma firmada com Abraão baseada em sacrifícios de animais e que foi firmada exclusivamente com o povo Judeu.

        Em se tratando da antiga aliança você acertou em cheio quando criticou, pois as tábuas da lei entregues nas mãos de Moisés foram sim escritas por uma mão gigante que veio do céu. Moisés que esteve na presença do Deus Altíssimo naquele dia desceu do Monte Sinai com o rosto resplandecente, mas este pequeno detalhe não foi o suficiente para que aquele povo fosse fiel para sempre e fizesse somente a vontade de Deus.

        Por este motivo a nova aliança não consiste em Tábuas da lei escritas a mão de Deus na pedra e sim com suas leis gravadas em cada coração.

        Não há dúvida de que vós sois uma carta de Cristo, redigida por nosso ministério e escrita, não com tinta, mas com o Espírito de Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas em tábuas de carne, isto é, em vossos corações. (II Cor. 3, 3)

        SENDO ASSIM CADA UM SE TORNA RESPONSÁVEL POR SI MESMO E AQUELE QUE COMETER ERRO TERÁ CONSCIÊNCIA DE SEU ERRO E NÃO PODERÁ ACUSAR OS OUTROS DIZENDO QUE NÃO FOI INFORMADO OU LHE ENSINARAM ERRADO.

        Da mesma forma, quem garante o contrário, já que os homens deste mundo só pensam em enganar e passar a perna no seu semelhante, escraviza-lo e descarta-lo.

        Afinal de contas você mesmo coloca que a opinião das pessoas deste mundo material são manipuladas, então quem garante que você não está sendo manipulado?.

        Eu tenho as minhas próprias experiências com Deus e são coisas particulares que provam para mim mesmo que o meu Deus existe e que habita dentro de meu coração, portanto eu não refiro ao que Ele fez para os outros e sim baseio a minha fé naquilo que Ele tem feito por mim e para mim.

        “Quando o homem acredita em um Deus superior fora dos limites deste planetinha ele não se dobra facilmente aos opressores deste mundo e muitas vezes perdem a vida defendendo princípios que você disse não pertencer a DEUS e sim ao próprio homem.”

        De acordo com a promessa de Deus no antigo testamento, a Nova Aliança realizada com o Homem cada qual receberia as leis de Deus em seu coração e de acordo com São Paulo tudo isto foi cumprido, diz ele em (II Cor 3, 3) que cada Cristão é uma carta de Cristo, ou seja as leis de Deus estão escritas e presentes em seu coração, logo, para uma pessoa que não acredita em Deus, esta presença pode ser confundida com algo presente no homem e não vindo de Deus, mas acaba dando no mesmo, pois é assim que Deus quer que aconteça.

        Não pertencem ao deus cristão? espera um pouco, e as carnificinas perpetradas pelo próprio Deus no antigo testamento? ELE fez esse tipo de coisa, ELE ordenava sacrifício HUMANOS em seu nome, então não me venha com essa historinha.

        Você está colocando palavras na Bíblia que não existem, em nenhuma parte da Bíblia Cristã consta que Deus tenha mandado sacrificar alguém, aliás é bem verdade se você leu a História de Abraão e parou no capítulo em que Deus manda Abraão sacrificar Isaac seu filho amado no Monte Moriá e não tenha lido o final da História, pois Deus não permitiu que Abraão chegasse a finalizar este sacrifício e o ensinamento que se aprende deste fato é exatamente que Deus não quer e não permite que isto aconteça, seja na Igreja ou fora dela e hoje o que se vê no mundo são pais e mães matando seus filhos ainda dentro do ventre, outros são abandonados pelas ruas isto porque os princípios Cristãos se apagam dos corações graças os inimigos do bem, eu só gostaria de saber a quem beneficiaria este sacrifício de vidas humanas, pois as mães que praticam tais atrocidades ficam profundamente feridas para todo o resto de suas vidas.

        E é por isso mesmo que Deus declara finalizada a primeira aliança com os Judeus e que agora vigora uma Aliança firmada com toda a humanidade baseada somente no amor que Ele colocou em cada coração, inclusive no seu, se é que você foi batizado um dia, caso não tenha sido assim se justifica a sua falta de Fé.

        “Guerras e atrocidades sempre aconteceram neste mundo, o homem não tinha limites para sua violência e jamais respeitou o seu vizinho, pois preferia roubar e destruir o que ele produzia do que conviver harmoniosamente sem matar seu irmão.”

        Vejamos, isso quer dizer que… Já que o homem é imperfeito e comete atrocidades, o deus cristão que deveria ser perfeito também pode cometer atrocidades mesmo sendo ele em teoria “perfeito”???

