A Oração não é uma varinha mágica, Diz Papa Francisco.



Papa fala Audiência geral: A Oração conserva a fé, não é varinha mágica…

Papa Francisco




Inspirado na parábola da viúva e do juiz iníquo, Francisco recordou que, no final, a perseverança da viúva prevaleceu até mesmo sobre a iniquidade de um juiz inescrupuloso.

“Nos fará bem escutar isso hoje”, enfatizou o Papa, ao destacar que a parábola contém um ensinamento importante:

“‘A necessidade de rezar sempre, sem jamais esmorecer’. Portanto, não se trata de rezar às vezes, quando ‘estou a fim’. Não, Jesus diz que é preciso ‘rezar sempre, sem cessar’”.

Jesus nos assegura – afirmou Francisco – que, ao contrário do juiz desonesto, Deus atende prontamente seus filhos, mesmo que isso signifique que não o faça no tempo e da maneira que gostaríamos.

“A oração não é uma varinha mágica, não é uma varinha mágica. A oração ajuda a conservar a fé em Deus e a nos entregar a Ele mesmo quando não compreendemos a sua vontade. Nisto, Jesus – que rezava tanto! – é um exemplo para nós”, disse o Papa.

Francisco então argumentou que, à primeira vista, poderia parecer que Deus não teria escutado as orações de seu Filho, dado que Cristo morreu na cruz. Todavia, citando a Carta aos Hebreus, o Papa recordou que “Deus realmente salvou Jesus da morte concedendo-Lhe sobre essa a vitória completa, mas o caminho para conquistá-la passou pela própria morte”.

Na oração no Getsêmani, Jesus se entrega sem reservas ao Pai: que “não seja como eu quero, mas como tu queres”. A partir deste momento, tudo mudou:

“O objeto da oração passa a um segundo plano; o que importa antes de tudo é a relação com  o Pai. É isso o que a oração faz: transforma o desejo e modela-o segundo a vontade de Deus, seja qual essa for, porque quem reza quer, em primeiro lugar, unir-se a Deus, que é Amor misericordioso”, explicou.

Ao concluir, o Papa ressaltou que a parábola termina com um importante questionamento: “Mas quando o Filho do Homem voltar, encontrará a fé sobre a terra?”

“E com esta pergunta, estamos todos em alerta: não devemos desistir da oração mesmo que não seja correspondida. É a oração que conserva a fé, sem ela a fé vacila”, concluiu o Papa.

Link para a fonte: http://br.radiovaticana.va/


Palavras do Papa para a Igreja.


Oração_não_eh_uma_Varinha_magica_Papa_Francisco



FRASES EM DESTAQUE DE PAPA FRANCISCO

CLICK E AMPLIE


Pope Francis leads a mass of Assumption of Mary from the papal summer residence in Castelgandolfo south of Rome papa-francisco-acordar_no_inferno Papa_Francisco_no_pentecostes_2015_cheios_do_Espírito_Santo

Jesus Jesus

Os Papas Falam à Renovação Carismática Católica.



2 Respostas

  1. Lamentavelmente o nosso Papa não conhece a Bíblia, primeiro que não há a palavra rezar em nenhum dos versículos bíblicos, até porque rezar e mantra são as mesmas coisas repetições de palavras que não expressam os sentimentos da alma. Orar é falar com Deus, entra com ousadia no Santo dos Santos (átrio) expressando os sentimentos com ação de graças e diz a Bíblia que a oração do justo pode muito em seus efeitos, ainda diz que a oração da fé cura o ferido, eu sou testemunho disso… Pe. Cezar Dutra

    Curtir

    • Caro Irmão Cesar Dutra

      Paz de Cristo

      Você se identificou como Padre, porém o texto me parece mais um ensinamento de Pastor, pois contesta coisas próprias do aprendizado popular dos Católicos. Qual quem leigo saberia claramente que um Papa conheceria a Bíblia bem mais do que um Padre ou Pastor comum e sua intimidade com Deus também seria bem mais do que a minha ou a sua, eu me considero como um daqueles que observavam Moisés na tenda do acampamento quando a nuvem a cobria e Moisés falava com Deus “Face a face”, mas não me atrevo a julgar quem quer que seja, principalmente neste quesito tão íntimo que se trata a ORAÇÃO, tanto porque, quanto mais me aproximo de Deus, mais percebo a distância que ainda tenho a percorrer. Nó bem sabemos que o povo em geral tem muitos conceitos errados a respeito da oração, bem, digo que aqueles que apenas rezam repetidamente um texto sem se aprofundar em suas palavras e sem vivenciá-las em seu coração, seriam comparados a meros papagaios que não sabem o que falam. Mas podemos identificar também aqueles que acham que quando se reza é o mesmo que se estivesse pagando uma encomenda ou ainda deixando para pagar depois em suaves prestações e se esquecem que a oração acima de tudo é um diálogo com Deus e não apenas um serviço de entrega rápida. É neste sentido que devemos encarar o ensinamento do Papa, uma vez que seu ensino não abrange todas as facetas da oração e sim apenas um ponto em particular, pois caso contrário, não seria apenas um ensino de catequese e sim um livro com muitas e muitas paginas. Vale a pena lembrar que este nosso Papa hoje fala muito mais de oração do que seus antecessores.

      Caso queira ver, aqui mesmo neste blog existem outros textos de Papa Francisco sobre oração.

      Paz de Cristo.

      Sizenando / Presentepravoce

      Curtir

Deixar um Comentério aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: