Fazei a Experiência!


Experiência


Diz o Senhor … Fazei a experiência … 


A experiência consumada é a coroa dos anciãos; o temor de Deus é a sua glória. (Eclesiástico 25, 8)

Pagai integralmente os dízimos ao tesouro do templo, para que haja alimento em minha casa. Fazei a experiência – diz o Senhor dos exércitos – e vereis se não vos abro os reservatórios do céu e se não derramo a minha bênção sobre vós muito além do necessário. (Malaquias 3, 10)

Mas o alimento sólido é para os adultos, para aqueles que a experiência já exercitou na distinção do bem e do mal. (Hebreus 5, 14)


Imposição ou Experiência.


Sobre a diferença entre “Experiência” e “Sentimento”, Teoria e Comprovação.

A palavra experiência pode ter vários significados:

O mais conhecido, e sobre o qual geralmente dizemos a alguém que se deve fazer uma experiência é este.



Ex: Experiência Científica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.  Ir para: navegação, pesquisa

No método científico (mais especificamente no método experimental), uma experiência científica consiste na montagem de uma estratégia concreta a partir da qual se organizam diversas ações observáveis direta ou indiretamente, de forma a provar a plausibilidade ou falsidade de uma dada hipótese ou de forma a estabelecer relações de causa/efeito entre fenômenos.

A experiência científica é uma das pedras angulares da abordagem empirista ao conhecimento humano.

Além de ocorrer por meio dos sentidos (tato, olfato, paladar, visão e audição), a experiência faz, geralmente, uso de instrumentos de medição. Uma experiência pressupõe um aparato experimental (material a ser utilizado), um procedimento (sequência de atitudes e medidas a serem feitas pelo experimentador) e um relatório que descreverá detalhadamente toda a experiência, analisará os dados obtidos por meio das medidas e fará uma conclusão.



É o ato de provar uma teoria ou definir a verdade entre varias hipóteses e depois dar o seu próprio testemunho, com suas próprias conclusões.


Por exemplo:

Eu lhe afirmo que esta maçã está deliciosa…


manzana[1]


  1. Você acredita?

  2. Você Duvida?

  3. Você não acredita?

  4. Como saber a resposta final?

Basta,  experimentar a maçã…

Pois é impossível se transmitir o sabor de uma fruta em palavras por mais que você saiba descrever seu sentimento, além do mais a experiência pessoal é mais simples, mais rápida e muito mais eficaz.

Experimente e prove você mesmo:

Dizemos que alguém deve ter a sua própria experiência com Jesus, porque assim como não se pode transferir o sabor das coisas apenas com palavras a alguém, também não podemos descrever de maneira eficaz uma experiência espiritual, portanto se alguém dúvida que Jesus é maravilhoso, só nos resta lhe propôr uma experiência própria, e ele mesmo poderá tirar suas conclusões.  É bem verdade que muitas pessoas não gostam de Jesus e dizem que esta experiência foi péssima e vão se embora.

Nicodemos e o Jovem Rico são dois exemplos de pessoas que estiveram frente a frente conversando com Jesus e de certa forma foram convidados a segui-lo e recusaram, outros são aqueles que o abandonaram quando Ele disse ser o verdadeiro Pão decido do Céu e que deveríamos comer sua carne e beber seu sangue para recebermos a vida eterna.

Para Nicodemos Jesus disse finalizando seu diálogo,

“Os homens amaram mais as trevas do que a luz…” (São João 3, 19)

É tudo uma questão de escolha e decisão, por isso propomos para quem está nas trevas que venham experimentar a luz porque nunca tiveram outra opção a não ser a cegueira da escuridão e não puderam conhecer Jesus até este momento.   Sair do seu comodismo e experimentar aquilo que Jesus propõe agora mesmo é muito simples e o máximo que pode acontecer é ter que voltar para as trevas de onde você estava, porque Jesus não obriga ninguém a segui-lo e não se pode julgar uma proposta de Jesus se você não estiver com Ele pelo menos um minutinho face a face como o jovem rico e Nicodemos estiveram.

Sei que com este método é muito mais difícil de conseguir verdadeiros seguidores, mas quem ficar com Jesus estará ficando por sua própria vontade e é porque foram conquistados por Ele, e podem até morrer por Ele se for preciso.

Em outro método poderíamos obrigar as pessoas a aderir ao cristianismo sem ter outra opção, sob pena de serem queimadas numa fogueira, mas esta atitude não terá o menor valor por não ser voluntária, porque jamais amarão o Senhor e por um motivo qualquer o abandonarão.

Por outro lado, é bem verdade que Jesus não deveria ser experimentado ou ser posto a “prova”, e sim segundo a fé deveríamos ter uma adesão incondicional, sim, é bem verdade, mas só podemos tomar esta atitude incondicional depois que nos aproximarmos de Cristo, pois é impossível tomar qualquer atitude se nos mantermos escondidos atras das árvores ou nos esquivando pelas sombras da noite e a nossa experiência se trata mesmo é desta aproximação até nos colocarmos olhando nos olhos de Jesus.

Em um “SVE I” se diz em um primeiro momento para os participantes que ainda estão ariscos, ressabiados, ignorantes do assunto, pecadores, incrédulos, afastados, bêbados e também fariseus, doutores da lei, médicos, políticos e etc…  Que Deus os ama com um amor imenso e inesgotável.     Porque o nosso publico é misto de pessoas normalmente não frequentadores assíduos da Igreja.

Hoje podemos dizer que temos também um publico que já experimentam o primeiro amor  de JESUS, já estiveram apaixonados por “Cristo”, mas deixaram este amor esfriar como em (Apoc. 2, 4), são eles membros de diversos movimentos e coordenadores de pastoral que tem grande conhecimento da palavra de Deus e estão afastados do caminho da Salvação. Porém a abordagem inicial será sempre a mesma, oferecemos sem imposição nenhuma o Amor de Deus e nada mais, precisamos ter um contato íntimo com o próprio Deus e autor da criação antes de mais nada, seria a revelação de sermos filhos amados de Deus, como uma criancinha de colo totalmente impotente que depende totalmente da proteção de seu Pai Celeste “situação em que nos encontrávamos no dia do nosso Batismo inicial”.


bRAÇOS DO pAI


“Por isso Clamamos Abba Pai”


Esta é a famosa oferta da “Experiência própria”, cada um deve ter seu próprio encontro pessoal com Jesus assim como Nicodemos e o Jovem rico tiveram e tomar sua própria decisão de segui-lo ou continuar como estavam até aquele momento.  Isto não quer dizer que invalidamos o Batismo que já possuímos, mas revivenciamos aquele momento de adesão incondicional a Jesus, opção que na verdade foi assumida perante a Igreja por terceiros. Os Pais e padrinhos no dia do Batizado assumiram o compromisso de levar esta criancinha mais tarde a tomar sua própria opção definitiva por Jesus e a Igreja, compromisso nem sempre cumprido na maioria das vezes.

Este momento é só uma contemporização, para que todos estejam em um mesmo estágio inicial de adesão da fé em Jesus, mas este seria apenas o primeiro momento do SVE I, o passo seguinte seria a questão do pecado.

Mas pelo que vejo em alguns casos, muitos recusam esta primeira oferta, não foi aceito este primeiro passo e estão contestando a oferta de uma experiência própria com Jesus e com o Amor de Deus, o fato mais básico da fé.   Contestam até mesmo a palavra “EXPERIÊNCIA” Que nada mais é que um substantivo derivado de um verbo, que garante ser algo muito comum em nossa sociedade “o tal fazer experiência”, pois se faz experiência de tudo hoje em dia, e se não fosse as experiências com as cobaias de laboratório, quem seriam as cobaias, seriam nós mesmos que iriamos tomar remédios que jamais foram comprovadamente aprovados por uma experiência de que funcionariam de verdade?

De acordo com alguns tradicionalistas, São Pio X, foi aquele que inventou a vacina contra a “experiência”, logo, podemos dizer que ninguém mais cairá neste papo de “se quiser comprovar, experimente você mesmo” ou como diz a própria palavra de Deus:

Fazei a experiência – diz o Senhor dos exércitos – e vereis se não vos abro os reservatórios do céu e se não derramo a minha bênção sobre vós muito além do necessário.      (Malaquias 3,10)

Posso dizer então que o que foi afirmado nada mais seria que uma contra ordem do que foi escrito pelo profeta Malaquias, porque eu Creio que o Papa Pio X quis dizer outra coisa completamente diferente naquela frase acima copiada.

Um outro versículo que fala de quem já experimentou e rejeitou este amor, é muito duro de se ouvir, se quiseres checar o texto é:

(Hebreus, 6) e se trata deste debate inútil sobre coisas elementares e fundamentais da Doutrina, demonstrando que só existe crianças nesta Igreja de mais de 2000 anos de idade.

Isto não é doutrina, é apenas a nossa maneira de pescar, como se diz, “é uma isca” para atrair os peixes, mas como se diz: “peixe experto não cai na armadilha e nem na rede”.

Já que existe muito peixe experto, não podemos garantir que nosso método é 100 % perfeito, outros peixes também já estão presos em outra rede e não serão atraídos pela nossa isca e afinal de contas existe o método daqueles que preferem espantar os peixes do que pescá-los para Jesus. É o que acontece quando falam mal da “Experiência com Jesus” e espantam os peixes para que não belisquem a nossa isca, expondo a nossa minhoquinha “Experiência” e impedindo a nossa pescaria.

Fico a pensar, já que é afirmado que o mundo está perdido, os peixes pescados estarão em melhor situação do que os peixes do  mar, uma vez que Jesus não pretende matar os peixinhos, mas transferi-los para um novo mar onde não exista poluição nenhuma.

Vi um novo céu e um novo Mar, porque o primeiro céu e o primeiro mar já não existem… (Apocalipse 21)

Quem não gostaria de morar nesta nova Terra ?

Quem preferir ficar neste mundo velho certamente irá desaparecer juntamente com ele, serão uma triste lembrança do passado de Sodoma e Gomorra ou daqueles que não entraram na Arca de Noé.

Na verdade não existe opção para o pecador, mas preferimos dar a chance da escolha a uma adesão livre e espontânea de quem quer que seja ao plano de salvação de Jesus através da Igreja Católica.


bait[1]


Jesus disse que nos tornaria pescadores de homens e é por este motivo que oferecemos a você esta oportunidade, sendo ela a melhor opção de todas, podes crer, não existe nada melhor neste mundo que estar neste aquário de Deus, portanto, ousamos mais uma vez a lhe fazer um simples convite:


“Deixe-se ser fisgado por Jesus e

Venha você também para o nosso aquário”.


Seminário de Vida no Espirito
Seminário de Vida no Espirito


Faça a Experiência.


Experiência_com_Deus



Faça a Experiência



 

Faça a Experiência! (J.V)

Banda COT e Cia. de Dança Sublime Expressão COT

(Inspirado em: Mc 8,38; Mt 16, 18; 1Cor 2,9; 2Tm 2,15;
Hb 12,25; Ap 20,10; Gn 28, 17; Is 64,4.)

Faça a experiência do extraordinário, do inesperado!
Faça a experiência! Não desconfie, não recuse, não queira medir.
Faça a experiência! A experiência mais deleitável.
Descubra sua vocação!

Se não experimentar, não vai ter na vida o sentimento mais agradável.
Não vai saborear o saber, a instrução, os conhecimentos vastos,
A ciência de Jesus você não pode perder.
Sua doutrina é confiável, está edificada sobre princípios certos, certos…

Quem não crer, num lago de fogo e de enxofre, vai arder.
Saia do mundo, fuja dele, os portões do inferno estão abertos.
Falo da experiência, do que excede razão e toda ponderação.
Falo de surpreendente, pasmo, assombro, grande admiração.
Falo de sentimento aprazível que se apodera da mente e do coração.

Quem na vida tiver a experiência do chamado de Jesus, ouvir.
A voz que fala e convida a seguir.
No Caminho, na Verdade e na Vida atrás de Jesus deve ir, deve ir…

Faça a experiência do extraordinário, do inesperado!
Faça a experiência! Não desconfie, não recuse, não queira medir.
Faça a experiência! A experiência mais deleitável.
Descubra sua vocação.

Se não escaparam do castigo aqueles que se desviaram
Quando Deus lhes falava na terra.
Muito menos escaparão os que O repelirão, os repelem, os repeliram.
Quando Ele falava desde o Céu, aos que O amaram,
aos que O amam, aos que O amarão.
Você que ouve! Você ama, amará a Jesus ou está junto com os que O amaram?

Não tema com o Reino de Deus se comprometer.
Por ele dar a vida com empenho, é uma obrigação, uma missão, um dever.
É bom crescer no conhecimento e na graça da pessoa de Jesus
e Nele amadurecer.
É gostoso sair da vida exterior, ir pra vida interior e nela permanecer.

Valioso é o silêncio no segredo.
Na solidão da alma que tem sossego.
Na vida só tem Deus por apego.
Que a Jesus ama e não tem medo, não tem medo, não!

Faça a experiência do extraordinário, do inesperado.
Faça a experiência! Não desconfie, não recuse, não queira medir.
Faça a experiência! A experiência mais deleitável.
Descubra sua vocação!

Quem na vida de Jesus não se envergonhar.
Quem nas Suas Palavras crer e confiar.
Somente nelas esperar, por elas sem cessar procurar.
O Filho do Homem na glória de seu Pai o amará sem deixar de amar.

Você fez a experiência, conheceu a Jesus pessoalmente.
Empenhe-se agora para se apresentar confiantemente,
Diante de Deus, como pessoa digna de aprovação, que não mente.
Obreiro que não vive vergonhosamente.
Íntegro distribuidor da palavra da verdade que carrega a cruz
como um valente, um valente seguidor de Jesus.

Falado:
Você fez a experiência, viu o que excede a razão e toda ponderação.
Fez a experiência do surpreendente, do pasmo, do assombro,
com grande admiração.
Fez a experiência do sentimento aprazível
que se apoderou de sua mente e coração.
Fez a experiência do extraordinário, do belo, do inesperado,
descobriu sua vocação.

Cantado:
Viu que tudo que lhe falei não era exageração.
Viu que tudo que lhe desafiei ainda faltou mais profundidade,
mais conhecimento e mais meditação.
Você experimentou.
Agora sabe, tudo é verdade, tudo é autêntico, tudo é real, nada é imaginação.

Os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram,
Nem os corações humanos imaginaram
Os bens que Deus tem preparado para aqueles que O amam
e não somente amaram.
E se não experimentou, então:

Faça a experiência do extraordinário, do inesperado.
Faça a experiência! Não desconfie, não recuse, não queira medir.
Faça a experiência! A experiência mais deleitável.
Descubra sua vocação! (3x)

Viu que tudo que lhe falei não era exageração!

(Acesse: http://www.bandacot.com.br e PortalCOT.com)


colo-de-jesus


“Por isso Clamamos Abba Pai”


Seminário de Vida no Espirito
Seminário de Vida no Espirito

Santo Sudário,descobertas surpreendentes.

Novos livros confirmam a impropriedade dos testes de Carbono 14 que pretenderam desclassificar o Santo Sudário.

Os livros focalizam especialmente a polêmica sobre os exames com base no Carbono 14 feitos em 1988.

.

Estes exames realizados em amostras mal escolhidas gerou resultados logo contestados. Hoje eles não são mais aceitos como sérios.

As análises desmoralizadoras aconteceram durante 1988 em laboratórios de Tucson, Oxford e Zurique. Os três apontaram que o Santo Sudário seria uma peça da Idade Média. Portanto, não provindo dos tempos de Jesus Cristo, seria um falso histórico.

Ditas análises foram sobradamente refutadas por numerosos científicos. E até um dos responsáveis reconheceu os erros cometidos e pediu desculpas de público.

Agora, o jornalista e “vaticanista” do jornal de Turim “La Stampa” Marco Tosatti publicou “Inchiesta sulla Sindone” (Editore Piemme). Nele, escreve que novos dados provam que aqueles exames contêm um erro de cálculo matemático inaceitável.

Tossati apresenta novas provas científicas da Universidade la Sapienza, Roma. Esta Universidade nunca antes tinha investigado o Sudário. Os cientistas ratificaram o erro dos testes feitos em 1988.

.

.

Segundo o vaticanista, os resultados dos três laboratórios não têm a margem mínima de

compatibilidade estabelecida e a análise foi realizada sobre um pedaço de oito centímetros do Sudário que não pertence à própria relíquia.

Com efeito, verificou-se nas amostras a presença de algodão enquanto que o Sudário é de linho. Além do mais, foi achada uma espécie de goma.

Esses elementos confirmam que as amostras pertencem aos remendos feitos na relíquia após esta ser atingida por um incêndio em 1532. Os principais remendos acrescentados em 1534 são visíveis a olho nu. Eles aparecem nas fotos com forma triangular. Foram as pontas do Lenço dobrado que formam consumidas pelo fogo.

Tossati declarou à agência Zenit: “eu mesmo queria uma base de certeza e com base nestes dados posso dizer que o Santo Sudário não é uma reprodução falsa”.

Cientistas de diferentes credos – judeus, metodistas e inclusive agnósticos – confirmam a falha fundamental da investigação de 1988.

John e Rebecca Jackson com modelo tridimensional do homem do Sudário

A seguir, Tosatti demonstra que a ciência ainda não pôde explicar como se formou a imagem. Nenhum aparato pôde criar um objeto similar: “não é pintura, não há nenhum pigmento e não foi marcado por um objeto quente”, diz o jornalista.

“É um mistério, um dos grandes mistérios da Igreja, a maneira como se formou este tipo de imagem. Contém informação tridimensional, algo sumamente particular”, indica.

O Santo Sudário está guardado na catedral de Turim, Itália. Nos anos 1998 e 2000, foi exibido ao público.

No próximo ano (2010), será exposto novamente, de 10 de abril até 23 de maio.

Para Tosatti, “se se analisa [o rosto do Sudário], é um rosto de uma beleza de características tais como eu nunca vi em nenhuma pintura”.

Mas, o jornalista e pesquisador considera que este lenço é uma peça muito pouco valorizada pelos católicos. “Para mim não há dúvidas, conclui ele. Ainda hoje com toda nossa tecnologia não estamos em condições de fazer algo análogo. A ciência nos pode ajudar a dizer que coisa é. Seguramente não é falso”.

Por sua parte, Sébastien Cataldo e Thibault Heimburger publicaram o livro “Le linceul de Turin” (Paris, 2009) contendo uma síntese das últimas descobertas no Santo Sudário.

Cataldo recebeu em agosto de 2008 uma fibra das amostras tiradas do mesmo local das utilizadas nos exames hoje desclassificados.

Ele constatou no microscópio a diferença entre o material com que foi feito o Sudário (linho) e o tecido que foi analisado (mistura de linho e algodão).

Nas experiências do Laboratório Nacional de Los Alamos (EUA), conta ele, criou-se vácuo em torno de um dos fios. Então, separou-se a goma mencionada no livro de Tosatti. Ela tem todas as características de uma resina, artificialmente colorida para combinar com o tom do Sudário original.

Concordando com as conclusões dos cientistas de Los Alamos escreve: “Em resumo, é cada vez mais claro que as descobertas de Rogers mostrando que a zona Raes/radiocarbono não é representativa do Sudário ficam confirmadas: esta zona foi manipulada e os fios que ela contém não são da mesma natureza que os fios do Sudário” (p. 179).

fonte:

Santo Sudário,descobertas surpreendentes

Ciência confirma a Igreja

Mais…

Tentativa de falsificar provas contra a veracidade do Sudário de Turim foram desmascaradas.

Cientistas desmontam artifício para

“provar” que o Santo Sudário

não é autêntico

Membros de um inidôneo Comitê Italiano para Verificação de Alegações ParanormaisUnião de Ateus Agnósticos Racionalistas, da Itália.Luigi Garlaschelli, professor de Química da Universidade de Pavia, descreveu ao jornal “La Repubblica” como conseguiu fazer um sudário “idêntico” ao de Turim com materiais baratos e métodos disponíveis no século XIV.

