Qual é o Tamanho de Deus?


O Avião e a distância de Deus



Por Padre Agnaldo José


Deixei o carro no estacionamento do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. Caminhei até o saguão, fiz o check-in e despachei a mala. Meu destino? A cidade de Pesqueira, no agreste pernambucano. Participaria da abertura das festividades da Imaculada Conceição, no convento dos frades franciscanos.

Estava feliz e ansioso por realizar mais uma missão. Olhei no relógio: 9h. O embarque seria às 10h. Então, subi pela escada rolante até o local onde há uma vista panorâmica de pousos e decolagens. Vários aviões estavam na pista. Minha memória me fez voltar no tempo: lembrei-me de uma história que meu avô, Joaquim, contou a mim quando eu era criança.


Um pai e seu filho pequeno caminhavam por uma estrada. Conversavam. Brincavam. Corriam.

Cultivavam laços afetivos.

O filho então lhe fez uma pergunta:

-“Qual é o tamanho de Deus?”.

Depois de uns minutos pensando, o homem olhou para o alto e viu um avião, cortando as nuvens.



-“Você está Vendo aquele avião?”, perguntou. O menino fixou o olhar no céu: “Sim. Está deixando um rastro de fumaça para trás”. “Qual é o tamanho dele?”.

O menino respondeu rápido:

“Bem pequeno. Quase não dá pra gente ver”.

Os dias se passaram e o homem foi levar um amigo seu ao aeroporto. Chamou o menino para ir junto. Ele acompanhou cada passo do seu pai até que chegaram ao local da vista panorâmica da pista e dos aviões. Ali, abraçado ao filho, ele repetiu a mesma pergunta que fizera antes, naquele dia, pelo caminho, apontando para um avião de cor azul estacionado bem em frente a janela:

Qual é o tamanho deste avião?”.

O menino estava entusiasmado e respondeu de imediato:

Enorme…  grande… muito grande mesmo!

Que lindo! Olha as asas! Pareço uma formiguinha perto dele”.

O pai, com carinho acariciou os cabelos do menino: “Sabe, filho, Deus é como este avião. O seu tamanho depende da distância que estamos dele. Este avião é do mesmo tamanho daquele que estava bem alto naquele dia, por isso se estivermos longe dele, ele parecerá muito pequeno para nós, quase não o enxergamos. Mas, se estamos perto dele, será enorme, grande, infinitamente maior que nós dois juntos.

Que você fique sempre perto de Deus, para que ele seja grande na sua vida”.

Que saudades do vô Joaquim, de seu carinho e de suas histórias. Ali, naquele local especial do aeroporto, fiquei pensando em Deus.



Proteção Divina & Proteção & Provação.


Quantas vezes me afastei de sua presença. Não permaneci debaixo de suas asas. Ainda bem que voltei para perto de seu coração e ele me acolheu. Hoje, posso dizer que ele é grande para mim.  Imenso. Infinito amor.

O Catecismo da Igreja Católica ensina que crer em Deus, o Único, e ama-lo com todo o seu ser, tem consequências imensas para toda a vida. Significa conhecer a sua grandeza e majestade. Viver em ação de graças. Usar, corretamente, das coisas criadas. Confiar nele em qualquer circunstância, mesmo na adversidade (CIC 222-227).


São Nicolau, padroeiro da Suíça, ensina a oração para todos os dias:



“Meu Senhor e meu Deus, tirai-me tudo o que me afasta de vós. Meu Senhor e meu Deus, dai-me tudo o que me aproxima de Vós”.


E para você?

Qual é o tamanho do avião que você observa neste momento em sua vida?

Qual a distância que existe entre sua vida e Jesus Cristo?




» Padre Agnaldo José

– Sacerdote, jornalista e mestre em Comunicação.
» Fonte – Revista Ave Maria /Março/2014″



PARÁBOLAS E MENSAGENS EM POWER POINT PARA REFLEXÃO



DEUS AMA O PECADOR

MAS ODEIA O PECADO


Eu quero ver Jesus!


Dizia sempre um velho Padre aos seus companheiros que um dia antes de sua morte gostaria que Deus lhe concedesse essa graça de Ver Jesus face a face.


Sao_Francisco_com_Jesus


Para atingir este objetivo ele jamais deixou de orar pedindo para ver Jesus… e pedia que o Pai lhe concedesse essa graça ainda em vida.

Ele e os demais padres residentes no convento, eram muito piedosos e caridosos e faziam sempre o bem aos que necessitavam.

Todos os dias, às três horas da tarde, os portões do convento eram abertos ao som de uma sineta e os pobres entravam para o pátio afim de serem atendidos nas suas necessidades.

Um dia, depois do almoço, o bom padre novamente orou a Deus, pediu, como sempre fazia, a oportunidade de ver Jesus, conversar com Ele, nem que fosse um pouquinho.

Estava ajoelhado, quando percebeu que sua pequenina cela ficou totalmente iluminada e Jesus lhe apareceu.

