TERÇO DA DIVINA MISERICÓRDIA MEDITADO.


Como rezar o Terço da Misericórdia Divina Meditado


“Através desta novena concederei às almas toda espécie de graças” (Diário 796).

(O DIÁRIO de Santa Irmã Faustina)


terco-da-misericordia-11[1]



(veja Festa da Misericórdia).

(veja o Terço da Divina Misericórdia)


Como rezar o Terço da Misericórdia Divina Meditado


Vós morrestes, Jesus, mas uma fonte de vida jorrou para as almas e abriu-se um mar de misericórdia para o mundo. Ó fonte de vida, insondável misericórdia de Deus, envolvei o mundo todo e derramai-Vos sobre nós. (Diário no. 1319)

Repita 3 vezes:

Ó Sangue e Água que jorrastes do Coração de Jesus como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós!


Reza-se um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e um Creio.


terçodamisericordia[1]




1º mistério: Oração e agonia de Nosso Senhor Jesus Cristo no Horto

Nesse momento, a minha mente foi estranhamente iluminada. Surgiu diante dos olhos da minha alma uma visão que era como a de Nosso Senhor no Jardim das Oliveiras. Primeiramente, os sofrimentos físicos e todas as circunstâncias que os agravavam; em seguida os sofrimentos espirituais em toda a sua extensão e ainda aqueles dos quais ninguém saberá. Essa visão englobava tudo: julgamentos injustos, difamações. O que escrevo é um resumo, mas esse conhecimento era tão claro que, o que mais tarde passei em nada era diferente daquilo que experimentei nesse momento. O meu nome devia ser “vítima”. Quando terminou a visão, um suor frio me cobria a testa. (Diário no 135)

Fazei de mim, Jesus, um sacrifício agradável e puro ao olhar de Vosso Pai. Jesus, transformai-me a mim, miserável pecadora, em Vós, pois Vós tudo podeis, e entregai-me ao Vosso Eterno Pai. Desejo tornar-me uma hóstia de expiação diante de Vós… (Diário, no. 483)

Na conta do Pai-Nosso:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso diretíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

Nas contas da Ave-Maria:

Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.




2º mistério: Flagelação de Nosso Senhor Jesus Cristo

Quando cheguei para a adoração, logo me envolveu o recolhimento interior, e vi Nosso Senhor amarrado ao tronco e logo sobreveio a flagelação. Vi quatro homens que se revezavam a açoitar o Senhor com azorragues. O meu coração parava só de olhar para esses suplícios; então, o Senhor me disse estas palavras: “Sofro uma dor ainda maior do que a que estás vendo.”

E Jesus deu-me a conhecer por quais pecados submeteu-se à flagelação: foram os pecados da impureza. Oh! por que terríveis sofrimentos morais passou Jesus quando se submeteu à flagelação! Então, Jesus me disse: “Olha e repara bem o gênero humano na presente condição.”

E imediatamente, vi coisas horríveis: afastaram-se os algozes de Nosso Senhor e vieram flagelá-Lo outras pessoas que seguravam nas suas mãos os chicotes e castigaram sem piedade o Senhor. Eram sacerdotes, religiosos e religiosas e os mais altos dignitários da Igreja, o que muito me admirou. Havia leigos de diversas idades e classes; todos descarregavam sua maldade sobre o inocente Jesus. Ao ver isto, meu coração entrou numa espécie de agonia. E, quando o flagelavam os carrascos, Jesus se calava e olhava para o longe, mas quando o flagelavam essas almas que mencionei acima, Jesus cerrava os olhos e um gemido surdo, mas terrivelmente doloroso, escapava-Lhe do Coração. E o Senhor deu-me a conhecer, detalhadamente, a gravidade da maldade dessas almas ingratas: “Estás vendo, este é o sofrimento maior que a Minha Morte.”

Então, calaram-se também os meus lábios e comecei a sentir em mim a agonia e senti que ninguém me consolaria nem arrancaria desse estado a não ser Aquele que me introduziu nele. Então, o Senhor me disse: “Estou vendo a dor sincera do teu coração, que trouxe enorme alívio ao Meu Coração. Olha e consola-te.”(Diário no. 445)

Na conta do Pai-Nosso:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

Nas contas da Ave-Maria:

Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.




3º mistério: A coroação de espinhos

Quando me concentro na Paixão do Senhor, freqüentemente vejo Nosso Senhor na adoração, da seguinte maneira: após a flagelação, os carrascos levaram-No e tiraram-Lhe as vestes, que já se tinham colado às feridas; ao tirarem Suas vestes renovaram-se Suas Chagas. Em seguida, cobriram o Senhor com um manto de púrpura, sujo e rasgado, jogando-o sobre as Chagas renovadas. Esse manto, apenas em alguns pontos, atingia os joelhos. Mandaram, então que o Senhor se sentasse num tronco; fizeram uma coroa de espinhos e a colocaram na Sua Santa Cabeça, pondo-Lhe ainda um caniço nas Suas mãos e zombando d’Ele. Inclinavam-se diante d’Ele como diante de um rei, cuspiam no Seu rosto, enquanto outros pegavam o caniço e batiam na cabeça, outros infligiam-lhe dores esbofeteando-O, ou cobrindo-Lhe o rosto, davam-Lhe murros. Jesus suportava tudo em silêncio. Quem compreenderá Sua dor? Jesus olhava para o chão, e eu senti o que então estava acontecendo no Dulcíssimo Coração de Jesus. Que toda alma reflita sobre o que Jesus sofreu nesse momento. Rivalizavam uns com os outros em insultos ao Senhor. Eu ficava refletindo: de onde vinha tanta maldade no homem? E no entanto, é o pecado que causa isso – encontrou-se o amor com o pecado. (Diário no. 408)

Na conta do Pai-Nosso:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

Nas contas da Ave-Maria:

Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.




4º mistério: Jesus carrega a cruz para o Calvário

Jesus surgiu, de repente, diante de mim, despido de Suas vestes, coberto de chagas por todo o corpo, os olhos cheios de sangue e lágrimas, o rosto todo desfigurado, coberto de escarros. Então o Senhor me disse: “A esposa deve ser semelhante ao seu esposo.”

Compreendi a fundo essas palavras. Aqui não havia lugar para qualquer tipo de dúvidas. A minha semelhança com Jesus deve ser pelo sofrimento e pela humildade. “Olha o que fez de Mim o amor pelas almas humanas. Minha filha, no teu coração encontro tudo que Me nega um tão grande número de almas. O teu coração é o Meu repouso; muitas vezes, guardo grandes graças para o final da oração.”

Cristo sofredor, saio ao Vosso encontro; como esposa Vossa, tenho que ser semelhante a Vós. O Vosso manto de ultrajes deve cobrir também a mim. Ó Cristo, Vós sabeis como desejo ardentemente assemelhar-me a Vós. Fazei que participe de toda a Vossa Paixão, que toda a Vossa dor se entorne no meu coração. Confio que completareis isso em mim, da maneira que julgardes apropriada. (Diário no. 1418)

Na conta do Pai-Nosso:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

Nas contas da Ave-Maria:

Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro



Jesus_misericordioso



5º mistério: Jesus morre na cruz

Durante a Santa Missa, vi Jesus pregado à cruz (em) grandes tormentos. Um imperceptível gemido saía do Seu Coração; a seguir disse: “Tenho sede. Estou sedento pela salvação das almas. Ajuda-Me, Minha filha a salvar as almas. Une teus sofrimentos à Minha Paixão e oferece-os ao Pai Celestial pelos pecadores” (Diário no. 1932)

À noite, vi Nosso Senhor crucificado. Das mãos, dos pés e do lado corria o Preciosíssimo Sangue. A seguir, Jesus me disse: “Tudo isto é pela salvação das almas. Reflete, Minha filha, sobre o que tu estás fazendo pela salvação delas.”

Respondi: “Jesus, quando olho para a Vossa Paixão, vejo que eu quase nada faço pela salvação das almas.” E o Senhor me disse: “Fica sabendo, Minha filha, que o teu silencioso martírio de todos os dias, na total submissão à Minha vontade, leva muitas almas ao Céu. Quando te parecer que o sofrimento ultrapassa as tuas forças, olha para as Minhas Chagas, e te elevarás acima do desprezo e do juízo dos homens. A meditação sobre a Minha Paixão te ajudará a te elevares acima de tudo.”

Compreendi muitas coisas que antes não era capaz de entender. (Diário no. 1184)

Na conta do Pai-Nosso:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

Nas contas da Ave-Maria:

Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.


No final do terço:

Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal,
Tende piedade de nós e do mundo inteiro

Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal,
Tende piedade de nós e do mundo inteiro

Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal,
Tende piedade de nós e do mundo inteiro

Ó Deus eterno, em quem a misericórdia é insondável e o tesouro da compaixão é inesgotável, olhai propício para nós e multiplicai em nós a Vossa misericórdia, para que não desesperemos nos momentos difíceis, nem esmoreçamos, mas nos submetamos com grande confiança à Vossa Santa Vontade, que é Amor e a própria Misericórdia.

INDULGÊNCIA PLENÁRIA PELA RECITAÇÃO DO TERÇO DA MISERICÓRDIA DIVINA


OUTRA – NOVENA


maxresdefault[3]






Rezar o Terço

A Misericórdia de Deus é sem fim.



As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não tem fim; renovam-se a cada manhã. Grande e a tua fidelidade.


Jeremias 3:22-23

Pensamento: O que lhe sustentou  noite? O que lhe fara passar por este dia? O que lhe capacitara e fara atingir alvos e metas e mesmo ser bem sucedido nos dias pela frente? As misericórdias do SENHOR. Essas fontes incríveis nunca se esgotam! Cada dia novo traz um estoque novo delas. Deus é fiel em fazer com que a recebamos cada dia. Gloria seja dada a Deus por fazer nosso mundo novo e limpo a cada dia.

Oração: Obrigada, Santo Deus e Pai amoroso, por me sustentar durante a noite , e por me prometer dias sem fim, ao final da minha jornada de vida. Que o Senhor, abençoe meu dia e  que  possa encontrar amor e louvor nos meus lábios e no meu coração em todo o tempo.que eu possa servir a ti nesse dia e que minha vida glorifique a Ti com minha atitudes durante todo o dia  que o Senhor me guarde e me livre de todas as tormentas e que eu viva meu dia com muito louvor certos que em tudo e em todas as coisas estará se manifestando a sua gloria obrigado senhor No nome de Jesus eu oro. Amem.



A Confiança e a Divina Misericórdia

O fundamento da mensagem da Divina Misericórdia é a confiança. Somos como vasos de misericórdia e o quanto de misericórdia estes vasos irão armazenar e distribuir para os outros, depende da nossa confiança. E a confiança requer conversão do nosso coração e de nossa alma para entendermos a Misericórdia de Deus, sermos misericordiosos com os outros, e para deixarmos Deus dirigir nossas vidas.

Em Provérbios 3,5 está escrito, “Tem confiança no Senhor de todo o teu coração, e não te estribes na tua prudência” . Confiar em Deus é fácil quando as coisas vão bem, contudo, em tempos de provação, sofrimento, dúvida, fraqueza e ansiedade, começamos a imaginar “onde está Deus?” “Ele realmente existe?” Se rezamos e acreditamos que estamos fazendo a Sua vontade, então nós devemos pedir por força e firmeza na fé. Mas estamos tão acostumados a controlar e se encarregar de tudo e somente mais tarde entendermos que Deus estava nos concedendo uma oportunidade de fortalecermos nossa fé.

A confiança é a chave para se viver a mensagem da Divina Misericórdia. Quando nossa fé é testada em tempos de provação e sofrimento, reflitamos no que Jesus falou para Santa Faustina:

“Quanto mais a alma confiar, tanto mais receberá” (Diário da Santa Faustina, 1577).

Certamente haverá momentos em nossas vidas em que o resultado de nossas ações não será como planejado ou do jeito que pedimos em oração. Quando enfrentarmos provações e sofrimentos de alguma maneira, nossa reação normalmente é “o que eu fiz para merecer isto?” ou “se Deus é mesmo misericordioso, como pode Ele permitir que isto aconteça?” Claro que há muitos tipos sofrimentos difíceis de aceitar como doenças, vícios, perda de um ente querido, ofensas – na realidade a lista de sofrimentos é sem fim. Qualquer que seja a causa do problema, dor é sempre dor e nós devemos nos perguntar “o que Deus está tentando me ensinar com esta cruz?” Em cada passo de nossa vida enfrentamos adversidades. Nosso Senhor disse à Santa Faustina “Minha filha, o sofrimento será para ti um sinal de que estou contigo” (Diário, 699) e em outra ocasião disse também, “Minha filha, não tenhas medo dos sofrimentos, Eu estou contigo” (Diário, 151).

Em Mateus 11, 28-30 está escrito: “Vinde a mim todos os que estais fatigados e carregados, e eu os aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim que sou manso e humilde de coração, e achareis descanso para as vossas almas, Porque o meu jugo é suave, e o meu peso é leve”.

Estas provações na vida nos dão oportunidade de rever nossa fé e freqüentemente nos forçam a questionar nossa relação com Deus. Santa Faustina escreveu: “Deus às vezes permite coisas estranhas, mas isso acontece sempre para que se manifeste na alma a virtude” (Diário, 166). Esta é a razão para as provas. O sofrimento tem um sempre um propósito, assim como escreveu São Paulo: “Porque o que presentemente é para nós uma tribulação momentânea e ligeira produz em nós um peso eterno de uma sublime e incomparável glória, não atendendo nós às coisas que se vêem, mas sim às que se não vêem” (2Cor 4, 17-18).

 Na Primeira Carta de São Pedro (1Pdr 4, 12-13) lemos, “Caríssimos, não vos perturbeis com o fogo que se acendeu no meio de vós para vos provar, como se vos acontecesse alguma coisa de extraordinário; mas alegrai-vos de serdes participantes dos sofrimentos de Cristo, para que vos alegreis também e exulteis, quando se manifestar a sua glória”. Se entendermos e aceitarmos isso, nosso sofrimento abrirá a porta para o crescimento espiritual e para a realização da total confiança em Deus. Por exemplo, a pessoa com um vício provavelmente irá negar o problema até chegar ao fundo do poço. A cura somente irá acontecer pela aceitação do problema e o reconhecimento de que ela precisa de Deus.

Quando nós oferecemos nossos sofrimentos e cruzes para Jesus, nós vivemos as palavras de São Paulo aos Gálatas: … “Estou pregado com Cristo na cruz, e vivo, mas já não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim. E a vida com que eu vivo agora na carne, vivo-a da fé do Filho de Deus, que me amou e se entregou a si mesmo por mim” (Gal 2, 20).

Vamos lutar pela paz interior, pela paz que somente Ele pode nos dar. Quando enfrentarmos adversidades, vamos rezar pedindo forças para fazermos a vontade de Deus e para responder a estas provações com amor. Vamos pedir a Nosso Misericordioso Senhor para inundar nossas almas com Seu amor e misericórdia. E, vamos refletir sobre a chaga do Coração de Jesus e clamar por Sua Misericórdia por todos os pecadores, dizendo: Ó Sangue e Água que jorrastes do Coração de Jesus, como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós!

Fonte:

http://www.recadosaarao.com.br/ebooks/livro_diario_santa_faustina.pdf



AGORA É O TEMPO DE MISERICÓRDIA

As revelações de Nosso Senhor a Irmã Faustina falam de agora como tempo de misericórdia.

Existe uma urgência especial nessa mensagem.

Repetidamente Nosso Senhor enfatizou que agora é o dia da misericórdia, antes da vinda do dia do julgamento. Agora é o tempo da preparação para a vinda do Senhor. “Escreva isto” – disse Nosso Senhor a ela:

Antes de vir como justo Juiz, venho como Rei da Misericórdia… agora prolongo-lhes o tempo da Misericórdia, mas ai deles, se não reconhecerem o tempo da Minha visita… (Diário 83, 1160).

Confiamos na promessa de Jesus:

Coloquem a esperança na Minha misericórdia os maiores pecadores. Eles têm mais direito do que outros à confiança no abismo da Minha misericórdia. (…) A estas almas concedo
graças que excedem os seus pedidos. (Diário, 1146)

Todas as sextas-feiras na Hora da Misericórdia – 15 horas – rezamos por todos os devotos e divulgadores da Divina Misericórdia no Santuário aqui em Curitiba. Se possível, una-se conosco nesta oração, mesmo que espiritualmente.
Três horas da tarde tem especial significado, porque foi a hora em que Nosso Senhor morreu por nós. Enquanto refletia nesta hora, o centurião romano Logino se deu conta de quem era Jesus.

Logino foi aquele que atirou a lança no lado de Nosso Senhor Jesus Cristo. O Apóstolo São João escreveu em seu Evangelho : “Chegando a JESUS e vendo-O morto, não lhe quebraram as
pernas, mas um dos soldados transpassou-Lhe o lado com a lança e imediatamente saiu sangue e água”. (Jo 19,33-34)
Conta uma lenda que ele tinha um problema na vista, e que pegou um pouco do sangue e água que saíram do lado aberto de Jesus e esfregou em seus olhos e ficou curado. Ele se converteu ao cristianismo, foi martirizado, e mais tarde foi declarado santo pela Igreja.

Ajude a divulgar a Divina Misericórdia, Você encontrará em nosso Blog outros temas a este respeito com muitas outras fotos e Banners para divulgação da Grande Misericórdia de Deus.

Fonte:

http://www.recadosaarao.com.br/ebooks/livro_diario_santa_faustina.pdf



.

(Um Desafio Para Mim e para Você)

Presentepravoce – Sizenando





Jesus é Misericordioso

Festa da Divina Misericórdia


FESTA DA DIVINA

MISERICÓRDIA


Novena à Divina Misericórdia.



(O DIÁRIO de Santa Irmã Faustina)


“Através desta novena concederei às almas toda espécie de graças” (Diário 796).





NOVENA à Misericórdia Divina que Jesus me mandou escrever e rezar antes da Festa da Misericórdia.

(veja Festa da Misericórdia).

(veja o Terço da Divina Misericórdia)


 Início na sexta-feira santa.


Desejo que, durante estes nove dias, conduzas as almas à fonte da Minha misericórdia, a fim de que recebam força, alívio e todas as graças de que necessitam nas dificuldades da vida e, especialmente na hora da morte. Cada dia conduzirás ao Meu Coração um grupo diferente de almas e as mergulharás nesse oceano da Minha misericórdia. Eu conduzirei todas essas almas à Casa de Meu Pai. Procederás assim nesta vida e na futura. Por Minha parte, nada negarei àquelas almas que tu conduzirás à fonte da Minha misericórdia. Cada dia pedirás a Meu Pai, pela Minha amarga Paixão, graças para essas almas.


Primeiro Dia


Hoje, traze-Me a Humanidade inteira, especialmente todos os pecadores e mergulha-os no oceano da Minha misericórdia (…).

Ó onipotencia da misericórdia divina,
Socorro para o homem pecador,
Vós sois o oceano de misericórdia a de amor,
E ajudais a quem Vos pede humildemente.Eterno Pai, olhai com misericórdia para toda Humanidade, encerrada no Coração compassivo de Jesus, mas especialmente para os pobres pecadores. Pela Sua dolorosa Paixão mostrai-nos a Vossa misericórdia, para que glorifiquemos a onipotência da Vossa misericórdia, pelos séculos dos séculos. Amém.


Segundo Dia


Hoje, traze-Me as almas dos sacerdotes e religiosos e mergulha-as na Minha insondável misericórdia (…).

A fonte do amor divino
Mora nos coraçoes puros,
Banhados no mar da misericórdia ,
Brilhantes como as estrelas, luminosos como a aurora.

Eterno Pai, dirigi o olhar da Vossa misericórdia para a porção eleita da Vossa vinha:
para as almas dos sacerdotes e religiosos. Concedei-lhes o poder da Vossa bênção e,
pelos sentimentos do Coração de Vosso Filho, no qual estão encerradas, dai-lhes a força da Vossa luz, para que possam guiar os outros nos caminhos da salvação, e juntamente com eles cantar a glória da Vossa insondável misericórdia, pelos séculos eternos. Amém.


Terceiro Dia


Hoje, traze-Me todas as almas piedosas e fiéis e mergulha-as no oceano da Minha misericórdia (…).

As maravilhas da misericórdia sao insondáveis;
Nem o pecador nem o justo as entenderá;
Para todos olahis com o olhar da compaixao
E a todos atraís para o Vosso amor.

Eterno Pai, olhai com o olhar da Vossa misericórdia para as almas fiéis, como a herança do Vosso Filho. Pela Sua dolorosa Paixão concedei-lhes a Vossa bênção e cercai-as da Vossa incessante proteção, para que não percam o amor e o tesouro da santa fé, mas com toda multidão dos Anjos e dos Santos glorifiquem a Vossa imensa misericórdia, por toda a eternidade. Amem.


Quarto Dia


Hoje, traze-Me os pagãos e aqueles que ainda não Me conhecem e nos quais pensei na Minha amarga Paixão. O seu futuro zelo consolou o Meu Coração. Mergulha-os no mar da Minha misericórdia (…).

Que a luz do Vosso amor
Ilumine as trevas das almas!
Fazei que essas almas Vos conheçam
E glorifiquem a Vossa misericórdia, juntamente conosco!

Eterno Pai, olhai com misericórdia para as almas dos pagãos e daqueles que ainda não Vos conhecem e que estão encerrados no Coração compassivo de Jesus. Atraí-as à luz do Evangelho. Essas almas não sabem que grande felicidade é amar-Vos. Fazei com que também elas glorifiquem a riqueza da Vossa misericórdia, por toda a eternidade. Amém.


Quinto Dia


Hoje traze-me as almas dos cristãos separadas da unidade da Igreja e mergulha-as

no mar da Minha misericórdia (…).

Mesmo para aqueles que rasgaram o manto da Vossa Unidade
Flui do Vosso Coração uma fonte de compaixão;
A onipotência da Vossa misericórdia, ó Deus,
Pode tirar também essas almas do erro.

Eterno Pai, olhai com misericórdia para as almas dos nossos irmãos separados que esbanjaram os Vossos bens e abusaram das Vossas graças, permanecendo teimosamente nos seus erros. Não olheis para os seus erros, mas para o amor do Vosso Filho e para sua amaga Paixão, que suportou por eles, pois também eles estão encerrados no Coração compassivo de Jesus. Fazei com que também eles glorifiquem a Vossa misericórdia poe todos os séculos eternos. Amém


Sexto Dia


Hoje, traze-me as almas mansas e humildes, assim como as almas das criancinhas

e mergulha-as na Minha misericórdia (…).

A alma verdadeiramente humilde e mansa
Já respira aqui na terra o ar do paraíso,
E o perfume do seu coraçao humilde
Encanta o próprio Criador.

Eterno Pai, olhai com misericórdia para as almas mansas, humildes e para as almas das criancinhas, que estão encerradas na mansão compassiva do Coração de Jesus. Estas almas são as mais semelhantes a Vosso Filho. O perfume destas almas eleva-se da Terra e alcança o Vosso Trono. Pai de misericórdia e de toda bondade, suplico-Vos pelo amor e predileção que tendes para com estas almas: abençoai o mundo todo, para que todas as almas cantem juntamente a glória à Vossa misericórdia, pelos séculos eternos. Amém


Sétimo Dia


Hoje, traze-Me as almas que veneram e glorificam de maneira especial a Minha misericórdia e mergulha-as na Minha misericórdia (…).

A alma que glorifica a bondade do Senhor
É por Ele especialmente amada;
Ela está sempre próxima da fonte viva
E bebe as graças da misericórdia divina.

Eterno Pai, olhai com misericórdia para as almas que glorificam e honram o Vosso maior atributo, isto é, a Vossa insondável misericórdia. Elas estão encerradas no Coração compassivo de Jesus. Estas almas são o Evangelho vivo e as suas mãos estão cheias de obras de misericórdia; suas almas repletas de alegria cantam um hino da misericórdia ao Altíssimo. Suplico-Vos, ó Deus, mostrai-lhes a Vossa misericórdia segundo a esperança e a confiança que em Vós colocaram. Que se cumpra nelas a promessa de Jesus, que disse: As almas que veneram a Minha insondável misericórdia, Eu mesmo as defenderei durante a sua vida, e especialmente na hora da morte, como Minha glória. Amém


Oitavo Dia


Hoje, traze-Me as almas que se encontram na prisão do Purgatório e mergulha-as

no abismo da Minha misericórdia (…).