Garantiram ter provado que o Santo Sudário de Turim é um falso medieval. Eles foram financiados pela

Luigi Garlaschelli numa de suas demonstrações


David Rolfe, produtor de longos documentários sobre a relíquia, apontou que a simples descrição do método usado depõe contra Garlaschelli e mostra que ele nem conhece o Sudário.Diversos cientistas altamente qualificados desmontaram com um peteleco a burlesca obra.Por exemplo, o presidente do Centro Mexicano de Sindonologia, Adolfo Orozco, especializado no Santo Sudário, qualificou a ação de “truque para atacar o Sudário” e mostrou furos técnicos que desqualificam o experimento, informou a

Agencia Católica Internacional.

.

.

O Dr. Orozco explicou que no Sudário “o sangue ficou impresso no pano em primeiro lugar, e só depois ficou gravada a imagem e não o contrario como fez o suposto ‘reprodutor’”.

Outra demonstração de Garlaschelli


Além do mais, acrescentou o Dr. Orozco, como foi largamente comprovado pela comunidade científica, “a imagem do Sudário não se formou por contacto. Há partes do tecido que tem imagem e nunca estiveram em contato com o corpo”. Entretanto, a primitiva tentativa trabalhou esfregando um pano sobre um corpo.Acresce que as análises médicas, segundo o Dr. Orozco, “demonstraram que os coágulos não foram semeados, mas são clinica e patologicamente corretos com detalhes desconhecidos no século XIII”. O especialista sublinhou o lado ridículo dos imitadores pretendendo reproduzir as queimaduras do incêndio de 1532 e as marcas deixadas pela água que nada têm a ver com a imagem original.Ainda constata-se que as “imagens” agora fabricadas “não têm as propriedades tridimensionais” típicas do Sudário”. Esta ausência desqualifica a tentativa de reprodução.

Por sua vez, o especialista peruano Rafael de la Piedra, sublinhou que as manobras frustras dos italianos reforçam ainda mais a idéia de que a relíquia “continua sendo um objeto único, irreproduzível e inimitável”, noticiou ACIPrensa.

Para o Dr. de la Piedra, a recente imitação “visualmente é muito parecida com o original. Digamos que é melhor que a cópia que fez McCrone ou que a horrorosa tentativa de Joe Nickell; ou a de Picknett-Prince e sua suposta fotografia medieval de Leonardo Da Vinci; ou que a fantasiosa foto-experimental do sul-africano Nicholas Allen”.

Para o especialista, “uma amostra parecida com a de Garlaschelli não resiste às conclusões multidisciplinares tiradas ao longo de mais de 100 anos por cientistas de todos os credos e especialidades”.

À luz desta tentativa falha, de la Piedra conclui que “podemos afirmar com alto grau de certeza, que o Santo Sudário de Turim continua sendo um objeto único, irreproduzível e inimitável. Esta é a verdade interna do Santo Sudário”.

O especialista estadunidense John Jackson do Turin Shroud Center de Colorado observou: “as propriedades tridimensionais da imagem (…) a presença de sangue humano com índices altíssimos de bilirrubina, o pólen de mais de 77 plantas que marcam o percurso histórico do Sudário até quase o século I de nossa era e, entre outros, o mecanismo de transferência da imagem de um crucificado com todas as feridas descritas nos Evangelhos a um pano”.

O Dr. Jackson criticou a falta de técnica de Garlaschelli e explicou que o sangue do Sudário não é sangue inteiro, mas já separado do soro, proveniente de verdadeiras feridas. Além do mais, o sangue que há neles é próprio “de um fluxo post mortem”.


Jackson observou que do ponto de vista da tridimensionalidade a imagem agora feita “aparece bastante grotesca. As mãos estão incrustadas no corpo e as pernas estão em posição pouco natural”.Jackson também observou que segundo a prática científica séria os resultados de Garlaschelli deveriam ter sido compulsados por outros cientistas antes da publicação. É o que se chama “peer-review” ou “revisão do trabalho por pares”.Porém, Garlaschelli parece ter temido a crítica e fugiu dela. O autor recebeu 2.500 euros da União de Ateus Agnósticos Racionalistas para semelhante serviço. A cifra fala contra a hipótese de um trabalho científico de vulto e mais parece uma gorjeta em pago de uma zombaria anticatólica.

Entretanto, alguns jornais eivados de decadente anticlericalismo espalharam a grosseira manobra.

No episódio não houve conflito entre a ciência e a religião. Antes bem, uma resposta digna da ciência a uma

tentativa burlesca anticlerical.


Natal

Lanciano.


Milagre_Eucaristico_Lanciano.pps


Mensagem em Power Point.


Capela Sagrada Familia por fotosquefalam.


Capela Sagrada Familia por fotosquefalam.

Texto do Slaid

O Milagre Eucarístico de Lanciano.


A Eucaristia é o maior e o Superior  Santo Sacramento Onde estão verdadeiramente presentes a Carne, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Ao longo da historia já ocorreu mais de 400 milagres Eucarísticos.O milagre que supera todo entendimento e natureza humana, é algo sobrenatural, é uma prova da onipotência de Deus e de sua existência.,

Lanciano é uma pequena cidade medieval, que se encontra na costa do Mar Adriático da Itália, fica sitiada entre San Giovanni Rotondo e Loreto.

Aqui se conserva desde seu acontecimento, há mais de 12 séculos, o primeiro e maior de todos os milagres Eucarísticos ocorridos no mundo, visível até hoje.

Um Monge da Ordem de São Basílio, bem formado na sabedoria humana, porém cambaleante nas coisas de Deus, duvidava da Presença Real de Nosso Senhor Jesus na Eucaristia. Sofria muito, todos os dias com esta dúvida sobre o mistério da transubstanciação.

Nesta época, Bispos e Sacerdotes  eram vítimas de várias heresias, que infestavam a Igreja por toda parte. Algumas destas heresias negavam a presença real de nosso Senhor Jesus Cristo na Eucaristia.

Numa Bela manha do ano 700, Enquanto celebrava a Santa Missa, estava sendo fortemente torturado pela dúvida e depois de haver pronunciado as palavras solenes da Consagração Eucarística, viu como a Santa Hóstia se converteu em um círculo de carne e o vinho em sangue puro. Estava diante de um fenômeno visivelmente sobrenatural, Ao contempla-lo começou a chorar incontrolavelmente de alegria e agradecimento ao Pai.

Estava parado de costas aos fiéis, como era normal naquele tempo. Depois virando se lentamente para frente declarou a todos: Oh! Bem aventurados sois vós, a quem o Santíssimo Deus escolheu para testemunhar o fim de minha falta de fé, querendo revelar-lhes a si mesmo neste Santíssimo Sacramento, tornando-se visível frente aos nossos olhos. Vejam, Irmãos e maravilhai-vos com a presença de Deus em nosso meio.  Contemplem a Carne e o Sangue de nosso amado Senhor!.

A Carne se manteve intacta, mas o sangue se dividiu dentro do cálice, em 5 partículas de diferentes tamanhos e formatos irregulares. Os monges decidiram pesar as partículas e descobriram um fenômeno particular sobre o peso de cada uma delas.


Em 1574 foram realizados testes na carne e no Sangue e se descobriu um fenômeno inexplicável. As cinco Partículas de Sangue coagulado são de diferentes tamanhos e formas. Porém tem o mesmo peso em qualquer combinação dos pedaços ou todos. Um pesa o mesmo que 2 que é igual a 5 que se iguala a 3 ou 4. Este resultado esta gravado em uma mesa de mármore na Igreja.

Outras investigações eclesiásticas se seguiram as científicas, realizadas desde 1574, em 1970-71 e em 1981.  Estas análises, realizadas com absoluto rigor científico, foram documentadas por uma série de fotografias em microscópio, deram os seguintes resultados:


milagre-de-lanciano.jpg


·      A Carne é verdadeira Carne. O Sangue é verdadeiro Sangue.

·      A Carne e o Sangue pertencem a  espécie humana.

·     A Carne é constituída por tecido muscular do coração.   Na Carne estão presentes, seções do miocárdio, e endocárdio, o nervo vago e em relevância a espessura do miocárdio, pertence ao ventrículo esquerdo do coração.

·     A Carne é um CORAÇÃO HUMANO completo em sua estrutura essencial.

·     A Carne e o Sangue teen o mesmo grupo sanguíneo (AB).

·   No Sangue se encontrou as mesmas proteínas normalmente encontradas e fracionadas nas mesmas proporções e percentagens correspondentes ao quadro Soro-protéico de um sangue normal recém colhido.

·   No Sangue também foi encontrado estes minerais: Cloro, fósforo, magnésio, potássio, sódio e cálcio.

A conservação da Carne e do Sangue, deixados em seu estado natural por doze séculos e expostos a ação dos agentes atmosféricos e biológicos, é por sí só, já um fenômeno extraordinário e inexplicável.

Quem comprova este milagre é a Própria Ciência humana, que estudou a fundo as evidências e nos deu respostas confiáveis e seguras que comprovam sem dúvida alguma a autenticidade do milagre Eucarístico de Lanciano.

Jesus continua oferecendo Seu Corpo e Seu Sangue todos os dias na Eucaristia para nos curar, libertar e fortalecer-nos.

Que cada Eucaristia seja um encontro único com o Coração de Jesus, um verdadeiro encontro com o Pai de Amor.

Jesus nos doou todo seu Amor, seu corpo e todo o seu Coração para ser o alimento de nossa fé.


GUADALUPE O MILAGRE DE LANCIANO

Nossa Senhora de Guadalupe.

O Milagre de Lanciano


http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/paixao-de-jesus.jpg https://presentepravoce.files.wordpress.com/2008/05/terco.jpg
http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/eucaristia.jpg MILAGRE DE LANCIANO

O outro lado da moeda.



Quem olha apenas na cara da moeda jamais saberá o seu real valor!

Quanto vale esta Moeda?

Click na imagem acima e descubra!

Você saberia me dizer o valor desta Moeda?

Nem chutando?

E se eu dissesse que Vale $ 5.000!

$ 5.000 o que?

Tem Cara de 1, parece com um, mas pode ser qualquer outro valor!

Por que?

Porque, Você não a conhece!

Conhecimento ! Falta nos conhecimento !

Ou será que falta uma simples observação ?

Olhando deste ângulo, e estando o outro lado Propositadamente escondido, jamais será possível Saber a Verdade que está do outro lado Desconhecido.

Quem joga falsamente uma moeda para cima reivindicando sorte, mas mantendo uma moeda de duas caras, jamais conhecerá a sorte verdadeira.

Para conhecermos realmente alguma coisa precisamos olha-lá por todos os ângulos, pesá-la, medí-la, analizá-la por dentro e por fora, procurar todas as suas variações e possibilidades.

Em se tratando de opinião, para formar uma opinião própria, primeiro precisaríamos conhecer a coisa a se opinar, depois formar ama opinião prévia, depois conhecer outras opiniões diferentes, para que enfim, concretizemos uma opinião definitiva. Se analisarmos um objeto somente por um ângulo corremos o risco de errarmos o valor da moeda acima.

Neste caso que você foi impossibilitado de ver o que se precisa ver, você certamente errará o palpite, e mesmo que acerte, será um ato de pura sorte e não de um verdadeiro conhecimento.

Chute uma opinião e depois click na imagem abaixo.



Isto não é apenas um teste ou uma brincadeira, é algo que experimentamos todos os dias em nossa vida quando nos deparamos com o desconhecido.

Creio que você já sabia de tudo que eu disse, mas convém sempre lembrar antes de defender uma ideia baseada no conhecimento parcial de alguma coisa, seja sobre um objeto material ou seja sobre uma ideia virtual.

Sizenando



Semeando a cultura de Pentecostes


Experiência_macacos

Autor desconhecido


Qual o Verdadeiro

Valor do Anel . PPS