A Inglaterra pirou de vez !

http://beranger.org/blogo21/atheist_bus_campaign.jpg

Campanha publicitária na Inglaterra tenta diceminar duvida entre os Cristãos, convidando todos a duvidarem de algo que a maioria acredita e aceitando em troca nada mais nada menos de que um “PROVAVELMENTE”.  Uma certeza em troca de uma duvida não seria um bom negócio para ninguém.

Veja a notícia que saiu no ZENIT:

E os comentários dos Blog’s abaixo.

Provavelmente, não existe motorista.

Campanha de ateus gera reação de cristãos

“Provavelmente, não existe motorista”

” Deus Lo Vult”

‘No God’ slogans for city’s buses

Fonte: Zenit

Uma organização britânica cristã protestou nesta quinta-feira perante a autoridade que regulamenta a publicidade após o lançamento nos meios de transporte públicos do Reino Unido de uma campanha atéia que proclama «provavelmente Deus não existe» e pediu provas que confirmem tal afirmação. A campanha atéia, exposta em 800 ônibus do país, assim como no Metrô de Londres, foi lançada ao início de janeiro com o apoio da Associação Humanista Britânica (BHA) e foi financiada por mais de 140 mil libras (cerca de 150 mil euros). O slogan completo da campanha, que também deverá ser promovido em menor escala na Espanha, é «Provavelmente Deus não existe. Deixa de te preocupar e desfruta a vida».

Stephen Green, diretor nacional da associaçãoChristian voice, apresentou uma denúncia à Advertising Standards Authority (ASA), argumentando que a campanha viola o código da publicidade por ser enganosa, dado que carece de fundamento. Segundo seu regulamento, a ASA estabelece que «a publicidade não pode desorientar os consumidores. Isto significa que os anunciantes devem ter provas que demonstrem o que anunciam sobre seus produtos ou serviços antes de que apareça o anúncio». Segundo Green, esta publicidade viola o código publicitário, «a não ser que os anunciantes demonstrem que provavelmente Deus não existe».

Segundo o denunciante, os promotores da campanha não podem desculpar-se dizendo que se trata de uma «questão de opinião», «pois nenhuma pessoa ou entidade firma a declaração. Apresenta-se como uma declaração de fato e isto significa que deve ser capaz de ser provada, do contrário se rompem as normas». Um porta-voz da ASA declarou que a autoridade aceitou a denúncia. «Nós a avaliaremos nos próximos dias e, a partir desta avaliação, decidiremos se é necessário contatar o anunciante», afirmou.

Meu Comentário

Sobre a campanha da

(BHA) e Prof. Richard Dawkins.

“Provavelmente”

É uma palavra que exprime duvida.

Estes homens não tem certeza do que estão afirmando e é claro que não podem provar o contrário, enquanto que a Igreja tem muitas provas da existência Divina, caso contrário não existiria Igreja.

Eu por exemplo tenho certeza de que Deus existe !

Será que foi porque vi milagres acontecendo, ou porque Deus apareceu para mim ?

Não, não foi por nenhum destes motivos.

O que eu não entendo é porque alguém iria fazer uma campanha contra Deus e convocar o povo a cair no pecado, o que estes homens estariam querendo vender na verdade ?

Não Matar, Não Roubar e não prostituir são alguns dos mandamentos da Lei de Deus.

O que seria de um mundo onde roubar, matar e cobiçar a mulher e o homem alheio fosse permitido ?

Egoísmo, ódio, orgulho, desonestidade, mentira e outras coisas semelhantes seriam o galardão de um mundo sem Deus.

Se os homens já se matam com as leis de Deus como princípios elementares, imaginem o inferno que seria o resultado do que pretendem criar neste mundo maravilhoso criado por Deus.

A poucos dias debati com um ateu em seu blog, porque ele criticou a frase “Graças a Deus”, uma frase que dizemos quase que automaticamente quando nos livramos de uma tragêdia, por exemplo.

Ele disse que “deus”, seria o mesmo que permitiu que outros morressem e porque então eu teria que dar graças a ele já que o outro morreu por causa do mesmo “deus”?

Só que ele usou “deus” escrito com letras minúsculas e eu lhe disse que esse deus em minúsculo não seria o nosso “DEUS” verdadeiro que deveria ser sempre escrito com letras “MAIÙSCULAS”, logo este deus a quem ele se referia não era o nosso “DEUS” e sim um outro qualquer.

Não é que ele reclamou, justificou, brigou, rebolou, reclamou porque eu lhe estava chamando a atenção, mas não escreveu o nome de Deus na maneira correta.

Sabe porque ?

É porque ele “TEME A DEUS” e sabe que nosso Deus não é um “deusinho de pedra” qualquer, mesmo que ele afirme não acreditar n’Ele, o fato de respeitar o seu nome, revela que ele acredita mesmo em Deus e não arrisca afirmar categoricamente que DEUS não exista de fato.

É o mesmo caso dos malucos ingleses acima, não tiveram coragem de dizer o que queriam dizer e ficaram com meias palavras duvidosas, com um pé atrás porque na verdade eles creem que Deus existe de fato e querem apenas lucrar com os idiotas que vão se meter a besta acreditando nas suas meias palavras de Marketing pagão.

A verdade que nós conhecemos de fato é que o diabo é aquele que mais afirma que Deus não existe, mas também é aquele que se ajoelha perante seu Poder e sua Majestade, porque a Palavra de Deus nos diz que até mesmo nos infernos todo joelho se dobra perante o nome de Jesus. (Fil.2)

A regra básica da propaganda é realmente acreditar naquilo que se vende, mesmo que o produto não seja bom, o Marketing tem que vender uma imagem que convença o comprador que o produto é realmente bom.

Neste anuncio do ónibus, eles fazem o contrário, demonstram que eles mesmos não acreditam em si mesmos e talvés ainda Deus realmente possa existir.

Quem acaba levando vantagem ainda é o próprio Deus, porque alerta os fracos na fé, que devem reanimar o que está morrendo e não deixar que os pagãos façam chacota da sua Igreja.

Um mundo sem Deus seria muito pior que um onibus sem motorista !

Slogan da campanha enganosa e duvidosa.

«Provavelmente Deus não existe. Deixa de te preocupar e desfruta a vida».

Eu diria:

«Certamente Deus existe. Se Preocupe em descubrir a verdadeira vida».

E tem muito mais nestes Post’s abaixo.


Gloria Pollo
https://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/05/terco.jpg
MILAGRE DE LANCIANO


Temas da Canção nova
FOI DEUS
O ALPINISTA EXTRAORDINÁRIO.

.


9 Respostas

  1. Olá, presentepravoce

    Eu não sou um descendente de Macaco

    Ninguém é descendente de macacos.
    Homem e macacos, enfim, todos os primatas, têm um ancestral comum.

    [..] como é o caso da visita do homem a lua, uma mentira inventadda pelos americanos […]

    Se você não acredita que o homem foi à lua por não ver provas suficientemente convincentes disso então essa é uma postura cética, o que eu acho bastante louvável.
    Contudo, fico surpreso de você não adotar uma postura igualmente cética perante a religião.

    Mas, enfim, o assunto que me trouxe aqui parece estar resolvido. Não faltarão oportunidades para debatermos outros assuntos.

    um abraço
    e até mais

    Curtir

    • Fiquei Surpreso Tyranossaurus

      Você acreditou realmente que eu não acreditei no fato do homem ter ido a lua !
      Afinal existe uma legião de pessoas que tentam provar que não foram lá de verdade.

      Não que eu tenha acreditado nestes homens, nem que eu tenha acreditado 100 % nos Americanos e nos Russos que lá estiveram, pois eu acho que muito foi forjado mesmo, mas é evidente que eles deram uma voltinha por lá, hoje só não voltam lá, porque não tem nada de valor lá que se possa aproveitar aqui.

      Já a descendência do Macaco que você não aceitou é muito bom, mas este ancestral comum a que você se referiu é pura “TEORIA” de Charles Darwin e nunca foi encontrado o elo “PERDIDO”, o que eu não entendo é porque uma pessoa que precisa de provas para aceitar as coisas, aceitaria a TEORIA de um Homem que fraudou provas para comprová-la e não aceita a verdade de um Jesus que morreu numa cruz derramando até a ultima gota de seu sangue, depois ressuscitando e permanecendo vivo para sempre, fato testemunhado por muitas pessoas, escrito e comprovado, a unica coisa que seria possível dizer neste caso é o que os Judeus já dizem desde o dia que o Mataram na Cruz, “que Ele era um simples profeta e não um Deus”.
      O que prova o contrário é justamente a sua ressusrreição, porque nenhum homem jamais ressuscitou e jamais ressuscitará pela sua própria capacidade.
      O filme de Mel Gibsom mostra claramente como foi a morte de Jesus, mostra que realmente nenhum simples homem permaneceria vivo sem sangue correndo em suas veias, mesmo taxando o filme de violento, ele ainda ficou muito aquém do que na realidade aconteceu de fato, isto aconteceu nas ruas de Jerusalém, Jesus desfilou carregando uma Cruz na frente de todos os habitantes da cidade e aa notícia se espalhou por toda região e há registros históricos a respeito disso até em Roma.
      Porque então duvidar destes fatos ?
      Se acreditamos em coisas muito mais insignificantes do que estas, que não fariam a menor diferença para nossas vidas, como é caso de como o universo iniciou, cada dia surgem com uma teoria nova que não conseguem provar, depois inventam outra e assim vai.
      Não importa como Deus Fez!
      O que importa é que Ele Fez e pronto !

      Deus lhe abençoe.

      Curtir

  2. Olá, presentepravoce

    Não vim aqui com intuito contestar suas idéias, nem para discutir religião, nem para falar sobre Richard Dawkins ou a campanha nos ônibus ingleses. Vim apenas para corrigir o que considerei uma injustiça, qual seja, o seu exagero de retórica.

    Já Conhecia o professor Dawkins ?

    Sim, claro, já li alguns de seus livros.
    Se eu e Dawkins temos algumas idéias em comum é porque chegamos a conclusões semelhantes independentemente, eu não assimilei idéias dele e nem vice-versa. Veja, por exemplo, que ele afirma categoricamente que deus não existe. Eu não afirmo isso.

    Para mim não existe meio termo para esta questão, não existe um nome para quem fica em cima do muro

    Não me classifico como ateu porque essa palavra não é claramente definida, por experiência própria já percebi que cada um entende uma coisa diferente. Eu sei o que eu sou, só não sei se vão me entender se eu usar esse termo. Eu me defino como livre-pensador.
    Não estou em cima do muro pois tenho opiniões claras sobre as coisas. Caso você esteja interessado, podemos resumir minhas opiniões assim:

    a) Sobre as religiões

    Todas são falsas e até perniciosas.
    Portanto não sou religioso nem crente; não tenho qualquer tipo de crença.

    b) Sobre deus

    Não posso afirmar, até o momento, se deus existe ou não. Mas posso afirmar que se deus existe ele não é como as religiões dizem que ele é. Em outras palavras, posso afirmar que o seu deus não existe mas não posso afirmar que deus não existe.

    Portanto, se eu me apresentar como ateu será que as pessoas vão imaginar o que acabei de dizer ou vão pensar que eu afirmo que deus não existe?

    A definição de Fé também exclui o fato dela não existir, porque ou você tem Fé em algo ou tem Fé no seu oposto, mas sempre terá que direcionar a sua Fé a alguma coisa.

    Para os crentes tudo tem que ser baseado em crenças, esse é o mundo que eles entendem. Por isso também costumam pensar que não-crentes também crêem numa “não-crença”, como você disse acima.
    Deixe-me exemplificar: suponha que não sabemos a forma do planeta terra. Ao invés de criarmos várias crenças (religiões), cada uma com uma crença diferente sobre a forma da terra, afirmo que devemos tentar descobrir a verdadeira forma da terra. Uma vez descoberta qual é essa forma teremos uma certeza, não uma crença. Crenças surgem quando as pessoas querem inventar respostas para o que não sabem, aceitam essas respostas como verdades e passam a crer nelas. Sendo assim, ou eu sei ou eu não sei. Se não sei vou tentar descobrir. Se não for possível descobrir, paciência, ficarei sem saber. Mas, crença não tenho nenhuma, porque “crer” significa “aceitar algo como sendo verdade mesmo sem qualquer prova”, e isso, para mim, é inaceitável.

    mas tento mostrar-lhe que você esta tentando achar solução para seus problemas onde ela não está e acabará encontrando mais problemas ainda

    Não se trata de uma “solução para meus problemas”, trata-se de procurar saber como as coisas de fato são. Já estive do seu lado do muro e, portanto, posso falar com conhecimento de causa: aí não existe verdade.
    Apenas como curiosidade: passei para o lado de cá do muro há muitos anos, já na adolescência. De lá para cá meu conhecimento só aumentou.
    Por isso também estou numa boa.

    um abraço

    Curtir

    • Meu amigo

      Eu tenho certeza, que nem tudo que você aceita como verdade é realmente a verdade comprovada, e nem tudo que você aceitou como verdade você foi atras das provas para poder aceitá-las.

      Um exemplo disso é:

      O HOMEM FOI A LUA OU NÃO FOI ?

      O monte Everest existe ou é apenas uma imagem criada por computador nos filmes ?

      Você aceita isto como verdade e fato comprovado porque você viu, comprovou com suas mãos como Tomé enfiou o dedo no buraco do coração de Jesus ?

      Por que Eu aceitaria como verdade que Bin Ladem treinou pilotos suicidas e atingiu as torres gemeas, olha que eu vi ao vivo na tv e não aceito este fato como verdade, porque eu não o vi treinando estes pilotos e os tais pilotosd todos morreram sem saber quem os mandou para lá.

      Bush não conseguiu provar nada, nem encontrou as armas no Iraque.

      Você pode perguntar para qualquer pessoa no oriente médio quem destruiu as torres gémas que eles te dirão com toda certeza que foi o Bush quem mandou derrubá-las para jogar a culpa no Bim Ladem, tendo assim uma desculpa para invadir o afeganistão.

      Isto é uma questão de fé ou de fatos, você bem sabe que os fatos podem ser manipulados, aceitar a verdade dos homens é muito mais temerária que aceitar a verdade Divina, porque a Verdade de Deus é imutável, enquanto que a verdade dos homens vária conforme o vento.

      Seus próprios olhos te enganam e agora com os photos shops d e imagens então se tornou normal criar coisas que não existem para enganar as pessoas, principalmente coma as fotos e imagens de disco voadores.

      O Et de Varginha foi visto por muitas pessoas, e todos viram quando o corpo de bombeiros o recolheu das ruas, mas eles dizem que isto nunca aconteceu.
      Onde está a verdade ?

      Não é porque você não viu ou pegou e até apaupou, que outra pessoa não tenha visto e apalpado.

      É uma questão de fé, aceitar ou não aquilo que uma pessoa lhe conta a respeito de um fato que você não tenha precenciado.

      O mundo não vive sem fé e muitas vezes acreditamos em algo que não é verdade, como é o caso da visita do homem a lua, uma mentira inventadda pelos americanos que fizeram montagens em fotos para enganar os trouxas.

      E o et de varginha ?
      quem fala a verdade ?
      Os habitantes ?
      Ou seria o Govêrno ?

      É muito cômodo para mim ou para você não tomar partido ou dizer que não acredita em nenhum dos dois lados. este fato, “SIM ou NÃO”, não mudaria em nada a minha vida.

      É verdade, mas existe uma verdade que não pode ser negada, existe apenas uma verdade neste caso e não existe meio termo ou neutralidade.

      Ou o ET existe mesmo !
      Ou não existe !

      Talvés seria inaceitável !
      PROVAVELMENTE É INACEITÁVEL !
      PODE SER OU PODE NÃO SER é inaceitável !

      Meu caro Tyranossaurus, você é Prático !
      só aceita aquilo que você mesmo experimenta !

      Eu sou lógico !
      Aceito aquilo que é lógico !
      Se o homem não tem resposta para alguma coisa, ele não pode afirmar então que seja outra !
      Se o Homem não prova que Deus existe, também não prova que Ele não existe !

      Porém o homem não tem respostas científicas para quase nada neste mundo, na verdade não sabe de nada, e vive inventando mentiras para provar suas teorias ludibriando os macacos descendentes da teoria de Chasles Darwim, que mentiu e manipulou dados e fosseis discaradamente para provar uma teoria que jamais foi comprovada e que no entanto é usada como base de todo materialismo e ateísmo de hoje.

      Eu não sou um descendente de Macaco, eu fui Criado a imagem e semelhança de Deus e sou único, sou filho do Céu, não sou deste mundo e nem ficarei eternamente limitado a este corpo que um dia se tornará pó, porém meu espírito vive eternamente e estará um dia em um lugar eternamente na presença de Deus.

      Se eu não posso crer em Deus porque sou obrigado a aceitar que sou um macaco, como uma experiência falsificada de 5 macacos que são manipulados a regeitar as bananas levando o final a crer que nossas atitudes são comparáveis as atitudes e reações de macacos presos em uma gaiola.

      “a atitude do verdadeiro homem é inesperada e por mais que se molde ou doutrine na ditadura ou pressão, ale ainda acaba tomando uma atidude inesperada, sempre será assim, Porque?”

      Porque somos muito mais que aparentamos ser, e não temos nem um porcento de conhecimento das nossas capacidades humanas muito menos das nossas capacidades espirituais.

      Eu diria apenas, há muito que descobrir e este muito está mais dentro de mim mesmo que fora de mim.

      Isto não são apenas ideías, são verdades.

      Curtir

  3. Caro Tyrannosaurus,

    Já que você veio em sua propria defesa, responda a outra parte da frase.

    Já Conhecia o professor Dawkins ?
    Ou nunca tinha ouvido falar dele ?

    Você também acha que suas ideias são exclusivas, e se falo mal de uma tendência errônea, você acha que estou falando unicamente de você.

    Quando eu falo de Deus para alguém, eu tenho certeza de que o que estou falando não é de exclusividade minha, portanto quando alguém critica o que falei, não criticou apenas a mim, mas a muitos que como eu acreditam na mesma mensagem que anunciei.

    por sinal andei pesquisando mais sobre o assunto e até encontrei um “PROVAVELMENTE” quase idêntico ao meu e muito mais completo e repleto de dados sobre a situação da Inglaterra nos dias de hoje, lamentavelmente a falta de Deus na sociedade gera problemas graves que o homem não conseguirá resolver, e pelo que sei o efeito nocivo do veneno do Sr. Dawkins ainda nem começou a fazer seu efeito lá.

    Digo isso, porque sei que, por mais que você diga não ser influenciado por ninguém, o seu caminho vai na mesma direção e é muito bom analisar os efeitos reais de tais pensamentos numa sociedade liberalizada e sem controle por parte de uma Dinvidade Idonea.

    Se a opinião daqueles que acreditam em Deus não serve para você, veja pelo menos as projeções dos dados de crescimento do homoxexualismo, alcoolismo, pornografia e abusos sexuais nas escolas Inglesas.

    Mas porque eu me preocuparia com isso, o slogan diz apenas,

    “para que se preocupar, desfrute a vida.”

    Estou numa boa.

    Curtir

  4. Olá, presentepravoce

    Desejo fazer apenas duas correções:

    Pois bem sei que você o conhece, já que veio em sua defesa

    Eu vim em minha defesa e não de terceiros.

    na verdade já havia me deparado com aquelas ideías absurdas por ai, mas vi agora que todas provém da mesma fonte

    Acho que você se refere a algumas de minhas idéias, não? Bem, minhas idéias são minhas idéias, eu não copio meus textos de lugar nenhum. Quando menciono idéias de outros eu procuro citar o autor e a obra. É possível, sem dúvida, que outras pessoas tenham tido as mesmas idéias sem que eu soubesse disso.
    Mas vamos separar as coisas: eu falo apenas em meu nome. Não vim aqui para defender outras pessoas e nem falo em nome delas.

    um abraço

    Curtir

  5. Olá, presentepravoce. Vim retribuir sua visita a meu blog.

    A poucos dias debati com um ateu em seu blog, porque ele criticou a frase “Graças a Deus”

    Sim, conversamos sobre isso. Eu não critiquei, tentei fazer uma análise. Porém eu não me classifico como ateu, como aliás eu já havia dito num dos comentários na nossa conversa.
    Se você precisa usar a técnica de tentar criar antipatia entre seus leitores e a pessoa que debateu com você é porque não tem certeza se a pura verdade surtiria o mesmo efeito.

    Não é que ele reclamou, justificou, brigou, rebolou, reclamou porque eu lhe estava chamando a atenção, mas não escreveu o nome de Deus na maneira correta.

    rs
    Novamente você tenta uma técnica retórica. Na verdade eu respondi com uma única frase, para a qual não obtive nem mais um comentário.
    A frase foi:
    “Então você acha que cometi um erro no uso do idioma?”
    Agora você está tentando passar a imagem de que lutou contra o “terrível monstro ateu infiel pecador” e deu uma boa lição nele! Bravo!
    Isso é mesmo necessário, presentepravoce?

    Sabe porque ?

    Eu sei mas seus leitores não sabem. Mas tenho a impressão que você vai lhes contar, não? Mas você vai contar a verdade ou novamente vai inventar?

    É porque ele “TEME A DEUS” e sabe que nosso Deus não é um “deusinho de pedra” qualquer, mesmo que ele afirme não acreditar n’Ele, o fato de respeitar o seu nome, revela que ele acredita mesmo em Deus e não arrisca afirmar categoricamente que DEUS não exista de fato.

    Para quem nem ao menos respondeu minhas perguntas e fugiu do debate você está falando grosso demais. E tirando muitas conclusões também. Ainda aguardo a continuação da nossa pequena conversa.

    Caro presentepravoce, se você me vê como inimigo, você está enganado. Sou apenas alguém que procura a verdade e não a encontrou na religião por isso procura por conta própria.

    Para quem quiser conferir o nosso breve diálogo é só clicar aqui.

    um abraço

    Curtir

    • Caro Companheiro Tyranossaurus

      Eu não havia citado o seu nome, mas já que você se apresentou e citou o nosso pequeno debate, em referência ao assunto supracitado.

      Na verdade fico na obrigação de aprovar seu comentário, já que nosso debate não tem nada de mais, o que eu classifiquei como desreipeito a uma pessoa, você prefere classificar como um provável erro de escrita, que eu nem me preocupei com isso já que a mesma palavra foi escrita errada várias vezes propositalmente.

      Fazendo uma busca hoje de manhã pelo nome do Professor Richard, descobri que já existem mais de tres milhões de citações ao seu nome na Internet e ao meu apenas duas mil citações, para que você veja como sou humilde perante este monstro enorme que ameça engolir o próprio Deus, quem sou eu para afrontar este Dragão que já existe referência a ele até mesmo no Apocalipse. Este sim seria um monstro e não considerei você desta forma de maneira nehuma.

      Pois bem sei que você o conhece, já que veio em sua defesa e enquanto eu lhe preparo uma resposta, apenas deixo esta resposta rápida, mas descobri hoje de manhã que aquelas suas palavras que foram sitadas em seu blog já foram pronunciadas pelo Professor Richards em referência ao acidente do Boing da Gol, me imprecionei e me lembrei de você no mesmo momento, por ver que suas palavras eram idênticas ao que ele já havia dito em uma situação semelhante, na verdade já havia me deparado com aquelas ideías absurdas por ai, mas vi agora que todas provém da mesma fonte.

      Aguarde, tenho mais a dizer

      Curtir

      • Continuação da Resposta Anterior

        Caro Amigo Tyrannosaurus

        Vejamos o seu próprio comentário,

        […]“Então você acha que cometi um erro no uso do idioma?”
        Agora você está tentando passar a imagem de que lutou contra o “terrível monstro ateu infiel pecador” e deu uma boa lição nele! Bravo![…]

        Ateu : Eu usei apenas esta palavra, que significa, aquele que por opção própria não acredita em Deus apesar de ter tido oportunidade e conhecimento para crer, na Europa isto é muito comum e é até considerado uma religião, para mim todo aquele que acha que Deus não existe é um ateu, um outro ateu me disse uma certa vez em tom de brincadeira, o ateu também é crente, crê que Deus não existe.
        A definição de Fé também exclui o fato dela não existir, porque ou você tem Fé em algo ou tem Fé no seu oposto, mas sempre terá que direcionar a sua Fé a alguma coisa.

        Aquele que não conhece a Deus não é ateu.

        Infiel é aquele que acredita e fez profissão de Fé, mas não vive a sua fé como deveria. Não é o seu caso já que não fez a sua opção de Fé em Deus.

        Pecador é aquele que transgride a lei de Deus, quem não crê em Deus mas conhece sua lei continua sendo um pecador, porque se você matar alguém será preso mesmo que não tenha conhecimento que isso não lhe era permitido pela lei humana que é inferior e simplesmente uma cópia da Lei Divina. Enfim todos continuamos pecadores com um bilhete de entrada nas mãos até ser consumado a nossa inclusão definitiva no Reino de Deus. Jesus ao morrer na cruz lhe deu direito a este bilhete com seu nome escrito e intransferível, porém ninguém é obrigado a aceita-lo e você pode rasga-lo se quiser porque é um direito seu de não aceitar a salvação.

        Terrível Monstro; fica por sua conta, uma vez que foi este o pseudônimo que você escolheu para ser identificado por todos na Net, mas eu mesmo jamais lhe chamei ou me referi a você desta maneira, porque eu dirigi minhas palavras a você como uma “pessoa humana” e não como a um repeliu extinto.

        Jamais lhe acusei de infiel, pecador ou perdido, porque creio que uma pessoa pode ser muito boa sem precisar acreditar em Deus, porque no fundo, todos somos a sua imagem e semelhança, mesmo que não saibamos disso e jamais ninguém tenha nos dito isso.
        O mundo poderia ser muito bom se realmente seguíssemos a regra do amor que está presente em nós, o problema é que o inimigo se infiltrou no mundo e sujou nossa água pura, envenenou nosso alimento e fica induzindo idéias erradas na cabeça dos homens, que preferem acreditar nesta mentira de que não existe um Deus e ser escravo do inimigo de Deus que também é invisível e muito mais esperto que os homens.
        Obs. Para ser escravo deste inimigo não é preciso crer, basta deixar rolar.

        Responda-me você, o que lucraria um “homem” gastando três milhões de dólares para divulgar uma campanha como esta ? “provavelmente Deus não exista””aproveite sua vida”, Ele respondeu a numa entrevista,

        […] para que vigiar minha vida agora e reservar o melhor para depois que eu morrer, já que provavelmente não existirá nada depois da morte,? […]

        Contrariando uma frase de Jesus que diz;

        […]O Reino dos Céus é semelhante a um tesouro, precisamos vender tudo que temos para adquirir esta Pérola Preciosa. […] dizendo que esta vida não é nada se compararmos com a viva futura que ele tem reservado para aqueles que o amam.

        Dawkins diz na verdade que: caia na vida e na perdição, gaste seu dinheiro com coisas inúteis e banais, fume, beba, prostitua, se drogue, porque você se acabará e morrerá e nada mais existirá. […] e eu ficarei cada vez mais rico vendendo meus livros e palestras, porque o bom traficante de crack é aquele que não fuma sua mercadoria, porque sabe que ela lhe mataria em pouco tempo.

        Você já viu um fabricante de armas ser preso por um crime cometido por alguém, não, porque ele não é responsabilizado pela desgraça alheia que não aconteceria se não existisse aquela arma que ele fabricou.

        Quem se lasca com esta campanha de Dalkins, são as pessoas inocentes que cairão na decadência e morrerão na insignificância de um indigente qualquer.

        …….
        Não tome como pessoal este trecho que se segue:
        ……
        O Senhor Richard Dawkins propõe que você despreze a Deus e desfrute a vida sem seguir os mandamentos Divinos, sem obedecer a suas leis e sem vigiar a sua conduta, já que ninguém obedece às leis do governo mesmo, porque dão péssimo testemunho de administração do bem público, então você estaria livre para fazer o que bem entendesse já que o governo não lhe puniria por aquilo que não pode provar que você fez, ao contrário de Deus que vê tudo, até mesmo o que se faz escondido, sendo que é a própria consciência humana que nos condena e não o grande Deus de amor e Pai, porque Ele tudo perdoaria se lhe fosse confessado, sendo até que enviou seu Filho ao mundo para morrer pelos pecadores e torná-los redimidos do pecado.
        O que isso significa na prática é caia no pecado, como em Sodoma e Gomorra ou como na elite do Império Romano, em sua derrocada final. Nós Cristãos já sabemos o resultado final desta empreitada já que também aconteceu no grande Império Babilônico, mas já que você não acredita em nada depois da morte, poderia pelo menos não destruir sua vida presente, deveria acreditar pelo menos num fato histórico que considera como o que derrubou o Império Romano foi mesmo a vida de devassidão da elite de seus integrantes independentemente da ação ou reação de Deus, porque eles eram um povo pagão que tinham os seus próprios “deusinhos de pedra fabricados pelas mãos dos artistas humanos”, mas que na verdade eram apenas ornamentos das colunas dos templos e nada mais. Foram corrompidos pelo orgulho e endeusamento de si mesmos achando que poderiam fazer tudo o que quisessem porque eram ricos, abastados e poderosos.
        Você pode até achar que estamos viajando na maionese e fantasiando coisas que “não seriam bem assim”, na verdade mesmo que Deus não existisse de verdade seria ainda preferível tê-lo como um freio ao orgulho e presunção do homem já que ele mesmo não se freia jamais, esta situação é comparável a uma Scania carregada e sem freio descendo a serra, pergunte a qualquer motorista se ele aceitaria um milhão de dólares para descer nesta Scania preso dentro da cabine.
        Caro amigo, este é o monstro que você não conhece, o monstro do Apocalipse que se afronta contra o próprio Deus, não contra a religião, porque de acordo com estatísticas na Inglaterra são menos de 10 % aqueles que ainda dizem ter Fé e vão a Igreja, ou seja é a total minoria que o Senhor Richards quer exterminar de seu País retrogrado e decadente tendo como exemplo a se seguir Amy Winehouse que já provoca aumento no índice de desvios sexuais e disciplinares nas escolas Inglesas, o que leva os mais velhos a arregalar os olhos e perguntar “O que está acontecendo em nosso País ?”, a resposta é a campanha contra Deus que acabará com o resto da moral e disciplina que ainda existe e levará o País a uma convulsão social em pouco tempo.
        Não, meu Irmão, não o trato como um inimigo, mas tento mostrar-lhe que você esta tentando achar solução para seus problemas onde ela não está e acabará encontrando mais problemas ainda, porque onde Deus não está, você corre o risco de perder a única vida que você possui, já que a outra você já desistiu de alcançá-la.
        Agora se tornou normal matar alguém na porta de Boates, grupo de jovens bêbados criam confusão para justificar um motivo para matar alguém e o pior, já vão para a Boate com essa intenção.
        Tornará-se normal amanhã uma mãe se despedir do filho ao sair de casa para ir a uma Boate para aproveitar a vida, não dirá mais, vá com Deus meu filho que Deus lhe acompanhe e proteja! Dirá assim; tenha uma boa morte já que eu não estarei lá para te proteger das balas! Espero não ver mães chorando na tv e dizendo que seu filho era uma boa pessoa e totalmente inocente, só estava exatamente no lugar certo e na hora certa da trajetória da bala que já tinha o seu nome escrito.
        A que conclusões você se refere, porque para mim só existem duas opções, ou você não crê e é um ateu ou você crê e teme a Deus, mas você diz que não é ateu e não gostou da minha conclusão quando disse que você “teme a Deus” então eu não errei porque fiz as duas afirmativas e você faz questão de ficar de fora das duas. Para mim não existe meio termo para esta questão, não existe um nome para quem fica em cima do muro, “Quem é do bem é de Deus e quem não é de Deus é do mal”, onde há trevas não há luz e onde há luz não há trevas, você é que precisa se definir nesta situação, caso contrário não sei como falar contigo.
        Falei demais, espero que tenha entendido, não usei aquele diálogo para ofender a sua pessoa e sim para caracterizar o pensamento das pessoas que se dizem não crer em Deus, mas ao mesmo tempo não aceitam a situação de não crente por completo, querem ficar comodamente numa neutralidade que esta sim, não existe mesmo.
        Já no outro caso, aquele que acredita em Deus, mas se tornou seu inimigo e tirou a vida para combater a fé ensinando uma mentira, eu apenas perguntaria:
        Para que combater algo que não existe ?
        – Isto seria ilógico! Fazem sim, campanha para afastar as pessoas do caminho de Deus e aproveitar delas de alguma forma quando estiverem totalmente como ovelhas perdidas. A pergunta então seria:
        O que ganhariam com esta campanha contra Deus?
        – Roubar, Matar e destruir sem ser presos e ou pagar por seus crimes hediondos nesta vida, porque tudo estará liberado sem a Igreja que nos lembra “Nada Ficará Impune” contra os abusos daqueles que saqueiam a sociedade jovem matando as criancinhas antes de nascer e os velhinhos antes da hora de morrer.
        Cuidado, a próxima vítima pode ser você !
        Esta situação de coisas é exatamente o que já foi previsto nas profecias bíblicas, mais um motivo para acreditar naquele que conhece até o futuro, lembra-te de quando Jesus perguntou:
        Acaso encontrarei Fé na terra quando Eu voltar ?
        Então podemos concluir assim, é bom que façam esta campanha, porque quanto menos Fé tivermos na terra, mais perto estaremos da volta de Jesus !
        Só o tempo poderá lhe confirmar esta verdade.
        Que Deus lhe abençoe e lhe proteja de todo mal.

        Curtir

Deixar um Comentério aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: