Dom da Fortaleza.


Dons do Espírito Santo:


O Dom da Fortaleza


Dom Fortaleza

Já aprendemos que os dons do Espírito Santo aperfeiçoam as virtudes. As virtudes abandonadas a si mesma não podem chegar a grandes alturas. A nossa razão, mesmo iluminada pela fé, é ainda imperfeita para perceber toda a realidade espiritual. Só os dons do Espírito Santo elevam o homem às alturas da própria dignidade.

O Dom do “Temor de Deus” aperfeiçoa a virtude da Esperança.

Há várias espécies de temores: o temor mundano, o temor servil a Deus e o temor filial a Deus. Destes, só o último é o Temor de Deus.

1) O temor humano é o medo que se sente com relação a criaturas ou situações mundanas. São temores humanos o medo de pessoas, como a mulher que teme o marido ou o marido que teme a esposa, os filhos que temem o pai ou a mãe, os alunos que temem os professores… São temores às situações mundanas, por exemplo, o medo de andar de elevador, o medo do escuro, o medo de tempestades, etc. Incluem-se ainda nesta classe os medos supersticiosos, como o medo de passar embaixo de uma escada, o medo de ver um gato preto cruzar o caminho, o medo do dia 13… Os temores ou medos mundanos originam-se de traumas. Podem desaparecer pela oração de cura interior ou por tratamentos psicológicos adequados.

2) O temor servil é principalmente o medo de ser castigado por Deus, de ir para o inferno. Esse temor é gerado pela idéia de um Deus que nos vigia constantemente, pronto a nos castigar pelas nossas faltas. E isso nos inquieta, agita, deprime. O temor servil pode afastar-nos do pecado, mas é um temor imperfeito, porque não se baseia no amor de Deus.

3) O temor de Deus é filial. É o temor de nos afastar do Pai que nos criou e que nos ama, de ofender a Deus que, por amor, sempre nos perdoa. O filho que ama o pai não quer ficar longe dele nem fazer algo que o possa magoar. É um temor nobre que brota do amor. Um temor filial, perfeito e amoroso.

O temor de Deus é um dom do Espírito Santo que nos inclina ao respeito filial a Deus e nos afasta do pecado. Este compreende três atitudes principais:

1 – O vivo sentimento da grandeza de Deus e extremo horror a tudo o que ofenda sua infinita majestade;

2 – Uma viva contrição das menores faltas cometidas, por haverem ofendido a um Deus infinito e infinitamente bom, do que nasce um desejo ardente e sincero de as reparar;

3 – Um cuidado constante para evitar ocasiões de pecado.


Frutos_do_Espírito


esprito_santo-mcsc[1]

TÍTULO AUTOR
Catequese com o Papa: o dom da Sabedoria Vera Lúcia
Catequese com o Papa: o dom do Entendimento Vera Lúcia
Catequese com o Papa: o dom do Conselho Vera Lúcia
Catequese com o Papa: o dom da Fortaleza Vera Lúcia
Catequese com o Papa: o dom da Ciência Vera Lúcia
Catequese com o Papa: o dom da Piedade Vera Lúcia

http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/dons-do-espirito.jpg?w=130&h=120&h=120
//mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/pentecostes-ico.jpg” contém erros e não pode ser exibida.
Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito

(Para acessar os outros Dons click aqui)


Sete_dons

http://www.nadateespante.com/products/o-dom-da-profecia/

O Padeiro Espanhol.



Historia real que faz parte do texto de abertura do livro Ide e evangelizai os Batizados de Jose H. Prado Flores demonstrando que os Cristãos Batizados de hoje não tem um conhecimento pleno do significado desta palavra “BATISMO” e nem das consequências deste Batismo em nossas vidas. Nosso objetivo é redescobrir o significado deste primeiro anuncio do evangelho “O Kerigma” que culmina na preparação para o primeiro Sacramento da Igreja e a integração de cada um de nós como “VERDADEIROS” filhos e herdeiros de Deus. 


Rodrigo Lombardi

Rodrigo Lombardi – Padeiro


O Padeiro Espanhol.


Objetivo do tema: Crer e experimentar o amor pessoal e incondicional de Deus, que é nosso Pai.


Durante a guerra civil espanhola, muitos espanhóis emigraram para o México.  Entre eles veio um jovem de 18 anos, Venâncio Fernandez.   O único problema que Fernando não teve durante a penosa travessia foi ter que pagar excesso de bagagem.  Trazia apenas duas camisas e uma calça remendada.

Chegou a Vera Cruz, onde começou a trabalhar em uma tenda de conterrâneos de um tio seu.   Anos após, casou-se e montou uma padaria na cidade de Puebla.   Com muito sacrifício, esforço e economias conseguiu juntar um pouco de capital e transferiu-se para a cidade do México com toda a sua família, onde continuou com seu trabalho de padeiro.   As pessoas já não mais o chamavam “Venâncio”.  Agora era “Senhor Venâncio”: pessoa honrada e respeitada que fumava um grosso charuto e poupava o máximo possível.

Ao completar 20 anos de sua chegada ao México, uma agência de viagens mostrou-lhe como seria econômico levar sua família até a Espanha de navio.  Havia uma promoção especial para famílias e ele não podia perder esta oportunidade.


Promoção_Viagem_famiulia_navio


A esposa do Senhor Venâncio, que aproveitava todas as ofertas, convenceu seu marido a gastar algumas economias em uma tranquila excursão pela Espanha.

Entretanto o Senhor Venâncio pretendendo economizar o mais possível no trajeto marítimo, antes de embarcar em Vera Cruz fez, na sua padaria, alguns pães bastante grandes, comprou uns 15 quilos de queijo e embarcou rumo a terra de seus antepassados.

No primeiro dia, todos comeram, com satisfação, o pão fresquinho com fatias de queijo novinho.  No dia seguinte, tão satisfeitos estavam que não fizeram qualquer restrição em repetir o mesmo cardápio de pão com queijo.   Depois, comeram queijo com pão, e, depois ainda pão com queijo.   No quinto dia, comeram pão, queijo e pão, e, no outro dia, pão e queijo.  No fim da semana, seus rostos tinham uma cor amarelada de queijo.  Ninguém chegava perto deles, crendo que estivessem com hepatite.

Por fim, no dia em que chegavam ao porto espanhol, deram-se conta de que o esforço para comer aquele pão mais os enfraquecia do que fortalecia.  A esposa do senhor Venâncio convenceu-o, então, de que deveriam celebrar a sua chegada à Espanha com um jantar delicioso e farto no restaurante de primeira classe do navio.  De uma coisa estavam certos; nessa noite não comeriam nem pão e nem queijo.

- Onde seria o restaurante da primeira classe?  Perguntou o senhor Venâncio ao comandante da tripulação.

- Permita-me ver sua passagem – pediu o oficial.

- Puxa! – reagiu o senhor Venâncio.  – Eu vou pagar, que para isso tenho me matado de trabalhar nesses vinte anos.

- Desculpe – respondeu o oficial.  – Mas no restaurante de primeira classe só podem entrar passageiros com bilhete de primeira classe.

Com o mau humor característico de um espanhol quando é contrariado, e com o rosto ainda mais amarelo, o senhor Venâncio tirou do fundo do bolso uma passagem toda amarrotada,  e que, ao ser desdobrada, soltou um forte cheiro de queijo.

O oficial leu-o lentamente: “Venâncio Fernández”.

E Depois, com uma cara de espanto, exclamou!

- Puxa! Senhor Venâncio, sua família tem uma passagem maravilhosa.

- Sua passagem inclui três refeições diárias no restaurante de primeira classe durante toda a viagem!


Primeira classe 2 Primeira classe

Conclusão:

O mesmo acontece conosco, Cristo já pagou para que tenhamos direito a uma Vida Nova.   Temos a “passagem” do Batismo bem guardado, e não vivemos como reis, sacerdotes e profetas, como deveríamos,  e é a isso que essa passagem nos dá direito.  Ao contrário, temos feito nossa parte: a mistura do pão duro da tristeza com o queijo da amargura e da monotonia, não aproveitando que Cristo já pagou por nós, com seu sangue precioso.  E, o pior, é isso que damos à nossa família e a todos que nos rodeiam, ignorando o nosso bilhete formidável.

Nossas Considerações:

“Tudo que é meu, é teu…”

Simples assim… disse a seu filho mais velho o Pai do filho pródigo quando ele se recusava a entrar em casa quando seu irmão festejava seu retorno para a casa do Pai.  Mas, qual era o motivo pelo qual o filho mais velho se recusava a festejar com seu irmão perdido?

- Ele respondeu: O Senhor jamais me deu um cabritinho sequer para que eu festejasse com meus amigos!

A quem pertencia este cabritinho?

- De acordo com a resposta do Pai no destaque acima, este “cabritinho” ou aquele Boi cevado, a casa e toda a propriedade pertenceria a seu filho mais velho e ele teria pleno poder de decisão sobre qualquer bem que ali existisse, e, neste caso ele poderia ter matado o cabritinho ou até mesmo aquele boi cevado para comemorar e se alegrar com seus amigos e ele nunca sequer teve coragem de tomar essa atitude ou de pedir a seu Pai que lhe concedesse essa graça e a pergunta que permanece no ar seria:

Por que o filho mais velho jamais usufruiu dos benefícios de seus bens materiais?

Ninguém saberia esta resposta, tanto porque, esta resposta não cabe ao filho mais velho pronuncia-la e sim a você!

Sim…

A você que vive triste e abatido, mendigando uma migalhinha de pão que cai da mesa de seu Senhor ou a você rico e poderoso que mesmo possuindo a melhor padaria da cidade jamais experimentou um pedaço de pão, ambos são iguais em um único ponto, a falta de pão em sua mesa, por motivos diferentes, mas o mesmo problema em comum.

Pelo primeiro ou pelo segundo motivo ambos os filhos precisavam do amor e da misericórdia de seu Pai para completarem o vazio e a necessidade que possuíam em suas vidas, assim como também na história do Padeiro Espanhol, mesmo ele comprando um pacote de viagem maravilhoso para sua Família não usufruiu de seus direitos por falta de conhecimento e por falta de generosidade para com sua Família e neste caso em particular o que mais lhe faltou foi mesmo a generosidade, pois se tivesse levado a sua Família ao restaurante de primeira classe no primeiro dia teria descoberto os seus direitos e os teria usufruído a viagem toda, sendo assim, precisamos abrir nossos olhos para entender o que Deus pede de nós ou simplesmente nos revela neste texto, para que possamos a partir de agora começar a usufruir os verdadeiros Dons de Deus em nossas vidas, sejam eles materiais ou espirituais, porque “Nem só de pão vive o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus”.

Presentepravoce.


Seminário de Vida no Espirito
Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito Seminário de Vida no Espirito

ide_evangelizai José H. Prado Flores Ide e Evangelizai 17
Kerigma

PRADO FLORES

Loyola

 

Testemunho do Plano de Deus.



MEU TESTEMUNHO DO PLANO DE DEUS EM MINHA VIDA E DE MINHA FAMÍLIA. 

Veja o Texto:



Relaxa_Plano



Tenho recebido diversos comentários e e_mail’s pedindo texto para este tema do encontro de Casais com cristo Primeira etapa. Temos neste Blog um texto completo sobre “O Plano de Deus” e que por sinal é um dos mais procurados, no entanto continuo recebendo pedidos sobre o segundo tema “Testemunho do Plano de Deus”.

Já tive a oportunidade de apresentar estes dois temas em encontros e o que respondo para aqueles que me escrevem é exatamente o que vou escrever aqui para todos os interessados no futuro.

Como eu disse, já apresentei este tema em um encontro uma vez, mas diferentemente do tema anterior este tema não possui nenhum conteúdo, pois se trata apenas de um testemunho pessoal como diz no título do próprio tema.   O que acontece muitas vezes é que a pessoa que convida o palestrante não especifica claramente o que o palestrante deve fazer e que neste caso seria apenas expor seu próprio testemunho de vida e caminhada com Deus e na Igreja, de preferência colocar em evidência o que de novo aconteceu em sua vida após ter participado do encontro de casais com Cristo.

Seria muito simples se todos estivessem acostumados a dar testemunhos na Igreja, mas eu creio que neste caso talvez muitas pessoas nem sabem o que significa um testemunho e como conta-lo em um encontro de forma que leve as pessoas a compreenderem o tema.

Um testemunho pessoal pode ser referente a diversos assuntos, conversão de vida, cura de uma enfermidade, solução de um problema grave em casa e na família ou muitos outros, mas neste caso em particular devemos colocar um testemunho que vá direto ao tema e sirva para confirmar e fixar o que foi dito na palestra anterior, logo este testemunho deve estar relacionado com o Plano de Deus para você e sua Família e como você compreendeu este plano e aderiu a ele sem se esquecer de contar o que de bom aconteceu em sua vida e em sua família após você ter conhecido a vontade de Deus para você. Só para constar, não seria necessário contar nenhum milagre extraordinário e sim o mais importante, apenas a mudança de vida que ocorreu em sua Família após o encontro com Cristo.

A poucos dias ouvi alguém apresentando este tema e na verdade a pessoa deu um testemunho de cura de enfermidade antigo não relacionado com o encontro de Casais em si mesmo e não tocou nem sequer no tema família, neste caso, ela apresentou um testemunha da ação de Deus em sua vida, mas não apresentou um testemunho do Plano de Deus, portanto, o que tenho a dizer a este respeito é somente isso, espero que tenho tirado alguma dúvida de mais alguém que também não estava sabendo o que dizer neste tema.

Tentei conseguir um testemunho “prático” para apresentar aqui, mas não consegui até o momento, pode ser que futuramente coloque um testemunho bem simples e curto para servir de exemplo aos nossos leitores, completando o que disse, acabei de receber um comentário neste “Post” onde um leitor de Belém contou um pequeno testemunho de sua vida após ter participado do “ECC” e neste caso até serve de exemplo para “O testemunho do Plano de Deus” e eu gostaria de abrir este espaço do comentário para que você tenha a oportunidade de expor também o seu testemunho para que sirva de exemplo aos nossos leitores que buscam subsídios para transmitir futuramente em um encontro de Casais com Cristo.

Veja Nos comentários abaixo exemplos de Testemunho do Plano de Deus.

Vou transcrever aqui o primeiro comentário referente a este tema:

Jair Sousa – Ananindeua – Belém – Pa
O Plano de Deus. (ECC)
137 Ver Post

Enviado em 07/10/2014 as 23:02

Fazer parte da família ECC é uma grande graça em minha vida de minha esposa, faz só 10 anos que fizemos o encontro e o primeiro em nossa paróquia São Vicente de Paulo em Ananindeua no pará, hoje atuamos na pastoral do bastimos ( catecumenato com adulto ) e catequese com criança minha esposa, foi pelo ECC que de fato despertamos para a missão, não me vejo fora desse compromisso na qual o senhor nos confiou. No ECC hoje participamos mais como casal palestrante, quando vem a missão vem também a alegria de poder devolver aquilo que nosso pai celeste nos concedeu: nossos dons, no meu caso de falar, de minha esposa de observar.

A PAZ E A GRAÇA DE DEUS ESTEJA COM TODOS.

Paz de Cristo – Sizenando




Encontro de Casais com Cristo_ECC


Vou deixar abaixo a indicação de um Link onde você poderá ouvir uma canção que relata a mudança de vida de um jovem que não conhecia a Deus, mas que foi lá onde uma uma parte de sua vida aconteceu para levar seu testemunho e mostrar que Deus escreveu uma nova história para sua vida e dar oportunidade de mudança a seus companheiros que ainda vivem sem ter experimentado o AMOR de DEUS.

Nós também que fomos transformados pelo imenso amor do Pai temos o dever de compartilhar este amor com nossos irmãos através de nosso testemunho de vida.



UMA HISTÓRIA ESCRITA PELO DEDO DE DEUS


Olha o que Ele fez comigo


Olha o que Ele fez comigo 2


Escrita Pelo Dedo de Deus

Thalles Roberto

Jesus pode escrever sua história de novo
Olha o que ele fez comigo
A chance de dar tudo errado
Era tudo o que eu tinha em mim
Mas olha o que ele fez comigo
No olhar eu carregava um pouco de morte
E a minha festa tava tão vazia de sorriso
E, quando eu pensei que o rio ia secar
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Um dia, já cansado, eu disse
“pai, não quero ser mais prisioneiro da maldade!”
Ele me chamou de filho
Pedi perdão, me humilhei e chorei
(como eu chorei)
E ele foi fiel comigo
Arrancou aquela tristeza que doía
Me lavou com o seu sangue, e me perdoou
A minha festa, agora, é cheia de sorrisos
Olha o que ele fez comigo

Vai fazer assim com a sua família hoje
Ele é meu melhor amigo
Viver com meu jesus é lindo
Junte suas forças
E clame a Deus
Ele escuta o grito do seu fraco coração
Eu não tinha nada
E, agora, tenho vida
E uma história nova e linda
Escrita pelo dedo de Deus.

Link: http://www.vagalume.com.br/thalles-roberto/escrita-pelo-dedo-de-deus.html#ixzz3FUkoiJgN


 


Temas da Canção nova CHÁCARA JEUS CURA

 

7.000.000 de acessos.


Presentepravoce_7000000


Atingimos 7.000.000 de Acessos.

+ 38.000 curtidas no Facebook


Nestes seis anos e meio de Blog Presentepravocê  e 4 anos da pagina no Facebook só temos que agradecer a presença de cada um de nossos leitores e companheiros nesta árdua jornada pela evangelização.


“Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei”     (Gal. 5,22)


         Nosso objetivo é a divulgação do evangelho colaborando com nosso Senhor na preparação de sua vinha para que ela possa produzir muito fruto, como disse o evangelho de hoje (05/10), agora que também fomos enxertados na videira Verdadeira que é Cristo, cabe a nós a produção de seus frutos, assim como São Paulo já nos dizia no texto em destaque acima, o fruto do Espírito de Deus que habita em nosso coração não é exatamente o que colhemos no mundo hoje, nem mesmo no seio da Igreja como deveria ser, mas quando vier o tempo da colheita, que segundo os sinais dos tempos está muito próximo, mais próximo do que princípio acreditávamos, é preciso que venhamos a corrigir nossas falhas e que esta Videira possa voltar a produzir muito mais Fruto do que já produziu nestes 2014 anos de história e que possamos atingir o objetivo de nosso Senhor que é levar o evangelho a toda Criatura.

Desejo a todos um feliz dia e que Deus multiplique as graças derramadas em cada coração daqueles que permanecem conosco ou daqueles que hoje nos viram pela primeira vez, espero que ainda tenhamos muitos anos para caminhar juntos e que possamos compartilhar a vida eterna ao lado de Cristo Jesus.

Sejam bem vindos e Parabém a todos.


7000000


VEJA A NOSSA APRESENTAÇÃO DO BLOG.

Presente_Apresentação


Marcações e Comemorações Anteriores:

5.000 “Cinco mil anos de Amor”, um numero mágico.

Meta Alcançada ! 250.000

Marca de 5.500.000 de acessos alcançada.



É um prazer estar com todos vocês!


OS MAIS VISITADOS

ATÉ O DIA DE HOJE


O Papagaio Marrom. Arcanjo Miguel
apocalypto+ost+james+horner+campo+grande+ms+brasil__74EBEA_1[1] JESUS é o mesmo
APOCALYPITO
JESUS é o mesmo Homenagem_mães_presentepravoce
http://presentepravoce.files.wordpress.com/2012/12/presc3a9pios.jpg http://mongefiel.files.wordpress.com/2008/05/frutos-do-espirito.jpg Presentepravoce
Dons
Gloria Pollo Só Jesus
Maria_passa_na_frente_lk
Só Jesus

Statistica_2_141016_7000000


Em Todo o Tempo decorrido Os 50 Post’s mais Visitados.