O padre bem velhinho, não cabia em si de alegria e de felicidade. Imagine só, Jesus ali com ele; ia então conversar com o Mestre, quando a sineta do convento soou, chamando todos os padres para socorrer e ajudar os irmãos infelizes.

O padre vacilou por um instante, não sabendo se ia ou ficava ali com Jesus.

Mas, resolveu ir pois precisava atender o seu próximo. Foi então, com o coração triste, pois dizia ele, quando voltasse não o encontraria mais ali, mas tinha o seu trabalho, pensava e deixou Jesus sentado em sua cela.

Atendeu a todos com o mesmo amor e bondade de sempre e quando se retiraram todos, o padre voltou para a sua cela.
Vem ainda sentindo seu coração triste por não ter podido estar com Jesus, porém quando chegou a sua cela, a vê mais iluminada ainda e espantado vê também Jesus que esperava por ele.

Chorando, feliz e agradecido, atirou-se aos pés de Jesus e entre lágrimas diz : “Mestre, tu aqui? Não fostes embora? Esperaste todo este tempo por mim? E Jesus passando suas mãos compassivas por seus cabelos brancos lhe respondeu meigamente:

“Irmão querido, se tu ao ouvir a sineta chamando-te para as obrigações com aquele que sofre, tivesses aqui permanecido, eu é que teria saído”.


Jesus_esta_no_meio_de_nos


35. Porque tive fome e me destes de comer; tive sede e me destes de beber; era peregrino e me acolhestes; 36. nu e me vestistes; enfermo e me visitastes; estava na prisão e viestes a mim. 37. Perguntar-lhe-ão os justos: – Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer, com sede e te demos de beber? 38. Quando foi que te vimos peregrino e te acolhemos, nu e te vestimos? 39. Quando foi que te vimos enfermo ou na prisão e te fomos visitar? 40. Responderá o Rei: – Em verdade eu vos declaro: todas as vezes que fizestes isto a um destes meus irmãos mais pequeninos, foi a mim mesmo que o fizestes. (S. Mateus 25, 35)


MORAL: JESUS QUER QUE TODOS NÓS O AMEMOS NO TRABALHO, EM NOSSAS OBRIGAÇÕES DIÁRIAS, CIENTES ENFIM DE NOSSAS RESPONSABILIDADES PERANTE A VIDA.


E te ver face a face Senhor


http://www.youtube.com/watch?v=iWLRKQyzbQQ


Conhecendo_jesus_pessoalmente
A_cadeira

Que Bom Saber!


Uma oração ao Espírito Santo.


QUERIDO ESPÍRITO SANTO QUE BOM SABER….


em+espirito+em+verdade[1]


Querido Espírito Santo que bom saber que um dia te convidei para morar em mim!
Que bom saber que desde esse dia nunca mais estarei só! (S. João 14,16)
Que bom saber que posso lhe falar lhe contar tudo!
Que bom que a simples certeza de sua presença me traz ” aconchego” para a vida!
Ah! Querido Espírito Santo que bom saber o quanto me amas!

Que bom saber que se meu coração lhe escutar caminharei por caminhos aplainados por Ti! (Isaias 45,2)

Que bom saber que se o meu coração lhe escutar poderei ser um canal de bênção levando sua palavra, e também serei consolo para aqueles que sofrem! (Atos 4,31)
Que bom saber que é a sua presença que traz alegria para a minha vida!

(Atos 13,52)(Rom. 15,13)

Querido Espírito Santo que bom saber que posso até errar, magoar pessoas, porque não sou perfeito(a), mas se o meu coração lhe escutar haverá arrependimento em mim, perdão para mim, haverá sempre novo recomeço para mim! (Efésios 1,7)

Querido Espírito Santo que bom saber que posso adorar a Deus, em espírito e em verdade, porque Deus é Espírito , e o meu espírito, que é habitado por Ti , pode então adorá-lo! (S. João 4,24)

Que bom saber que minha mente é renovada através de sua palavra todos os dias de minha vida! (Efésios 4,23)(I Corintios 2,16)

Querido Espírito Santo que bom que posso ser ensinado por pessoas que são vocacionados e ungidas por Ti!

Que bom que me colocaste em um lugar onde posso obedecer a sua palavra, crescendo e tendo comunhão com meus irmãos! (Salmos 132)(Hebreus 2,12)

Querido Espírito Santo que bom que me ensinaste que não existe o “lugar perfeito” para servi-lo e alimentar-me de sua palavra, simplesmente porque somos todos imperfeitos e falhos, procurando crescer no conhecimento da sua palavra, ajudando-nos uns aos outros!
Que bom saber que contigo habitando meu coração posso viver com pureza e santidade de coração! (I S. Pedro 1,5)
Que bom saber que habitas em mim, que posso fazer coisas espetaculares se apenas deixar que vivas através de mim!
Querido Espírito Santo, por favor, faça de mim um lugar onde queiras sempre morar!




Força_da_oração adoracao-perpetua