Do terrível ardor do fogo do purgatório
Ergue-se um lamento das almas a Vossa misericórdia;
E recebem consolo, alívio e conforto
Na torrente derramada do Sangue e da Água.

Eterno Pai, olhai com misericórdia para as almas que sofrem no Purgatório e que estão encerradas no Coração compassivo de Jesus. Suplico-Vos que, pela dolorosa Paixão de Jesus, Vosso Filho, e por toda a amargura de que estava inundada a sua Santíssima Alma, mostreis Vossa misericórdia às almas que se encontram sob o olhar da Vossa justiça. Não olheis para elas de outra forma senão através das Chagas de Jesus, Vosso Filho muito amado, porque nós cremos que a Vossa bondade e misericórdia são incomensuráveis. Amém


Nono Dia


Hoje, traze-Me as almas tíbias e mergulha-as no abismo da Minha misericórdia (…).

O fogo e o gelo não podem ser unidos,
Porque ou o fogo se apaga, ou o gelo se derrete;
Mas a Vossa misericórdia, ó Deus,
Pode auxiliar indigências ainda maiores.

Eterno Pai, olhai com Vossa misericórdia para as almas tíbias e que estão encerradas no Coração compassivo de Jesus. Pai de Misericórdia, suplico-Vos pela amargura da Paixão de Vosso Filho e por Sua agonia de três horas na Cruz, permiti que também elas glorifiquem o abismo da Vossa misericórdia… Amém” (Diário 1209-1228).


 OUTRA – NOVENA


Poster Jesus Misericordioso para impressão

 

 

 

 




Jesus é Misericordioso

http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/oracao.jpg?w=130&h=120

ORAÇÃO PEDINDO A MISERICÓRDIA DE DEUS!!!



Pecadora perdoada


Misericórdia divina,


Mais sublime do que os céus, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Fonte de milagres e prodígios, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que envolve o universo todo, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que desce ao mundo na Pessoa do Verbo encarnado, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que brotou da chaga aberta do coração de Jesus, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Encerrado no coração de Jesus para nós e sobretudo para os pecadores, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Imperscrutável na instituição da Eucaristia, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
No sacramento do santo batismo, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Na nossa justificação por Jesus Cristo, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que nos envolve de modo particular na hora da morte, eu confio em vós. 

Misericórdia divina,
Que nos concede a vida imortal, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que nos acompanha em todos momento da vida, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que nos defende do fogo do inferno, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Na conversão dos pecadores endurecidos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Enlevo para os anjos, inefável para os santos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Insondável em todos os mistérios divinos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Fonte de nossa felicidade e alegria, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que do nada nos chama para a existência, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que abrange todas as obras de Suas mãos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que coroa tudo que existe e que existirá, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Na qual somos imersos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Doce consolo para os corações atormentados, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Única esperança dos desesperados, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Repouso dos corações, paz em meio ao terror, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Delícia e êxtase dos santos, eu confio em vós.

Misericórdia divina,
Que desperta a confiança onde não há esperança, eu confio em vós.

Ó Deus eterno, em quem a misericórdia é insondável e o tesouro da compaixão é inesgotável, olhai propício para nós e multiplicai em nós a Vossa misericórdia, para que não desesperemos nos momentos difíceis, nem esmoreçamos, mas nos submetamos com grande confiança a Vossa santa vontade, que é amor e a própria misericórdia.

Amém


Jesus

MISERICÓRDIA

MAIS IMAGENS


Tende_Misericordia_Senhor Jesus é Misericordioso


ORAÇÃO PEDINDO GRAÇAS
PELA INTERCESSÃO DA SANTA IRMÃ FAUSTINA


Ano-da-Miseric%25C3%25B3rdia-3[1]


Oração para todos os dias

Jesus Misericordioso, eu confio em Vós.

Jesus Misericordioso, eu confio em Vós.

Jesus Misericordioso, eu confio em Vós.

Ó Deus de grande Misericórdia, bondade infinita, toda a humanidade clama do abismo da sua miséria a Vossa Misericórdia, a Vossa Compaixão. Deus clemente, não rejeiteis a oração dos exilados desta terra. Senhor, bondade inconcebível, que conheceis profundamente a nossa miséria e sabeis que com as nossas próprias forças não temos condições de nos elevar até Vós, por isso suplicamos, adiantai-vos ao nosso pedido com a Vossa graça e multiplicai em nós sem cessar a Vossa Misericórdia, para que cumpramos a Vossa Santa Vontade durante toda a nossa vida e na hora da morte. Que o poder da Vossa Misericórdia nos defenda dos ataques dos inimigos da nossa salvação, para que aguardemos com confiança, como Vossos filhos, a vossa vinda última, dia que somente a Vós é conhecido, e esperemos que alcancemos tudo que nos foi prometido por Cristo, apesar de toda a nossa miséria, porque Cristo é a nossa confiança; pelo seu Coração Misericordioso, como por uma porta aberta, esperamos entrar no Céu. E hoje faço o meu pedido

(faça o seu pedido)

Eterno Pai, olhai com misericórdia para toda humanidade, encerrada no Coração compassivo de Jesus, mas especialmente para os pobres pecadores. Pela Sua dolorosa Paixão, mostrai-nos a Vossa misericórdia, para que glorifiquemos e propaguemos a Vossa misericórdia por toda a eternidade. Amém.

Jesus Misericordioso, eu confio em Vós.

Jesus Misericordioso, eu espero em Vós.

Jesus Misericordioso, eu confio em Vós.

 

Pela sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Pela sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Pela sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Deus santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Deus santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Deus santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.


Apresentação1-e1449606792971[1]



Foi Deus


ORAÇÃO PEDINDO GRAÇAS
PELA INTERCESSÃO DA SANTA IRMÃ FAUSTINA


Santa_faustina_jesus


Santa Faustina

Ó Jesus, que fizestes de Santa Faustina uma grande devota da Vossa imensurável misericórdia, dignai-vos, por intermédio dela, caso isso esteja de acordo com a Vossa santíssima vontade, conceder-me a graça …………………., que Vos peço. Eu, pecador, não sou digno da Vossa misericórdia, mas olhai para o espírito de sacrifício e devotamento da Irmã Faustina e recompensai a sua virtude atendendo aos pedidos que por sua intercessão com confiança Vos apresento.

Pai nosso…
Ave Maria…
Glória ao Pai…


Santa Faustina, orai por nós.


“O próprio Senhor me estimula a escrever orações
e hinos sobre a Sua misericórdia…” (Diário, 1593).

ORAÇÕES DE SANTA IRMÃ FAUSTINA


“Ó Jesus estendido na cruz, suplico-Vos, concedei-me a graça de sempre, em toda parte e em tudo cumprir fielmente a Santíssima vontade de Vosso Pai. E, quando essa vontade de Deus me parecer penosa e difícil de cumprir, então suplico-Vos, Jesus, que das Vossas Chagas desça para mim força e vigor, e que a minha boca repita: Seja feita a Vossa vontade, Senhor. (…) Jesus cheio de compaixão, concedei-me a graça de me esquecer de mim mesma, a fim de viver inteiramente para as almas, ajudando-Vos na obra da salvação, segundo a santíssima vontade de Vosso Pai…” (Diário, 1265).

“Desejo transformar-me toda em Vossa misericórdia, para tornar-me o Vosso reflexo vivo, ó meu Senhor! Que a Vossa misericórdia, que é insondável e de todos os atributos de Deus o mais sublime, se derrame do meu coração e da minha alma sobre o próximo.
Ajudai-me, Senhor, para que os meus olhos sejam misericordiosos, de modo que eu jamais suspeite nem julgue as pessoas pela aparência externa, mas perceba a beleza interior dos outros e possa ajudá-los.
Ajudai-me, Senhor, para que os meus ouvidos sejam misericordiosos, de modo que eu esteja atenta às necessidades dos meus irmãos e não me permitais permanecer indiferente diante de suas dores e lágrimas.
Ajudai-me, Senhor, para que a minha língua seja misericordiosa, de modo que eu nunca fale mal dos meus irmãos; que eu tenha para cada um deles uma palavra de conforto e de perdão.
Ajudai-me, Senhor, para que as minhas mãos sejam misericordiosas e transbordantes de boas obras, nem se cansem jamais de fazer o bem aos outros, enquanto aceite para mim as tarefas mais difíceis e penosas.
Ajudai-me, Senhor, para que sejam misericordiosos também os meus pés, para que levem sem descanso ajuda aos meus irmãos, vencendo a fadiga e o cansaço (…)
Ajudai-me, Senhor, para que o meu coração seja misericordioso e se torne sensível
a todos os sofrimentos do próximo. (…) Ó meu Jesus, transformai-me em Vós, porque Vós tudo podeis” (Diário, 163).

“Rei de Misericórdia, guiai a minha alma” (Diário, 3).

“Amor Eterno, chama pura, ardei sem cessar no meu coração e divinizai todo o meu ser de acordo com a Vossa eterna predileção, pela qual me chamastes à existência e convocastes à participação na Vossa felicidade eterna” (Diário, 1523).

“Ó Deus misericordioso, que não nos desprezais, mas nos cumulais sem cessar com as Vossas graças! Vós nos tornais dignos do Vosso Reino e, em Vossa bondade, preencheis com homens os lugares deixados pelos anjos ingratos. Ó Deus de grande misericórdia, que afastastes o Vosso santo olhar dos anjos revoltados e o voltastes para o homem contrito, seja dada honra e glória à Vossa insondável misericórdia” (Diário, 1339).

“Ó Jesus, desejo viver o momento presente, viver como se este dia fosse o último da minha vida: aproveitar cuidadosamente cada momento para a maior glória de Deus; fazer uso de cada circunstância, de tal maneira que a alma possa tirar proveito. Olhar para tudo do ponto de vista de que nada suceda sem a Vontade de Deus. Deus de insondável misericórdia, envolvei o mundo todo e derramai-Vos sobre nós, pelo compassivo Coração de Jesus” (Diário, 1183).

“Ó Deus de grande misericórdia, bondade infinita, eis que hoje a Humanidade toda clama do abismo da sua miséria à Vossa misericórdia, à Vossa compaixão, ó Deus, e clama com a potente voz da sua miséria. Ó Deus clemente, não rejeiteis a oração dos exilados desta Terra. Ó Senhor, bondade inconcebível, que conheceis profundamente a nossa miséria e sabeis que, com nossas próprias forças, não temos condições de nos elevar até Vós, por isso Vos suplicamos: adiantai-Vos ao nosso pedido com a Vossa graça e aumentai em nós sem cessar a Vossa misericórdia, a fim de que possamos cumprir fielmente a Vossa santa vontade durante toda a nossa vida e na hora da morte. Que o poder da Vossa misericórdia nos defenda dos ataques dos inimigos da nossa salvação, para que aguardemos com confiança, como Vossos filhos, a Vossa vinda última, dia que somente Vós conheceis…” (Diário, 1570).


FRUTOS DA ORAÇÃO


“É pela oração que a alma se arma para toda espécie de combate. Em qualquer estado em que se encontre, a alma deve rezar. Tem que rezar a alma pura e bela, porque de outra forma perderia a sua beleza; deve rezar a alma que está buscando essa pureza, porque de outra forma não a atingiria; deve rezar a alma recém-convertida, porque de outra forma cairia novamente; deve rezar a alma pecadora, atolada em pecados, para que possa levantar-se. E não existe uma só alma que não tenha a obrigação de rezar, porque toda a graça provém da oração” (Diário, 146).

“…a alma deve ser fiel à oração, apesar dos tormentos, da aridez e das tentações, porque em grande parte e principalmente de uma oração assim depende, às vezes, a concretização de grandes desígnios de Deus. E, se não perseveramos nessa oração, transtornamos o que Deus queria realizar através de nós, ou em nós. Que toda alma se lembre destas palavras: E, estando em agonia, rezou mais longamente” (Diário, 872).

“A paciência, a oração e o silêncio – eis o que fortalece a minha alma. Há ocasiões em que a alma deve calar-se e não lhe convém conversar com as criaturas. São momentos em que não está satisfeita consigo mesma (…) nestes momentos vivo exclusivamente pela fé…”
(Diário, 944).

“O silêncio é como a espada na luta espiritual (…) A alma recolhida é capaz da mais profunda união com Deus, ela vive quase sempre sob a inspiração do Espírito Santo. Deus opera sem obstáculo na alma silenciosa” (Diário, 477).

“Devemos rezar, muitas vezes, ao Espírito Santo pedindo a graça da prudência.
A prudência compõe-se de: ponderação, consideração inteligente e propósito firme. Sempre a decisão final pertence a nós” (Diário, 1106).

PRÓXIMO >> A Novena à Divina Misericórdia. A Festa da Misericórdia. A Hora da Divina Misericórdia

<< tabela de conteúdo http://www.jesus-misericordioso.com Para cima

Direitos autorais reservados © Congregação das Irmãs de Jesus Misericordioso
Cópia dos textos e da imagem de Jesus Misericordioso permitida exclusivamente com o fornecimento
do nome completo da fonte de origem ou link ativo para o site:
http://www.jesus-misericordioso.com


Jesus

MISERICÓRDIA

MAIS IMAGENS


Presépio criança

Jesus Misericordioso.


 

‘Desejo que a festa da misericórdia seja refugio e abrigo para todas as almas, especialmente para os pecadores. Nesse dia, estão abertas as entranhas da minha misericórdia. Derramo todo um mar de graças sobre as almas que se aproximam da fonte da minha misericórdia. a alma que se confessar e comungar alcançara o perdão das culpas e das penas. nesse dia, estão abertas todas as comportas divinas, pelas quais fluem as graças‘ (D. 699).




Festa da Divina Misericórdia.


Semana Santa.
FESTA DA MISERICÓRDIA

O Próximo domingo

É o domingo da Misericórdia.




Ide e aprendei o que significam estas palavras: Eu quero a misericórdia e não o sacrifício (Os 6,6). Eu não vim chamar os justos, mas os pecadores.”

(São Mateus 9,13) – [Leia mais…]


Se compreendêsseis o sentido destas palavras: Quero a misericórdia e não o sacrifício… não condenaríeis os inocentes.

(São Mateus 12,7) – [Leia mais…]


Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia !

(São Mateus 5,7) – [Leia mais…]


Rasgai vossos corações e não vossas vestes; voltai ao Senhor vosso Deus, porque ele é bom e compassivo, longânime e indulgente, pronto a arrepender-se do castigo que inflige.

(Joel 2,13)


Meditando nestas palavras acima, percebemos que o Pai nos direciona a buscar uma vivência da Misericórdia em nosso meio cada vez mais constante, isto porque nós temos uma barreira muito grande em relação ao Perdão, tendo como exemplo a atitude do irmão mais velho do filho pródigo, vemos o reflexo de nossas próprias atitudes, porque nossa opção primordial seria a condenação e não o perdão.

Perdoar é um ato de misericórdia, perdoar é esquecer o pecado e a ofensa de nosso irmão, porém perdoar vem intimamente ligado ao arrependimento e a um reconhecimento daquele que nos ofendeu, mas a misericórdia vai muito além de apenas isso, é um perdão incondicional e mesmo sem méritos do beneficiário do perdão. É neste ponto que não compreendemos o que significaria perdoar setenta vezes sete, que equivaleria a um perdão eterno, continuo e permanente.

Na verdade, é desta forma que Deus nos perdoa e age de misericórdia para com a multidão de pecados que cometemos todos os dias, nós apreciamos o seu perdão para conosco, mas não usamos desta mesma misericórdia com o irmão que vive ao nosso lado e quando ele dá um escorregão, ao invés de ajudá-lo a se levantar, queremos que permaneça mesmo no mesmo lugar onde caiu, como se no céu houvesse cadeiras numeradas e limitadas, sendo que nossa vida seria uma competição de “BBB”s” para ver quem ganharia o premio máximo.

Bem sabemos que no céu existem muitas moradas e que na terra deveríamos ajudar nossos irmãos a ganharem o premio máximo, porque quanto mais ajudarmos os outros, maior será o nosso premio, quanto mais amarmos o irmão, mais seremos amados, quanto mais perdoarmos e agirmos com misericórdia nesta vida, mais e mais, Deus derramará sua misericórdia em nossas vidas.

A misericórdia de Deus é infinita e assim também deveria ser a nossa atitude, se não conseguimos perdoar quem nos ofendeu, devemos agir com sinceridade e pedir a Deus que derrame sobre nós esta misericórdia infinita, para que possamos ser para nossos irmãos um exemplo de Cristo nesta terra.

Sua misericórdia se estende, de geração em geração, sobre os que o temem.

(São Lucas 1,50) – [Leia mais…]


indicação de leitura:

Novena da Misericórdia

Venha receber a Misericórdia do Pai!

A Novena da Divina Misericórdia começa hoje.

O blog acompanhará essa novena e já medita aqui, de antemão todos os dias em que rezaremos essa festa tão linda que é celebrada no próximo Domingo. Oremos para que a Misericórdia de Deus aja em nossa vida! Amém.

… Leia Mais →


IMAGENS


O_pai_das_misericordias_CN Fonte de misericordia
Busque-a-misericórdia-do-Pai[1] Veja_mais_no_facebook_presentepravoce

terçodamisericordia[1] Santa_faustina_jesus
Jesus Mestre da Misericórdia. JESUS EU CONFIO EM VÓS

Jesus_floresta maxresdefault[1]
nail-scarred-hand[1] the-hand-of-god-11[1]

SAGRADA fAMÍLIA
Divine-Mercy4 Jesus_Misericordioso_jc2[1]
Jesus Mestre da Misericórdia. JESUS EU CONFIO EM VÓS

Jesus é Misericordioso Aliança_eterna
Novena_misericórdia terco-da-misericordia-11[1] JESUS+EU+CONFIO+EM+V%25C3%2593S[1]

10981442_434250283401885_9169489039500653136_n[1]


NOVENA


Maior Imagem Selecionada Click e Veja


Jesus Misericordioso 2369 x 2777 – 4 mb Jesus Misericordioso 4563 x 8886 – 10,5 mb

ENCONTRO DA MISERICÓRDIA


Jesus Misericordioso – 2453 x 3524 – 4,36 mb


MAIS IMAGENS


MADRE PAULINA
Jesus_misericórdioso_Rosto Jesus-Divine-Mercy[1]

IMAGENS APROPRIADAS PARA CONFECÇÃO DE POSTER’S, BANNER’S E CARTAZES DE EVENTOS RELIGIOSOS


CLICK NA FOTO E BAIXE


Jesus Misericordioso 3543 x 4712 – 1,5 mb Jesus Misericordioso 1608 x 2457 – 191 kb Jesus Misericordioso 2480 x 2144 – 2 mb

Divina_misericórdia-FastStone jesus-cristo-coracao0[1] Divina_Misericórdia-I-trust-in-you
Jesus Misericordioso 1990 x 3040 – 1,5 mb Jesus Misericordioso 1608 x 2457 – 191 kb Jesus Misericordioso 2250 x 32401,6 mb

Jesus Misericordioso 2273 x 3294 – 641 kb Jesus Misericordioso 1058 x 1518 – 191 kb Jesus Misericordioso 1608 x 2144 – 2 mb

OUTRAS INDICAÇÕES:


Natal

Anapolis[1]


IV Festa da Misericórdia – Paróquia São Joaquim – Anápolis-GO de 18 a 27 de Abril de 2014.
Tony Allysson -Ministração e Oração – dia 24/04/ às 20:30 h


Festa da Divina Misericórdia



“Desejo que, no primeiro domingo depois da Páscoa, a Imagem seja exposta publicamente. Esse Domingo é a Festa da Misericórdia. Pelo Verbo Encarnado dou a conhecer o abismo da Minha misericórdia” (Diário 88).

Com essas palavras Jesus pediu à Santa Faustina que anuncie ao mundo e celebre a Sua infinita misericórdia. Respondendo a esse chamando de Jesus misericordioso venha celebrar conosco a Festa da Misericórdia no Santuário da Divina Misericórdia!




Proximo domingo comemoramos

o dia da Misericórdia.


jesus-misericordioso-gj.jpg

Jesus eu confio em vós.



Em 22 de fevereiro de 1931, Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo apareceu à jovem religiosa de nome Irmã Faustina (Helen Kowalska) em Cracóvia, Polônia. Ela vinha de uma família muito pobre que havia trabalhado muito em sua pequena fazenda durante os terríveis anos da I Guerra Mundial. Irmã Faustina teve apenas três anos de educação muito simples. Suas tarefas eram as mais humildes do convento.A essa humilde freira, Jesus trouxe uma maravilhosa mensagem de Misericórdia para toda a humanidade. Irmã Faustina nos conta em seu diário:



“À noite, quando eu estava em minha cela, percebi a presença do Senhor Jesus vestido de uma túnica branca. Uma mão estava levantada a fim de abençoar, a outra pousava na altura do peito. Da abertura da túnica no peito saíam dois grandes raios, um vermelho e outro pálido. Em silêncio eu olhei intensamente para o Senhor; minha alma estava tomada pelo espanto, mas também por grande alegria. Depois de um tempo, Jesus me disse: ‘Pinta uma imagem de acordo com o que vês, com a inscrição, ‘Jesus, eu confio em Vós. Prometo que a alma que venerar esta Imagem não perecerá.'”

Algum tempo depois, Nosso Senhor lhe explicou o significado dos dois raios em destaque na Imagem:”Os dois raios representam o Sangue e a Água. O raio pálido representa a Água, que justifica as almas; o raio vermelho representa o Sangue, que é a vida das almas. Ambos os raios saíram das entranhas de minha Misericórdia quando, na Cruz, o Meu Coração agonizante foi aberto pela lança… Estes raios defendem as almas da ira do meu Pai. Feliz aquele que viver sob a proteção deles, porque não será atingido pelo braço da Justiça de Deus.”



jesus-misericordioso.jpg

jesus-misericordioso.jpg


“Que o pecador não tenha medo de se aproximar de Mim. Queimam-me as chamas da misericórdia; quero derramá-las sobre as almas” (Diário 50).



Novena da Misericórdia
Reze on-line conosco esta novena que tem agraciado a muitas pessoas

MISERICÓRDIA

MAIS IMAGENS


Marcia Louzada fala sobre O Coração Fiel e Misericordioso de Jesus

0016.jpg

“Nada é por acaso, tudo acontece segundo a providência de Deus.
Desta vez, o Senhor trouxe-me a Rialma-Go no belo vale de São Patrício.
Vim para uma experiência que não podia imaginar. Eu tinha é claro uma tarefa a cumprir. E essa tarefa eu quis executá-la com carinho, atenção e acertadamente, era em nome de Deus que eu devia cumpri-la.
Mas, quem me esperava era o Coração Fiel de Jesus. Não Podia imaginar que esse Coração me acolheria com tanto amor, simplicidade e afeto.
Tudo em mim foi tocado pelo coração de Jesus. Minha vocação à Canção Nova, meu ser missionário, minha vocação como Virgem Consagrada; e meu “serviço” de formação. Pareceu-me ter entrado numa fornalha, tudo em mim era aquecido e principalmente o Amor pela Igreja, pela vida, o amor pelas pessoas e em especial por aqueles que Deus chamou para estar mais perto de si, a Seu serviço.
Vou precisar de tempo para ruminar os acontecimentos, compreender os sentimentos e acolher sem demora a vontade do
Senhor.

Convido a você a conhecer a Comunidade Coração Fiel, a ouvir esta rádio e ajudar!

Deus é Bom!”

Márcia Louzada.ComunidadeCoração Fiel – Uruaçu – Goias



Milagres

Testemunho

Parábolas e Reflexões

Batismo no Espírito Santo

Renovação Carismática Católica – Anápolis.


Jesus é Misericordioso