Título

Visualizações

Página inicial / Arquivos    585.084
Novas Imagens Para Mensagens de Natal. 332.004
Orações ao Espírito Santo. 326.580
Foto Mensagem da Páscoa. 167.090
WALLPAPER’S DE MARIA SANTÍSSIMA, PARA SUA COLEÇÃO. 166.112
Padre Leo Conta a estória do Papagaio Marrom. 148.197
Oração de São Miguel Arcanjo. 142.803
Wallpapers – Mensagens de Jesus. 118.481
Mensagens de Natal. 115.281
MENSAGENS EM PPS. 109.658
Jesus Misericordioso. 88.072
Molduras para montagens de Cartões e Fotos. 83.449
Apocalipto, Filme de Mel Gibson Retrata Civilização Maya e Asteca. 82.147
Molduras para fotos e Cartões com temas Natalinos. 68.890
Cantos para o Advento. 68.117
Jesus é o mesmo ontem hoje e sempre, inconfudível e Imutável. 63.274
Dia Das Mães. 62.841
Esclarecimento sobre a Polêmica ocorrida na Missa de Paulo Goulart. 54.177
O Casal Cristão no Mundo de Hoje. (ECC) 53.968
Um Milagre Eucarístico que ficou oculto 12 anos! 51.980
Oração de Natal. 51.359
A Família Segundo a Bíblia. 49.846
Poema a Nossa Senhora Aparecida. 48.207
Semana Nacional da Família. 48.120
Feliz Páscoa. 47.780
NATAL … 44.779
Dinâmica da Pipoca sem Sal. 44.383
Aqueles que Confiam no Senhor… 43.074
PEGADAS NA AREIA. 42.686
Presépios. 41.331
Ultimos Milagres de Santos da Igreja Católica. 39.781
Jesus Te Ama – Presentepravoce 39.665
Terceira Idade, Ser Idoso ou ser apenas um Velho ? 38.978
Camisetas Ágape e livraria. 37.306
A Paixão de Cristo, o filme mais polêmico de Mel Gibson. 37.125
Nossa Senhora Aparecida. 35.908
O Milagre de um Embrião. 35.476
Deus Criou uma Mãe Com Coração de Mãe. 35.295
Padre Léo estava totalmente curado, afirma Padre Joãozinho. 35.057
Vinho, muito vinho, O primeiro Milagre de Jesus foi totalmente dedicado ao Matrimônio. 34.971
Semana Santa. 34.957
MARIA PASSA NA FRENTE. 34.726
Padre Robson Oliveira. 34.676
Amor sempre Amor, Mensagens e Cartões para. 33.137
Civilizações precolombianas na América. 32.083
Pentecostes a Festa do Espírito Santo. 31.353
O Plano de Deus. (ECC) 31.106
Novena de Natal – CNBB. 29.659
Pirâmide de Chichén Itzá, Capital do Império Maya. 29.064
Carta a Nicodemos. 28.299
Imagens para usar em cartões e mensagens de Natal. 27.515
Vós Sereis Batizados no Espírito Santo Dentro de Poucos Dias… 27.216
RCC. 27.107
Mensagens para dia das Mães. 26.353
Os Frutos do Espírito Santo 26.199
O que é Grupo de Oração Carismático? 26.089

EVOLUÇÃO ANUAL DAS ESTATÍSTICAS DE VISITAS TOTAIS


Stats_Hist_Presentepravoce_130205 Stats_Hist_Presentepravoce_130205 Stats_Hist_Presentepravoce_130205

Statistica_141016_7000000


INDICAÇÕES DE POST’S MAIS RECENTES


O ALPINISTA EXTRAORDINÁRIO. COMO UMA BOMBA
Lançai a Palavra

Hoje Eu decidi te eleger Jesus.


COMO MEU SENHOR

Meu Senhor



Eu decidi, Jesus, te eleger


Eu decidi, Jesus, Te eleger como meu Senhor

Meu direito é de não ter direito algum.

Meu querer é tão somente o Teu querer

Para isso empenho minha palavra,

Uma aliança que faço por amor.

Aceita, Senhor, a minha vida.

Aceita, Senhor, esta aliança.

Aroma suave em tua presença

seja sempre o meu louvor

seja sempre o meu louvor.

Eu decidi, Jesus, Te eleger como meu Senhor

Meu direito é de não ter direito algum.

Meu querer é tão somente o Teu querer.

Para isso empenho minha palavra,

Uma aliança que faço por amor.

Aceita, Senhor, a minha vida.

Aceita, Senhor, esta aliança.

Aroma suave em tua presença

seja sempre o meu louvor

seja sempre o meu louvor.


Koinonya eu decidi Jesus






Jesus Cristo é o Senhor!

Aceitar o Senhorio de Jesus


Eu e Minha Casa

Serviremos o Senhor


Fazei a Experiência!


Experiência


Diz o Senhor … Fazei a experiência … 


A experiência consumada é a coroa dos anciãos; o temor de Deus é a sua glória. (Eclesiástico 25, 8)

Pagai integralmente os dízimos ao tesouro do templo, para que haja alimento em minha casa. Fazei a experiência – diz o Senhor dos exércitos – e vereis se não vos abro os reservatórios do céu e se não derramo a minha bênção sobre vós muito além do necessário. (Malaquias 3, 10)

Mas o alimento sólido é para os adultos, para aqueles que a experiência já exercitou na distinção do bem e do mal. (Hebreus 5, 14)


Imposição ou Experiência.


Sobre a diferença entre “Experiência” e “Sentimento”, Teoria e Comprovação.

A palavra experiência pode ter vários significados:

O mais conhecido, e sobre o qual geralmente dizemos a alguém que se deve fazer uma experiência é este.



Ex: Experiência Científica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.  Ir para: navegação, pesquisa

No método científico (mais especificamente no método experimental), uma experiência científica consiste na montagem de uma estratégia concreta a partir da qual se organizam diversas ações observáveis direta ou indiretamente, de forma a provar a plausibilidade ou falsidade de uma dada hipótese ou de forma a estabelecer relações de causa/efeito entre fenômenos.

A experiência científica é uma das pedras angulares da abordagem empirista ao conhecimento humano.

Além de ocorrer por meio dos sentidos (tato, olfato, paladar, visão e audição), a experiência faz, geralmente, uso de instrumentos de medição. Uma experiência pressupõe um aparato experimental (material a ser utilizado), um procedimento (sequência de atitudes e medidas a serem feitas pelo experimentador) e um relatório que descreverá detalhadamente toda a experiência, analisará os dados obtidos por meio das medidas e fará uma conclusão.



É o ato de provar uma teoria e depois dar o seu próprio testemunho, com suas próprias conclusões.

Por exemplo: Eu lhe afirmo que esta maçã está deliciosa…

Você acredita? Duvida? ou Não acredita?  Como saber a resposta final?

Basta, você mesmo experimentar a maçã…

Pois é impossível se transmitir o sabor de uma fruta em palavras por mais que você saiba descrever seu sentimento, além do mais a experiência pessoal é mais simples, mais rápida e mais eficaz.

Experimente e prove:


manzana[1]


Dizemos que alguém deve ter a sua própria experiência com Jesus, porque assim como não se pode transferir o sabor das coisas apenas com palavras a alguém, também não podemos descrever de maneira eficaz uma experiência espiritual, portanto se alguém dúvida que Jesus é maravilhoso, só nos resta lhe propôr uma experiência própria, e ele mesmo poderá tirar suas conclusões.  É bem verdade que muitas pessoas não gostam de Jesus e dizem que esta experiência foi péssima e vão se embora.

Nicodemos e o Jovem Rico são dois exemplos de pessoas que estiveram frente a frente conversando com Jesus e de certa forma foram convidados a segui-lo e recusaram, outros são aqueles que o abandonaram quando Ele disse ser o verdadeiro Pão decido do Céu e que deveríamos comer sua carne e beber seu sangue para recebermos a vida eterna.

Para Nicodemos Jesus disse finalizando seu diálogo,

“Os homens amaram mais as trevas do que a luz…” (São João 3, 19)

É tudo uma questão de escolha e decisão, por isso propomos para quem está nas trevas que venham experimentar a luz porque nunca tiveram outra opção a não ser a cegueira da escuridão e não puderam conhecer Jesus até este momento.   Sair do seu comodismo e experimentar aquilo que Jesus propõe agora mesmo é muito simples e o máximo que pode acontecer é ter que voltar para as trevas de onde você estava, porque Jesus não obriga ninguém a segui-lo e não se pode julgar uma proposta de Jesus se você não estiver com Ele pelo menos um minutinho face a face como o jovem rico e Nicodemos estiveram.

Sei que com este método é muito mais difícil de conseguir verdadeiros seguidores, mas quem ficar com Jesus estará ficando por sua própria vontade e é porque foram conquistados por Ele, e podem até morrer por Ele se for preciso.

Em outro método poderíamos obrigar as pessoas a aderir ao cristianismo sem ter outra opção, sob pena de serem queimadas numa fogueira, mas esta atitude não terá o menor valor por não ser voluntária, porque jamais amarão o Senhor e por um motivo qualquer o abandonarão.

Por outro lado, é bem verdade que Jesus não deveria ser experimentado ou ser posto a “prova”, e sim segundo a fé deveríamos ter uma adesão incondicional, sim, é bem verdade, mas só podemos tomar esta atitude incondicional depois que nos aproximarmos de Cristo, pois é impossível tomar qualquer atitude se nos mantermos escondidos atras das árvores ou nos esquivando pelas sombras da noite e a nossa experiência se trata mesmo é desta aproximação até nos colocarmos olhando nos olhos de Jesus.

Em um “SVE I” se diz em um primeiro momento para os participantes que ainda estão ariscos, ressabiados, ignorantes do assunto, pecadores, incrédulos, afastados, bêbados e também fariseus, doutores da lei, médicos, políticos e etc…  Que Deus os ama com um amor imenso e inesgotável.     Porque o nosso publico é misto de pessoas normalmente não frequentadores assíduos da Igreja.

Hoje podemos dizer que temos também um publico que já experimentam o primeiro amor  de JESUS, já estiveram apaixonados por “Cristo”, mas deixaram este amor esfriar como em (Apoc. 2, 4), são eles membros de diversos movimentos e coordenadores de pastoral que tem grande conhecimento da palavra de Deus e estão afastados do caminho da Salvação. Porém a abordagem inicial será sempre a mesma, oferecemos sem imposição nenhuma o Amor de Deus e nada mais, precisamos ter um contato íntimo com o próprio Deus e autor da criação antes de mais nada, seria a revelação de sermos filhos amados de Deus, como uma criancinha de colo totalmente impotente que depende totalmente da proteção de seu Pai Celeste “situação em que nos encontrávamos no dia do nosso Batismo inicial”.


bRAÇOS DO pAI


“Por isso Clamamos Abba Pai”


Esta é a famosa oferta da “Experiência própria”, cada um deve ter seu próprio encontro pessoal com Jesus assim como Nicodemos e o Jovem rico tiveram e tomar sua própria decisão de segui-lo ou continuar como estavam até aquele momento.  Isto não quer dizer que invalidamos o Batismo que já possuímos, mas revivenciamos aquele momento de adesão incondicional a Jesus, opção que na verdade foi assumida perante a Igreja por terceiros. Os Pais e padrinhos no dia do Batizado assumiram o compromisso de levar esta criancinha mais tarde a tomar sua própria opção definitiva por Jesus e a Igreja, compromisso nem sempre cumprido na maioria das vezes.

Este momento é só uma contemporização, para que todos estejam em um mesmo estágio inicial de adesão da fé em Jesus, mas este seria apenas o primeiro momento do SVE I, o passo seguinte seria a questão do pecado.

Mas pelo que vejo em alguns casos, muitos recusam esta primeira oferta, não foi aceito este primeiro passo e estão contestando a oferta de uma experiência própria com Jesus e com o Amor de Deus, o fato mais básico da fé.   Contestam até mesmo a palavra “EXPERIÊNCIA” Que nada mais é que um substantivo derivado de um verbo, que garante ser algo muito comum em nossa sociedade “o tal fazer experiência”, pois se faz experiência de tudo hoje em dia, e se não fosse as experiências com as cobaias de laboratório, quem seriam as cobaias, seriam nós mesmos que iriamos tomar remédios que jamais foram comprovadamente aprovados por uma experiência de que funcionariam de verdade?

De acordo com alguns tradicionalistas, São Pio X, foi aquele que inventou a vacina contra a “experiência”, logo, podemos dizer que ninguém mais cairá neste papo de “se quiser comprovar, experimente você mesmo” ou como diz a própria palavra de Deus:

Fazei a experiência – diz o Senhor dos exércitos – e vereis se não vos abro os reservatórios do céu e se não derramo a minha bênção sobre vós muito além do necessário.      (Malaquias 3,10)

Posso dizer então que o que foi afirmado nada mais seria que uma contra ordem do que foi escrito pelo profeta Malaquias, porque eu Creio que o Papa Pio X quis dizer outra coisa completamente diferente naquela frase acima copiada.

Um outro versículo que fala de quem já experimentou e rejeitou este amor, é muito duro de se ouvir, se quiseres checar o texto é:

(Hebreus, 6) e se trata deste debate inútil sobre coisas elementares e fundamentais da Doutrina, demonstrando que só existe crianças nesta Igreja de mais de 2000 anos de idade.

Isto não é doutrina, é apenas a nossa maneira de pescar, como se diz, “é uma isca” para atrair os peixes, mas como se diz: “peixe experto não cai na armadilha e nem na rede”.

Já que existe muito peixe experto, não podemos garantir que nosso método é 100 % perfeito, outros peixes também já estão presos em outra rede e não serão atraídos pela nossa isca e afinal de contas existe o método daqueles que preferem espantar os peixes do que pescá-los para Jesus. É o que acontece quando falam mal da “Experiência com Jesus” e espantam os peixes para que não belisquem a nossa isca, expondo a nossa minhoquinha “Experiência” e impedindo a nossa pescaria.

Fico a pensar, já que é afirmado que o mundo está perdido, os peixes pescados estarão em melhor situação do que os peixes do  mar, uma vez que Jesus não pretende matar os peixinhos, mas transferí-los para um novo mar onde não exista poluição nenhuma.

Vi um novo céu e um novo Mar, porque o primeiro céu e o primeiro mar já não existem… (Apocalipse 21)

Quem não gostaria de morar nesta nova Terra ?

Quem preferir ficar neste mundo velho certamente irá desaparecer juntamente com ele, serão uma triste lembrança do passado de Sodoma e Gomorra ou daqueles que não entraram na Arca de Noé.

Na verdade não existe opção para o pecador, mas preferimos dar a chance da escolha a uma adesão livre e espontânea de quem quer que seja ao plano de salvação de Jesus através da Igreja Católica. 2020


bait[1]


Jesus disse que nos tornaria pescadores de homens e é por este motivo que oferecemos a você esta oportunidade, sendo ela a melhor opção de todas, podes crer, não existe nada melhor neste mundo que estar neste aquário de Deus, portanto, ousamos mais uma vez a lhe fazer um simples convite:

“Deixe-se ser fisgado por Jesus e

Venha você também para o nosso aquário”.


Seminário de Vida no Espirito
Seminário de Vida no Espirito

As quatro esposas do Rei.



No passado e ainda hoje em alguns países que permitem a bigamia ainda é normal encontrar homens que possuem mais de duas esposas, como se diz comumente, até parece uma maravilha viver em um arem como o Rei Salomão, mas somente quem vive na pele esta situação pode concordar que ter quatro esposas é como multiplicar os seus problemas à quarta potência e o que pareceria um paraíso acaba se revelando um inferno.

Mas na estória que apresentaremos abaixo vemos um exemplo de convivência harmoniosa durante toda a vida e que merece um pouco da nossa atenção para compreendermos a verdade dos fatos:

Veja o Texto:



Casamento_com_quatro_esposas_África_do_sul



Um grande e poderoso Rei tinha quatro esposas e seu relacionamento com elas era muito bom tanto que vivia feliz e despreocupadamente.

- Ele amava sua ultima esposa demais.   Ela era a mais jovem e sempre recebia do Rei lindos presentes, jóias e roupas caras.

Dava-lhe de tudo e sempre do melhor.

- Ele também amava muito sua terceira esposa que na sua opinião era a mais bela, e gostava de exibi-la aos reinados vizinhos nas grandes festas. Contudo, ele tinha medo que um dia ela o deixasse por outro rei mais jovem e rico.

- Ele também amava sua segunda esposa. Ela era mais inteligente e compenetrada e entendia tudo sobre os negócios do reino, era sua confidente e estava sempre pronta para ele, com amabilidade e paciência. Sempre que o rei tinha que enfrentar um problema ele confiava nela para atravessar os tempos de dificuldade.

-A primeira esposa era uma parceira muito leal e fazia tudo que estava ao seu alcance para manter o rei muito rico e poderoso.

Mas… ele não amava a primeira esposa como as outras e, apesar de esta o amar profundamente ele mal tomava conhecimento dela.

- Um dia o rei caiu doente e percebeu que seu fim estava próximo.
Ele pensou em toda a luxúria da sua vida e ponderou:

“É… agora eu tenho quatro lindas e dedicadas esposas comigo, mas quando morrer, ficarei sozinho”.

- Então ele perguntou para a quarta esposa:
– Amei-a tanto, querida….

A cobri das mais finas roupas e jóias.
Mostrei o quanto eu a amava, cuidando bem de você.

Agora que eu estou morrendo, você seria capaz de morrer comigo, para não deixar-me sozinho?

- De jeito nenhum! – respondeu a quarta esposa, e saiu do quarto sem sequer olhar para trás.  A resposta que ela deu cortou o coração do rei como se fosse uma faca afiada.

Tristemente o rei, então perguntou para a terceira esposa.
Eu também amei-a tanto a vida inteira… Agora que estou morrendo, você seria capaz de morrer comigo, para não deixar-me sozinho?

- Não! respondeu a terceira esposa. A vida é boa demais!!! Sempre fui fiel a ti, mas quanto você morrer, eu pretendo me casar novamente…

O coração do rei sangrou de tanta dor.

Ele perguntou, então para a segunda esposa:

- Eu sempre recorri a você quando precisei de ajuda e você sempre esteve ao meu lado nas mais duras provações e dificuldades. Quando eu morrer, você será capaz de morrer comigo, para fazer-me companhia?

- Sinto muito meu amor… Mas desta vez eu não posso fazer o que você me pede!

- respondeu a segunda esposa. O máximo que eu posso fazer é enterrar você…

Essa resposta soou como um trovão na cabeça do rei e ele ficou arrasado.

- Então uma voz se fez ouvir.
– Eu partirei com você e o seguirei para onde você for!

O rei levantou os olhos e lá estava a sua primeira esposa, tão magrinha… tão mal nutrida… tão sofrida… Com o coração partido o rei falou:

- Mas Você ? Logo a que eu mais desprezava e mal percebia a sua presença?  Eu deveria mesmo ter cuidado muito melhor de você enquanto eu ainda podia…


2020

1954 – Quatro Rainhas Encontram Lancelot Dormindo, Frank Cadogan Cowper


Moral da estória:

- ” Na verdade nós todos temos 4 esposas nas nossas vidas…

- Nossa 4º esposa é o nosso CORPO. Apesar de todos os esforços que fazemos para mantê-lo saudável e bonito, ele nos deixará, quando morrermos.

- Nossa 3º esposa são as nossas POSSES, as nossas propriedades a nossa riquezas. Quando morrermos, tudo isso vai para os outros.

- Nossa 2º esposa são nossa Família e nossos amigos. Apesar de nos amarem muito e estarem sempre nos apoiando, o máximo que eles podem fazer é nos enterrar.

- A nossa 1º esposa é o nosso ESPIRITO…
Muitas vezes deixado de lado, ele fica lá no fundo, esquecido, por perseguirmos durante a vida toda a Riqueza, o Poder, e os Prazeres do nosso EGO…

Pena que muitas vezes só consideramos isso quando estamos para deixar este mundo.

Apesar de tudo, é a única coisa que sempre irá conosco, não importa onde formos, então…

Cultive-o… Fortaleça-o… E acima de tudo Alimente-o!
Dê o verdadeiro sentido à sua vida agora.
JESUS é o único caminho….
É o maior presente que você pode dar a si mesmo.
Está é a hora..



a historia dos lobos

editando aguarde




Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 69.724 outros seguidores