Eu vi Jesus … e o céu existe com certeza …



Uma menina nos Estados Unidos garante ter visto o rosto de Jesus em um sonho e para revelar a aparência d’Ele pintou um retrato totalmente fiel à sua visão que deixou o mundo totalmente impressionado. com os detalhes e a aparência da imagem que retratou.



Existe uma curiosidade crescente no mundo de hoje a respeito da verdadeira aparência de Jesus Cristo, uma vez que na época ninguém se preocupou em retratar o Filho de Deus.

Muitas imagem são divulgadas por aí e ficou na mente e no coração das pessoas uma aparência que não foi a real aparência do Mestre e por isso até a ciência quis dar sua opinião “IMPARCIAL” por não ser uma opinião de cunho religioso e sim baseada em fatos reais e verdadeiros.


JESUS MISERICORDIOSO


Apresentaram uma imagem supostamente não verdadeira, mas bem mais próxima do que seria a verdade, porém esta mesma ciência usando de técnicas diferentes acaba por complicar ainda mais a situação, pois nos oferece opções de imagens muito diferentes uma da outra e contestam as imagens conhecidas até então.


Quantos de nós não queríamos ter visto Jesus?


Akiane Kramarik disse que teve essa experiência.

Hoje ela tem 23 anos e trabalha como pintora e poetisa.

Nascida em Illinois, Estados Unidos, Akiane teve uma experiência sobrenatural quando tinha apenas 3 anos de idade.

Ela conta que, do nada, começou a ter visões do céu que lhe foram reveladas através de seus sonhos.

A menina, na época, contou aos pais, e eles tiveram muita dificuldade para acreditar, principalmente porque eram ateus.

No entanto, ela foi firme e disse que tinha certeza de que aqueles sonhos se tratavam de uma conversa com o próprio Deus.

Jesus teria dito a Akiane que ela deveria ajudar outras pessoas.

Aos 4 anos, a pequena começou a fazer um desenho numa tela.

Dois anos depois, o esboço passou a ter cores e formas – até que se tornou uma verdadeira obra de arte.

Uma das pinturas mais famosas da menina se chama “Príncipe da Paz”, em homenagem a Jesus de Nazaré.

Essa imagem foi criada quando ela tinha apenas 8 anos e está conectada com outra experiência, a de Colton Burpo.



Ele foi o menino que inspirou o filme O Céu É de Verdade.

Quando tinha 4 anos, ele quase morreu numa cirurgia de apendicite, Voltou a ida e garante que, durante a operação, ele deixou o corpo físico, viu os pais no hospital e foi levado ao céu.

Quando acordou, disse que aos pais que esteve no paraíso.



Mais do que isso!

Ele disse que viu Jesus, os anjos, e dois de seus parentes já falecidos: a irmã não nascida, que havia morrido aos 3 meses de gestação, e o avô paterno.

Um dia, quando o pai de Colton via uma reportagem sobre a imagem de Jesus que Akiane pintou, o menino entrou por acaso na sala onde o pai estava e viu essa imagem: ele deu um pulo e afirmou que se tratava do mesmo homem que viu quando estava no céu.

As duas experiências ficaram famosas no mundo todo.

Os pais da menina Akiane acabaram se convertendo ao cristianismo.

Hoje ela é uma artista (autodidata) muito popular nos Estados Unidos.

Akiane acredita que o talento é um presente prometido por Deus para que fosse compartilhado com outras pessoas.

Todas as pinturas são baseadas nas visões que teve quando criança.

Sobre a figura de Jesus, ela chegou a pintar duas telas.

A primeira, como já mencionamos, chama-se “Príncipe da Paz”.

E a segunda ficou nomeada como “Perdoa-os, Pai”.

O que ela consegue arrecadar com o dom, segundo a família, é investido em projetos para ajudar os mais necessitados, como a construção de hospitais na África.

Ela sonha em ver o mundo livre das guerras.



Testemunho de Glória Polo

Ela visitou o céu e o inferno quando esteve entre a vida e a morte após ser atingida por um raio.



Outros Post’s semelhantes



Jesus_e_seus_melhores_amigos A casa em chamas
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/paixao-de-jesus.jpg?w=130&h=120 colo-de-jesus Ultima_seia_leonardo_da_vinci_original

Tende_Misericordia_Senhor

Amigo Fiel Ultima_seia_leonardo_da_vinci_original


Testemunho sobre um Testemunho Real.

… Foi na Inauguração da

TV Canção Nova em

Belo Horizonte que Jesus

me tocou profundamente …

Glória Polo na Canção Nova.

O Testemunho da Dra. Glória Polo Tem uma Força Divina para transformar nosso interior numa morada do Espírito Santo.

Aqueles que, como eu, sempre buscou algo mais, algo além desta simples vida terrena, tem no testemunho da Dra. Glória Polo uma prova viva!!! De uma vida espiritual após esta vida terrena.

Eu havia ficado muito surpreso com o meu primeiro contato com este testemunho, cheguei a rasgar seu livro imaginando se tratar de mais uma leitura fabricada com enfoque nas experiências após a morte E.P.M, muito difundidas pelo espiritismo, para atrair pessoas com esta certa carência de respostas sobre a vida espiritual…

Foi quando na inauguração da TV CANÇÃO NOVA de Belo Horizonte, VÍ a Dra. Glória Polo ser apresentada por um Sacerdote Católico e com todo o aval da Canção Nova, entendi que se tratava de algo Muito especial, extremamente incomum, que veio para mim como uma bomba, com uma força tal que; me fez mudar de vida completamente.

Fui buscar o Sacramento da Eucaristia como nunca havia buscado antes, como uma prioridade para minha vida e com isso me submetendo a todo comportamento de renuncia ao pecado, busquei ardentemente o Sacramento da Penitência e me confessei com o Sacerdote que me acolheu, me aconselhou e me absolveu.

Senti uma maravilhosa sensação de alívio que a muito tempo não experimentava.

Obrigado Senhor, quero propagar por onde passo este testemunho para que outros sejam igualmente tocados como Jesus me tocou profundamente!!!

Ronaldo … Belo Horizonte

Aécio Neves e Gabriel Chalita no programa Papo Aberto, da Canção Nova Foto: Gabriel Azevedo

Fonte:

BLOG do PSDB de Minas Gerais

Canção Nova inaugura produtora de TV em Belo Horizonte.

.

Este testemunho chegou hoje como comentário, como este já recebi outros que dizem praticamente a mesma coisa, acho muito importante que estes testemunhos sejam divulgados para honra e glória do nome de nosso Deus e Senhor.

Ronaldo Paes,

Comentário em Novembro 4th, 2009 às 2:10 pm

Mulher Atingida Por Um Raio

Conta seu Testemunho.

Gloria Polo no Brasil.

Dr. Glória Polo no Congresso Nacional RCC 2009.

Dr. Glória Polo no Congresso Nacional RCC 2009.

.

A Doutora Glória Polo, uma Dentista Colombiana que foi atingida por um Raio e sobreviveu, tem testemunhado por todo o mundo os acontecimentos que mudaram sua vida, ela estará presente no CONGRESSO NACIONAL DA RCC em 2009, que será realizado nas dependências da comunidade Canção Nova.

Sua vida foi dividida em duas partes, antes e depois deste Raio, Ela que era uma pessoa bem posicionada na sociedade, muito orgulhosa da vida que  possuía, participava normalmente da Igreja, mas percebeu que sua vida na prática não a levaria para o reino dos céus, já que praticava muitas coisas que são pecados gravíssimos e que muitas vezes nos acomodamos com eles achando que é tudo normal, não precisaríamos jamais mudar o nosso modo de pensar e agir dentro da Igreja.

Sua reabilitação por instrumentos médicos, já que seu estado de saúde era gravíssimo a deixou em um estado entre a vida e a morte e um coma que diagnosticava uma morte eminente, ficou neste estado por muitos dias  no que foram marcadas varias correntes de oração pela sua reabilitação, mas Glória Polo enquanto isso estava trilhando seu caminho como se já estivesse morrido, sendo encaminhada ao seu devido lugar eterno, mas como sua frágil vida ainda a prendia neste mundo, foi como se fosse apenas um passeio turístico, foi onde ela viu o que lhe esperava após a sua morte definitiva, mas ela nada mais podia fazer já que estava inerte em uma cama de hospital.

Dr. Glória Polo no Congresso Nacional RCC - 2009

Dr. Glória Polo no Congresso Nacional RCC - 2009


Foi neste ponto que algo diferente aconteceu, Jesus resolveu devolver-lhe a vida que já estava praticamente perdida e a enviou de volta com a memória de tudo que ela presenciou enquanto estava em coma profundo, para que pudesse testemunhar a todos nós como sua vida estava errada e mesmo ela achando que estava agradando a Deus com sua presença na Igreja, ela apenas estava enganando a si mesma e as pessoas que viviam ao seu lado.

Este é o testemunho que ela conta com detalhes e que realmente convence nossos corações de que precisamos mudar nossas vidas se realmente quisermos alcançar a vida eterna com Deus.



.


Gloria Pollo

SE PREFERIR BAIXE AQUI

O TESTEMUNHO DE GLORIA POLO

COMPLETO EM PORTUGUÉS

= DOC. WORLD


Homem Morto FOI DEUS

Vivo ou Morto ?


Como saber quando alguém

morreu de verdade ou ainda

terá chance de sobreviver ?


Dengue

Minha Vida está nas

mãos de Deus !

A poucos dias postei o testemunho de um Médico que se converteu quando uma paciente em estado crítico de Dengue hemorrágica veio a falecer em suas mãos, por 40 minutos ele tentou recuperar-lhe a vida e não conseguiu mesmo usando todos os recursos e conhecimentos médicos disponíveis, fato que, em 35 anos de medicina nunca lhe havia ocorrido. Quarenta minutos após o fato, quando já tinha repassado a notícia para seus familiares, ela milagrosamente voltou a viver.


Dengue

Testemunho de

Glória Polo

Parte I

A Doutora Glória Polo, uma dentista Colombiana foi fulminada por um Raio, mas os médicos conseguiram recuperar-lhe a vida. Percebeu-se porém, que as conseguencias do Raio haviam sido gravíssimas para seu corpo e se ela não morresse novamente, ficaria com graves ceguelas para sempre. Ela ficou em coma por varios dias, estando no limiar entre a vida e a morte, até que após ter presenciado seu possível futuro longe de Deus, Jesus poupou-lhe a vida e a enviou de volta para testemunhar tudo que havia presenciado, para levar a muitas outras pessoas a abandonarem suas vidas de pecado e se voltarem completamente para Deus. Milagrosamente recuperou a saúde plena e hoje viaja pelo mundo testemunhando aquilo que presenciou enquanto esteve entre a vida e a morte e proclamando a mensagem que Deus lhe pediu.


Dengue

Catalépsia

Existem muitos relatos de pessoas que morreram e foram enterradas, depois se descobriu que elas na verdade foram enterradas vivas, sofriam de Catalepsia patológica – e pareciam estar mortas, mas na verdade não haviam morrido. (Cine) Romeu e Julieta é uma história que se baseia nesta possibilidade, até a novela (Global)  Caminho das Índias utilizou deste fantasioso recurso de cena para falsificar a morte de Raul Cadori.


Dengue

Apartamento

Alugado

Contei a historia de um aposentado Francês que Alugou um Apartamento em Santa Etiene, procurando um lugar tranquilo para morar, mas o homem desapareceu sem deixar notícia, a imobiliária lhe mandou cobrança varias vezes, mas só depois de muito tempo resolveram invadir o apartamento para despejar o inquilino inadimplente, descobriram então que o homem já estava morto a mais de um ano.


Com estes quatro exemplos diferentes em que deixaram dúvidas sobre quem estava vivo ou quem estaria realmente morto eu gostaria de falar sobre a mensagem que foi mostrada ao profeta Ezequiel no cap 37.

Este Profeta foi levado por Deus em visões a uma enorme planície que estava repleta de ossos espalhados pelo chão.

Hoje poderíamos visitar uma capela em Évora – Portugal que teríamos uma visão semelhante..


Évora - Portugal Ossos  Évora - Portugal
Évora - Portugal Ossos

Fonte das fotos em:

Évora

Portugal


Deus ordenou que o Profeta circulasse entre os ossos e observasse aquela situação, depois de ter andado e observado o que lhes tinha acontecido, Deus o interrogou a respeito do seu diagnóstico da situação.

Ele então lhe respondeu:

– Se trata de ossos ressequidos, pessoas que morreram em uma batalha a muitos e muitos anos atrás.

Deus então lhe perguntou:

Pode esses ossos ressequidos retornar a vida ?

