Acampamento Maanaim em Anápolis-Go.



MAANAIM 2020

Anápolis – Go


Inscrições abertas



“Oi”

ATENÇÃO GALERA!!!

DECLARAMOS OFICIALMENTE ABERTO!

📢    – M A A N A I M – 2020  –  ⛺️

Venha para o Acampamento Maanaim 2020
Toda a equipe convida você para viver 06 dias de uma experiência incrível e única na sua vida, de estar mais próximo de Deus, da natureza e dos irmãos.

Você que já fez O ENCONTRO e souber de alguém que queira fazer este encontro, entre em contato conosco.

Informações: (62)991360512 – Elismar e no IG: @acampamentomaanaimanapolis

Mais detalhes  e atualizações:

Acompanhe a nossa pagina no Facebook.


FACEBOOK


https://www.facebook.com/profile.php?id=100012122531083


Nossa história remete-se ao primeiro Acampamento que aconteceu na cidade de Brasília, em nível Latino Americano, de 11 a 15 setembro de 1991, como parte do projeto de Evangelização 2000, sob Direção e Coordenação de Maria Elizabeth Neves Ramos (Rio de Janeiro) e de Martin Valverde (México e Costa Rica), com apoio da Comunidade Arca da Aliança de Franca-SP, tendo como Dirigente Espiritual Frei Donário Falconeri.

A finalidade desse referido Acampamento foi à formação de lideranças para atuar e divulgar em toda a América Latina esse “novo modo de evangelizar” direcionado principalmente aos jovens.

Hoje também abrange a todos que tem um espírito jovem e a vontade de fazer uma nova experiência com Deus.

Hoje o Acampamento Maanaim é realizado em diversas dioceses pelo país e principalmente pelas comunidades fechadas direcionadas a jovens, nós no entanto realizamos este acampamento direcionado à toda Diocese e faixas de idade a partir de 18 anos, sendo que você pode estar integrado à um grupo de oração da RCC, um grupo de Jovens diocesano, qualquer outro grupo ou movimento e até nem mesmo estar participando de nenhum grupo, movimento ou nem ser um participante assíduo da Santa Missa.



O Encontro é aberto para todos, pois é um convite especial de Jesus a quem queira ter uma experiência nova e mais próxima de Deus e com Deus.

Este evento é basicamente um acampamento, como já diz o nome, um encontro com a natureza e com Deus, porém abrange muitas dinâmicas, partilhas, troca de experiências, oração, descontração e etc. não podemos dar muitos spoiler’s  porque pedimos aos participantes que mantenham sigilo referentes às dinâmicas do evento, mas que nem por isso deixem de testemunhar a sua experiência com Deus e que contagiem as outras pessoas que convivem ao seu redor.

Seis dias é pouco tempo para uma experiência maravilhosa que é o Acampamento Maanaim. Por meio da Comunhão com a Natureza, partilha em comunidade e oração, você é convidado a descobrir o amor de Deus. Ao longo do acampamento, atividades como palestras, músicas, caminhadas e desafios são realizados com muita alegria e despojamento. Venha experimentar uma vida diferente, conhecer algo novo em profundo conhecimento de si, dos outros e principalmente de Deus. O desafio começa agora!


https://youtu.be/QuMT2NHkq2I



Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito
Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito


Como ser um “servo” e Ministro da Música ?

Ao Conhecer o testemunho de vida de Martín Valverde, onde ele conta que sua mãe ficou grávida ainda muito jovem, muito preocupada com o seu futuro foi até uma Igreja e em um momento de oração consagrou seu filho ao Senhor dizendo:

“Sei que esta criança que está em meu ventre é muito mais tua do que minha…”

Desta forma, praticamente reconheceu que seu filho pertencia a Deus e fez questão naquele momento de consagrá-lo ao Pai de toda criação e jamais interferir em seus caminhos.

Mesmo antes de chegar o tempo de seus estudos, ingressou-se no Colégio Salesiano Dom Bosco, onde foi praticamente instruído e conduzido nos caminhos do Senhor e da Música Católica.

Um de seus aprendizados mais importantes com Dom Bosco foi um de seus maiores lemas:

“A Igreja sem música era como um corpo sem alma”.

Como ele demonstrou ter o dom de Deus para a música, aprendeu cada vez mais e se tornou um grande músico de Deus como é hoje, com grandes canções que tocam o mais profundo de nossa alma.

Este aprendizado de Martin Valverde, muita vezes nos falta e nossos músicos de hoje que praticamente conhecem Jesus nos encontros  da “RCC” ou simplesmente adentram o ministério através de grupos de Igreja que cantam nas “Missas Dominicais”, que nem sempre são preparados para assumirem esta função ou ministério e acabam por misturar o Santo com o Profano, não por que querem, mas porque lhes falta instrução e discernimento para tal.

Encontrei hoje também um ótimo texto do Padre Roberto Lettieri “Canção Nova” que leva os Músicos Católicos a meditarem um pouco neste assunto.

Gostaria de salientar apenas, para aqueles que gostam de reclamar do zêlo de Padre Roberto Lettieri que São Paulo num passado longinquo já dizia a mesma coisa.

Tudo me é permitido,

mas nem tudo convém.

Tudo me é permitido,

mas eu não me deixarei

dominar por coisa alguma.

(I Coríntios 6,12)

.

Foto: Robson Siqueira – CN

‘O músico católico não é um produto’

Hoje é muito difícil pregar para agradar a todos. E a catolicidade da Igreja, hoje, é muitas vezes usada de maneira errada. A música católica é expressão de vida, de grande amor por Jesus, e contém esse caráter de expiação, de dor, amor e alegria pelo Senhor. E nós, e aqueles que são chamados a dar a vida através da música, precisamos conhecê-la.

Busquei algumas coisas sobre a música sacra dentro da nossa Igreja neste livro do Padre Gabriele Amorth, que nos ensina a cantar com a nossa vida.

O que é profano não tem como entrar, pois não consegue aderir ao sagrado que é a Igreja. É como água e óleo. Nós não temos a intenção de condenar a ninguém, mas sim que todos tenham um encontro pessoal com o amor do Senhor. Nós queremos orientar.

Este livro, todo músico católico deveria ler. “É certo, porém, que a música que leva o coração a adoração em Espírito e Verdade, não pode levar ao êxtase e a sensualidade”.

Vejam, amados jovens. Vocês que gostam do rock, axé e samba. É muito difícil purificar essas coisas, porque o ritmo vai expressando a sensualidade do corpo. E nós vamos pensando que tudo é em nome da conversão. Cuidado!As seitas também fazem isso.

Outra realidade que hoje também é muito perigosa: perder a simplicidade. Cuidado com o modo de vestir e a sensualidade nas roupas para cantar.

Eu gostaria que vocês lessem esse artigo de pesquisas realizadas que mostram jovens batendo a cabeça uns nos outros nos shows de música católica. O músico católico é aquele que canta a sua vida, canta a Tradição da Igreja, aquilo que ele crê. Eu canto para a glória da Igreja, e não para o meu interesse pessoal. E é preciso escutar as orientações da Igreja.

Eu estou falando como pastor. Cuidado! Nós não precisamos imitar o que é profano. O Espírito Santo pode nos dar o que é mais lindo. Por isso, o músico deve cantar a Deus, cantar a dor. É preciso cantar a renúncia, que damos o nosso suor naquilo que vivemos.

Eu não sou ministro de música. Sou um sacerdote de Deus, como tantos neste Brasil. Mas o que queremos é cada vez mais honrar a nossa música católica. Por isso, não cabe música protestante na nossa Liturgia Católica. Não podemos abrir para termos aquilo que não acredita na Liturgia Católica, que é do céu.

O musico católico não é um produto. Não se sinta um produto. O seu canto não é um produto, porque de graça recebemos, de graça damos.

Hoje, muitos dos nossos pobres não têm acesso à música católica e não podem mais ir a um show, porque não podem pagar. Muitas vezes, imitam-se as coisas do mundo, de que é preciso ganhar dinheiro. E o Senhor disse: “de graça recebestes, de graça deveis dar”.

É preciso a comunhão no mundo da música católica. Um grupo evangélico construiu um grande estúdio de gravação só para eles, com os direitos autorais de músicas que um padre gravou. Não é verdade que para a Igreja Católica pode tudo, que pode colocar todos os ritmos na liturgia Isso não é verdade, porque ela tem a sua essência. E é para o louvor da Igreja que estamos aqui.

O Senhor faz passar a reparação pelo coração dos cantores e das cantoras católicas, porque o nosso cantar é único. E não é orgulho não, é muito da nossa alma. E o nosso tesouro é imenso. Não copie o que é profano.

Com muito amor, diz o padre Gabrielli, que o rock é um grito de rebeldia do demônio contra Deus. E isso fica muito claro nas músicas de rock satânico. A conversão é um dom de Deus e não depende daquilo que você está escutando.

E disse o nosso Santo Padre, o Papa Bento XVI: “Sem recolhimento não há profundidade”. E o Espírito Santo tem falado porque a juventude não tem se convertido como antes. Não estou falando de silêncio exterior, mas de recolhimento interior. Por que você precisa ouvir o que Deus está falando a você naquele momento de uma música de louvor.

Quando eu ia aos encontros de louvor, quando o músico falava, quando ele fechava os olhos, a música ficava em segundo lugar, porque ele estava ali expressando a busca de santidade da sua vida, que é o que leva a conversão. Se houver uma contradição entre as duas formas de comunicação – a verbal e aquilo que a pessoa está vendo – o que a pessoa vê, fica abatido por aquilo que se está ouvindo.

O rock religioso leva o seu seguidor de volta ao rock secular. Filho e filha, o Hallel é uma certeza de que muitos jovens serão levados a um impacto com Deus. E os jovens querem chegar aqui e ter um impacto com o céu. Aqui, eles querem encontrar o novo, porque o que era velho se faz novo. E o magnificat da Virgem deve ecoar em todo este lugar, deve arrastar o jovem que está nas drogas, na prostituição para este lugar. Que eles venham, porque aqui eles vão encontrar Deus.

A Igreja Católica não precisa de artistas, mas de santos. A juventude precisa escutar aquilo que é de Deus e não aquilo que eles querem escutar. Nem tudo é mel, mas tem também a dor da picada da abelha. É preciso a dor. E não dá para cantar axé, rock sem que o ritmo os leve à sensualidade. Quantos pecados entram por causa do ritmo do rock… Porque a porta está aberta.

Você não veio aqui só para se divertir. Canta para Deus!

Transcrição: Célia Grego – Canção Nova

 

—————————————————

Padre Roberto Lettieri

Fundador da Fraternidade Toca de Assis que tem como principal carisma a adoração ao Santíssimo Sacramento e o acolhimento aos mais necessitados. Prega diversos encontros e retiros por todo o Brasil.

Ninguém te Ama como Eu.


Olhe_pra_cruz


Olhe pra Cruz

Esta é a minha grande prova,

Foi por Ti porque eu te amo.


Martín Valverde


Veja fotos de Martin Valverde



.Versão: Padre Antonio Maria



Ninguém Te Ama Como Eu

Tenho esperado este momento

Tenho esperado que viesses a mim

Tenho esperado que me fales

Tenho esperado que estivesses assim

Eu sei bem o que tens vivido

Sei também que tens chorado

Eu sei bem que tens sofrido

Pois permaneço ao teu lado

Refrão:

Ninguém te ama como eu,

Ninguém te ama com eu

olhe pra Cruz esta é a minha grande prova

Ninguém te ama como eu.

Ninguém te ama como eu,

Ninguém te ama com eu

olhe pra Cruz foi por Ti porque eu te amo

Ninguém te ama…a como eu.

Eu bem sei o que me dizes

Ainda que nunca me fales.

Eu sei bem o que tens sentido

ainda que nunca me reveles

Tenho andado ao seu lado

junto a ti permanecido

eu te levo em meus braços

pois sou teu melhor amigo

Ninguém te ama como eu,

Ninguém te ama com eu

olhe pra Cruz esta é a minha grande prova

Ninguém te ama como eu.

Ninguém te ama como eu,

Ninguém te ama com eu

olhe pra Cruz foi por Ti

porque eu te amo

Ninguém te ama…a.

Ninguém te ama ninguém te amará

Ninguém te ama…a

como eu. como eu..


Cifra – Martim Valverde


Ninguém Te Ama Como Eu

C          G/B        Am
Tenho esperado este momento
Dm        F          G
Tenho esperado que viesses a mim
C         G/B         Am
Tenho esperado que me fales
Dm        F            G
Tenho esperado que estivesses assim
C      G/B             Am
Eu sei bem o que tens vivido
Dm     F               G
Sei também que tens chorado
C      G/B            Am
Eu sei bem que tens sofrido
Dm        F           G    G7
Pois permaneço ao teu lado

Refrão:

C G/B Am F D/F# G
Ninguém te ama como eu, Ninguém te ama com eu
C G/B Am
olhe pra Cruz esta é a minha grande prova
F D/F# G G7
Ninguém te ama como eu.
C G/B Am F D/F# G
Ninguém te ama como eu, Ninguém te ama com eu
C G/B Am
olhe pra Cruz foi por Ti porque eu te amo
F D/F# G C
Ninguém te ama…a como eu.

C G/B Am
Eu bem sei o que me dizes
Dm F G
Ainda que nunca me fales.
C G/B Am
Eu sei bem o que tens sentido
Dm F G G7
ainda que nunca me reveles
C G/B Am
Tenho andado ao seu lado
F D/F# G G7
junto a ti permanecido
Em E7 Am
eu te levo em meus braços
F D/F# G G7
pois sou teu melhor amigo

C G/B Am F D/F# G G7
Ninguém te ama como eu, Ninguém te ama com eu
C G/B Am
olhe pra Cruz esta é a minha grande prova
F D/F# G G7
Ninguém te ama como eu.
C G/B Am F D/F# G G7
Ninguém te ama como eu, Ninguém te ama com eu
C G/B Am
olhe pra Cruz foi por Ti porque eu te amo
F D/F# G G7
Ninguém te ama…a.
Em E7 Am
Ninguém te ama ninguém te amará
F D/F# G C G/B Am F D/F# G C
Ninguém te ama…a como eu. como eu.


Posições para vilolão


https://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/11/cifra-club-lk.jpg?w=313&h=117



OUTROS TEMAS RELACIONADOS


Canticos para o advento Musica_Catolica Fabio de melo Feliz Natal
Amor de Deus DEUS_EH_AMOR_GALINHO Chamados_Comunicar