Valorize os tesouros de sua Família.



Pais, vocês precisam ter postura, assumir o lugar de vocês na família, pois nela você tem de ser como São José.


03e29ac6[1]



Quem não olha nos olhos não sabe os sinais, porque, muitas vezes, os olhares são semáforos. Às vezes, são sinais que sua esposa está lhe emitindo para você ficar mais em casa, sair da internet; às vezes, é o seu filho que está lhe mostrando um sinal amarelo, pedindo atenção. Cuidado com os sinais que sua família está passando para você! 

Em uma viagem, o pai precisa ser o motorista para guiar a família, mas quando o pai erra esse caminho, leva a família inteira para o lugar errado. Então, saiba para onde você está indo.

É preciso ter direção defensiva. Às vezes, você está certo, mas vem um carro na contramão. Um bom motorista defende seu veículo do mal que pode acontecer. Por isso, livre sua família do mal, não a coloque em risco. Tenha paciência.

A família deve exaltar um ao outro e não humilhar-se. Não exponha quem você ama na frente dos outros, mas corrija-os na intimidade.

A mulher de Deus torce a favor do marido, porque estão no mesmo carro. Filhos, não queiram estar no lugar do seu pai. Mulher, ocupe seu lugar ao lado do seu marido, porque há muitas querendo ocupar o seu lugar. Faça uma avaliação: como você tem sido esposa, esposo e filho? A família, muitas vezes, precisa deixar Jesus conduzir o carro dela.

Buscai, em primeiro lugar, o reino do céu e sua justiça.

Confira um trecho desta pregação:



OUTRAS INDICAÇÕES:


Familia_tesouro Qual o Melhor presente de Natal
UM GRANDE TESOURO! perola[1]

Família Arquitetura Divina.



A família é o maior projeto de Deus para a vida de seus filhos. Desde o Princípio Deus criou a Família para ser conforme a sua imagem e semelhança, assim como O Pai, O Filho e O Espírito Santo são um e inseparáveis assim Deus uniu o homem à sua mulher para formar uma Família santa e gerar muitos outros filhos para Deus.

Que Deus abençoe todas as famílias, que Deus abençoe seu lar com muita paz!



Familia_Arquitetura_Divina


Família Arquitetura Divina.

Autoria e intérprete- Vera Lúcia

Como é bonito viver em uma família
Como é bonito viver a vida no amor
O pai, a mãe, os irmãos a família
É um projeto de Deus Pai o Criador.

Família, arquitetura Divina.
Família, um Projeto de Deus.

É igual na constelação a vida em família
São como estrelas do céu, pais, filhos, irmãos.
Como as estrelas, sua luz, quanto mais unidas
Mais brilho vem desse amor, dessa união.

Vem Senhor abençoar a nossa família.
Vem Senhor fortificar a nossa união.
Que não falte em nosso lar o pão de cada dia.
Que nunca falte a esperança, a paz, o perdão.

Que a pureza do amor e a firmeza da fé
Conserve a fidelidade: marido e mulher.
No alicerce Divino dessa construção
Na base firme, segura, os filhos crescerão.




Vera Lucia cantora católica


vera[1]



UM PROJETO DE DEUS PARA O MUNDO


Familia_projeto_de_Deus

Temas relacionados à Família


Familia_obama_Cristo



PRINCIPAIS TEXTOS.



Iporá_Casais_120820 (33)

SUGESTÃO DE PROGRAMAÇÃO PARA ENCONTRO DE CASAIS 3 DIAS OU UM DIA APENAS.

como fazer um encontro de oração com as famílias?



O Plano de Deus ECC


Família_projeto_de_Deus

Família, Projeto de Deus.


HARMONIA CONJUGAL



Vinho_Novo

Bodas de Caná.

O Vinho Novo.


Paraíso_Adão_Eva_Eden

A Família Segundo a Bíblia.


Oração Conjugal

Outros temas Oração diversos


O Casal Cristão no Mundo de Hoje – ECC


Encontro de casais com Cristo ECC

Temas para palestras de Encontro para Casais – ECC


Temas de Reflexão

Sobre Maria.




Outras indicações para reflexão e dinâmica


Dinâmicas para

Meditação.

Aplicação em Palestras


Parábolas

& Reflexões


Semana-da-Familia Logo%2BFamilia[1]

Encontro de Casais com Cristo_ECC


ALGUMAS INDICAÇÕES:


Casa_sobre_a_rocha

Construindo uma

Casa Sobre a Rocha


Família_Conduzida_3

A Família Conduzida pelo Espírito Santo. RCC


adc3a3o-e-eva[1]

Poesia da Criação do Homem e da Mulher.


Eu e minha Casa Serviremos ao Senhor.

Eu e Minha Casa Serviremos ao Senhor – RCC

Josué 24:15b


As duas Faces do Amor.

Experimente clicar nestes Link’s Abaixo.


Sexo entre quatro paredes

vale tudo?


Matrimônio

no desígnio de Deus.


Não se Ama

Quem não se Conhece.


Amalgama

 Dinâmica do Amalgama com Durepoxi. Casamento


Palestras_usadas_para_formasao_de_familias


LISTA DOS TEMAS MAIS VISTOS:


Título

Visualizações

Página inicial / Arquivos   EM 28/10/2019 1.595.500
Temas para palestras de Encontro para Casais. 268.023
Padre Leo Conta a estória do Papagaio Marrom. 202.907
O Casal Cristão no Mundo de Hoje. (ECC) 163.685
A Família Segundo a Bíblia. 130.850
O Plano de Deus (ecc). 120.000
Temas relacionados à Família 110.705
Dia Das Mães. 91.594
O Sentido da Vida (ECC). 88.500
Semana Nacional da Família. 84.780

HARMONIA CONJUGAL (ECC)

 75.860
Diálogo Com os Filhos. 74.627
Vinho, muito vinho, O primeiro Milagre de Jesus foi totalmente dedicado ao Matrimônio. 61.500
A Vivência do Sacramento do Matrimônio. 58.511
Oração dos casais. 55.730
Fé nos Reveses da Vida. 54.700
O Cristo Disfarçado. (Pe. Léo) 45.020
Amor sempre Amor, Mensagens e Cartões para. 35.594
O Sentido da Vida (ECC). 30.000
A Espiritualidade cristã na Família. 29.687
Apresentação. 28.072
 A Família é um Projeto de Deus. 27.143
 O plano de Deus para a família é um aprofundamento constante. 25.500 
Testemunho do Plano de Deus.(ECC) 23.862
Sugestão de programação para encontro de casais. 21.372
O Namoro na Visão Cristã Católica. 20.680
Eu e minha Casa Serviremos ao Senhor. 20.315
 Semana Nacional da Família – 2014. 13.270
 Reflexões para a Semana Nacional da Família. 9.177 
 A família cristã no mundo de hoje ! 9.050 
 Wallpaper’s e papel de parede da Sagrada Família. 6.760 
 A família que reza unida, permanece unida. 6.354 
 Oração da Família. 5.750 
 Abençoa Minha Família.  5.562
 
 A proposta de Deus para as Famílias de Hoje. 4.404
 Família, espaço do encontro. 3.653
A PARÓQUIA E A FORMAÇÃO DE VALORES NA FAMÍLIA. 3.643
Apresentação da Semana da Família. 3.441
 
 Valores na Família. 2.997
 Família, Santuário da Vida. 2.864
 Família e Virtudes Sociais. 2.794
 FAMÍLIA: Valores a Descobrir e Redescobrir. 2.446
 A Família Conduzida pelo Espírito Santo. 2.396
 A família deve educar a sexualidade dos filhos. 2.295
 Desafios da Educação da Fé no contexto Familiar. 2.129
 
 A Família é o Maior Tesouro do Mundo. 1.717 
 O futuro da humanidade passa pela família. 1.713
 A Família, Primeira e Principal Transmissora da Fé. 1.650
 A Graça da Família. 1.510
 A Família, “patrimônio da humanidade”. 1,443
 Educação cristã dos Filhos – Desafio à Família. 1.357
Família Restaurada. – Palestra de Padre Léo. 1.285


INDICAÇÕES DE POST’S MAIS RECENTES


Sete_dons Qual o Melhor presente de Natal
Vamos_acabar_com_a_família_tradicional

.


O Estatuto da Destruição da Família.



Até poderia parecer um exagero por parte dos defensores da Família tradicional, mas resta nos saber por que existem pessoas interessadas em mudar os conceitos básicos de família?

Por que mudar o conceito de sexo CONCEBIDO ANTES DO nascimento e colocar como algo que se poderia escolher e alterar num determinado momento de sua vida?

O registro civil pode escrever uma mentira a seu respeito e fazer com que os outros sejam enganados sobre isso, a medicina pode até mudar a aparência externa de uma pessoa, mas isso não mudará a sua identidade genética, não lhe dará fertilidade nem futuro e ainda não deixará de ser uma mentira.   O que seria mais fácil e mais barato não seria aceitar a verdade e o natural?   Por que pessoas mentem que seria possível enganar a si mesmo e aos outros e mesmo assim conseguir ser feliz?  

A resposta para essas perguntas é muito simples…    Alguém ganha muito dinheiro com tudo isso e financia essa baboseira toda e os outros simplesmente acham que são obrigados a aceitar tudo isso silenciosamente.

Depois ainda tem gente que critica a sena da serpente mentindo para Eva no paraíso lhe oferecendo veneno dizendo que era sabedoria, a prova da verdade está nos acontecimentos que ocorreram apos o fato.  Há quem diga que a famosa serpente falante na verdade inventou o moderno “MARKETING” e fez uma propaganda tão bem feita de seu produto que vendeu gato por lebre sem muita dificuldade, mas foi por isso que Moisés nos contou esta estória sórdida, para abrismos os olhos frente essas falsidades que nos apresentam por aí neste mundo de hoje.


“FICA ESPERTO, NÃO COMA QUALQUER FRUTO PODRE QUE LHE OFEREÇAM POR AÍ…”



wallpaper-cristao-hd-serpente-me-enganou-bra%C3%A7o-ma%C3%A7%C3%A3_1366x768[1]


PARA NÃO SER ENGANADO NOVAMENTE…

LEIA O TEXTO ABAIXO:



Lamentavelmente querem mesmo o fim da família:


O Estatuto da Destruição da Família.


Existem algumas situações com as quais nos deparamos na sociedade atual que, a bem da verdade, enchem-nos de uma profunda e justificada indignação. Para nós, que assumimos publicamente e defendemos sem medo que aos homens não é possível nenhuma auto-afirmação legítima, sólida e saudável que seja divorciada da ordem moral, testemunhar as barbaridades perpetradas por aqueles que se encontram a diuturno serviço do espírito revolucionário é ultrajante. A multiplicidade de aspectos da nossa realidade, que tem sido minuciosamente seviciada há muito tempo, provocam em nós os mais díspares efeitos, da raiva mais inflamada ao pessimismo mais melancólico. Recorrer às letras, às imagens e ao som é sempre uma forma produtiva não apenas de extravasar esses sentimentos, mas de reagir ao que se passa, de alertar os circundantes sobre a gravidade dos acontecimentos.

Óbvio que nem todos são positivamente obrigados a indignar-se dessa forma. Aralé ralante – para usar uma expressão de Baltasar Gracián – a serviço da Revolução é matreira e sabe como fazer seu trabalho de um modo sutil, à surdina – o que torna nosso trabalho muito necessário. Entretanto, há algumas coisas que ultrapassam em tão larga medida o limite do meramente intolerável que, a bem da verdade, parecem ter a proeza de roubar-nos até mesmo a capacidade de articulação para o alerta e a denúncia. Essas coisas são tão absurdamente explícitas, tão ululantemente óbvias, que o que mais nos indigna não é tanto a sua natureza brutal, mas a pusilanimidade e a pasmaceira gerais diante delas.

Confesso que escrever essas linhas está sendo como tirar leite de pedra, pois estou justamente num desses momentos de estupefação – e, para quem combate o espírito revolucionário e seus sicários, impressionar-se com alguma coisa é algo cada vez mais difícil com o passar do tempo. A Comissão Especial da Diversidade Sexual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em conjunto com a Frente Parlamentar Mista pela Cidadania LGBT, entregaram ao presidente do senado, José Sarney, em 23 de agosto, o anteprojeto do Estatuto da Diversidade Sexual (EDS). Composto de 111 artigos, o EDS é uma das peças mais grotescas e aviltantes já concebidas na história brasileira.

Maria Berenice Dias (E), da OAB, entrega a Sarney o anteprojeto do EDS com Marta Suplicy.

Este artigo tratará dos pontos mais absurdos do texto feito pela OAB. Os trechos em negrito são grifos nossos.

Art. 13 – Todas as pessoas têm direito à constituição da família esão livres para escolher o modelo de entidade familiar que lhes aprouver, independente de sua orientação sexual ou identidade de gênero.

A Constituição Brasileira estabelece no § 3º do art. 266 que “é reconhecida a união estável entre o homem e a mulher como entidade familiar, devendo a lei facilitar sua conversão em casamento”. Se o STF, cujos ministros certamente foram vítimas de profunda crise coletiva de diverticulite encefálica, atropelou a Carta Magna ao estabelecer que, de acordo com o “espírito Constituinte”, a união homoafetiva é equivalente ao casamento entre homem e mulher, esse artigo do EDS esmigalha a letra constitucional sem piedade. Notem que o “modelo de entidade familiar que lhes aprouver” pode ser qualquer coisa: dois homens, duas mulheres, três homens, três mulheres, um homem e duas mulheres, uma mulher e dois homens… Não há limites – mesmo porque o EDS deixa implícito que a própria existência de limites seria um empecilho a esse suposto direito. Assim sendo, qualquer coisa poderá ser considerada união estável. Emblemática e ironicamente, no mesmo dia em que o anteprojeto do EDS foi apresentado a Sarney, um cartório de Tupã, interior paulista, lavrou uma escritura pública de união poliafetiva (sic) entre um homem e duas mulheres.

Art. 14 – A união homoafetiva deve ser respeitada em sua dignidade e merece a especial proteção do Estado como entidade familiar.

O anteprojeto não defende que a família, seja de que tipo for, mereça especial proteção do Estado, mas apenas a união homoafetiva. Não é fornecido nenhum argumento que justifique esse posicionamento, o que deixa margem a muitas especulações. A mais óbvia é de que o modelo tradicional de família – um homem e uma mulher unidos em matrimônio – não é digno da mesma proteção que a união homoafetiva merece. De duas, uma: ou a família tradicional é mais forte e demanda menos tutela do Estado, ou a ela é menos desejável para a sociedade em que vivemos.

Art. 32 – Nos registros de nascimento e em todos os demais documentos identificatórios, tais como carteira de identidade, título de eleitor, passaporte, carteira de habilitação, não haverá menção às expressões “pai” e “mãe”, que devem ser substituídas por “filiação”.

Esse é, certamente, um dos artigos mais estapafúrdios do EDS. A OAB parece demonstrar, nesse trecho, que qualquer menção à existência da família tradicional em documentos identificatórios deve ser suprimida por representar um símbolo anacrônico, lembrança de um modelo ultrapassado de organização humana que deve ser superada.

Vamos_acabar_com_a_família_tradicional

FAMÍLIA TRADICIONAL CRISTÃ.

Art. 39 – É reconhecido aos transexuais, travestis e intersexuais odireito à retificação do nome e da identidade sexual, para adequá-los à sua identidade psíquica e social, independentemente de realização da cirurgia de transgenitalização.

Art. 40 – A sentença de alteração do nome e sexo dos transexuais, travestis e intersexuais será averbada no Livro de Registro Civil de Pessoas Naturais.

Parágrafo único – Nas certidões não podem constar quaisquer referências à mudança levada a efeito, a não ser a requerimento da parte ou por determinação judicial.

A vedação de toda e qualquer referência à mudança de nome da pessoa, considerada pelo EDS uma “retificação” – ou seja, a correção de um erro –, apenas reforça a ideia de que a identidade sexual da pessoa é algo construído socialmente. A OAB, autora do anteprojeto, demonstra considerar o ser humano uma tabula rasa, um objeto que pode ser modificado de qualquer maneira a depender das circunstâncias. Não deixa de ser uma ideia que, no fundo, remete à engenharia social.

Art. 62 – Ao programarem atividades escolares referentes a datas comemorativas, as escolas devem atentar à multiplicidade de formações familiares, de modo a evitar qualquer constrangimento dos alunos filhos de famílias homoafetivas.

O que isso significa na prática? As escolas terão de evitar a comemoração de efemérides como Dia dos Pais, Dia das Mães, Dia dos Avôs e das Avós, ou fazê-las de modo que a família tradicional não receba o relevo e a atenção que merece – afinal, isso seria considerado preconceito indireto contra as uniões homoafetivas ou poliafetivas.

Art. 67 – É vedado inibir o ingresso, proibir a admissão ou a promoção no serviço privado ou público, em função da orientação sexual ou identidade de gênero do profissional.

Art. 68 – Quando da seleção de candidatos, não pode ser feita qualquer distinção ou exclusão com base na sua orientação sexual ou identidade de gênero.

Esses dois artigos lembram analogamente uma situação que está ocorrendo nos Estados Unidos. O governo de Barack Hussein Obama sancionou uma lei que obriga todos os empregadores americanos – empresas públicas e privadas, com fins lucrativos ou não – a fornecerem medicamentos contraceptivos e abortivos a quaisquer funcionárias que os requisitem. Diversas organizações católicas que atuam na área educacional e no terceiro setor acionaram judicialmente a administração Obama, uma vez que isso fere a filosofia das entidades mantenedoras dessas organizações e representa uma afronta à liberdade religiosa nos Estados Unidos.

Familia_tradicional

«A família americana “tradicional”: mãe, filha, pai, filho e o Grande Irmão (governo).»

Com base nos dois artigos acima, organizações religiosas ficariam impedidas de escolher seus funcionários com base em critérios éticos congruentes com suas convicções religiosas, sendo virtualmente obrigadas a contar com um quadro de funcionários que não seja integralmente montado de acordo com seus próprios critérios.

Art. 106 – A participação em condição de igualdade de oportunidade, na vida econômica, social, política e cultural do País será promovida, prioritariamente, por meio de:

I – inclusão nas políticas públicas de desenvolvimento econômico e social;

II – modificação das estruturas institucionais do Estado para o adequado enfrentamento e a superação das desigualdades decorrentes do preconceito e da discriminação por orientação sexual ou identidade de gênero;

III – promoção de ajustes normativos para aperfeiçoar o combate à discriminação e às desigualdades em todas as manifestações individuais, institucionais e estruturais;

IV – eliminação dos obstáculos históricos, socioculturais e institucionais que impedem a representação da diversidade sexual nas esferas pública e privada;

V – estímulo, apoio e fortalecimento de iniciativas oriundas da sociedade civil direcionadas à promoção da igualdade de oportunidades e ao combate às desigualdades, inclusive mediante a implementação de incentivos e critérios de condicionamento e prioridade no acesso aos recursos públicos;

VII – implementação de programas de ação afirmativa destinados ao enfrentamento das desigualdades no tocante à educação, cultura, esporte e lazer, saúde, segurança, trabalho, moradia, meios de comunicação de massa, financiamentos públicos, acesso à terra, à Justiça, e outros.

Se existem sistemas de cotas raciais para acesso ao ensino superior público e concursos públicos, por que não estabelecer cotas sexuais? É justamente isso que esse artigo do EDS propõe. Não apenas isso: também estabelece acesso privilegiado a recursos públicos tendo como único critério a identidade sexual.

Isto, caríssimos leitores, é o que a Ordem dos Advogados do Brasil e uma boa porção de nossos parlamentares, bem como a totalidade das organizações paragovernamentais LGBT, desejam para nosso País: a desconstrução da família, o alicerce da sociedade. Caso o Estatuto da Diversidade Sexual, esse folhetim de natureza inegavelmente inconstitucional e imoral, chegar a ser aprovado, o potencial efeito desagregador que isso terá no Brasil será algo inimaginável. Se a situação está crítica agora, ela será um sonho idílico comparado com o que está por vir.

Fonte: http://unbconservadora.blogspot.com.br/2012/11/o-estatuto-da-destruicao-da-familia.html


Vamos_acabar_com_a_família_tradicional


Familia_plc_122

PARA ACOMPANHAR A EVOLUÇÃO DA CAMPANHA CONTRA A PL 122 CLICK NO BANNER ACIMA.




O Dia de quem cuida de Mim!



Querem acabar com a família: Escolas de São Paulo acabam com “O Dia das Mães” e instituem o “Dia dos Cuidadores” segue matéria abaixo:


Usando como pano de fundo a defesa dos Direitos humanos em favor das Minorias iremos desconstruir o correto e tradicional institucionalizando o paliativo, incompleto, genérico, substitutivo diminuindo a dignidade de uma criança que sente orgulho de fazer parte de uma Família bem construída e feliz.   Não que todos sejam assim tão felizes, mas que todos tenham o direito de sonhar e desejar aquilo que realmente é bom e faz bem para si mesmo.

A solução de problemas na sociedade não consiste em se acomodar com o problema e acochambrar novos valores e sim de recuperar os verdadeiros valores que deveriam ser preservados a qualquer custo, mas bem se vê que o desejo dos inimigos da FAMÍLIA não é a sua preservação e sim a sua destruição total até que a pessoa humana perca totalmente a sua dignidade e se torne apenas um robô programável e descartável segundo a vontade de seu dono, que neste caso seria o governo e não os Pais que já foram descartados da vida de seus filhos.



Família_feliz



Lamentavelmente querem mesmo o fim da família:


Vamos_acabar_com_a_família_tradicional

Família Tradicional


Segundo a revista Veja, de 16.5.2014, este ano algumas escolas municipais da cidade de São Paulo deixaram de comemorar o tradicional “Dia das Mães”. No seu lugar celebraram o que denominaram de “Dia de quem cuida de mim”.

Em nota, afirma a Secretaria de Educação:A razão apresentada por uma coordenadora pedagógica foi que “a família tradicional não existe mais”. Isto quer dizer que, para ela, família com pai, mãe e filhos acabou. É coisa do passado.

Hoje em dia, a família é composta por diferentes núcleos de convívio e, por isso, algumas escolas da Rede Municipal de Ensino decidiram transformar o tradicional Dia dos Pais e das Mães no Dia de quem cuida de mim.”

A alegação é de que o fato de se criar “o dia de quem cuida de mim” permite que as crianças criadas por parentes ou por “casais” homossexuais não se sintam excluídas em datas como o “Dia das Mães” ou o “Dia dos Pais”.

É uma falsa alegação pois é evidente que não se deve transformar excessão em regra geral. O normal é as crianças terem e conviverem com os pais e com as mães. Para as situações de exceção criam-se soluções e não extinguindo os costumes habituais.

Na realidade trata-se de mais uma etapa nas ações que visam destruir a instituição da família.

Nesse caso servindo-se do falacioso argumento do “direito” das minorias. Ora, o critério do direito não é se se trata de “maioria” ou de “minoria”, mas sim se aquilo é correto (“direito”) ou não.

O erro não tem direito, seja ele de “minoria” ou de “maioria”. Sendo um erro, aquilo deve sofrer a devida “exclusão”. Do contrário, passa-se a praticar a mais abominável das situações de amoralidade, como aquela descrita pelo Profeta Sofonias, que anuncia terríveis castigos de Deus para aqueles que dizem consigo mesmos: “O senhor não faz bem nem o mal”.

A destruição da família terá, como uma de suas consequências, o terrível prognóstico do Profeta Sofonias, da parte de Deus Nosso Senhor: “Mergulharei os homens na aflição, e eles andarão como cegos, porque pecaram contra o Senhor”.

É o que já se começa a observar em todo o mundo: as pessoas estão aflitas e não vêem solução no horizonte tanto religioso quanto político.

Entretanto, para os que verdadeiramente têm Fé há a esperança nas promessas de Nossa Senhora de Fátima:

“Por fim Meu Imaculado Coração Triunfará”.


Eu amo a minha família





Familia_plc_122

PARA ACOMPANHAR A EVOLUÇÃO DA CAMPANHA CONTRA A PL 122 CLICK NO BANNER ACIMA.



Estatuto_destruição_da_Familia Familia_projeto_de_Deus

Olha o que Deus fez comigo!


EU ESCOLHO DEUS TODO DIA….


.Eu_escolho_Deus_todo_dia


Vou deixar abaixo a indicação de um Link onde você poderá ouvir uma canção que relata a mudança de vida de um jovem que apesar de nascer e crescer dentro da casa de Deus não o conheceu, mas que foi lá no mundo longe do amor de Deus e no pecado onde algo aconteceu para mudar sua história e para que ele levasse seu testemunho mostrando que Deus escreveu uma nova história para sua vida e dar oportunidade de mudança a seus companheiros que ainda vivem sem ter experimentado este verdadeiro AMOR de DEUS.

Nós também que fomos transformados pelo imenso amor do Pai temos o dever de compartilhar este amor com nossos irmãos através de nosso TESTEMUNHO de vida.



UMA HISTÓRIA ESCRITA PELO DEDO DE DEUS


Olha o que Ele fez comigo


Olha o que Ele fez comigo 2


Escrita Pelo Dedo de Deus

Thalles Roberto

Jesus pode escrever sua história de novo
Olha o que ele fez comigo
A chance de dar tudo errado
Era tudo o que eu tinha em mim
Mas olha o que ele fez comigo
No olhar eu carregava um pouco de morte
E a minha festa tava tão vazia de sorriso
E, quando eu pensei que o rio ia secar
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Um dia, já cansado, eu disse
“pai, não quero ser mais prisioneiro da maldade!”
Ele me chamou de filho
Pedi perdão, me humilhei e chorei
(como eu chorei)
E ele foi fiel comigo
Arrancou aquela tristeza que doía
Me lavou com o seu sangue, e me perdoou
A minha festa, agora, é cheia de sorrisos
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Ele é meu melhor amigo
Viver com meu jesus é lindo
Junte suas forças
E clame a Deus
Ele escuta o grito do seu fraco coração
Eu não tinha nada
E, agora, tenho vida
E uma história nova e linda
Escrita pelo dedo de Deus.

Link: http://www.vagalume.com.br/thalles-roberto/escrita-pelo-dedo-de-deus.html#ixzz3FUkoiJgN


 

Aproveitando o post, deixaremos mais duas musicas de Talles Roberto.


Eu Escolho Deus – Thalles Roberto


 

Eu Escolho Deus

Thalles Roberto

Senhor
Eu nasci pra te chamar de Deus
Eu nasci pra te chamar de pai
E andar do seu lado
Senhor
Desde o ventre da minha mãe
Eu sou povo exclusivo seu
Eu sou abençoado se vivo obedienteMas todo dia o pecado vem
E me chama
Todo dia as propostas vêm
E me chamam
Todo dia vêm as tentações
E me chamam
Todo dia o pecado vemRefrão
Mas eu escolho Deus
Eu escolho ser amigo de Deus
Eu escolho cristo todo o dia
Já morri pra minha vida
E agora, eu vivo a vida de DeusSenhor, eu nasci pra te chamar de amor
Eu nasci pra te chamar de pai
E andar do seu lado
Senhor, desde o ventre da minha mãe
Eu sou povo exclusivo seu
Eu sou abençoado se vivo obedienteMas todo dia o pecado vem
E me chama
Todo dia vêm as tentações
E me chamam
Todo dia as propostas vêm
E me chamam
Todo dia o pecado vem


Mesmo sem entender – Thalles Roberto

(Uma história escrita pelos dedos de Deus)


 

Mesmo sem entender

Thalles Roberto

Jesus pode escrever sua história de novo
Mesmo sem entender, mesmo sem entender
Eu confio em Ti, mesmo sem entender .
Eu sei que é o melhor pra mim, mesmo sem entender

Deus, mesmo que eu não consiga entender
E queira tudo do meu jeito
Eu até choro, e as vezes até chego a dizer:
Por que é que tem que ser tão difícil pra mim?
Parece que é difícil só pra mim.

Eu sei, seus pensamentos são mais altos que os meus,
O teu caminho é melhor do que o meu,
Tua visão vai além do que eu vejo,
O Senhor sabe exatamente o que é melhor pra mim
E mesmo que eu não entenda o seu caminho, eu confio.

E, Deus, porque sou tão pequenino assim
Vou ficar quietinho aqui no seu colo
Esperando o tempo certo de tudo
Porque eu sei que vais cuidar de mim
E o Seu melhor está por vir
Eu sei que é o melhor pra mim
Mesmo sem entender, mesmo sem entender
Mesmo sem entender, eu confio em Ti
Mesmo sem entender, eu sei que é o melhor pra mim
Mesmo sem entender.

Link: http://www.vagalume.com.br/thalles-roberto/mesmo-sem-entender.html#ixzz3FZ8vKaYx



Temas da Canção nova CHÁCARA JEUS CURA

 

Testemunho do Plano de Deus.



MEU TESTEMUNHO DO PLANO DE DEUS EM MINHA VIDA E DE MINHA FAMÍLIA. 

Veja o Texto:



Relaxa_Plano


O_casal_Cristão_no_mundo_de_hoje


Encontro de Casais com Cristo_ECC


Vou deixar abaixo a indicação de um Link onde você poderá ouvir uma canção que relata a mudança de vida de um jovem que não conhecia a Deus, mas que foi lá onde uma uma parte de sua vida aconteceu para levar seu testemunho e mostrar que Deus escreveu uma nova história para sua vida e dar oportunidade de mudança a seus companheiros que ainda vivem sem ter experimentado o AMOR de DEUS.

Nós também que fomos transformados pelo imenso amor do Pai temos o dever de compartilhar este amor com nossos irmãos através de nosso testemunho de vida.



UMA HISTÓRIA ESCRITA PELO DEDO DE DEUS


Olha o que Ele fez comigo


Olha o que Ele fez comigo 2


Escrita Pelo Dedo de Deus

Thalles Roberto

Jesus pode escrever sua história de novo
Olha o que ele fez comigo
A chance de dar tudo errado
Era tudo o que eu tinha em mim
Mas olha o que ele fez comigo
No olhar eu carregava um pouco de morte
E a minha festa tava tão vazia de sorriso
E, quando eu pensei que o rio ia secar
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Um dia, já cansado, eu disse
“pai, não quero ser mais prisioneiro da maldade!”
Ele me chamou de filho
Pedi perdão, me humilhei e chorei
(como eu chorei)
E ele foi fiel comigo
Arrancou aquela tristeza que doía
Me lavou com o seu sangue, e me perdoou
A minha festa, agora, é cheia de sorrisos
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Ele é meu melhor amigo
Viver com meu jesus é lindo
Junte suas forças
E clame a Deus
Ele escuta o grito do seu fraco coração
Eu não tinha nada
E, agora, tenho vida
E uma história nova e linda
Escrita pelo dedo de Deus.

Link: http://www.vagalume.com.br/thalles-roberto/escrita-pelo-dedo-de-deus.html#ixzz3FUkoiJgN


 


Temas da Canção nova CHÁCARA JEUS CURA

 

A família é a célula Máter da Sociedade.



O homem é um ser social, como disse o Senhor Deus ao nos criar:

“NÃO É BOM QUE O HOMEM ESTEJA SÓ”

Ou seja, Nossa criação e formação é indiscutivelmente social e sem a sua formação mínima que seria um casal da mesma espécie e sexos diferentes não há como manter a continuidade da espécie, logo, esta formação mínima é insubstituível mesmo que a ciência venha criar seres humanos em laboratório. 

“A família é a célula Máter da Sociedade,

sem a convivência Familiar não existe convivência social.”


Familia_grafico_sociedade



O homem é um ser social, que nasce e vive em sociedade. Ao nascer, já é parte de uma família, principal meio social humano, que costumamos chamar de célula máter da sociedade – o espaço primeiro e mais importante para o estudo e desenvolvimento de sociedades.

A primeira vivência do ser humano acontece em família, independentemente de sua vontade ou da constituição desta. É a família que lhe dá nome e sobrenome, que determina sua estratificação social, que lhe concede o biótipo específico de sua raça, e que o faz sentir, ou não, membro aceito pela mesma. Portanto, a família é o primeiro espaço para a formação psíquica, moral, social e espiritual da criança.

A criança é muito dependente ao nascer. Dentre todas as espécies é o homem que tem o mais longo período de imaturidade e dependência física. Cabe à família o cuidado com a saúde e segurança de seus membros, seja com o bebê ou com o idoso.

Há o papel desempenhado pela família, mesmo que muitas vezes ela não o perceba, que é o de educadores. À família cabe a formação do caráter, dos valores, das regras morais – que posteriormente serão internalizadas pelos indivíduos como um código pessoal de conduta e ética. A chamada “educação de berço” continua sendo de suma importância e jamais pode ser conseguida em outros espaços sociais como colégio ou até mesmo igrejas.

Na esfera psíquica, o homem só pode conhecer e reconhecer adequadamente o mundo e a si mesmo a partir de suas relações com os demais. Ele apreende o mundo imitando os outros, desde os primeiros sorrisos até regras sociais externas e maios elaboradas, como usar adequadamente os talheres à mesa. Mais do que isto, moldamos nossa personalidade por volta de seis anos de idade, e é especialmente através de vivências em família que formamos, ou não, a auto estima, o senso de responsabilidade e segurança, o respeito pelo outro e pelas regras sociais estabelecidas, a capacidade de acreditar em nosso potencial e conhecer nossos defeitos e limitações, entre tantos outros aspectos de nossa vida intimista.

Em nossa sociedade, a família é que introduz a criança no meio social; é a família que escolhe – ou em parte seleciona, a partir de seus próprios referenciais – as pessoas com as quais a criança vai relacionar-se, bem como dirige o modo e onde esta relação se dará. Assim, como instituição social, a família reflete as transformações culturais dos povos: valores, usos e costumes, hábitos, pensamento religioso e político, etc. Consequentemente, os problemas sociais serão sempre frutos de uma desestruturação familiar.

Isto fica evidente quando olhamos para os grandes problemas sociais que enfrentamos hoje. Assistimos crianças abandonadas por pais que não souberam planejar sua família ou administrar os conflitos, maiores ou menores, mas sempre existentes na vida a dois. Vemos adolescentes mergulhados em drogas ou prostituição, na sua maioria frutos de lares frios, carentes de afeto e de diálogo. Sofremos ao assistir fatos como as revoltas em abrigos para menores, ou o uso de armas de fogo por jovens instigados pela violência, que nos mostram o quanto nossas famílias têm deixado de trabalhar o respeito pelo próximo e a aquisição de padrões morais rígidos para uma boa consciência pessoal e vivência social.

Não pode haver dúvidas: se queremos mudanças sociais, devemos começar a investir mais no cerne da sociedade, na sua célula máter. Precisamos nos voltar às famílias, num esforço conjunto entre o Estado e a Igreja. Esta é também um espaço social, portanto possui o poder de formar opiniões, onde famílias se reúnem e podem ter seus valores pessoais transformados.

Precisamos nos lembrar que, mais do que ir `a igreja, freqüentando templos caríssimos ou simples, nós somos Igreja, e estamos Igreja especialmente em nossos lares, onde somos mais íntimos e singulares. É por esta razão que a Igreja começa em casa – cuidar da família é mais importante do que cuidar de não familiares ou da obra de Deus. É exatamente isto que Paulo enfatiza quando escreve o capítulo 5 de sua primeira carta a Timóteo, especialmente o versículo 8: Se alguém não cuida de seus parentes, e especialmente dos de sua própria família, negou a fé e é pior que um descrente.

A família é a célula máter da sociedade – e saber isto implica entender que famílias abençoadas implicam em igrejas abençoadas, que famílias equilibradas implicam em uma sociedade sadia.

Doutora Elaine Cunha 24/02/2012

http://www.cpadnews.com.br/blog/elainecruz/?POST_1_3_FAM%EDLIA:+C%E9LULA+M%E1TER+DA+SOCIEDADE?.html


“A família é a célula Máter

da Sociedade,

Sem Família não existe Sociedade



A Família é um

Projeto de Deus.

 


Semana_Família_2009_BN


CHÁCARA JEUS CURA



A Família é um Projeto de Deus.



A família é uma instituição que vem constantemente sendo posta a prova. As transformações sociais e culturais promovem a ausência de afeto, a falta de amor ao próximo e o enfraquecimento da verdade na vida conjugal e familiar.




Os jovens são os mais afetados quando não há uma estrutura familiar que os ampare. Por isso acabam buscando nas ruas valores que deveriam ser ensinados em casa. São expostos há uma grande quantidade de informação, mas muito pouco dela é aproveitada para a construção de um mundo melhor e mais seguro para eles mesmos. Muito cedo conhecem as drogas, o álcool, o tabaco e a gravidez indesejada. Vivenciam um lado obscuro da vida onde tudo é fácil e os amigos passam a ser exemplos a se seguir, e não os pais. Ser pai nos dias de hoje não é fácil e exercer autoridade de pai e mãe exige sabedoria. Os limites precisam ser colocados para visar o bem estar e a qualidade de vida de toda a família. O hábito de fazer as refeições juntos é algo que deve ser resgatado, no mundo atual existem famílias que não se vêem, não se conhecem. São apenas moradores de uma mesma casa. O que persiste é esta constante inversão de valores, onde as famílias se reúnem somente para assistir TV e discutir problemas domésticos.

Os pais, preocupados em manter a casa levam para seus filhos somente bens materiais e esquecem da vivência de uma espiritualidade que os direcione nos projetos que Deus quer para suas vidas. Pagam escolas caríssimas mas não os educam no amor de Deus.

É preciso se ter em mente que somente a família pode transmitir valores que são arraigados na formação destes jovens e que, os sustentaram na busca de grandes ideais para suas vidas.

Do seio de uma família zelosa e temente a Deus partem princípios do bom caráter, da ajuda ao próximo e do valor aos ensinamentos divinos. O lar deve ser antes de mais nada, um espaço de vivência do Evangelho onde meditando a Palavra de Deus os filhos aprendem o valor da oração, do perdão e da partilha. Conforme cita a Hora da Família, “em um lar deve haver amor, fidelidade e respeito entre seus membros.” (Edição 2008, pg 17)

Os filhos devem ser conduzidos ao batismo, a eucaristia e a crisma, pois estas são iniciações cristãs essenciais para que as crianças se descubram como filhos de Deus e façam parte de sua comunidade, que é a Igreja. Os ensinamentos adquiridos podem influenciar na formação do seu caráter e sua conduta diante dos obstáculos da vida.

Portanto, a responsabilidade de uma família, fundada sobre o matrimônio, é lutar constantemente para guardar os ensinamentos divinos, agindo como intérpretes na transmissão da vida e da educação segundo os projetos de Deus.

Mesmo que os filhos mostrem dificuldades em assimilar o valor da vida cristã é essencial que os pais sejam exemplos para seus filhos. O valor da família é imensurável e por isto esta instituição divina deve ser zelada como algo precioso, fonte da vida e do amor.

A família é um lugar sagrado onde se constitui a generosidade, acolhimento e respeito. É um dom de Deus que precisa ser cultivado, pois somente a família, concebida como fonte de valor e vida pode humanizar a sociedade.


A importância da oração em família


Os pais são os primeiros educadores de seus filhos na fé. Na carta aos Efésios Paulo nos fala: “Pais criem os filhos, educando-os e corrigindo-os como quer o Senhor”.(Efésios 6,4). O Papa João Paulo II declarou que “a família missionária é a esperança para o novo milênio e só através dela pode-se construir uma sociedade mais justa em comunhão com Deus.

É muito importante e saudável existir momentos de oração com os filhos para que se vivencie a fé em família e esta seja a maior herança que se possa levar deste convívio. Nestes momentos a família fortalece a sua união e é levada através da oração à conversão, ao perdão e à experiência do amor de Deus. Para as crianças a oração familiar é o primeiro testemunho da memória viva da Igreja levada pela bênção do Espírito Santo.

Uma vida de oração é uma questão de atitude. É necessário se viver o modelo de família que esta dentro dos projetos de Deus, levando como exemplo a Sagrada Família de Nazaré: Jesus, Maria e José.


Nossa missão como família


Faz parte do nosso compromisso como pais e filhos consolidar esta meta de uma educação cristã, para que nossa família se torne uma fortaleza diante dos desafios do mundo.
É necessário buscar na simplicidade, na amizade entre pais e filhos, na conversa jogada fora no fim de tarde, os laços de confiança que se constroem em pequenos gestos. Resgatar pequenas lembranças como na musica do Padre Zezinho, Utopia, que fala da beleza do aconchego de um lar e do fim da tarde quando a família se ajuntava no alpendre para conversar.

A Pastoral Familiar tem como meta garantir a defesa da vida e da família, para que o lar se torne um ninho, um berço de vocações. Mas também é dever de cada um de nós transmitir o conhecimento e o amor de Deus para todos os lares, principalmente os nossos.

“O filho unigênito, consubstancial ao Pai, “Deus de Deus, Luz da Luz”, entrou na história dos homens através da Família.” (CF, 02)

Por Ana Paula Azevedo



UM PROJETO DE DEUS PARA O MUNDO



Família, trabalho e a festa.


VII Encontro mundial das Famílias

Milão – Itália



Nesse domingo (03) terminou o sétimo Encontro Mundial das Famílias em Milão, Itália. “Família, trabalho e a festa” foi o tema norteador de todas as reflexões. A presença do Papa Bento XVI durante três dias do encontro deu a todas as famílias um novo entusiasmo na missão.

Ao analisar este tema entendi que a família não vive do vento; ela precisa trabalhar. Ao mesmo tempo precisa fazer festa; festa no sentido de encontro, de descanso, de ter tempo para promover relacionamentos verdadeiros e reavivar os laços de família.

O perigo de que o trabalho se torne um ídolo é válido também para as famílias. Isso acontece quando a atividade do trabalho detém o primado absoluto perante as relações familiares, quando os cônjuges se sentem obcecados pelo lucro econômico e depositam a felicidade unicamente no bem-estar material.

O risco dos trabalhadores, em todas as épocas, é de se esquecerem de Deus, deixando-se absorver completamente pelas ocupações mundanas, na convicção de que nelas se encontra a satisfação de todos os seus desejos.

Infelizmente, a necessidade de sustentar a família, muitas vezes não proporciona aos cônjuges a possibilidade de escolher com sabedoria e harmonia.

“No sétimo dia, Deus concluiu toda obra que tinha feito; e no sétimo dia descansou de toda obra que fizera. Deus abençoou o sétimo dia e o santificou, pois nesse dia Deus repousou de toda a obra da criação” (Gn 2,2-3). O sétimo dia é, para os cristãos, o “dia do Senhor”, porque celebra o Ressuscitado presente e vivo no seio da comunidade cristã, na família e na vida pessoal.

O ser humano moderno perdeu o sentido verdadeiro da festa. É necessário recuperar o sentido da festa, e de modo particular do domingo, como um “tempo para ser humano”. Aliás, um tempo para a família. Não somos máquinas para produzir e ganhar dinheiro; somos gente que precisa ser gente, ser humano em relações com os outros e com Deus.

Mais do que nunca, hoje, as famílias necessitam descobrir a festa como lugar do encontro com Deus e da aproximação entre os membros da família, criando um ambiente de pessoas que se querem bem. A mesa dominical deve ser diferente dos outros dias, não só pela comida, e sim pelo encontro familiar.

O dia do Senhor deve ser vivido como um tempo para Deus, espaço de comunhão e fraternidade na família e na comunidade, sem esquecer-se do amor aos pobres. Para experimentar a presença do Senhor ressuscitado, a família é exortada, aos domingos em especial, a deixar-se iluminar pela Eucaristia.

No domingo, a família encontra o sentido e a razão da semana que se inicia. Hoje, mais do que nunca, as famílias necessitam resgatar o justo valor do trabalho, sem esquecer-se da festa dominical com o Senhor, e com os irmãos. “Nada adianta ganhar o mundo inteiro se vier perder a sua alma” (Mc 8,36).

Que Deus abençoe as nossas famílias!

Dom Anuar Battisti,  Arcebispo de Maringá (PR)

fonte: CNBB

http://www.cnbb.org.br/site/articulistas/dom-anuar-battisti/9505-familia-trabalho-e-a-festa



O Cristo Disfarçado


O Plano de Deus.


O Plano de Deus.

Tema preparado para Encontro de Casais.


Plano de Deus


Quando Deus Criou todas as coisas e por final o Homem e a Mulher, há de se entender que nada foi feito por acaso ou apenas como uma brincadeira de quem não tinha o que fazer, podemos perceber que tudo faz parte de um planejamento, um plano que foi executado parte por parte, ponto por ponto.

O que há de se entender também, é que este plano de Deus ainda não finalizou, isto significa que ainda estamos em seu desenvolvimento, muitos acham que ele está quase no fim e mesmo que esteja findando o tempo do homem na terra, podemos perceber que ainda falta muita coisa para alcançarmos o objetivo do plano que Deus traçou no princípio.


NOTICIÁRIO DO DIA!


(Apresentação de um quadro de notícias que vão ao ar por Rádio, Tv e jornal todos os dias anunciando fatos e tragédias mundiais que revelam as injustiças Sociais e a insegurança em que vivemos hoje)


Pobreza

Jesus Jesus

Guerras


Jesus Jesus Jesus

Tragédias:


Furacão_tempestade_tragedia_008228

Injustiça Social



Como podem estar incluídos no Plano de Deus tais situações injustas, infra-humanas, onde a “injustiça é o apelido mais suave que o dicionário dos homens pode encontrar?

Como fica tudo isso dentro do Plano de Deus?

Será que existe mesmo um Plano, um Projeto de Deus para nós ?…

APRESENTAÇÕES!

O desejo mais profundo do Homem, a aspiração que vem das suas profundezas é uma só: a FELICIDADE. Tudo o que o Homem faz, consciente ou inconsciente, tende a uma só coisa: a FELICIDADE!Ser feliz, realizar-se!



Mas por que, criado para ser feliz, ele entra em choque com tantas contradições? Somos todos tão semelhantes, e por que uns tem todas as chances, e outros, nenhuma, sempre na pior? Por que só 1/3 da humanidade tem tudo e 2/3 passam fome? Por que a cada 10 anos que passam 50% da população humana come menos? Porque 77 milhões de brasileiros não tem alimentação suficiente, e o Brasil, economicamente falando, e a 5º maior potencia __ está acima da própria Inglaterra! __ e, do outro lado, em desnível social é o maior do mundo. E por que esse mesmo Brasil é atualmente o 5º maior exportador de armas para matar os irmãos da fronteiras e além do Atlântico? O Brasil tem hoje 36 milhões de menores carentes, dos quais, 7 milhões são menores abandonados. Querem mais cores no quadro? São 36 milhões de analfabetos… E não entremos nos números que falam dos desníveis salariais.

“Sofre-se o impacto da pornografia, do alcoolismo, das drogas, da prostituição.” Falta diálogo e comunicação entre os homens principalmente na família; É preconceito e racismo pensar que só a pobreza gera crianças de rua e violência, porque isso é fruto dos desentendimentos familiares, do inferno doméstico.

O Homem está constantemente em guerra levando destruição, morte e miséria a milhares de pessoas “criadas à imagem e semelhança de Deus”. Está “convertendo em ídolos, o poder, a riqueza, o sexo, a violência”. Homem quer “ter mais” para “ser mais”, quando deveria ser o contrario.

Em meio a todas essas contradições, o Homem se pergunta: há FELICIDADE? O que é a FELICIDADE? Por que esse desejo tão profundo de ser feliz e não poder realizá-lo?


DINÂMICA DO BALÃO


No inicio Deus costumava passear com nossos primeiros pais (Adão e Eva) na brisa da tarde, no Paraíso”. Naquele estado de justiça-santidade original havia intimidade-sintonia perfeita entre criatura-filho e o Criador-Pai.

O Homem era chamado por Deus “um dos Nossos” __ o íntimo de Deus __ Ele olhava para si mesmo e se perguntava, dava todas as respostas certas a respeito de sua origem, do seu fim, do sentido da vida. Deus e a Felicidade eram a Resposta.

Dentro de si o Homem só encontrava harmonia, paz, sem as contradições íntimas, as brigas consigo mesmo. Não havia perguntas sem respostas. Desconhecia a dor, as frustrações, a incerteza, a angustia, o pessimismo, a fuga de si mesmo. O Homem sabia-se filho de Deus, criado para a Felicidade. Era o Rei da Criação. Vivia em paz com todas as criaturas. Certamente era o tempo em que passava a mão no dorso da onça, coçava a juba do leão e os saudava sereno e amigo: “bom dia, leão; bom dia, irmã onça, tudo bem?”

O Homem sabia-se e sentia-se a imagem de Deus, amado como filho, como um Deus… Sabia ser o senhor das coisas, não se tornava escravo delas, conhecia a vocação que o Criador e Pai lhe dera: “… frutificai, multiplicai-vos… submetei, dominai a Terra…”



Mas, Deus fez o Homem livre, deixou a sua escolha concordar ou discordar, ir ou vir, escolher os caminhos, livre para dizer, até para Deus, a última palavra: sim ou não.

Pela liberdade Deus quis ter o Homem como parceiro das decisões. Só que a nossa liberdade limitou o próprio Deus, que não entra no nosso íntimo se não lhe dermos licença. Colocando o Homem neste mundo para ser feliz, e tendo construído um Plano para essa Felicidade, Deus não poderia __ e não quis __ impor esse PLANO.

E o Homem Superior a todos os seres, Rei da Criação, livre, não quis aceitar suas limitações. O Homem quis construir seu próprio PLANO. E secretamente, começou a devorar-lhe a mente o pensamento de que ele mesmo poderia ser como Deus, sem limites. Achou-se auto-suficiente para construir sua própria FELICIDADE. Dono da verdade dispensava o próprio Criador, já que tudo lhe estava submetido… E disse um extraordinário NÃO! E dizendo NÃO ao PLANO DE DEUS, tentando construir seu próprio Plano em rebeldia e desobediência, o Homem desfigurou, destruiu o Plano de sua FELICIDADE.

A proposta de Deus era: a VIDA; a resposta do Homem foi: a MORTE. A proposta de Deus era: a GRAÇA; a resposta do Homem desfigurou-a em: DES-GRAÇA. A proposta de Deus era: JUSTIÇA-SANTIDADE; a resposta do Homem foi: PECADO.

A situação que o Homem criou com essa queda do estado de GRAÇA para um estado de PECADO chamava-se pecado original. Foi à fonte de todas as injustiças que se sucederiam na Historia, infeccionando a sociedade e as estruturas.

E Deus continuou todos os dias oferecendo seu Plano de Amor e Felicidade, em todas as circunstancias, a todos os Homens; e os Homens teimando na sua resposta mesquinha, egoísta. “Fica fora dessa Deus, eu mesmo me arrumo…” “Fica na tua que eu fico na minha…”

Mas como provar esta verdade? A primeira prova disso tudo é eu, é vocês, somos todos nós. É o que podemos constatar se analisarmos o que esta acontecendo por aí no mundo com o Homem, como ele está se comportando. É só dar uma espiada nesse mundão de hoje e salta aos olhos o entortamento do Plano de Deus…

E o que representa Deus para o Homem hoje? Quantas vezes Deus é visto com indiferença, como um estorvo.

DEUS GAMBIRA, POUPANÇA, AMEAÇA….

O homem perdeu as estribeiras e vê-se atrapalhado para responder perguntas fundamentais: Quem sou eu? De onde vim? Para onde vou? Qual é o sentido de minha vida?

Como é doloroso, como nos agride como nos dói quando vemos o Homem, objeto de tanta solicitude do Criador, fonte de tanta dignidade, jogado por aí, com a vida desmoronada nas calçadas e sarjetas e em tantas situações deprimentes. E isso não só nas classes socialmente miseráveis, sem recursos, mas também na alta __ quanta degradação e baixeza!… E aí encontramos os consultórios psiquiátricos e de analistas cheios. O Homem perdeu as direções e as coordenadas, e o que é pior, parece não se dar conta disso.

EXPLICAÇÃO DO PSIQUIATRA

O Homem rompeu o Plano de Deus, a aliança original, com o seu NÃO! Separou-se de Deus, brigou consigo mesmo, com o mundo e com os irmãos (Adão brigou com Eva, Caim matou Abel…). Sabendo do pecado do Homem, Deus não se conformou em perdê-lo e continuou a chamá-lo ao seu convívio criando o PLANO DA SALVAÇÃO.



Fez com ele novas alianças: A primeira foi feita com Noé e sua família, pois Noé preservou a sua santidade no meio da corrupção do seu povo. “Ele encontrou graça aos olhos do Senhor”. Com ele Deus celebrou uma Aliança dizendo: “Eu vou fazer uma aliança convosco e com vossa posteridade…” “Ponho o meu arco nas nuvens, para que ele seja sinal da aliança entre Mim e a terra.” E o sinal desta aliança foi o ARCO IRIS.

Mas adiante cerca de 1800 anos antes de Cristo, Deus confirma essa aliança com Abraão, fazendo nascer dele um povo. E exige dele a santidade. O Senhor apareceu-lhe e disse-lhe: “Eu sou o Deus Todo Poderoso. Anda em minha presença e sê perfeito; quero fazer aliança contigo… O sinal dessa aliança foi à circuncisão. “Todo varão entre vós será circuncidado.” Isso será o sinal “da minha aliança entre vós.”

E Deus continua a buscar e renovar essa aliança em Moisés, não mais com uma família (Noé), ou apenas com um homem que seria Pai de um povo, mas agora com o seu Povo, já constituído e conduzido por Moisés. No deserto do Sinai, no alto do monte Horeb, Deus renova a sua aliança com Moisés. “Agora, pois, se obedecerdes a minha voz, e guardardes minha aliança vós sereis o meu povo particular entre todos os povos.” O sinal dessa aliança são as tábuas da lei que contém os dez mandamentos; as dez palavras, que observadas pelo povo, o conduziria à santidade necessária para conviver com Deus. No exato cumprimento dos mandamentos Deus apartava o seu povo dos pagãos e dos seus deuses.

Finalmente esta aliança é renovada à moda humana adaptando-se ao jeito-do-homem, mesmo depois de tudo que aconteceu. Deus se faz homem para que o Homem se faça Deus! Para que o Homem recupere a participação da natureza divina, o Filho Unigênito de Deus faz-se carne, faz-se Homem. Torna-se um dos nossos. Vem falar nossa linguagem, comer conosco, pegar nossos calos, chamar-se com os nossos nomes, e também poder chamar alguém com doce nome de mamãe.

Deus vislumbrou Maria, mulher que deveria colaborar como Sua Mãe na obra do Plano da Salvação, a mulher que esmagaria a cabeça da serpente do orgulho. Ela foi o Sacrário de Deus: tornou visível, deu voz humana, deu-lhe um coração para amar e ensinar como amar. Em tudo ELE foi semelhante a nós, menos no pecado! Veio ensinar-nos, em nossa linguagem humana, o que é a graça, essa maravilhosa Comunhão com Deus, com os irmãos e com o mundo. Deus mandou seu próprio filho para dizer ao homem que o ama e Ele é crucificado e morre por nós.

– E assim o Plano da Salvação é eternizado em Jesus Cristo e a Igreja e é instituída na EUCARISTIA, onde ele nos comunica a Graça, participante novamente da vida divina e onde ele fica a nossa disposição dia e noite, visível no Sinal do Pão. Não contente de se ter feito gente como nós, com nossa carne e vida, agora se faz Pão, para estar todos os dias, à mesa de nossa vida. Jesus restituiu a paz ao preço do sangue de sua cruz, e Deus resgatou a humanidade e nos chama de novo à Santidade.

E qual está sendo a nossa resposta agora? Então por que é que temos a impressão que o mundo ainda continua torto?


DINÂMICA DA Nota DE_100,00 REAIS 

Power point


Um dos motivos do mundo ir mal é O PECADO, que esta trazendo a destruição da Família! E o que nos assusta é a educação moderna, ateia, materialista e consumista que tirou Deus do coração das crianças, dos jovens e dos adultos. A salvação do Homem e da sociedade está estreitamente ligada ao bem-estar da comunidade conjugal e familiar.

A raiz do problema é que a moral familiar esta destruída: pelo divorcio, amor livre, uniões ilícitas alcoolismo, drogas, etc. As crises, pelas quais passa a Família hoje em dia produzem no mundo carências afetivas e conflitos emocionais.

O DINHEIRO AJUDA NA FELICIDADE, MAS NÃO É TUDO; COM DINHEIRO VOCÊ COMPRA UMA CASA, MAS NÃO A PAZ; COMPRA A CAMA, MAS NÃO O SONO; COMPRA UM RELÓGIO, MAS NÃO O TEMPO; COMPRA UM LIVRO, MAS NÃO O CONHECIMENTO; COMPRA UM SOBRE NOME, MAS NÃO O RESPEITO.

Se você não sentar o seu filho no colo e disser que o ama, ele vai sentar no colo de quem você não quer: o traficante, a prostituta… Porque até as gangues oferecem aos jovens a Família que eles não têm.

– É muito fácil transferir nossas culpas e responsabilidades para o mundo, para os meios de comunicação, como a TV, a internet; a cada dia agravam-se mais a corrupção dos costumes e valores cristãos apresentados.

A sociedade atual tem dado um péssimo exemplo, mas apesar desta enxurrada de lama e maus exemplos, precisamos reforçar na Família a beleza de uma vida pura, sem roubo, sem tapear ninguém, sem ficar com o que não é seu. Não há alegria maior, mais autentica e mais durável do que aquela que a família nos dá.

Podemos escolher o que semear, mas somos obrigados a colher o que plantamos.

EXPLICAÇÃO E DINÂMICA DA BOLA

A Fé, Esperança e o amor nos garantem __ aqui e agora, uma Felicidade!

Possuindo a Felicidade, fiéis a vocação e missão de fazer nosso irmão feliz, construiremos uma sociedade com Homens mais justos e fraternos _ a realização do PLANO DE DEUS…

COMENTÁRIO

CLIPE COM A MÚSICA TUDO É DO PAI



Criação & Apresentação

Emerson & Adriana – ECC – Anápolis – Go


38bceab0255f8744[1]

Baixe o texto em Documento – Wold.Doc

01 – O Plano de Deus.DOC

8836df04d428903f901fe9a769c1c97a_kak-redaktirovat-pdf-dokument-411-414-c[1]

Click e Baixe o Texto em arquivo PDF

01 – O Plano de Deus.PDF



” O  PLANO  DE  DEUS “

Preparado para acompanhar o texto acima.


“EU  SOU  FELIZ,

SEJA  FELIZ  VOCÊ  TAMBÉM”


Outras indicações:


O Testemunho do Plano de Deus

Encontro de Casais com Cristo_ECC

Temas para palestras preparadas para encontro de casais.


OPÇÃO DE POWER POINT FORA DE SINCRONIZAÇÃO COM O TEXTO ACIMA





Encontro de Casais com Cristo_ECC