        A resposta não seria exatamente esta e sim que o homem já estando acostumado a cometer tamanhas atrocidades precisou de um tempo para ir moldando as suas atitudes e, portanto nesta caminhada em busca da posse de territórios cometia violência da mesma forma que comete hoje em suas guerras que na sua grande maioria nada tem a ver com Deus e sim apenas com a ganância dos seres humanos, principalmente daqueles que em nada crêem.

        “Isto era o que imperava neste mundo até que Deus deu aos homens seus dez mandamentos os quais chamamos de príncipos e alicerces da lei que todos os homens seguem hoje,”

        Os Dez mandamentos do deus cristão são uma farsa, vamos lá:

        1º. – Claramente vemos aqui uma imposição de exclusividade criada pelos cristão que deu ensejo a muitos genocídios. Se as pessoas tem livre arbítrio, porque impedir que tenham a crença que quiserem?

        É bem verdade, aliás, os mulçumanos não permitem que alguém dentro de seu território pratique o Cristianismo, por outro lado Deus ou Jesus, jamais obrigou alguém a segui-lo e sim apenas faz um convite oferecendo uma vida eterna a quem segui-lo, quem não segui-lo não terá como receber este prêmio é claro e é por isso que muitos pecadores que não querem abandonar seu pecado apelam e acham que mereceriam o prêmio sem seguir a Jesus, é como os convidados que faltaram ao grande banquete do Cordeiro exigissem que Deus mandasse servir o churrasco na sua casa e na hora que ele quisesse.

        O Deus dos dez mandamentos seria então o Deus Judeu se assim fosse passível dividir uma única pessoa em duas, já que para os Cristãos foi nos dado um novo mandamento.

        São João 15, 12. Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, como eu vos amo.

        Portanto, para o Cristão este é o único mandamento que deve ser seguido, pois quem segue este mandamento corretamente não cai em nenhum daqueles outros dez anteriores.

        2º – A maior bobagem que já vi na minha vida, segue o que já foi dito no primeiro já que é um mandamento para atacar outras religiões.

        3º- O nome do senhor, tenha dó. Aqui querem colocar o nome do deus cristão como algo sagrado, para angariar respeito a religião, inútil

        4º- Dia do sábado é? Talvez seu deus não tenha se lembrado que tem gente que precisa ralar duro para colocar o pão na mesa e não pode se dar a esse luxo. Alem do mais temos serviços como polícia, hospitais e bombeiros que jamais podem parar por um ordenamento vindo de um deus imaginário que não sabe gerir uma cidade.

        Todos têm o direito de um descanso, se você trabalha sem descansar, creio que está mentindo, pois mesmo aqueles serviços essenciais fazem-se em revezamento. Aqueles que trabalham no Domingo descansam em outro dia da semana. E no caso de Deus, Ele nos deu tudo de graça e o trabalho de hoje cada vez mais cansativo é graças ao pecado e a ganância do próprio homem que fugiu da presença de Deus onde ele tinha tudo, mas preferiu tocar a sua vida por si mesmo sem Deus ao seu lado, diga-me se isto não é verdade? Por acaso você vê Deus ao seu lado? É claro que não verá, pois Ele ai estava bem visível, mas os homens preferiram as trevas e se afastaram da luz, pelo menos uma grande maioria deles, se bem que uma grande minoria ama a Deus e a Jesus de todo coração e é graças a estas pessoas que seguem Jesus e vivem verdadeiramente o evangelho que ainda hoje podemos ter esperança em um mundo melhor.

        5º- O pai e a mãe apenas devem ser repeitados se merecerem, afinal temos no mundo muitos pais relapsos e ruins. Respeito é uma coisa que se adquire com merecimento.

        6º- Aqui finalmente temos uma coisa útil, no entanto isso é meio que algo endêmico ao ser humano. O ato de não matar é o da auto-preservação. No entanto a bíblia tem história de cristãos matando outros homens que seguiam outro deu imaginário que não fosse o seu.

        7º- Não trair também é aceitável, e também algo que segue um raciocínio lógico e sem necessidade de ler um livro velho e mentiroso.

        8º- O ato de não roubar é uma coisa interessante, no entanto temos uma conduta em dois mandamentos, não trair e não roubar, ambas são relacionadas a se honesto então poderíamos apenas dizer “Serás uma pessoa honesta”.

        9º- Sem mentiras? Bom isso é um pouco de exagero mas ainda se enquadra no anterior “Serás uma pessoa honesta”.

        10º- O fato de vivermos em um mundo onde gostamos de adquirir bens nos faz cobiçar as coisas do próximo, e é exatamente isso que movimenta a economia e isso nada tem haver com ser desonesto ou roubar. Ter vontade de ter um bem que outra pessoa possui é comum, e é por isso que muitas pessoas trabalham e guardam dinheiro.

        Resumindo, seus dez mandamentos em maioria são inúteis e o que se aproveita se resume a duas coisas, não matar e ser honesto

        Vejo que até você mesmo se dobra e admite que alguma coisa da lei de Deus tem o seu valor e é claro que este fundamento se deve a um pouco de Deus que você tenha recebido em seu passado e sua formação, veja que se você tivesse nascido em um lar mulçumano radicalista, você pensaria outra coisa e seria capaz de queimar um ser humano ainda em vida, seria também capaz de derrubar as torres gêmeas com milhares de pessoas dentro, veja que este princípio não é totalmente humano e sim é um ensinamento adquirido através da tradição de seus pais que o adquiriram da vivência Cristã no passado e é por isso que estes frágeis princípios estão ameaçados de desaparecer, pois quando se tira a PEDRA “JESUS” que sustenta o edifício ele desaba, esta é a comparação que Jesus faz com o magnífico templo Judeus erguido por Salomão, obra tão magnífica que jamais foi executada outra nesta terra semelhante e mesmo assim foi destruída pedra por pedra e não restou nem sinal de sua existência a não ser a pedra angular que se tornou hoje o muro das lamentações, apenas uma vaga memória e até mesmo esta vaga memória os anticristos deste mundo pretendem tirar das mentes e dos corações dos homens e se isto acontecer pode se preparar para grandes genocídios em todo o planeta.

        “O Deus verdadeiro não nos oprime e não nos condena,”

        Novamente volte e dê uma olhadinha no velho testamento que vai ver um deus opressor que condena quem não o segue e ordena sacrifícios em seu nome.

        Novamente você cita o velho testamento e conta uma historia que se passou, mas jamais menciona aquilo que está em vigor e nem mesmo o sacrifício de um homem chamado Jesus na cruz, este homem era Deus feito carne e Ele se abdicou de seu poder Divino e foi capaz de morrer por nós para nos libertar de todas as conseqüências das atrocidades anteriores.

        “Todos nós sabemos que não é em toda parte do mundo que o Cristianismo pode ser anunciado, contrariando assim a lei do princípio da liberdade plena,”

        Já ouviu falar da Santa Inquisição? Recomendo dar uma estudada.

        “Só para terminar falando de história, você citou as mortes provocadas pela defesa do evangelho, eu gostaria que você soubesse quantas pessoas morreram injustamente apenas por defender o evangelho e quantos Cristãos foram mortos pelos COMUNISTAS ATEUS E ANTICRISTÃOS que disseminaram mentiras em todo o mundo contra CRISTO E SUA IGREJA e o pior de tudo é que você acredita, mas não sabe que os comunistas mataram mais de três milhões de pessoas em apenas três anos na Rússia enquanto a Inquisição Espanhola para ser mais exato matou apenas 600 pessoas em 300 anos de sua história.”

        Deixa ver se eu entendi. Em primeiro lugar você está me dizendo que pelo fato de cristãos terem morrido nas mãos de Ateus, Anticristos e Comunistas isso da o direito do deus cristão ficar brincando com as pessoas como um garoto de cinco anos queimando formigas com uma lente de aumento? Quer dizer que uma coisa justifica a outra? Então você acha certo a igreja ter matado esse número de pessoas na Espanha para compensar as outra mortes? Só me responda uma coisa então, onde está o seu deus cheio de amor que perdoa e ama o próximo? Pois pelo que você fala o deus cristão é um ser vingativo…

        Meu amigo, você mostra conhecer muito pouco de história e mostra saber menos ainda de cronologia, quem se justifica pelas mortes possivelmente acontecidas na Santa Inquisição são os Ateus e os anticristos comunas nem sequer se referem a estas mortes em seu massacre, pois a sua carnificina nada tem a ver com vingança contra a Igreja em si ou por seus atos cometidos na Europa e sim com a tentativa de apagar o cristianismo da história de seu País, fato que não aconteceu e ainda fortaleceu o cristianismo, pois a verdade será sempre esta, cada Cristão que morre como Mártir ele gera milhares de outras vocações, pois somente aquele que AMA é capaz de morrer pelo bem dos outros e aquele que não ama é que é capaz de matar seu semelhante para o bem de si mesmo, se você for capaz de amar assim, pode crer, que mesmo falando contra Cristo você o terá com certeza em seu coração, mas a verdade é que, quem ama de verdade, jamais se manifesta contra aquele que nos amou até a morte de cruz.

        Quem é esse Deus ?

        Curtir

Deixar um Comentério aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: