A “RCC” Não é um Movimento.



A Renovação Carismática Católica é o Mover do Espírito Santo dentro da Igreja Católica, não é um movimento alienado ou alienante que copia o pentecostalismo evangélico  mas procura a vivência da fé como no princípio da Igreja em Pentecostes vivendo em Comunhão com a hierarquia Milenar da Igreja Católica Apostólica Romana na observância dos Mandamentos da Igreja e seus Documentos inclusive o Concílio Vaticano II, trabalha em conformidade com os interesses de cada paróquia em particular através de seus grupos inseridos nas comunidades em todo o Brasil.


Veja Também –

A RCC não É:

Como nasceu a RCC.

Debate sobre a RCC.

Conheça o Espírito Santo.

Os frutos do Espírito.

Testemunho de Libertação.

RCC. O que é Renovação Carismática.

O que é Grupo de Oração Carismático?

PENTECOSTES.

A Cultura de Pentecostes.

Semeando a cultura de Pentecostes !

Efusão no Espirito Santo.

A Igreja e os Carismas.

Seminário de Vida no Espírito – SVE I

Bento XVI Fala sobre a RCC.

“Falarão Novas Línguas…”

CNBB – Documento Oficial sobre o direcionamento Pastoral para a RCC no Brasil.

A Renovação Carismática é uma corrente de graça destinada a transformar toda a Igreja.






Presentepravoce no Facebook



Ganhar Um Milhão não é fácil !

dia 28/03/2010


CHEGAR ATÉ AQUI FOI

UMA TAREFA MUITO DIFÍCIL


Primeiro_milhao


MAS AINDA TEMOS MUITO

QUE CAMINHAR …


Certa vez disse Jesus a seus Discípulos:

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. “


Graças à obediência a estas palavras os Discípulos sairam pelo mundo anunciando e ensinando tudo sobre Jesus e o Reino de Deus.

Este anuncio chegou também até a mim e a você nos dias de hoje, mas ainda existem muitas pessoas que apesar de terem ouvido falar de Jesus não o conhecem ainda como deveriam conhecer e apesar de estarem dentro da Igreja podemos considerar que nem sequer foram evangelizadas.


Mas afinal o que significa evangelizar ?


A poucos dias atrás um jovem me enviou um comentário elogiando este Blog e ao mesmo tempo afirmando que continuaria seguindo algo que seria exatamente o oposto do que estava escrito no texto que fora elogiado, sei que as opiniões são diversas e que nem todas as pessoas pensam exatamente igual, mas disto a concordar com meu texto e elogiá-lo afirmando que continuará também seguindo as coisas que consideramos erradas é no mínimo muito estranho.

Considerei o comentário como uma crítica ou apenas alguém que nem ao menos sabia do que estava dizendo, a verdade é que depois de muitos e_mail’s acabei por entender que realmente ele não sabia a diferença entre as duas posições que foram colocadas como opostas e ele achava que eram posições comlementares e que se somariam formando um todo mais sólido.

Por este e por varios outros comentários somos obrigados a aceitar que pessoas adultas ainda não foram evangelizadas e estão na Igreja sem conhecer os princípios básicos de nossa Fé.


Estavamos falando de assuntos básicos da fé Cristã, isto é, sobre a presença do Espírito Santo em nossos corações, o qual recebemos no Batismo que seria o nosso primeiro ato para nos conciderarmos verdadeiros filhos de Deus.

Se na Bíblia está escrito que Deus nos daria o seu Espírito Santo em uma nova aliança que seria executada com toda a humanidade e não apenas com um certo povo escolhido é porque provavelmente a história confirmou a veracidade do que foi prometido, ou então tal promessa seria simplesmente esquecida no tempo e jamais existiria o Cristianismo.

Mesmo assim ainda hoje encontramos pessoas Batizadas que não aceitam esta verdade, sendo que sem ela nem mesmo existiria a Igreja propriamente dita.


Quando Jesus veio ao mundo, estas tais promessas anunciadas pelos Profetas Ezequiel, Jeremias, Isaias e Joel já haviam sido praticamente esquecidas pela grande maioria dos escolhidos de Deus, se bem que alguns poucos ainda esperavam pelo cumprimento de todas as boas palavras do Senhor Nosso Deus.

Simeão recebeu uma mensagem Divina lhe dizendo que não morreria sem conhecer o Cristo de Deus e ao se cumprir esta Profecia ele até disse que já poderia morrer em paz porque havia alcançado o seu maior desejo  em toda a sua vida.

jesus_simeao.jpg

Faltava porém, que tudo fosse plenamente cumprido e que aquela novidade se tornasse realidade para sempre em nossas vidas, foi por isso que os discípulos indagaram a Jesus se seria naquele dia que o Reino de Israel seria restaurado em toda a sua plenitude, fato este que ainda não aconteceu até os dias de hoje, mas porém Jesus deixou claro que deveriam primeiro se preocuparem com o cumprimento da promessa no seu sentido pessoal e espitirtual , para tanto, cada um deles deveria se preparar para receber a força e o poder que Deus lhes daria através da presença de seu próprio Espírito Santo em cada coração.


A historia biblica nos conta claramente que no dia de Pentecostes estas promessas foram cumpridas para todos aqueles que estavam unidos em oração em Jerusalém e de acordo com Pedro seria então este o trabalho que eles deveriam realizar a partir daquele momento.

Fazer com que todas as pessoas  conhecessem e exeprimentassem em suas vidas aquele mesmo momento que eles experimentaram, porque a promessa de Deus não era apenas para eles e sim para mim e para você que não estavamos lá naquele dia e realmente eu posso testemunhar esta verdade porque esta promessa acontceu também em minha vida e espero sinceramente que se ela ainda não aconteceu em sua vida, que possa acontecer ainda hoje mesmo.


ISTO É A VERDADEIRA

EVANGELIZAÇÃO …


FALAR A VERDADE SOBRE JESUS E DAR SEU PRÓPRIO TESTEMUNHO DE FÉ PARA QUE OS OUTROS DESEJEM ARDENTEMENTE DE CORAÇÃO RECEBER TAMBÉM EM SUAS VIDAS AS MARAVILHAS DE DEUS.


Se passaram dois mil anos e ainda encontramos milhares de pessoas que sequer ouviram falar que Deus exista e se ouviram … ainda não acreditam que Ele realmente exista e por mais que eu queira provar esta verdade e esta realidade eu jamais conseguirei estas provas, mas eu tenho a certeza de que você pode comprovar por si mesmo tudo isto que estou dizendo, basta aceitar de coração que existe mesmo um presente reservado para você, e que para recebê-lo, basta pedi-lo a Deus que te ama de todo coração.


Estamos hoje comemorando um dia muito importante para nós, porque afinal atingimos a marca de um milhão de acessos neste Blog e isto significa que em apenas dois anos um milhão de pessoas tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais de Jesus e que pelo menos não passaram por aqui em vão, alguma coisa de Deus elas acabaram levando em seus corações.


Um dia eu tive uma “ideia” e resolvi colacá-la em prática, mas esta “ideia” foi concretizada em forma de três camisas que eu mesmo vestia e andava por todo lado com elas, mas jamais pensei ou quis compartilhar esta “ideia”, divulgar esta “ideia”, vender esta “ideia” ou que as pessoas copiassem a minha “Ideia”.

Nas depois de uns cinco anos as camisas ficaram velhas e eu já não as usava mais e ficaram guardadas no guarda-roupa ocupando espaço inultimente até que um dia elas foram doadas na campanha arrecadando roupas para as vítimas de uma enchente.

Poucos meses depois eu vi esta camisa sendo usada por uma pessoa na rua e depois comesei a ver que outras pessoas usavam uma camisa semelhante, depois vi na televisão uma pessoa usando esta camisa e chequei a ver em um filme americano duas pessoas usando camisas iguais lá no polo norte e de vez em quando vejo uma pessoa na multidão usando a minha “ideia” que agora já não é apenas uma camisa mas foi adaptada a diversas outras coisas.

Eu só aprendi uma coisa sobre tudo isto, nós não sabemos o poder de penetração que algo bom ou ruim pode ter neste mundo, quando pensamos que minha “ideia” é só minha e que somente as pessoas ao meu lado podem vê-la mas não podem se beneficiarem dela, na verdade quando a doamos ela poderá penetrar na multidão como um rastilho de pólvora e dependendo do ambiente ou do sopro Divino isto pode ser tão contagiante que poderá alcançar o mundo em um piscar de olhos, porque tudo e qualquer coisa “Bom ou Ruim” contagia o seu vizinho que contagiará o outro vizinho e assim percebemos que o mundo é uma imensa comunidade homogênea.

Mediante esta observação eu aprendi que quando ensinamos coisas boas, por mais que pensemos que ninguém esteja nos escutando, podemos estar totalmente enganados e o nosso bom ensinamento esteja efetivamente salvando uma pessoa do outro lado do planeta, assim como o nosso mal ensinamento ou mal exemplo pode estar matando as pessoas sem que eu saiba que elas morreram por culpa de uma palavra que eu pronunciei, sendo assim é preferível que sempre ensinemos coisas boas, mesmo que estejamos falando ao vento, porque em algum momento num flash de luz, a sua palavra se revelará como salvação para alguém.


VEJA A FOTO ABAIXO


Brasilia 026


FALE SEMPRE O QUE É BOM E EDIFICANTE !


VEJA O DETALHE


Brasilia 026-3





CHEGAR ATÉ AQUI FOI

UMA TAREFA MUITO DIFÍCIL



MAS AINDA TEMOS MUITO

QUE CAMINHAR …


Certa vez disse Jesus a seus Discípulos:

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo, mas quem não crer será condenado. “


Graças à obediência a estas palavras os Discípulos de Jesus sairam pelo mundo anunciando e ensinando tudo sobre Jesus e o Reino de Deus, chegou também até a mim e a você nos dias de hoje, mas ainda existem muitas pessoas que apesar de terem ouvido falar de Jesus não o conhecem ainda como deveriam e apesar de estarem dentro da Igreja podemos considerar que nem sequer foram evangelizadas.


Mas afinal o que significa evangelizar ?


A poucos dias atrás um jovem me enviou um comentário elogiando o meu Blog e ao mesmo tempo afirmando que continuaria seguindo algo que seria exatamente o oposto do que eu lhe estava dizendo, sei que as opiniões são diversas e que nem todas as pessoas pensam exatamente igual, mas disto a concordar com meu texto e elogiá-lo afirmando que continuará também cometendo as coisas que consideramos erradas é no mínimo muito estranho.   Considerei o comentário como uma crítica ou apenas alguém que nem ao menos sabia do que estava dizendo, a verdade é que depois de muitos e_mails acabei por entender que realmente ele não sabia a diferença entre as duas posições que foram colocadas como opostas e ele achava que eram posições comlementares que se somavam formando um todo mais sólido.


Estavamos falando de assuntos básicos da fé Cristã, isto é, sobre a presença do Espírito Santo em nossos corações, se na Bíblia está escrito que Deus nos daria o seu Espírito Santo em uma nova aliança que seria executada com toda a humanidade e não apenas com um certo povo escolhido é porque provavelmente a história confirmou a veracidade do que estava escrito, ou então tal promessa seria simplesmente esquecida no tempo.

.


Quando Jesus veio ao mundo, estas tais promessas já haviam sido esquecidas pela grande maioria dos escolhidos, se bem que alguns poucos ainda esperavam pelo cumprimento de todas as boas palavras do Senhor Nosso Deus.   Simeão manifestou a sua dúvida e por este motivo perdeu a sua voz que somente recuperou quando viu com seus proprios olhos Deus cumprindo o que prometera aos seus antepassados.

.


Faltava porém que tudo fosse plenamente cumprido e que aquela novidade se tornasse realidade para sempre em nossas vidas, foi por isso que os discípulos indagaram de Jesus se seria naquele dia que o Reino de Israel seria restaurado em toda a sua plenitude, fato este que ainda não aconteceu até hoje, mas porém Jesus deixou claro que deveriam mesmo era se preocupar com o cumprimento da promessa no seu sentido pessoal e que cada um deles deveria se preparar para receber a força e o podr que Deus lhes daria através da presença de seu próprio Espírito Santo em cada coração.

A Igreja e os Carismas.


O que diz a Igreja Católica sobre os

Dons Espirituais e os Carismas ?

Mais conhecidos como Dons

Extraordinários

Do Espírito Santo de Deus.


As Citações estão contidas em Links diretamente apontando para as Fontes do Magistério Católico no Vaticano.



Carisma:


Define a identidade de algo que não provém de si mesmo ou um presente recebido de Deus, um Dom especial para exercer uma tarefa pré-determinada em uma ocasião especial. Caracteriza um dom “extraordinário” de uso momentâneo e não um Dom “ordinário” de uso definitivo e Permanente, estes Dons “ordinários” são bem conhecidos como os sete Dons recebidos do Espírito Santo no momento da Crisma, por isso não se deve confundir um Dom “Ordinário” com um Dom “Extraordinário”, porque são um pouco diferentes, principalmente no uso cotidiano ou no uso específico e momentâneo.

Os Carismas “Assim como qualquer Dom” não pertencem à RCC, eles Pertencem somente a Deus e foram entregues por Ele como PRESENTES a nós que somos seus filhos para que se manifestem na Igreja e a edifiquemos como lhe convém (79) desde o Princípio (I Cor. 12, 01),(*01) conforme diz São Paulo (I Cor. 12, 11) são distribuídos a cada um conforme a dispensação da Graça Divina (80), submissa única e exclusivamente à sua vontade e não à escolha do próprio homem, (Atos 8,20) portanto não é o homem que escolhe ter ou receber os Carismas de Deus, porque Deus concede a quem Ele quer e quando quer gratuitamente a todos, porém muitos tem a capacidade de rejeitar e negar a recepção desta graça de Divina, assim como os Judeus rejeitaram Jesus o Dom supremo do Pai a seus filhos escolhidos.

Negar receber a presença do Espírito Santo em seu Coração é semelhante à negação da recepção de Jesus quando Ele nasceu e igualmente condenável ao se calar quando o Crucificaram na Cruz, não permitir que os Dons se manifestem em sua vida é a mesma coisa que declarar que preferes as trevas e rejeitas a luz agindo como o mestre Nicodemus.

(*01) CHRISTIFIDELES LAICI (20) ». (59)». (62), (63), (79).

».(62)A comunhão eclesial é, portanto, um dom, um grande dom do Espírito Santo, que os fiéis leigos são chamados a acolher com gratidão e, ao mesmo tempo, a viver com profundo sentido de responsabilidade. Isso é concretamente realizado através da sua participação na vida e na missão da Igreja, a cujo serviço os fiéis leigos colocam os seus variados e complementares ministérios e carismas.”(64) (80)

Deveríamos acolher os Carismas com gratidão e alegria e não rejeitá-los afirmando que não existem ou que seriam invenção de um determinado grupo religioso..

»(80)« A recepção destes carismas, mesmo dos mais simples, confere a cada um dos fiéis o direito e o dever de os exercer na Igreja e no mundo para o bem dos homens e edificação da Igreja, na liberdade do Espírito Santo que “sopra onde quer e como quer” (Jo 3, 8) e, simultaneamente, em comunhão com os outros irmãos em Cristo, sobretudo com os próprios Pastores » (Ibid.).



A RCC, sendo um movimento que se iniciou na Igreja após o Concílio Vaticano II está totalmente de acordo com as escrituras Bíblicas e os últimos Documentos escritos da Igreja Católica, se houver condenação a “Dons espirituais em movimento” dentro da Igreja Católica nos documentos intermediários, será por mera ação pastoral de comportamento da época em que foi escrito para resolver algum problema específico na época em questão, não se referindo ao passado e muito menos ao futuro da Igreja que deve continuar cumprindo seus objetivos nesta Terra, um deles seria exatamente de levar a todos os seres vivos a experimentarem o Pentecostes definitivo como está descrito em (Atos Cap. 2, 17).

A vivência dos Carismas e Dons Espirituais na Igreja já foi algo muito comum, conhecido e difundido por todos, não se justifica hoje dizer que não existem Carismas extraordinários, muito menos que eles não se manifestam mais hoje por um motivo ou por outro, quando tentamos argumentar que os responsáveis pela Igreja deixaram esfriar as manifestações espirituais em nosso meio sempre aparecem varias contestações que estão todas de acordo com a verdade e a lógica, porém não estão de acordo com a realidade e a prática.

Jamais poderíamos dizer que o Espírito Santo deixou de se manifestar na Igreja nem sequer por um minuto em toda a sua história, porque isto seria a mesma coisa que declarar que a Igreja deixou de existir, no entanto poderíamos confirmar que a grande maioria dos homens, mesmo aqueles que se revestiram das honras máximas da Igreja nem sempre foram fiéis ao seu chamado e por muitas vezes colocaram o seu orgulho próprio acima da vontade Divina, retardando assim o cumprimento pleno das promessas Divinas.

Neste documento CHRISTIFIDELES LAICI A Igreja nos confirma que tudo continua como sempre foi e que Deus continua derramando as suas graças sobre os Homens e nos usando para retransmitir o seu amor aos demais homens que ainda não o conhecem, e que a melhor forma de executar a sua vontade é nos doando os seus Dons sobrenaturais que nos ajudam a executar as obras que não somos capazes de executar com nossa limitada força humana.

Enfim, apesar de não estar escrito neste texto que Carisma não é coisa de outro mundo e que sempre esteve presente na Igreja, é exatamente o que ele quer dizer, então portanto, não precisas temer aquilo que Deus nos deu, porque são as coisas mais naturais dentro da Igreja desde que ela começou no dia de Pentecostes e lembre-se que já estava escrito antes que fomos criados à imagem e semelhança do Pai e que deveríamos nos renovar segundo a imagem de Cristo.

Se Jesus tinha todos os Dons de Deus e os usava normalmente em seu dia a dia, porque então um Cristão que é um outro Cristo na terra não deveria manifestar o que Cristo manifestava ?

Isto só seria justificável se o nosso objetivo não fosse ser um Cristão e sim um anti-cristo na terra e olha que a Bíblia ainda diz que até mesmo o anti-cristo tenta imitar a Cristo em suas obras.

EXORTAÇÃO APOSTÓLICA
PÓS-SINODAL
CHRISTIFIDELES LAICI
DE SUA SANTIDADE
O PAPA JOÃO PAULO II
SOBRE VOCAÇÃO E MISSÃO DOS LEIGOS
NA IGREJA E NO MUNDO

Atos 1, 5 a 9



Qual o princípio Bíblico para fundamentar a RCC ?

Mas afinal o que é RCC na verdade ?

Renovação Carismática Católica

Resposta:

Na Prática:

É a vivência dos Carismas do Espírito Santo nos dias de hoje dentro da Igreja Católica Apostólica Romana assim como foram descritos em I Cor 12, 1, obedecendo a Hierarquia e o Magistério da Igreja.  A RCC não é um movimento de leigos apenas, não caminha errante, sozinha e abandonada pelo mundo, tudo o que ela realiza está sob o direcionamento e supervisão do Magistério da Igreja e tudo que não condiz com o Verdadeiro Magistério não permanecerá.

.

Ele vos batizará no Espírito Santo e em fogo.

Este é quem Batiza no Espírito Santo.

Vós Sereis Batizados no Espírito Santo Dentro de Poucos Dias… “Mas descerá sobre vós o Espírito Santo e vos dará força” (Atos dos Apóstolos 1,8).

Qual o princípio Bíblico para fundamentar a RCC ?

Num dia de Sábado Jesus foi à Sinagoga na Galiléia, como era de costume, pegou o pergaminho do Profeta Isaias e fez a leitura do Cap. 61,  “O Espírito do Senhor repousa sobre Mim e me ungiu para Profetizar e anunciar o Reino de Deus aos pobres e oprimidos, terminando a leitura, declarou a todos que aquela profecia se cumpria em sua pessoa.

Seria semelhantemente absurdo eu me dirigir ao Vaticano durante a Missa de Pentecostes, ao fazer esta leitura em público, sendo ouvido por milhares de Freiras, Padres, Bispos, Cardeais incluindo o Papa e muitos leigos fiéis ao Catolicismo de grande influência em suas comunidades, terminando a leitura declarasse a todos que este Espírito Santo realmente está sobre mim e me revestiu de poder e autoridade, me  mandado pregar e anunciar uma novidade a todos os Católicos de todo o mundo.

O que diriam aqueles que me ouviram ?

Eis aí um louco varrido que não sabe o que diz !

Certamente foi o que pensaram de Jesus, se bem que muitos até se admiraram de sua grande sabedoria que conseguia cativar a todos, afinal era Ele o filho de um carpinteiro conhecido por todos ali, ou não era ?

O fato é que Jesus já havia iniciado o seu ministério, anunciando o cumprimento da promessa de Deus que daria o seu Espírito Santo a todos os seus filhos, uma novidade que jamais havia acontecido, porém eles sabiam muito bem o que significava, tanto é que o chamaram de “Profeta”, relembramos alguns dias antes deste fato, quando Jesus foi Batizado no rio Jordão, João Baptista viu o céu se abrir e uma pomba branca repousar sobre Ele, além de ouvir a voz de Deus declarando ser aquele homem o seu Filho amado que deveria vir ao mundo para cumprir as suas promessas.

Quando Jesus saiu da água, João Batista mandou a seus discípulos que o acompanhassem imediatamente, porque somente Ele poderia dar-lhes o prometido por Deus que era o Batismo no Espírito Santo.

Estes dois discípulos de João passaram a ser Discípulos de Jesus e o acompanharam durante todo o tempo até que no dia de Pentecostes receberam esta promessa feita por Deus aos profetas do antigo testamento e cumprida pelo próprio Jesus, porque disse Ele:

“Se Eu não for o Espírito não virá a vós; mas se Eu for, Eu mesmo o enviarei a vós…”

Depois do Pentecostes, na ausência de Jesus físico, mas na presença do Paráclito enviado por Jesus como nosso guia, nasce então a Igreja com o ministério de continuar a obra de Jesus neste mundo, tendo como garantia de vitória a permanência eterna deste Espírito Santo em nosso meio (João 14 e 16), nos fortalecendo e ensinando tudo que o Pai deseja para nós.

Todos conhecem a história de como a Igreja cresceu e se multiplicou com o poder do Espírito Santo conduzindo os Discípulos de Jesus e levando-os a fazer as mesmas obras de Jesus e até maiores que estas, porque assim Jesus tinha declarado.

Em Apocalipse 2, 4 esta escrito;

Tenho Porém contra ti, que arrefeceste o teu primeiro Amor, retorna-te a Prática das Primeiras Obras, ou moverei o teu candelabro do lugar…”

Comparando com Gálatas 3,1;

Ó insensatos gálatas! Quem vos fascinou a vós, ante cujos olhos foi apresentada a imagem de Jesus Cristo crucificado?”

2 – Apenas isto quero saber de vós: recebestes o Espírito pelas práticas da lei ou pela aceitação da fé?

3 – Sois assim tão levianos? Depois de terdes começado pelo Espírito, quereis agora acabar pela carne ?

Sem entrar em detalhes, podemos observar que Deus já a muito tempo atrás vem nos alertando que nós desviamos do nosso propósito inicial e esfriamos a nossa maneira de ser e agir como verdadeiros Cristãos e filhos de Deus.

Observando o que São Paulo escreveu aos Gálatas, podemos dizer que esta vida no Espírito Santo a que ele se refere é algo totalmente estranho para nós, ou seja, algo que nunca experimentamos em sua plenitude, e ele já alertava aos primeiros Cristãos de estarem se distanciando da Igreja que nasceu no dia de Pentecostes.

Deveríamos viver um Pentecostes Pleno e permanente, não um Pentecostes passageiro e parcial, fica bem claro em vários pontos da Bíblia que os primeiros Cristãos viviam em oração constante e sempre buscando se encher deste Espírito Santo todos os dias, porém com o passar dos anos o que ficou normal e comum  na vida cotidiana da Igreja deixou de se tornar uma preocupação de ensinos e exortações  mais veementes dentro da Igreja o que provocou um esfriamento em relação à busca de uma vida Espiritual cada vez mais profunda e conduzida diretamente pela ação Divina.

Aos poucos o conhecimento, a prática e a experiência humana foram tomando as rédeas desta força que impulciona e move a Igreja, isto justifica esta carta de São Paulo aos Gálatas e é perfeitamente aplicada também aos dias de hoje onde temos uma Igreja bem maior, mais estruturada e cuidadosa em suas atitudes e decisões, já que conduz milhões de pessoas em diversas nações, Raças e culturas diferentes e não apenas um grupinho de doze pessoas que estão bem próximos e ao alcance de sua voz.

Por este motivo, por excesso de zelo à obra de Deus, a precaução para não cometer erros acabou tomando a frente, e aquele fogo inicial que revolucionou uma época confiando-se exclusivamente em um Deus  Vivo e presente no meio de seu povo foi se esfriando e conforme São João escreveu em Apocalipse este Amor se esfriou de quase todos apesar do zelo e da dedicação que todos nós temos demonstrado pela obra de Deus.

Jesus também já havia tocado neste assunto quando fez uma pergunta quase que acusativa a seus Discípulos, dando já uma resposta negativa subtendida na própria pergunta, mas como cabe a nós darmos a nossa resposta POSITIVA e  não negativa a Deus, devemos lutar para que não venhamos a decepcionar o Mestre quando Ele retornar em sua Glória.   Precisamos reavivar e esquentar o fervor deste AMOR para que quando o Noivo vier receber a sua Noiva para as Bodas, a receba totalmente pura e cheia de Graça, como sempre deveria estar, assim como Maria estava quando recebeu o anuncio angélico e assim sempre permaneceu, que nada mais é, do que estar cheia do Espírito Santo de Deus, uma graça que foi oferecida, doada, está disponível  e ao alcance de qualquer um que acredite em Deus e queira viver uma vida totalmente transformada.

Isto é a Renovação hoje, vive esta palavra de São Paulo, buscando estar sempre cheios e permanecendo sempre mergulhados nas águas vivas do Espírito Santo de Deus, não como uma experiência única de um só dia, mas como uma vida toda permanentemente ao lado de Jesus que é o nosso único Senhor e Salvador, a ponto de afirmar com certeza absoluta como São Paulo afirmava, Já não sou eu quem vivo, é Cristo que vive em mim…”, falando assim, pode até parecer uma teoria ou uma utopia inalcançável, mas a verdade é que; foi assim que foi feita a proposta inicial e é assim que realmente deveria ser, este é o  verdadeiro objetivo final a ser alcançado e que foi  ficando esquecido com o passar dos anos.

São Pedro em Atos dos Apóstolos 2, 17 dá uma dica de como deveria ser o futuro a partir daquele momento, algo que estava ainda apenas no seu início, assim como o vento do Espírito trouxe aquela fagulha que lhes reacendeu a chama do amor de Deus, o mesmo Vento do Espírito levaria esta fagulha ao mundo como a um campo ressequido e as chamas do Amor de Deus consumiria todo ódio e pecado do coração do homem, transformando a maneira de ser e agir de toda as nações e habitantes desta terra.

Podemos perceber que São Pedro em seu discurso inicial em Pentecostes fez questão de salientar que não existiria limites ou exceções para esta atuação do Espírito Santo, limites e exceções que o próprio Pedro como homem e um Judeu comum  teve que superar quando esbarrou  com ele ao por em prática esta palavra que anunciou.

Dois mil e dez anos se passaram e este objetivo Divino não foi ainda alcançado, não foi abolido e nem esquecido, Deus apenas aguarda a abertura de nossos corações para que Ele derrame todas as suas graças sobre nós, mas se continuarmos o tratando como uma pessoa estranha e desconhecida, ou lendo suas palavras como se fossem apenas histórias que já aconteceram lá no passado, esta verdade em nosso tempo presente jamais será realizada e jamais experimentaremos a Plenitude do Pentecostes anunciado para nossos dias por São Pedro naquele início deste Pentecostes lá em Jerusalém.

vide Página sobre o assunto aqui no blog, Título RCC no Topo.

https://presentepravoce.wordpress.com/rcc/

ou

RCC.

Fr. Raniero Cantalamessa fala sobre a RCC.

Breve Histórico Mundial da Expanção da RCC.

A Renovação Carismática é uma corrente de graça destinada a transformar toda a Igreja.

Os sinais do Pentecostes, Testemunho Frei Raniero Cantalamessa.

Pe. Wemerson de Uruaçu – Go, Deus Fez Maravilhas em Minha Vida.

O que é Grupo de Oração Carismático?

Pentecostes a Festa do Espírito Santo.

A R.C.C. não É um Movimento!

O que a Renovação Carismática Católica não É!

O Que é Renovação Carismática Catolica?

NASCIDO DO ESPIRITO


Escritório RCC Anápolis Goias


baner-rcc-3.jpg


ESCRITÓRIO


Renovação Carismática Católica

Diocese de Anápolis – Goiás


ESTÁ CITUADO NO

CENTRO DE EVANGELIZAÇÃO JOÃO PAULO II

Rua Joaquim J. Xavier (R. N) , Nº 10 Qd.20.Lt.01

BAIRRO SÃO JOAQUIM – ANÁPOLIS – GOIÁS

DEVIDO A GRANDE PROCURA

DEVO INFORMAR – A RCC EM ANÁPOLIS

AINDA NÃO POSSUI UMA Pag PROPRIA NA WEB

Assesse a agenda com os

Encontros programados para este ano.


nossos email’s:

rcc.anapolis@bol.com.br


Veja as fotos do Primeiro Encontro Feminino Realizado na Fundação João Paulo II.


nossos email’s:

rcc.anapolis@bol.com.br

rcc.anapolis@hotmail.com


Voltar para o Inãio Voltar para o Inãio


NOSSA SEDE EM CONSTRUÇÃO


CLIC AQUI E VEJA A LOCALIZAÇÃO NO WILKMAPIA




rincao-08-03_3289.jpg rincao-08-03_287.jpg rincao-08-03_288.jpg
rincao-08-03_093.jpg rincao-08-03_3092.jpg rincao-08-03_3095.jpg

MISSA FINAL DO CERCO JERICÓ DIA

15/03/08 – RINCÃO


img_2741.jpg

Kairós_pr3

Primeiro Encontro Masculino Realizado na Centro de Evangelização João Paulo II. sede da RCC

Deus realizou Maravilhas em minha vida.


Sr. Coordenadores de Grupo Conheçam o Projeto “Reinflamando” os Grupos de Oração.


AGENDA

AGENDA 2014

RCC – Anápolis


img_2606.jpg


img_2744.jpg

img_2725.jpg

https://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/04/loddi.jpg grupo de oração

//mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/pentecostes-ico.jpg” contém erros e não pode ser exibida. http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/frutos-do-espirito.jpg

.


O que é Grupo de Oração Carismático?


GRUPO DE ORAÇÃO


O G.O. é a célula fundamental da Renovação Carismática Católica, é a expressão máxima e principal da RCC, tendo três momentos distintos: núcleo de serviço, reunião de oração e grupo de perseverança.

Podemos também definir Grupo de Oração como sendo uma comunidade carismática que cultiva a oração, a partilha e todos os outros aspectos da vivência do Evangelho, a partir da experiência do batismo no Espírito Santo.

Trata-se de uma reunião semanal na qual um grupo de fiéis coloca-se diante de Jesus, sob a ação do Espírito Santo, para louvar e glorificar a Deus, participar dos dons divinos e edificar-se mutuamente.

O grupo de oração da RCC não deve esquecer, obviamente, de sua identidade carismática. Os outros grupos dentro de outras experiências são importantes para a Igreja e para as pessoas, mas o Grupo de Oração carismático tem características próprias: Batismo do Espírito Santo e o uso dos Carismas.

Cada Grupo de Oração precisa ser, na Igreja e no mundo, rosto e memória de Pentecostes, assumir a responsabilidade pela transformação da nossa cultura, criando não só na Igreja, mas no mundo todo, uma cultura de Pentecostes através da qual todos busquem a construção do Reino de Deus. A vivência dessa vocação da Renovação Carismática pede uma consagração sincera de cada um de nós, sem reservas, mantendo a perseverança até nossa Páscoa definitiva.

Um Grupo de Oração cumpre bem sua missão quando seus integrantes vivem plenamente a vida de oração, pessoal e comunitária, aliada à formação, guardiã dos carismas.

Autor: José Maria de Mello Júnior – Coordenador da Comissão Nacional de Formação – Brasília – DF


Grupo de Oração Carismático


Fazer a Graça Acontecer

É finalidade da R.C.C.. do Grupo de Oração e do trabalho do coordenador que a experiência do pentecostes pessoal, da vida no Espírito, da vida Cristã plena. aconteça, cresça, amadureça e se torne uma realidade definitiva. na vida de cada participante dos Grupos de Oração.

Como ponto de partida. é preciso saber que tudo isto. é obra de Deus no coração do homem. Deus porém quer a colaboração do próprio homem.

O homem precisa aceitar, acolher e querer a obra divina. ou seja ser parceiro de Deus: o trabalho do coordenador é o de “fazer acontecer’ a ação divina na vida de todos. Fazê-la acontecer progressiva e continuamente, para que todos tenham vida plena.

Deus Pai.
Jesus vivo e ressuscitado e o Espírito Santo querem dar suas graças aos participantes do Grupo de Oração e querem dar principalmente as essências para que sejam salvos por Jesus e santificados pelo Espírito Santo e assim tenham a vida plena para a glória do Pai.

As graças do processo de salvação e santificação. Deus quer concedê-las aos participantes do seu Grupo.

E preciso que você coordenador aja de tal forma no seu Grupo de Oração que os participantes peçam e acolham as graças divinas. Você pode e deve provocar a benção divina. a graça de Deus, sobre os participantes, não como um ato mágico, mecânico. mas segundo O amor generoso e poderoso. providente e gratuito de Deus.

Como você pode provocar a graça do Batismo no Espírito Santo e fazê-la acontecer?…

Evangelizando, preparando os passos necessários, para que os participantes do Grupo de Oração desejem. anseiem. queiram, peçam essa graça; rezando sobre ele para que o Espírito Santo se manifeste.

Se existe no seu Grupo de Oração pessoas que ainda não tiveram um encontro pessoal com Jesus;

• pessoas com fé misturada e manchada com idéias espíritas. pagãs. supersticiosas. .
• pessoas feridas e presas de pecados graves e habituais;
• pessoas traumatizadas. feridas pelo desamor. com angústia. ansiedade e medos = você pode e deve urgentemente. fazes acontecer a graça; a graça do perdão, da libertação. da cura espiritual:

Como ? Evangelizando, anunciando a misericórdia de Jesus, preparando para o Sacramento da Reconciliação, encaminhando a um Sacerdote acolhedor.

A graça vai acontecer ? Claro ! É a ovelhinha que Jesus quer resgatar. quer buscar. quer carregar em seus ombros. Jesus é o bom Pastor. Jo 10 / SI 22. (imagens de carinho e afeto). “Provocar a graça” parece uma ousadia de expressão mas é para passar a realidade ativa e dinâmica. que mostra também o aspecto da cooperação humana com a obra divina.

O homem precisa apropriar-se das bênçãos e graças divinas que são oferecidas em superabundância. (Jo 4. 1-48) = Jesus oferece e a Samaritana faz a sua parte = abre seu coração, Deus transforma a sua vida. Ela participou e a graça aconteceu!

Provocar a graça e fazê-la acontecer nos participantes do Grupo de Oração é uma missão fascinante, linda e gratificante. Por isso. você coordenador, com fé confiante e com sabedoria deve preparar os corações do modo mais perfeito e realizar o que for necessário para que a bênção divina aconteça.

É preciso ter conhecimento. alguma experiência pessoal. amor zeloso para com os participantes e criatividade.

Não faça nada mecânica. magicamente. Não aja superficialmente. você não é um profissional.

É preciso ser criativo e agir com sabedoria. Quanto mais você souber criar caminhos próprios, sábios e inteligentes de fazer a graça acontecer. tanto melhor.


Amém !!!


ALGUNS MOMENTOS DE UM GRUPO DE ORAÇÃO CARISMÁTICO JOVEM.


ACOLHIDA LOUVOR ANIMAÇÃO

ORAÇÃO PREGAÇÃO AVISOS



A R.C.C. não É um Movimento!



A Renovação Carismática Católica é o Mover do Espírito Santo na Igreja, não é um movimento alienado ou alienante que copia o pentecostalismo evangélico  mas procura a vivência da fé como no princípio da Igreja em Pentecostes vivendo em Comunhão com a hierarquia Milenar da Igreja Católica Apostólica Romana na observância dos Mandamentos da Igreja e seus Documentos inclusive o Concílio Vaticano II, trabalha em conformidade com os interesses de cada paróquia em particular através de seus grupos inseridos nas comunidades em todo o Brasil.


Veja Também –


A RCC não É:

Como nasceu a RCC.

Debate sobre a RCC.

Conheça o Espírito Santo.

Os frutos do Espírito.

Testemunho de Libertação.

RCC. O que é Renovação Carismática.

O que é Grupo de Oração Carismático?

PENTECOSTES.

A Cultura de Pentecostes.

Semeando a cultura de Pentecostes !

Efusão no Espirito Santo.

A Igreja e os Carismas.

Seminário de Vida no Espírito – SVE I

Bento XVI Fala sobre a RCC.

“Falarão Novas Línguas…”

CNBB – Documento Oficial sobre o direcionamento Pastoral para a RCC no Brasil.

A Renovação Carismática é uma corrente de graça destinada a transformar toda a Igreja.





O que a Renovação Carismática Católica não É!

banner_novena_pentecostes.jpg
  1. A RCC não é apenas um mais movimento da Igreja Católica Apostólica Romana, ela é o mover do Espírito Santo através de seus Dons, Frutos, e Carismas em toda a Igreja e através de todos os movimentos.

  2. A RCC não é um Movimento Pentecostal derivado da Influência de Martinho Lutero atravéz de suas numerosas denominações protestantes, o novo movimento do Pentecostalismo só reapareceu no século XX no mesmo dia que Leão XIII apresentou uma encíclica sobre o Espírito Santo.

  3. A RCC não faz parte do movimento Modernista, antes pelo contrário, busca com rigor a valorização e a participação nos Sacramentos e na Santa Missa, buscando também mais compromisso Espiritual nas orações e o estudo da Palavra de Deus dando ênfase às coisas mais Santificantes.

  4. A RCC Não criou novidades na Igreja Católica.  Muito pelo contrário, ela é movida a ser um novo Pentecostes rumo à recuperação das primeiras atitudes dos Cristãos logo após o nascimento da Igreja em Pentecostes, Fatos largamente comprovados na Bíblia e Documentos da Igreja. Isto fazemos em obediência à palavra de Deus anunciada por São Paulo aos Gálatas no Capítulo 3 e por São João no livro de Apocalipse 2, 4.

  5. A RCC não é Ignorante da Palavra de Deus e dos Documentos da Igreja, A RCC é subdividida em diversas Secretarias Ministeriais aperfeiçoando os diversos assuntos relacionados à fé; A Escola Paulo Apóstolo é responsável pelo estudo da Palavra de Deus, Kerigma, pregação, catequese, Documentos da Igreja e retransmitindo aos Lideres através de apostilas e livros com o objetivo de conduzir e ensinar a todos como crescer na vivência Cristã dentro da Igreja Católica Apostólica Romana.

  6. A RCC não é Desestruturada, Temos um Conselho Nacional, Estadual, Diocesano, Municipal, Regional, Paroquial e enfim coordenadores em cada Grupo de Oração em particular ligados em uma corrente hierárquica inserida na Igreja e em obediência com nossos Sacerdotes, Bispos e o Papa Bento XVI.

  7. A RCC não é um Braço desligado da CNBB, Possuímos Bispos no Brasil que nos representam dentro do conselho nos deixando ligados e atualizados com a Igreja no Brasil.

  8. A RCC não é um Barco errante em alto mar, Ela tem Representantes Mundiais, como Cardeais e Bispos que nos representam diretamente junto ao Vaticano e ao Papa.

  9. A RCC não é Alienada somente vivendo o Lado Espiritual, Trabalhamos em todo o Brasil em diversos Movimentos assistenciais principalmente acolhimento aos necessitados e marginalizados; Drogados, Alcoólatras, Prostitutas, Crianças Carentes Etc…

  10. A RCC não é um grupinho isolado, Trabalhamos em Comunhão e entronizados sem Discriminações com todas as Pastorais da Igreja, Catequese com Crianças, Grupos de Jovens, Com Casais, Com Homens, Com Viúvas, Pastoral da Saúde, Pastoral da Sobriedade etc…

  11. A RCC não é acomodada e preguiçosa, Temos trabalhado em todas as atividades Paroquiais, Festas, Promoções, Atividades internas, Catequese, Bingos, Evangelização nas casas, Ministros da Eucaristia, Secretarias, Construções etc…

  12. A RCC não é uma comunidade NOVA, apesar das Comunidades Novas terem se originado na RCC e serem Renovadas, hoje seguem seus próprios caminhos e já possuem uma estrutura totalmente independente da RCC.


Veja também como

Surgiu a RCC no Mundo


SITE OFICIAL DA RCC BRASIL


simbolo-rcc-j.jpg


E Assim foi Concebida a Renovação Carismática Catolica!



Semeando a cultura de Pentecostes



O Que é Renovação Carismática Catolica?



A RCC, Nasceu em primeiro lugar no coração de Jesus que a Gerou no Seio da Igreja Católica através da Moção do Espírito Santo.



baner-rcc-3.jpg


A Renovação Carismática Católica, ou o Pentecostalismo Católico, como foi inicialmente conhecida, teve origem com um retiro espiritual realizado nos dias 17-19 de fevereiro de 1967, na Universidade de Duquesne (Pittsburgh, Pensylvania, EUA).(13)Em uma carta enviada dois meses após (29 de abril de 1967), a um professor, Monsenhor Iacovantuno, Patti Gallagher, uma das estudantes que participou do retiro, assim relatou o que aconteceu naqueles dias:

Tivemos um Fim de Semana de Estudos nos dias 17-19 de fevereiro. Preparamo-nos para este encontro, lemos os Atos dos Apóstolos e um livrinho intitulado “A Cruz e o Punhal” de autoria de David Wilkerson. Eu fiquei particularmente impressionada pelo conhecimento do poder do Espírito Santo e, pelo vigor e a coragem com que os apóstolos foram capazes de espalhar a Boa Nova, após o Pentecostes. Eu supunha, naturalmente, que o Fim de Semana me seria proveitoso, mas devo admitir que nunca poderia supor que viria a transformar a minha vida!

Durante os nossos grupos de discussão, um dos líderes colocou em tela o fato de que nós devemos confirmar constantemente os nossos votos de Batismo e de Crisma, assim como devemos ter a alma mais aberta para o Espírito de Deus. Pareceu-me curioso, mas um pouco difícil de acreditar quando me foi dito que os dons carismáticos concedidos aos apóstolos são ainda dados às pessoas nos dias atuais – que ainda existem sinais do poder divino e milagres – e que Deus prometeu emanar o seu Espírito para que se fizesse presença a todos os seus filhos. Decidimos, então, efetuar a renovação dos votos de Batismo e de Crisma como parte do serviço da missa de encerramento, no domingo à noite. Mas, no entanto, o Senhor tinha em mente outras coisas para nós!…

No sábado à noite, tínhamos programado uma festinha de aniversário para alguns dos colegas, mas as coisas foram simplesmente acontecendo sem alternativa. Fomos sendo conduzidos para a capela, um de cada vez, e recebendo a graça que é denominada de Batismo no Espírito Santo, no Novo Testamento. Isto aconteceu de maneiras diversas para cada uma das pessoas. Eu fui atingida por uma forte certeza de que Deus é real e que nos ama. Orações que eu nunca tinha tido coragem de proferir em voz alta, saltavam dos meus lábios. (…) Este não era, pois um simples bom fim de semana, mas, na realidade, uma experiência transformadora de vida que ainda está prosseguindo e se desenvolvendo em crescimento e expansão.

Os dons do Espírito já são hoje manifestados – e isto eu posso testemunhar, porque tenho ouvido pessoas orando em línguas, outras praticam curas, discernimento de espíritos, falam com sabedoria e fé extraordinárias, profetizam e interpretam.

Eu, agora, tenho certeza de que não há nada que tenhamos de suportar sozinhos, nenhuma oração que não seja atendida, nenhuma necessidade que Deus não possa cobrir em sua riqueza! E, no depender dele e louvá-lo com fidelidade, eu sinto uma tremenda sensação de liberdade.

Podemos tentar viver como cristãos, morrendo para nós mesmos e para o pecado, mas esta será uma luta desanimadora se não contarmos com o poder do Espírito. Ainda existem tentações e problemas, mas agora tenho a certeza e a confiança em Deus, agora ele me dá segurança. Realmente, transforma-me a viver nele. É verdade que na Crisma, nós recebemos o Espírito Santo e que nós somos seus templos, mas nós não nos abrimos o suficiente para receber em nossas vidas os seus dons e o seu poder. É certo que o Espírito Santo é o nosso professor: eu dele aprendi tanto e em tão pouco tempo!

As Escrituras vivem! Amém! Eu estou segura de que jamais poderia ter acumulado por minha própria conta tanto conhecimento, apesar de todo o esforço desenvolvido, e com as melhores intenções que tivesse.

(…) Eu me vi, de repente, conversando com as pessoas sobre Cristo, e, vendo desde logo o resultado desse trabalho! Eu jamais teria ousado fazer essas coisas no passado, mas agora, é ao contrário: é impossível deixar de fazê-lo. É como disseram os apóstolos depois de Pentecostes: “Como podemos deixar de falar sobre as coisas que vimos e ouvimos!” (…)(14) .

Estas notícias se divulgaram rapidamente, causando um grande impacto no meio religioso universitário. O “Fim de Semana de Duquesne”, como ficou mundialmente conhecido este retiro, tem sido geralmente aceito como o ponto de partida que deu origem à Renovação Carismática Católica, cuja abrangência estender-se-á, num curto período de tempo, por um grande número de países.

A experiência inicial vivida nestas universidades, caracterizada por um reavivamento espiritual por meio da oração, da vida nova no Espírito, com a manifestação dos seus dons, tomará corpo, transpondo rapidamente o ambiente onde foi originada.

Através das reuniões, seminários e encontros, em breve, aparecerão grupos de oração noutras universidades, paróquias, mosteiros, conventos, etc. Os testemunhos multiplicam-se, vindos dos mais variados grupos de pessoas: operários, ex-presidiários, professores, religiosos das mais diversas ordens.

Kevin e Dorothy Ranaghan ainda registram um aspecto pouco divulgado desta história inicial da Renovação Carismática:

Nossa suspeita de que essa experiência de renovação, que agora estava espalhada, não era nova para os católicos americanos, foi confirmada, quando ouvimos notícias ou recebemos cartas de pessoas ou grupos de católicos ao redor do país. Da Flórida, Califórnia, Texas, Wisconsin, Massachusetts, tivemos notícias do trabalho calmo do Espírito Santo no decorrer dos anos(15) .

Portanto, embora os primeiros momentos da Renovação tenham se dado em torno do retiro de Duquesne e apesar de estarem os americanos igualmente presentes no seu nascimento em diversos outros países, seria falso atribuir a expansão da Renovação Carismática unicamente à sua influência. Como afirma Monique Hébrard, a Renovação Carismática “explodiu quase ao mesmo tempo em todos os cantos da terra e em todas as igrejas cristãs, sem que se saiba muito bem como é que o fogo se ateou”(16) .

Para o Cardeal Suenens isto também despertou uma curiosidade, ou seja, “sem nenhum contato entre si, parece que o Espírito Santo suscitou em vários lugares do mundo experiências que, se não são iguais, certamente são semelhantes”(17)

Fonte: www.rccbrasil.org.br

Retirado: http://www.cancaonova.com/portal/canais/formacao

CNBB – Documento Oficial sobre o direcionamento

Pastoral para a RCC no Brasil.


RCC ANÁPOLIS http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg

Link’s para outros post’s



sb-rcc-3-2.jpg