Este era um teste de fé

Para o Profeta !

Mas era uma resposta lógica !

Quem de nós diria que um monte de ossos e esqueletos espalhados pelo chão de um cemitério, pudessem reviver, ou sair andando e falando pelo mundo.   Em primeiro lugar as pessoas já fogem apenas de um cadáver, gritam ao ver fantasmas, imaginem de um esqueleto se mexesse e saisse andando!

Mas o Profeta tirou nota dez na resposta, ele havia observado que realmente não existia nenhuma possibilidade de vida naqueles ossos, mas mediante a Palavra de Deus tudo seria possível e portanto respondeu, somente Tu podes dizer isto Senhor !

Situação semelhante acontece com Jesus na Cruz quando o soldado romano abre o seu lado jorrando sangue e água, demonstrando para todos que não havia mais nenhuma gota de sangue naquele corpo pendurado no madeiro e segundo acreditavam na época, sem sangue não existia mais vida.

O Profeta porém declarou que acreditaria naquilo que Deus lhe dissesse, mesmo que declarasse que os ossos tornariam a viver.

Para sua surpresa, Deus não apenas declarou que isto seria possível, como lhe  ordenou que ele mesmo deveria profetizar aos ossos mortos que tornariam a viver.

Imaginem só, naquela época, nem os vivos queriam saber das coisas de Deus e não ouviam a mensagem dos Profetas, agora também iríamos ter que pregar para os mortos, mas em obediência à palavra de Deus e confiando no seu poder o profeta executou a ordem Divina.

Não seria nenhuma surpresa se algo extraordinário acontecesse, já que ele havia declarado sua fé incondicional a Deus, o Profeta observou que os ossos começaram a se mover e se arrastar pelo chão, foram se ajuntando um ao outro num imenso barulho de ossos se batendo até que formaram uma multidão de esqueletos  deitados no chão.

As palavras do senhor continuam nos ouvidos do Profeta, Deus mandou que ele continuasse a profetizar aos esqueletos que se formaram,  virá então carne em volta desses ossos, Ezequiel obedece mais uma vez esta palavra e proclama em alta voz o que Deus lhe falou ao ouvido interior.

Mover ossos pelo chão e realinhá-los em um esqueleto não é algo muito difícil, mas crescer carne e se formar um novo corpo, seria muito mais do que um milagre.   Mas assim se fez, e músculos cresceram naqueles ossos, uma nova pele os revestiu e se puseram de pé, um grande e um imenso exército, porém, observava-se que apesar de tudo isso, ainda continuavam mortos.  Pouca diferença entre ossos secos, mortos e inertes e um exército de homens, imóveis, parados e mortos, totalmente inúteis, retornarem à mesma condição anterior, seria apenas uma questão de tempo com a ajuda de alguns vermes, abútres e chacais.

A Parte final da visão é o momento  em que Deus coloca seu Espírito nestes homens inúteis e mortos para que revivam e formem um grande exército que lute ao seu lado na grande batalha.

Esta visão era uma análise da situação do povo de Israel na época, apesar de se moverem e respirarem o oxigênio do nosso planeta, estavam praticamente mortos e sem nenhuma esperança de vida no presente ou no futuro.

Quando Deus mostrou os ossos ressequidos totalmente sem vida, na verdade estava mostrando a situação dos homens que apesar de estarem vivos na verdade estavam mortos e precisavam de uma intervenção Divina para mudar esta situação, sendo que, Ezequiel foi o convidado para transmitir isto aos filhos de Deus.

Imenso Exercito

Deus usou esta imagem da ressurreição  de um exercito morto a muitos anos para exemplificar a diferença entre a velha aliança que estava morta e a nova aliança que, renasceria das cinzas “das estruturas” da primeira para se tornar eterna e cheia de vida Divina.

Não podemos deixar de atualizar esta mensagem para nossos dias, o que no mundo se vê hoje, principalmente na Europa onde muitos Santos deram suas vidas por Jesus no passado, é justamente a visualização do Profeta Ezequiel.

Onde está o exercito de Deus ?

Onde estão os soldados de Cristo ?

Onde estão os Santos do Senhor ?

Onde estão os Verdadeiros Profetas ?

Será que estão todos dormindo ?

Será que estão todos mortos ?

Chegou o tempo da apostasia, chegou o tempo da Profecia !!!

Chegou o tempo em que as palavras do Profeta retomam o seu valor e o seu Poder !!!

O mundo precisa deste exercito !

O Mundo precisa destes soldados, Santos, Profetas, todos vivos, acordados, espertos, preparados, para enfim ganharmos a grande batalha em nome do Senhor!

Na verdade JESUS precisa apenas de uma pessoa, apenas um Profeta …

Que tenha a coragem de profetizar aos quatro cantos do mundo, que o grande dia do Senhor já chegou, Ele já está vindo entre as nuvens para julgar e Reinar nesta terra…

Jesus Precisa de Você.

Muito bem Vivo

Por isso lhe deu

A sua própria Vida !

Proclame esta verdade !


HISTÓRIAS DO PADRE LEO
PRESENTEPRAVOCE
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg?w=130&h=120
https://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/12/sag-fam-lk.jpg?w=130&h=120&h=120


Minha Vida está nas mãos de Deus !

Testemunho de um Médico que presenciou a morte e o retorno à vida de uma paciente em estado grave de Dengue Hemorrágica.

Estarei editando partes deste texto, devido ser um pouco extenso e estar direcionado a uma pessoa em particular, vou procurar direcioná-lo de modo totalmente imparcial mostrando apenas a ação de Deus na vida dos envolvidos deste Testemunho:

Médico Ateu se Encontra com Deus.

16 06 2009

Testemunho enviado por e-mail:

Meu nome é Pedro. Eu e minha esposa Antonia enviamos este e-mail […] que relata como aconteceu o meu encontro com Deus.

Sou formado em medicina e, outrora, totalmente descrente dessa fé.  A mesma fé que minha esposa e minha nonna (avó; somos italianos…) sempre creram.    Sempre dependi da força de meus braços, dos meus estudos, orgulhoso da medicina que através de mim salvava vidas. Minha esposa há 12 anos lutou por mim, pela minha salvação. Eu nunca aceitei ela me dizer nada a respeito de DEUS ou sobre a Igreja. Sempre fomos de condições financeiras ótimas, nunca dependi de ninguém. Minha esposa muito sabiamente sempre lutou pela minha salvação em silêncio, até porque ela sabia e conhecia o marido que tinha. Orgulhoso, que nunca aceitaria ela me falar de DEUS e da sua fé.

Até que em setembro de 2008 aconteceu, em minha vida, algo inesperado. Como sou um médico conhecido e reconhecido, recebi um chamado de um amigo para ir até Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, acompanhar um caso de dengue hemorrágica. Neste caso, eu estaria indo ate lá para fazer uma autópsia. Só o corpo desfalecido para, então, ajudar a medicina a encontrar uma injeção contra todos os tipos de dengue.

Caso Grave de Dengue Emorrágica.

Caso Grave de Dengue Hemorrágica.

Era uma jovem de 26 anos, quando eu cheguei, ela já havia sofrido com traumas como paradas respiratórias e estava em coma induzido. Minha junta médica iria controlar a febre e a hemorragia. Como médico, nunca havia visto uma dengue hemorrágica naquele estado, mesmo assim, havia algo diferente no semblante dela.

Essa jovem, uma guerreira de fé[…].   Quando cheguei com minha equipe médica, avaliamos o caso e ela estava muito mal. Era para estar morta, devido a muitas paradas respiratórias. Durante a madrugada, quando ela saiu do coma, minha equipe me chamou.

Eu ainda não havia conversado com ela devido ao seu estado. Ela me disse: Doutor, eu não sei o que o Senhor Jesus vai fazer nessa noite, não sei o que Ele quer, mas sei que a vontade d’Ele vai ser feita na minha vida. E, mesmo se Ele quiser me levar hoje, o senhor não poderá fazer nada. Pode ficar fazendo massagens, dar choques, o que o senhor tiver de fazer, mas só volto se DEUS assim quiser porque minha vida está n’Ele!

Aquilo foi um absurdo para mim, porque eu, com todo o meu orgulho, nunca aceitaria uma menina me dizer aquilo. Ela foi realmente abusada. Ninguém antes havia falado comigo daquela forma em toda minha vida. O detalhe é que ela nunca tinha me visto antes. Eu disse à equipe que trabalha comigo: Quem é o profissional aqui? Quem estudou e se especializou na medicina humana durante anos, e agora vem essa jovem, uma menina vem me afrontar dessa maneira. Quem ela pensa que é? Enquanto eu estudava e salvava vidas, ela estava na igreja servindo a esse DEUS dela!

Eu sai do quarto de Charlene aos berros, irado com tudo aquilo. Ela, mesmo naquela situação, crendo no que não via, porque ela estava aos frangalhos. Quando mais uma vez, o inesperado aconteceu. Naquela madrugada, essa jovem veio a falecer. Na mesma hora, recordei o que ela havia me dito poucos minutos antes. Rapidamente, comecei a fazer as massagens e usei o desfibrilador. Fiquei durante 40 minutos tentando reanimá-la. Já esgotado das minhas forças, minha equipe parou de me auxiliar e ficou me olhando. Quando o meu auxiliar-chefe e amigo segurou os meus braços e disse: Pedro, chega ela morreu; acabou!

bloc[1]

Saí daquele lugar e fui chorar humilhado. Eu disse à minha equipe: “Eu nunca perdi ninguém nesses 35 anos de medicina, e vem essa menina abusada e me envergonha diante de todos com essa fé nesse DEUS dela (Lembrando do que minha esposa me dizia) […]. Minha junta médica, de cabeça baixa, diante da minha ira e meu transtorno. Depois de alguns minutos, me controlei, recuperei o ar e fui à família dizer que a Charlene havia vindo a óbito.

Eu conversava com a família: Eu fiz tudo que eu pude tentando trazê-la à vida, mas a Charlene veio a óbito. QUANDO A ENFERMEIRA ENTRA CORRENDO E GRITANDO NA SALA: DOUTOR PEDRO, A PACIENTE NÃO MORREU. ELA VOLTOU!!!!!!!!!!!!!  […] DEPOIS DE TENTAR E ESGOTAR AS MINHAS FORÇAS E TODOS OS MEUS CONHECIMENTOS MÉDICOS, E COMUNICAR À FAMILIA O ÓBITO, ELA VOLTA DO NADA. EU JA TINHA DADO O HORÁRIO DE ÓBITO. ELA ESTAVA EM OUTRA SALA. TODOS COM OS PREPARATIVOS NECESSÁRIOS E EU COM A FAMÍLIA DELA. QUANDO ELA VOLTA A VIVER….

A MINHA CABEÇA NÃO ENTENDEU NADA. REALMENTE, DE NADA ME SERVIRAM OS ANOS DE ESTUDOS, ESPECIALIZAÇÕES E FORMAÇÃO DIANTE DAQUILO. QUANDO ENTREI NA SALA, ELA JÁ ESTAVA SENTADA, ‘SORRINDO’. FUI EXAMINÁ-LA, PERPLEXO, SEM ENTENDER NADA, SEM AO MENOS CONSEGUIR OLHA-LA NOS OLHOS.

Sai dali e fui ligar para minha esposa, onde morávamos. Ela estava acordada, preparando tudo, porque estávamos de mudança para Portugal. Eu disse para ela: Antonia me ajude, porque não sei o que aconteceu. Não estou entendendo nada.

Expliquei para ela tudo que tinha acontecido naquela madrugada. Antonia disse: Pedro, meu querido, eu sabia que isto um dia iria acontecer. DEUS iria quebrar a suas pernas para você conhecê-lo. Fica tranquilo que tudo vai ser esclarecido. DEUS fez tudo isso só por tua causa.

Chorei muito naquela madrugada. Não consegui dormir enquanto não amanheceu para então conversar com essa jovem.

Pela manhã, logo cedo, fui vê-la. Ela me falou de JESUS, de todo o sacrifício d’Ele por mim. Ela me falou que está nas mãos de DEUS e que, em tempo algum, teve medo, porque sabia em quem ela tem crido. E me convidou para ir à Igreja.[…]

Então, disse a ela que minha esposa, Antonia, já participava da igreja havia 12 anos, e sempre quis me levar com ela. Sempre lutou por mim. Charlene disse: DEUS ouviu as orações da sua esposa, doutor. Os propósitos dela a teu favor. Nessa madrugada, O MEU DEUS teve de usar uma ‘morta’ pra salvar a sua alma, porque Ele havia usado muitos ‘vivos’ ,mas o senhor não dava ouvidos para DEUS.  […]

Voltei para Casa, encontrei minha esposa Antonia. No ato, ela me disse que eu não era o mesmo Pedro que ela havia visto pela última vez! […]

Eu me entreguei a Jesus. Imediatamente, houve a PAZ EM MIM, O GOZO. Havia saído TONELADAS das minhas costas. Agora entendo tudo o que DEUS fez por minha alma. O sacrifício do SEU FILHO, O MEU SENHOR JESUS. HOJE, EU O ASSUMO COMO MEU SENHOR. Entendo que o que aconteceu em Campo Grande foi para que eu conhecesse a DEUS. […]

Esse foi o meu encontro com DEUS. Tentei resumi-lo e não entrar em tantos detalhes… mas é isso, Deus me salvou, reconheço que só Ele tem domínio e Poder de tudo. E que tudo é possível àquele que crê. Até para a morte!

Dias depois de tudo que ocorreu naquele hospital, foi internada uma paciente com dengue hemorrágica. Ela faleceu. um detalhe me chamou a atenção: Essa outra paciente servia aos encostos e o semblante dela era pesado e triste. Faleceu com o rosto de agonia, totalmente diferente e oposto ao que eu havia visto dias antes, o Poder de DEUS.

A Jovem Charlene está totalmente recuperada, sem nenhuma sequela, para quem teve 13 paradas respiratórias, hemorragias internas, ficou 40 minutos sem batimentos cardíacos e respiratórios, entre comas e comas induzidos. Depois disso tudo, ressuscitar sorrindo é realmente um milagre do Poder do nosso DEUS! Ela me disse que não é contra a medicina, que é de DEUS, mas é limitada. E o nosso DEUS não tem limites! Antonia agradece a DEUS todos os dias pelo que aconteceu porque o antigo Pedro, orgulhoso, nunca reconheceria que isso é um milagre, se não acontecesse comigo.

Espero que esse e-mail chegue a muitos corações. Me perdoe por tudo que falei contra Jesus… Já pedi perdão à Antonia porque eu a criticava tanto.

*Antes eu era conhecido como ”DR. HOUSE” incrédulo! Hoje Dr. Pedro, um homem nascido de DEUS.

Em fé, Pedro e Família

Fonte:

http://detudomaisumpouco.wordpress.com/2009/06/16/medico-ateu-se-converte/

Ps. Antes que seja comentado, gostaria de dizer que um testemunho da ação de Deus na vida de alguém, não pertence a ninguém, senão somente a Deus que é o autor da obra e o nome ao qual é digno de todo mérito.

Portanto este testemunho pertence a você leitor, para que você conheça o Amor de Deus, sem se importar onde ele ocorra, se numa Igreja ou num hospital, porque Deus aje em nossas vidas a qualquer momento e em qualquer lugar, neste exato momento Ele pode estar tocando o seu coração de uma forma totalmente diferente e o transformando em um novo coração.

1_1_20080409_030[1].


O ALPINISTA EXTRAORDINÁRIO. COMO UMA BOMBA

http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg?w=130&h=120
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/frutos-do-espirito.jpg?w=130&h=120
//mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/pentecostes-ico.jpg” contém erros e não pode ser exibida.

Mulher Atingida Por Um Raio conta seu Testemunho.

Ela chegou a Morrer, mas milagrosamente recuperou a vida plena.    Isto aconteceu recentemente em Bogotá na Colômbia.

Os representantes da Igreja Católica permitiram a divulgação de seu testemunnho em todo o  mundo pois confirmaram a sua veracidade e o grande benefício que isto pode proporcionar àqueles que lho ouvirem.

A Doutora Glória Polo é uma dentista residente em Bogotá na Colombia, num dia de tempestade estava voltando para casa com seu esposo e um sobrinho, quando, passando por perto de algumas arvores, ela e seu sobrinho foram atingidos por um raio, ambos faleceram no local.


frame_gloria01.jpg

O que se seguirá agora serão os momentos após sua morte:

Glória Polo sentiu uma tremenda dor e logo após um grande alívio, sentiu-se livre e flutuando, e pôde visualizar os acontecimentos que sucederam logo após seu acidente fatal, ela foi socorrida e levada para um hospital onde conseguiram reanimar seus batimentos cardíacos, porém seus ferimentos eram gravíssimos, queimaduras em grande parte do corpo, órgãos internos praticamente destruídos, um buraco no peito, ela permanecia em coma profundo, mesmo com vida, foi diagnosticado morte certa e se por acaso sobrevivesse teria diversas seqüelas graves.

Neste período Gloria Polo chegou a sentir-se viva mais logo entrou em coma profundo novamente, voltando a estar livre de seu corpo começando “como se diz” um processo de retorno ao Pai, mas sua frágil vida continuou lhe prendendo a este mundo.

Ela pôde visualizar toda sua vida passada, como num julgamento final, e se viu uma péssima pessoa. Ela que era uma Mulher de posses, vivia bem financeiramente, gostava de ostentar-se, tinha muitos preconceitos e muito orgulho, vivia com indiferença uma fé frágil e não valorizava a Igreja como deveria. Em relação ao seu Matrimônio também percebeu que não o vivia de acordo com a vontade de Deus e que havia muitos erros em sua maneira de ser e viver que precisavam ser reavaliados na sua vida.

Teve uma experiência do Céu, do Purgatório e do inferno e lógicamente se permanecese Morta sua alma estaria perdida e certamente sua morada eterna seria mesmo o inferno e Ela teve certeza disso.

Glória Polo ao sentir que suas ações na terra não lhe garantiriam o Céu, apelou pela Misericórdia divina:

”E com essa vergonha tão grande e essa dor, comecei a gritar: “Jesus Cristo! Senhor, tenha compaixão de mim! Perdoe-me! Por favor, me dê uma segunda oportunidade!”

O Testemunho de Intercessão que salvou sua vida.

Testemunho Completo em Português = DOC. WORLD

[…] ”E este foi o momento mais belo, não tenho palavras para descrever este momento. Ele baixa e me tira daquele oco. Quando Ele me recolhe, todas estas coisas caíram ao chão. Ele me levanta e me leva a uma parte plana, e me diz com todo esse Amor: “Vamos voltar, você vai ter uma segunda oportunidade” (…), e me diz que não é pela oração da minha família. Porque “é normal que eles orem e clamem por você, mas foi pela intercessão de todas as pessoas alheias ao seu sangue, que não te conhecem e choraram, oraram e elevaram seu coração com muitíssimo amor por você.” E começo a ver como se acendem uma porção de luzinhas que são como chaminhas brancas cheias de amor. Eu vejo as pessoas que estão rezando por mim! Mas havia uma chama grande, era a luz que mais brilhava. A que mais amor dava. Eu olhava quem era essa pessoa que me amava tanto. E o Senhor me diz: “Essa pessoa que você vê ali, é uma pessoa que te ama tanto, tanto, e nem sequer te conhece.” E me mostrava que essa pessoa havia visto a folha de jornal do dia anterior. Era um camponês de um povoado, bem pobre, que vivia ao pé da Serra Nevada de Santa Marta. O pobre homem comprou uma panela e a embrulharam numa folha do jornal “Espectador” do dia anterior. Minha fotografia onde eu aparecia toda queimada estava aí, ilustrando a matéria que falava sobre o acidente. Quando este homem viu a notícia, se pôs a chorar com um amor tão grande, e disse: “Pai, Senhor, tem compaixão desta minha irmãzinha. Senhor, salve-a! Se o Senhor salvá-la, prometo que irei ao ‘Santuário de Buga’ e cumpro a promessa, mas salve-a!” Imaginem um homem pobrezinho, não estava revoltado nem amaldiçoando porque passava fome, com essa capacidade de amor para se oferecer a atravessar todo o país por alguém que não conhecia. E o Senhor me disse: “Isso é Amor ao Próximo” (…) e logo me disse: “Você vai voltar, mas não vai contar o que viu 1000 vezes, mas sim 1000 vezes 1000. E ai daqueles que ouvindo ESTE TESTEMUNHO, não decidam mudar de vida. Porque eles serão julgados com mais severidade. Assim como você será em seu segundo regresso. […]

Obs: “este fato em particular revela para nós que nossas orações tem o poder de salvar vidas, mesmo que estas vidas aparentemente pareçam perdidas.”

Jesus lhe resgatou no ultimo instante e lhe deu uma nova chance de vida, com todos estes conhecimentos, Jesus lhe deu uma missão na terra quando voltasse a vida plena.

Glória Polo deveria testemunhar a sua experiencia de quase morte e tudo que presenciou, UM MILHÃO DE VEZES em toda parte. Ela mal conhecia sua Igreja, nunca tinha falado de Deus, não era uma oradora e não podia se considerar uma Católica exemplar.

Sua Recuperação deveria ser lenta, porém foi uma grande surpresa para os médicos, seu restabelecimento foi rápido e as prováveis seguelas previstas que ela carregaria pelo resto de sua vida, se restauraram completamente e milagrosamente, até seu utero que estava todo carbonizado, recuperou-se de tal forma que foi possível engravidar-se novamente, e deu a luz a uma filha após seu acidente.

Sua vida se transformou completamente, e nasceu a verdadeira Glória Polo Filha de Deus, que logo após sua recuperação começou a testemunhar o que lhe havia acontecido, além dos fatos que todos já tinham conhecimento e haviam presenciado no hospital, falo agora dos fatos espirituais que somente foram experimentados por Ela enquanto esteve morta e em coma profundo.

Seu caso está bastante documentado, com laudos hospitalares, notícias de jornal, testemunhos de autoridades eclesiásticas que a ouviram antes de revelar seu testemunho ao publico. Quando ela contou seu testemunho na Igreja pela primeira vez, este foi gravado e a partir desta gravação foram distribuidos, copias de fitas, cd’s e agora um livro a preço de custo com o intuito de levar ao conhecimento dos Católicos de todo o mundo as suas experiências relembrando a todos que a vida eterna existe mesmo, a qual podemos vivê-la ao lado de Deus ou ao lado de seu inimigo que não seria nada bom.

Serve de alerta a cada um de nós, ainda há tempo de revisarmos a nossa vida e nossas ações, nem todos teremos a oportunidade que Glória Polo teve, de morrermos e depois voltarmos à vida plena com chance de mudar as nossas atitudes em busca da verdade.

Este é um resumo do resumo, o testemunho completo está em um livro, ou se voce quiser imprímí-lo em portugues colocarei o Link logo abaixo, ouví-lo no original em espanhol ou até mesmo de contactar a Drª Glória Polo para um encontro de testetemunhos, basta um Clic no Link de seu Site oficial em portugues.


Gloria Pollo

VEJA MENSAGENS DE GLÓRIA POLO AOS CATÓLICOS DE TODO MUNDO

Um Raio me Atingiu !

E Eu estive Morta !



frame_gloria01.jpg

Testemunho Glória Polo – Parte I.



A Dra. Glória Polo foi atingida por um raio na Colômbia e sobreviveu para contar o que presenciou na sua experiência de quase morte quando estava em coma lutando pela vida.



TESTEMUNHO DE GLORIA POLO


Extraído de uma das entrevistas feitas à Drª. Gloria Polo na Rádio Maria (Colômbia).

Irmãos! Realmente é muito lindo poder estar aqui compartilhando esse maravilhoso presente que o Senhor me deu há mais de 10 anos. Isso aconteceu em 8 de maio de 1995 na Universidade Nacional de Bogotá.



O Acidente:


Raio_Perto


Eu e um sobrinho estávamos nos especializando em odontologia e tínhamos que buscar uns livros na Faculdade de Odontologia numa sexta-feira à tarde. Meu esposo estava conosco. Estava chovendo muito forte, eu e meu sobrinho estávamos debaixo de um pequeno guarda-chuva e meu esposo tinha sua jaqueta impermeável e se aproximou da parede da Biblioteca Geral, e nós, enquanto saltávamos as poças d’água, sem perceber nos aproximamos de umas árvores. Quando fomos saltar uma grande poça, caiu um raio sobre nós. Nos deixou carbonizados e meu sobrinho faleceu ali. Ele era um rapaz, apesar da pouca idade, muito entregue ao Senhor e era muito devoto do Menino Jesus. Ele usava uma medalhinha do Menino Jesus no peito, dentro de uma moldura de cristal.


A Morte:


Glória Polo

Segundo o laudo, o raio entrou através da medalha e atingiu-lhe o coração, queimando-o por dentro e saindo pelo pé, mas por fora ele não se carbonizou, nem se queimou. Por outro lado, o raio entrou em mim pelo braço, me queimou de forma espantosa todo o meu corpo, por fora e por dentro. Isso que estão vendo aqui, este corpo reconstituído, é misericórdia de Nosso Senhor. Fui carbonizada, fiquei sem seios, praticamente me desapareceu toda minha carne e minhas costelas, o ventre, as pernas… o raio saiu pelo meu pé direito, me carbonizou o fígado, se queimaram os rins, os pulmões… Eu usava DIU, de maneira que o T de cobre, bom condutor elétrico, me carbonizou, me pulverizou os ovários, tive uma parada cardíaca, fiquei ali, sem vida, meu corpo pulava por causa da eletricidade que ficou por todo este local.


Eu Estava Fora de Mim:


Mas vejam, esta é só a parte física. A parte mais bonita, a parte mais linda, é que enquanto meu corpo estava ali carbonizado, eu, neste instante, me encontrava dentro de um lindo túnel branco, era uma delícia, uma paz, uma felicidade que não há palavras humanas para descrever a grandeza deste momento, era um êxtase imenso, eu ia muito feliz, nada me pesava dentro deste túnel, olhei ao fundo desse túnel e havia como um sol, uma luz lindíssima. Eu digo que é branco para colocar uma cor, mas nenhuma das cores é comparável humanamente a essa luz maravilhosa. Eu sentia a fonte de todo esse Amor, dessa paz… Quando eu vou subindo, digo…  “Quarta-feira! Eu morri!”

E nesse instante penso nos meus filhos e digo: “Ai meu Deus, meus filhos! O que vai ser deles? Essa mãe tão ocupada, nunca teve tempo para eles.” Aí me dou conta da minha realidade de vida e me sinto triste.


Caí na Realidade:


Saí de minha casa para transformar o mundo e meu lar, meus filhos, pareciam demais para mim. Neste instante de vazio pelos meus filhos, dou uma olhada e vejo algo belo… Meu corpo já não estava nas medidas de tempo nem de espaço daqui da Terra, e vi todas as pessoas num mesmo instante, num mesmo momento, todas as pessoas, as vivas e as mortas e abracei os meus bisavós. Abracei meus pais que já haviam falecido, abracei a todos e foi um momento pleno e maravilhoso. Aí me dei conta de que havia caído por terra a teoria da reencarnação e eu via meu avô, meu bisavô, eles me abraçaram por um momento e encontrei com todas as pessoas que tiveram a ver comigo em minha vida, em todo lugar, ao mesmo instante. Só minha filha de 9 anos (que estava viva) que se assustou quando a abracei, ela sim sentiu meu abraço. Não havia passado nada de tempo nesse momento tão lindo, e que maravilha estar sem o corpo! Já não via as coisas como antes, quando só olhava se alguém era gordo, ou magro, ou feio, ou negro, sempre olhando com critérios. Não era assim quando não tinha meu corpo humano. Eu podia ver o interior das pessoas, como é lindo poder ver o interior das pessoas! Ver nelas seus pensamentos, seus sentimentos. Abracei a todos em um instante e, no entanto, eu continuava subindo e subindo, cheia de alegria.


O Que Aconteceu ?


Quando senti que ia desfrutar de uma vista fantástica onde havia no fundo um lago belíssimo, neste mesmo instante, ouço a voz do meu esposo, ele chora e com um grito profundo e cheio de sentimento me grita: “O que aconteceu? Gloria! Por favor, não se vá! Volte, Gloria! As crianças, Gloria! Não seja covarde!” Neste instante, dou uma olhada como que global e o vejo chorando, com muita dor e então o Senhor me concede regressar.


O Salvamento por eletrochoque:


Desfibriladores cardíacos podem reverter fibrilação auricular ou ventricular. Foto: ShutterstockEu não queria vir, de tanta alegria, paz e felicidade. Então, comecei a descer devagar, buscando meu corpo e me encontrei sem vida. Meu corpo estava na maca da enfermaria da Universidade Nacional de Enfermagem, via como os médicos davam choques elétricos em meu coração para me salvar da parada cardíaca. Durante duas horas e meia fiquei ali jogada, porque não podiam nos levar dali porque “lhes passávamos corrente” a todo mundo, até que finalmente deixamos de “passar corrente” e puderam nos atender. Começaram a me reanimar.

Eu cheguei e pus os meus pés aqui no topo de minha cabeça e com violência uma faísca entrou  em mim. Eu entrei no meu corpo, me doeu muito entrar e senti que saíam faíscas por todos os lados. Eu sentia encapsular-me nisto “tão pequenininho”. E a dor que sentia, minha carne queimava, como me doía! Saía fumaça e vapor.


Sentia Uma Dor Horrível:


E a dor mais terrível, a dor de minha vaidade. Eu tinha critérios para tudo, era uma mulher executiva, era a intelectual, a estudante, a escravizada pelo corpo, escrava da beleza e da moda: 4 horas diárias de exercícios aeróbicos. Escravizada para ter um corpo bonito. Massagens, dietas, bem… de tudo o que possam imaginar, essa era minha vida. Uma rotina de escravidão por um belo corpo. E eu dizia: Bem…se tenho seios bonitos é para mostrar, assim como minhas pernas, porque sentia que tinha pernas esculturais, assim como os seios, e num instante via tudo com horror. Toda uma vida cuidando do corpo. Isso era o centro da minha vida, o amor ao meu corpo.  E já não havia corpo. Nem seios. Havia uns buracos impressionantes em todo o seio esquerdo, estava praticamente desaparecido, e minhas pernas, era o mais terrível, havia pedaços vazios e sem carne, tudo preto, carbonizado…


O Procedimento Médico:


Dali me levaram ao Seguro Social, rapidamente me operaram e começaram a raspar todos os meus tecidos queimados. Quando estou anestesiada, volto a sair do meu corpo. Estava olhando o que faziam os médicos com o meu corpo. Estava preocupada com minhas pernas. De repente aconteceu algo terrivelmente horroroso.


Eu assistia o Processo de reabilitação:


Porque conto a vocês, irmãos, eu fui uma “Católica Dietética” durante toda a minha vida.   Minha relação com o Senhor era uma eucaristia aos domingos, em missas de 25 minutos, onde o padre falasse menos, porque que desespero e que angústia! Essa era minha relação com Deus. E como essa era a relação que eu tinha com Deus, todas as correntes do mundo me arrastavam como um cata-vento, a ponto de que quando já estava me especializando nos estudos, o mundo me dizia que o inferno não existia, que os diabos não existiam. Medo? Quem disse? Mas vergonhosamente confesso que a única coisa que me mantinha na igreja era o medo do diabo. Quando me diziam que não existe, que luta! E eu dizia: “Bem… Todos vamos para o Céu, não importa como somos.” Então, isso terminou afastando-me de uma vez do Senhor.


O Pecado me levou a falar contra Deus:


O pecado não ficou só em mim e começo a piorar ainda mais minha relação com o Senhor. Começo a dizer a todo mundo que os demônios não existem, que são invenção dos padres, que são manipulações. Com meus companheiros da Nacional, comecei a acreditar no conto de que Deus não existia e que éramos produto da evolução. Vejam, quando me vejo neste instante, que susto terrível! Vejo uns demônios que vêm buscar seu pagamento: Eu! Nesse instante, começo a ver como da parede do centro cirúrgico começam a brotar muitíssimas pessoas. Aparentemente pessoas comuns, mas com um olhar de ódio tão grande, um olhar espantoso, e me dou conta que neste instante que em meu corpo há uma sabedoria especial e percebo que devo algo a todos eles, que o pecado não foi grátis e que a principal infâmia e mentira do demônio foi dizer que não existia, e vejo que vêm ao meu encontro e começam a me rodear e querem me levar.


Tentei Fugir do mal que me arrastava:


600101[1]

Vocês façam ideia do susto, do terror que senti. Essa mente científica e intelectual já não me servia de nada. Eu caía ao chão, tentava voltar para dentro do meu corpo, mas minha carne não me recebia. Neste susto tão terrível, saí correndo e não sei em que instante atravessei a parede do centro cirúrgico. Eu pretendia me esconder pelos corredores do hospital, mas quando passei pela parede do centro cirúrgico… “zas”, dei um salto no vazio…

Entrei por uma quantidade de túneis que vão para baixo. No princípio tinham luz e eram luzes como colmeias de abelhas, onde havia muitíssima gente. Mas eu vou descendo e a luz vai se perdendo e começo a andar nos túneis de trevas espantosas e quando chego a umas trevas, essas não se coparam com as trevas que conhecemos.


Trevas, dor , tristeza e terror:


600101[1]

Imagine que o mais escuro do escuro que conhecemos se parece à luz de meio-dia comparado a essas trevas que vi. Não se pode comparar. Elas mesmas ocasionam dor, horror, vergonha e cheiram mal. E eu termino essa descida por entre todos os túneis e chego desesperada a uma parte plana… Essa vontade de ferro que eu dizia que tinha, onde me sentia capaz de tudo, já não me servia de nada. Eu queria subir, mas não podia, e estava ali. Vejo como nesse piso se abre uma boca enorme e sinto um vazio impressionante em meu corpo, um abismo ao fundo inenarrável, porque o mais espantoso desse oco era que não se sentia nem um pouco o Amor de Deus, nem uma gota de esperança e esse oco tem algo que me suga para dentro e eu grito aterrorizada.

Eu sabia que se entrasse aí, minha alma estaria morta. Esse horror era tão grande e quando estou entrando, algo me sustenta pelos pés. Meu corpo entrou neste oco, mas meus pés estavam sustentados para cima. Foi um momento muito doloroso e terrível. Vejam só… Meu ateísmo ficou pelo caminho e comecei a gritar: “Almas do purgatório! Por favor, me tirem daqui!” Quando eu estava gritando, foi um momento de uma dor imensa, porque me dou conta de que aí se encontram milhares e milhares de pessoas neste oco, sobretudo jovens, e com dor me dou conta que começo a escutar ranger de dentes, com uns gritos e lamentações que me estremeciam.

Muitos anos me custaram  para assimilar isso, porque eu me punha a chorar cada vez que me lembrava do sofrimento destas pessoas, e percebo que ali estavam todas as pessoas que em um segundo de desespero se haviam suicidado e estavam nestes tormentos com todas as coisas que ai se encontravam, mas o mais terrível destes tormentos é a ausência de Deus. Não se sentia o Senhor.


As Justificativas:


Nessa dor, começo a gritar: “Quem se equivocou? Olhem como sou santa! Jamais roubei, eu nunca matei, eu fazia compras para os pobres, eu extraía dentes de graça ajudando os que necessitavam. O que faço aqui? Eu ia à Missa aos domingos, apesar de que me considerasse atéia, nunca faltei, se faltei cinco vezes à Missa em toda a minha vida foi muito. Eu era alma que sempre ia à Missa. E o que faço aqui? Eu sou católica, por favor, eu sou católica, tirem-me daqui!” Quando estou gritando que sou católica, vejo uma pequena luz.



Uma Luz Brilhou nas Trevas:


Entendam que uma luz nestas trevas é o maior presente que alguém poderia receber. Vejo umas escadas por cima deste oco, vejo meu pai, que havia falecido cinco anos atrás, ele estava quase atrás do oco, tinha um pouquinho de luz e quatro degraus mais acima vejo minha mãe, com muito mais luz e numa posição de oração. Quando os vi me deu uma alegria tão grande e comecei a gritar: “Paizinho, mãezinha, por favor, me tirem daqui, eu suplico, me tirem daqui!” Quando eles baixaram a vista e meu pai me viu ali… se houvessem visto que dor tão grande eles sentiram; neste lugar podemos sentir os sentimentos dos outros, podemos ‘ver’ essa parte e ‘vi’ essa dor tão grande. Meu pai começou a chorar e colocava as mãos na cabeça e tremia: “Minha filha, minha filha!” E minha mãe orava, então percebo que eles não podem me tirar dali e a dor que me inundava era sentir a dor que eles sentiam e estavam compartilhando essa dor comigo. Começo a gritar de novo: “Por favor, vejam, me tirem daqui, eu sou católica! Quem se enganou? Por favor, me tirem daqui!”


Ouvi Então Uma Voz Doce e Suave:


Jesus_Raios_Segue-me


E quando estou gritando pela segunda vez, se escuta uma voz, é uma voz doce, é uma voz que quando a escuto, se estremece toda a minha alma, e tudo se inundou de amor e de paz, e todas estas criaturas saíram apavoradas, porque elas não resistem ao Amor, nem à paz e eu sinto essa paz, e essa voz me diz: “Muito bem, se você é católica, diga-me os dez mandamentos da lei de Deus.”


As trevas não prevalecem sobre  a grandiosa Luz Divina.


Continua na Parte II ou Parte III



Cada um carregue a sua Cruz